Polícia Civil prende cinco suspeitos por homicídios de moradores de rua em Natal

Equipes de policiais civis da Divisão de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP) de Natal deram cumprimento, na tarde desta quarta-feira (26), a cinco mandados de prisão temporária em desfavor de cinco pessoas. As prisões se deram pela prática de dois crimes de homicídios qualificados, cometidos contra dois moradores de rua.

Foram presos: Francisco Francimário Bezerra, conhecido como “Mário”, 38 anos, Sebastião Luiz do Nascimento, conhecido como “Zinho”, 43 anos, Flávio Marques da Costa, conhecido como “Blade” 35 anos, Juliana Alves da Silva, 26 anos, e Eduardo Ferreira dos Santos, 35 anos. As prisões aconteceram nas imediações do viaduto do Baldo, na zona Leste de Natal, onde os investigados, também moradores de rua, residiam.

Segundo as investigações, o grupo, liderado por “Zinho”, é responsável por homicídios praticados contra outros dois moradores de rua, um ocorrido em novembro de 2017, e outro mais recente, em abril deste ano. No último homicídio, o grupo espancou até a morte a vítima conhecida como “Dunga” e depois atirou o corpo no canal do Baldo, o qual foi encontrado, dias depois do crime, próximo à Ponte Newton Navarro.

Os presos foram conduzidos à delegacia e encaminhados ao sistema prisional, onde ficarão à disposição da Justiça.

A Polícia Civil pede ajuda à população enviando informações de forma anônima, através do Disque Denúncia 181.

Exames de arboviroses em moradores do Tirol confirmam Chikungunya e Dengue

Foto: Ilustrativa

A Subcoordenadoria de Vigilância Epidemiológica (Suvige) da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) recebeu os laudos das amostras dos casos suspeitos de arboviroses, notificados em moradores do bairro Tirol, zona leste de Natal, no último mês de março, quando cerca de 80 pessoas apresentaram sintomas semelhantes.

Os exames haviam sido enviados ao laboratório da Fiocruz, que concluiu que das 24 amostras viáveis analisadas, 23 apresentaram resultado positivo para Chikungunya e 1 para dengue.

Para a subcoordenadora da Suvige, Alessandra Lucchesi, isso reforça a necessidade de intensificação das ações de prevenção à proliferação do mosquito Aedes aegypti. “é importante que a população tome as medidas preventivas, como: receber o agente de combate às endemias em suas residências, cobrir com areia os pratos dos vasos de flores, tampar tonéis e tanques, não deixar água acumulada, lavar semanalmente depósitos de água e colocar o lixo em sacos plásticos, mantendo a lixeira fechada”. A subcoordenadora ressalta que a maioria dos focos do mosquito é encontrada em casas habitadas.

Dados

De acordo com o mais recente boletim das arboviroses no RN, referente ao período da semana epidemiológica 01 a 22, encerrada em 01 de junho de 2019, foram notificados 12.519 casos suspeitos de dengue, sendo confirmados 2.091, o que representa uma incidência de 359,84 casos por 100.000 habitantes.

Em 2018, considerando o mesmo período, foram 15.423 casos notificados e 6.799 confirmados, gerando uma incidência de 443,32 casos por 100.000 habitantes.

Zika Vírus

Com relação ao Zika vírus, da semana epidemiológica 01 a 22 de 2019 foram notificados 150 casos, o que corresponde a uma incidência de 4,31 casos por 100.000 habitantes. No mesmo período de 2018, foram 269 notificações, gerando uma incidência de 7,73 casos por 100.000 habitantes. Em 2019, nenhum caso foi confirmado e em 2018, no mesmo período, houve 33 confirmações.

Chikungunya

Quanto à Chikungunya, em 2019 foram notificados no estado 2.159 casos suspeitos, sendo confirmados 604, representando uma incidência de 62,06 casos por 100.000 habitantes. Em 2018, no mesmo período, foram notificados 1.413 casos, com 383 confirmações, o que significa uma incidência de 40,61 casos por 100.000.

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Morais disse:

    A cidade toda está com muitos casos de doenças causadas pelo arbovirus. Uma verdadeira epidemia e as autoridades num marasmo sem fim. Usa-se propaganda pra tanta coisa, mas cadê uma campanha publicitária que instrua a população, que possa chamá-la para a responsabilidade em relação às reservas de água, aos materiais que podem acumular líquidos, ao lixo que é deixado em terrenos públicos e particulares? Cadê o carro fumacê? Tomara que não gastem a fumaça apenas no Tirol e esqueçam das diversas periferias da cidade.

VÍDEOS: Moradores registram sucessivos arrombamentos em casa na rua Olinto Meira, em Barro Vermelho, e temem que meliantes visem outros imóveis

Os moradores da Rua Olinto Meira, no Barro Vermelho, na Zona Leste de Natal, estão amedrontados com os constantes arrombamentos que vêm acontecendo numa casa que pertence ao Inmetro-Ipem. De acordo com os denunciantes, os meliantes estão levando tudo o que encontram no interior desta residência.

Ao Blog, os denunciantes tem que a facilidade também possa encorajar os meliantes a invadir outras residências. Como prova cabal, segue os vídeos cedidos abaixo, em registros quase que diários.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Laura disse:

    Cadê a segurança??????
    Criticam tanto o governo de Robinson.
    Pelo visto nada mudou!

  2. Paulo Alves disse:

    Excelentíssima Senhora Governadora, Fátima Bezerra, por gentiliza, tome as providencias com relação ao que foi postado no blog em relação ao Ipem, pois já estamos cansados de comunicar o ocorrido, sem que haja providencias das autoridades.

  3. Joao Batista Pereira disse:

    Governadora Fátima Bezerra por gentileza tome as providências cabíveis com relação ao que foi publicado. Os moradores agradece.

  4. Thiago disse:

    Arrombamentos acontecem constantemente nesta área!

    • Karla disse:

      Já foram levados oito central de ar condicionado do ipem, e computadores.

Casa do Estudante em Natal registra apenas um morador em situação regular, entre 39 residentes, e Justiça determina desocupação dos que não preenchem requisitos

O juiz Cícero Martins de Macedo Filho, da 4ª Vara da Fazenda Pública de Natal, deferiu pedido do Ministério Público Estadual para determinar que todos os atuais moradores da Casa do Estudante que não preenchem os requisitos para moradia no local devem desocupar as suas dependências, de forma voluntária, no prazo de 72 horas. Após o prazo, acaso não haja a desocupação voluntária, fica o interventor judicial autorizado a requisitar força policial para a desocupação coercitiva do imóvel.

A unidade está sob intervenção judicial desde outubro de 2018.

O magistrado destaca em sua decisão que “a desocupação coercitiva deve se dar mediante o uso racional e sem violência da força policial, devendo ser adotadas todas as medidas necessárias para evitar conflitos físicos”.

Diante das informações levadas ao processo, o juiz Cícero Martins constata que as ocupações irregulares na Casa do Estudante estão resultando em sério comprometimento para o funcionamento regular da instituição. “Ademais, os ocupantes irregulares não têm nenhum direito de tolher a liberdade dos ocupantes regulares, perturbar-lhes o sossego e os estudos, ocupar o bem público e muito menos praticar atos que, em tese, configuram delitos, nos espaços daquele bem público tombado pelo patrimônio histórico”, afirma o julgador.

Para o juiz, “o que parece estar ocorrendo é que se banalizou a ocupação da Casa do Estudante, em razão do seu abandono ao longo do tempo, invertendo-se sua destinação, comprometendo-se o seu funcionamento e usando-se um bem público para a prática das mais diversas atividades ilícitas por parte de pessoas que não são estudantes. Muitos, sob o falso pretexto de serem estudantes, têm usado o bem público para praticar atos totalmente contrários à destinação da Casa do Estudante, seus Estatutos e regimento interno”.

O magistrado ressalta que tal situação não pode ser admitida, até para que se preserve o direito daqueles que são efetivamente estudantes, notadamente carentes, e precisam do espaço para residir temporariamente e estudar.

Pedido

O Ministério Público argumenta que o interventor nomeado pela Justiça expediu notificações de despejo para diversos moradores da entidade em razão de não preencherem os requisitos para permanecerem residindo na Casa do Estudante e que, no entanto, eles recusam-se a sair.

De acordo com o MP, vários dos atuais moradores não são estudantes ou não comprovaram a condição de estudantes; outros já ultrapassaram a idade limite para permanência na Casa (máximo de 25 anos); outros apresentaram comprovante de renda extrapolando o limite definido no Regimento Interno da instituição; outros possuem bens como veículos e motos (um deles possui cinco veículos registrados no Detran); e outros criaram confusão chegando às vias de fato com outros moradores, o que levou o interventor a registrar boletins de ocorrência em Delegacia de Polícia.

Problemas

Relatório apresentado em dezembro de 2018 pelo interventor judicial registra a permanência de 39 supostos moradores na Casa do Estudante, sendo apenas sete dentro da faixa etária permitida pelo regimento, e destes apenas um era aluno regular e cumpria todos os requisitos para se manter na Casa. O interventor aponta o caso de um morador com 46 anos de idade e sem ser estudante.

Também é relatado depredações no prédio da Casa do Estudante – que pertence ao patrimônio do Estado do RN e é tombado – o que motivou a abertura de Inquérito Policial na Delegacia de Defesa do Patrimônio Público – Inquérito nº 006/2019. O interventor relato o furto de uma câmara frigorífica e a lavratura de cinco boletins de ocorrência por danos ao prédio, desacato à autoridade do interventor e outros motivos.

No Ofício nº 51/2019-CERGN, o interventor informa que alguns moradores irregulares se envolveram em atos de desordem, roubos, vandalismos e outros, que comprometem a administração do interventor, além do que a permanência dessas pessoas é irregular, seja pelo Regimento Interno, seja pelo Estatuto da Casa, gerando problemas no dia a dia do funcionamento da instituição, e ocasionando problemas e constrangimentos para aqueles que efetivamente estão regulares e precisa da Casa e de suas instalações.

Além disso, a Casa do Estudante se encontrava completamente irregular perante a Receita Federal (CNPJ), Corpo de Bombeiros (instalações), com débitos junto à Caern e Cosern.

TJRN

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Pardal disse:

    Triste fim da nossa CERN…

  2. Andinho disse:

    Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk bem que o Juiz poderia ter explicado como é que se faz "desocupação coercitiva" evitando "conflitos físicos ", neste caso não seria mais prudente enviar assistentes sociais do que a Polícia, ora a Polícia é treinada para atuar justamente em situações aonde ninguém mais conseguiu resolver e se faz necessário o conflito físico.

  3. Sérgio Nogueira disse:

    Esse mundo onde habitam as decisões judiciais deve mesmo ser maravilhoso.
    Então é para desocupar “… mediante o uso racional e sem violência da força policial, devendo ser adotadas todas as medidas necessárias para evitar conflitos físicos”.
    Ok. Não paira qualquer dúvida que esse, independente do aviso, sempre foi e será a intenção da PM.
    Mas que tal o Juiz combinar com os invasores para que assim que forem cientificados saiam sem resistência?

Mistério assombra moradores de comunidade na zona rural de Ipanguaçu-RN

Reprodução

O Blog Focoelho, destaca nesta segunda-feira(04) relatos de moradores do sitio Língua de Vaca, comunidade localizada na zona rural da cidade de Ipanguaçu, na região Oeste potiguar, distante 215 km de Natal.  Eles contam que pedras estão sendo jogadas nos telhados das residências e até mesmo nas pessoas.

De acordo com o site interiorano, alguns moradores já deixaram suas casas, pois já não aguentam mais. O mistério é grande, não se sabe de onde vem e nem quem estaria jogando as pedras.

Segundo o Focoelho, a polícia de Assu, Itajá e Ipanguaçu já foram acionadas e mesmo na presença dos policiais as pedras continuam sendo arremessadas.

“Deve ser coisa de outro mundo, só pode ser, ninguém sabe de onde vem essas pedras, de dia e a noite é a mesma situação” disse um morador.

A polícia já realizou diligências a vários dias na região, mas, até o momento, o mistério continua assombrando os moradores.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. ai dento! disse:

    ou é o romãozinho ou é alguem escondido na serra.

  2. Jucy disse:

    Isso acontece quando existe bruxas , e quando elas quebram regras tudo em sua volta é apedrejado até que dia moradia seja destruída.

  3. Ana Sadovik disse:

    É alguém querendo as terras bem baratinho 🤪

  4. José Xavier da Câmara Neto. disse:

    Isso pode ser um caso clássico de parapsicologia. Se as pedras aparecem no ar e se entram nas casas sem quebrar o telhado, tem alguém doente no local que está provocando esse fenômeno. Precisa ser identificado e tratado.

  5. CELIA disse:

    Concordo com a Juliana!
    Isso acontece em vários lugares do mundo… e não tem nada haver com o nosso querido presidente Bolsonaro, sua idiota esquerdista!
    Vc tbm é do mal?!
    Vcs devem fazer orações em família p expulsar esses espíritos malignos… só assim vcs terão tranquilidade e paz!
    O maligno está rondando todas as pessoas do mundo p levá-la com ele! Precisamos orar muiiiito e sempre…
    Que Deus nos proteja do mal!

  6. Elizeu disse:

    Já tive um problema assim em colorado do oeste rondonia era um funcionário que trabalhava pra mim não sei como ele consegui fase isso mas jogava pedra em todos os funcionário era garimpo de ouro só lembro o apelido dele era gavião e não mexia um dedo

  7. João Lucas disse:

    Descobriram, era ums meninos traquinando kkkk

  8. Ivaniel disse:

    Pedras de assombração não machuca ninguém, nem são vistas, apenas o barulho. Penso que é alguém vivo.

  9. SLuiz disse:

    Isso já aconteceu em um povoado perto de caiçara do rio dos ventos. No povoado por nome de RIO NOVO. lá acontecia isso e ninguém nunca descobriu. Existia um ditado que todo mundo dizia quando via algo estranho que dizia assim: SÓ PODE SER O CÃO DO RIO NOVO. rsrsrs

  10. Luzinete R . Moura disse:

    Acontecia na minha casa que morava em Alto do Rodrigues,a onde eu morava,era em Ponciana, hoje moro Río de Janeiro, estou na época eu tenha 11 a 12 anos, meu pai foi atingido por uma quase ,perde os movimentos das pernas, graça a Deus ele ficou bom, com Oraçãos ,acocelho fazer Oraçãos, si reúne vão pra rezar mais só Deus pra para tudo isso, boa sorte para todos,eu vou ficar a entecedendo grande abraço, Deus abençoe.

  11. Jairo disse:

    Aqui no Piauí também tá assim, quanto mais procuramos, mais pedras são jogadas, um drone foi abatido procurando por pistas.

  12. raissa disse:

    e apenas os ze droguinha querendo chamar atençao monha gente !

  13. Isso significa que em tais locais existe alguma pessoa que tem mediunidade. Encontrem essa pessoa, a afaste do local e o problema desaparece.

  14. Humilde Iconoclasta disse:

    Avisem a quem está jogando pedras que Lula ainda está preso, babacas

  15. Taylon disse:

    Kkkkkkkk….só observando,tem comentários pra tudo.

  16. Igor disse:

    aconteceu a mesma coisa no Rio grande do sul! Pesquisem no Google, são assombrações.

  17. Angélica Dantas disse:

    Só pode ser os eleitores de Bolsonaro que enlouqueceram mesmo antes dele por em prática seus tiranos projetos.
    Mas ele avisou TUDO. NÃO ENGANOU NINGUÉM.
    AGORA É PRÁ ENDOIDAR MESMO.

  18. Fábio Júnior disse:

    Você recebeu

  19. Fábio Júnior disse:

    Boa noite amigo,sou Fábio ex morador do povoado de PATAXÓ,amigo isso também aconteceu lá em pataxó,eu tinha de 13 a 14 anos de idade,hoje Tou com 38 e ainda não sei e nem ninguém sabe o que acontecia ale,vai lá e pergunta a TITICO DE AGUSTIM,ele vai falar o que eu sou te falando.

    • Thayara disse:

      Minha avó era de lá, ela dizia q isso acontecia na casa de algum parente dela.

  20. Maria disse:

    A alguns anos atrás aconteceu,isso na cidade de parnamirim no centro da cidade mais nunca descobriram quem jogava as pedras .vinham de toda direção até paralelepípedos eram arremessado nos telhados começava sempre a tardinha mais ou menos as 17h nem polícia nem vigias conseguiram descobrir.

  21. Junior disse:

    TEM QUE FAZER UMA RONDA OSTENSIVA TEM ALGUEM ATIRANDO PEDRA COM BALADEIRA ELA JOGA LONGE ESSA PESSOA TEM UMA BOA MIRA

  22. J. Fco. Praxedes. disse:

    Um episódio muito parecido com esses fatos inconvenientes aconteceu em meados da década de 60 no sítio Milagre que fica a 11 km da cidade de Campo Grande-RN. São ações aparentemente provocadas por espíritos inconvenientes que só podem ser expulsos em o nome de Jesus Cristo. Segundo alguém que testemunhou os acontecimentos que, por sua vez, eram de hábitos noturnos, afirmou que tais entidades indesejáveis voltariam algum tempo depois.

    • Juliana disse:

      Concordo, são Espíritos malignos,Zombeteiros,sugiro que façam orações para exorcizar essas entidades perturbadas ou entrem em contato com os centros espíritas eles sabem orientar nesses casos.

  23. Inácio disse:

    Um drone desvenda este mistério.

  24. Inácio disse:

    Nada que um drone não consiga revelar

  25. Malíria disse:

    Vai ver que é alguém querendo dizer que essa cidade está dominada pelo mau. Lembram dos rituais malignos que ocorreram nessa cidade há décadas?

  26. Luis Antônio disse:

    Aqui em.são Gonçalo do Amarante em uma de suas localidades há anos atrás também teve um fenómeno desses e repercutiu a empresa veio até o local e depois de algum tempo descobriram que era um cabra safado que não tinha o que fazer e ficava jogando pedras nas casas. É bom observa acho que aí vai ser a mesma coisa!

  27. João Carlos disse:

    Infelizmente Padre Quevedo está morto. Tivesse vivo resolveria fácil, fácil.

  28. Pedro disse:

    Fantasma

  29. Adriano disse:

    A equipe do csi tá a caminho já.

  30. Franco Sued disse:

    Já vi muito disso. Na minha cidade esse fenômeno era chamado de "Romãozinho" e não raro ocorria, infernizando durante dias os moradores de uma casa.
    As pedras só caíam sobre aquela casa. Nenhuma outra era afetada.
    Além das pedras também aconteciam umas coisas estranhas dentro da casa. Nem padre dava jeito.
    Depois, do mesmo jeito que havia começado, cessava e não acontecia mais.

    • Arilena disse:

      É isso mesmo, " Romãozinho".
      E só sai com orações diárias, do terço.

  31. Irrailson disse:

    Aki em Paraú já aconteceu a mesma coisa, os moradores mesmos descobriram q era um "caba safado" q n era da cidade, e ouvi falar q ele tinha ido morar pás bandas daí 😁😁😁😁

  32. Lenivaldo disse:

    E pura palhaçada pra chamar a atenção dos otários

  33. Moisés Magno disse:

    Que faluta faz Pr. Quevedo 😢

  34. Toto disse:

    E Pessoal do PT. Que Não se conforma com a derrota.

    • Clóvis disse:

      Toma na cabeça tonto, seu governo de bandidos escraxando o país mundo afora, é a sua cara! Lixo!

    • Bolsonaro171 disse:

      Se fosse laranjas, seria coisa do Flavinho.

  35. Leonardo disse:

    Fulozinha, caipora esse tipo de coisa.

  36. Tais disse:

    Alguém que tem interesse de tirar eles das terras . Com uma funda é um canto escondidinho e uma boa mira

    • Desmascarado disse:

      Puxa, se não fosse Scooby e esses garotos abelhudos meu plano teria dado certo!

  37. Júnior disse:

    Algum cabra safado está atirando pedras de longe ,precisam procurar melhor ,já vi algo parecido no Interior de São Paulo e no final era uma turma tirando o sarro dos moradores…

  38. JOÃO disse:

    Granizo ou Atividade Vulcânica!!!
    Ou….obra do Além!
    Mas fico com as primeiras opções!

  39. Uthred Bebaburg disse:

    Não é granizo não?

    • Elbeju disse:

      Granizo?
      Meu amigo, nesse povoado o sol é brabo viu.
      Como pode ser granizo?

Bandidos explodem caixa de banco no interior do RN; moradores, reféns, são usados como ‘barreira’

Bandidos explodiram um caixa do Bradesco na madrugada desta quinta-feira (3), por volta de 2h, na cidade de Parazinho, distante 116 quilômetros de Natal. De acordo com a PM, a quadrilha rendeu um grupo de aproximadamente 15 pessoas. Na ocasião, os “reféns” foram obrigados a ficarem na rua para impedir a passagem de carros.

Durante a ação criminosa, foram ouvidos diversos disparos de armas de fogo, além das explosões no caixa, localizado no centro do município. Da agência arrombada ainda não se tem informação se o dinheiro foi levado. Os bandidos fugiram com destino ignorado.

 

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. De olho disse:

    Esse é governo da segurança imagine se for reeleito

  2. Everton Calixto disse:

    A cidade de Parazinho/RN, agora está sem serviço bancário.

ÚLTIMOS DIAS: Prazo para cadastramento dos moradores do entorno da Arena das Dunas vai até 30 de maio

A Prefeitura do Natal, por meio da Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (Semob), informa que ampliou o prazo para o cadastramento dos veículos dos moradores do entorno da Arena das Dunas até o dia 30 deste mês.

Segundo Aurino Borges, Diretor do Departamento de Educação para o Trânsito da Semob, o cadastramento agora será exclusivamente na Central do Usuário. “Os pontos de cadastramento na InterTV Cabugi, Sebrae e Panificadora Hora do Pão encerraram o cadastramento no domingo (25).

O cadastramento é necessário para que os moradores do entorno da Arena das Dunas possam ter acesso nos dias de jogos. Cada veículo receberá um selo inviolável que será exigido nos Pontos de Verificação de Veículos (PVV’s) para que os motoristas tenham acesso à área de segurança.

Para efetuar o credenciamento, o proprietário deverá apresentar o original e a cópia dos seguintes documentos: Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo (CRLV), Carteira Nacional de Habilitação (CNH), documento pessoal com filiação (nome da mãe) e comprovante de endereço atualizado (conta de água, luz ou telefone). O veículo credenciado terá uma identificação afixada para facilitar o acesso do morador às áreas restritas.

Além dos dados dos veículos, os proprietários precisam informar a quantidade de vagas disponíveis na garagem. A Semob esclarece ainda que não será permitido estacionar veículo na via pública. Quem desobedecer à regra terá o veículo guinchado.

Confira as vias que terão moradores credenciados:

Rua Moraes Navarro – trecho entre Av. Miguel Castro e Av. Lima e Silva
Av. Romualdo Galvão – Trecho entre Av. Miguel Castro à Av. Lima e Silva
Av. Prudente de Morais – Trecho entre Av. Miguel Castro à Rua Raimundo Chaves
Av. Salgado Filho – Trecho entre as Marginas, Av. Lima e Silva até altura do Túnel do Campus Universitário
Rua Marcílio Furtado – Trecho entre Av. Miguel Castro e Av. Lima e Silva
Rua Angicos – Trecho entre a Rua São José e Av. Prudente de Morais
Rua Carnaúba dos Dantas – Trecho entre a Rua São José e Av. Prudente de Morais
Rua Montanhas – Trecho entre a Rua São José e Av. Prudente de Morais
Rua Dr. Paulo Pinto Abreu – Trecho entre a Rua São José e Av. Prudente de Morais
Rua Rodolfo Garcia – Trecho entre a Rua São José e Rua Clóvis Mota
Rua Francisco Maia Sobrinho – Trecho entre a Rua São José e Clóvis Mota
Rua Padre João Damasceno – Trecho entre a Av. Salgado Filho e Av. Romualdo Galvão
Rua Moraes Navarro – Trecho entre Av. Miguel Castro e Av. Lima e Silva
Rua Francisco Borges de Oliveira – Trecho entre a Rua São José e Av. Prudente de Morais

Reintegração de posse de 40 casas no RN termina em confronto entre moradores e PM; feridos são registrados

Segundo reportagem do portal G1-RN, na manhã desta sexta-feira (13), por volta de 10h, policiais militares e moradores de São Pedro, município distante 50 quilômetros de Natal, entraram em confronto durante o cumprimento de uma ordem de reintegração de posse. Na ocasião, os populares “bateram o pé”, resistiram à derrubada de 40 casas construídas em um terreno da prefeitura, obrigando a polícia ao uso de spray de pimenta e disparos de balas de borracha.

Em decorrência dos ânimos exaltados, alguns dos moradores foram atingidos e ficaram machucados com os disparos. Na sequência, a PM recuou e optou pela suspensão da operação. Como justificativa, o comando da PM afirma que o revide foi necessário por consequência do ataque da população, que teria arremessado pedras.

Ainda segundo a matéria, populares ainda disseram que foram efetuados disparos de arma de fogo, inclusive, cápsulas teriam sido encontrados no local. Os moradores também disseram que o spray de pimenta acabou atingindo várias mulheres e crianças.

Na operação foram encaminhados 15 policiais militares e dois oficiais de justiça. Após o conflito e suspensão do uso da força, os moradores do local realizaram um protesto em frente a prefeitura local.

Moradores da Zona Sul participam de audiência pública sobre licitação dos transportes públicos

17698A Prefeitura do Natal, por meio da Secretaria de Mobilidade Urbana e da Procuradoria Geral do Município, realizou na manhã desta sexta-feira (27) a segunda audiência pública sobre a lei autorizativa para o processo de licitação do Sistema de Transporte Urbano de Passageiros do Município, para os moradores da Zona Sul.

O evento aconteceu no auditório do Sistema Sest/Senat (Serviço Social do Transporte), na avenida Omar O’Grady, S/N, bairro Pitimbu e contou com a participação de lideranças comunitárias, entidades sindicais, os vereadores Aroldo Alves, George Câmara e Hugo Manso, representação do Ministério Público e da vice-prefeita, Vilma Maria de Faria.

“O objetivo é dar transparência e fixar procedimentos capazes de efetivar melhor o processo de licitação dos transportes coletivos da cidade”, destaca a titular da Semob, Elequicina Santos.

Para a secretaria de Mobilidade Urbana, “o momento propicia o esclarecimento de dúvidas com obtenção de informações, dados, sugestões e propostas acerca da referida lei que dispõe sobre a organização dos serviços públicos de transportes coletivos de passageiros”.

O procurador geral do Município, Carlos Castim, explicou que o projeto de lei complementar, a ser encaminhado à Câmara Municipal de Natal (CMN), não é definitivo. “É o ponto de partida que irá comportar modificações em detrimento das sugestões reveladas durante as quatro audiências públicas e poderá, ainda, ser modificada em função da sua apreciação na câmara de vereadores”.

Segundo Castim, a Lei Autorizativa vai além de um processo licitatório, vez que é por meio dela que serão definidas as regras e condições que vão constar no Edital de Licitação. “Estamos construindo uma lei não para o presente e sim voltada para o futuro. A gente tem que pensar Natal como ela se projeta dentro do seu crescimento urbano para os próximos anos”, pontuou o procurador geral do Município.

As contribuições geradas durante as quatro audiências públicas serão encaminhadas a CMN para discussão e após a aprovação da lei, a Prefeitura do Natal formatará o Edital para o Processo de Licitação dos Transportes Públicos no município.

As próximas audiências com representações e lideranças comunitárias, acontecerão nos seguintes locais: Dia 30/09 – Região Leste – Auditório do Serviço Social do Comércio (SESC), Rua Coronel Bezerra, 33 – bairro Cidade Alta, das 8h às 13h; e Dia 02/10 – Região Norte – Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do RN (IFRN/zona Norte), Rua Brusque, 2926 – conjunto Santa Catarina, bairro Potengi, das 8h às 13h.

Moradores da zona Oeste participam de Audiência Pública sobre licitação dos transportes coletivos

17678Foto: Alex Régis

Em audiência pública, no Centro Municipal de Referência em Educação Aluizio Alves (Cemure), a Prefeitura do Natal iniciou as discussões sobre a Lei Autorizativa para Licitação do Sistema de Transporte Urbano de Passageiros do Município de Natal. O evento foi realizado na manhã desta quarta-feira (25) pela Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (Semob) e Procuradoria Geral do Município (PGM) e contou com a participação de representantes da prefeitura e das comunidades que integram a zona Oeste da capital potiguar.

Essas audiências públicas serão realizadas também nas zonas Sul (27/09), Leste (30/09) e Norte (02/10) com livre acesso a qualquer pessoa que queira participar. O objetivo da Prefeitura do Natal é dar transparência e fixar procedimentos capazes de efetivar melhor o processo de licitação dos transportes coletivos da cidade. O momento propicia o esclarecimento de dúvidas com obtenção de informações, dados, sugestões e propostas acerca da referida lei que dispõe sobre a organização dos serviços públicos de transportes coletivos de passageiros.

Na ocasião, o procurador do município, Carlos Castim, informou que o projeto de lei complementar, a ser encaminhado à Câmara Municipal de Natal (CMN), não é definitivo. “É o ponto de partida que irá comportar modificações em detrimento das sugestões reveladas durante as quatro audiências públicas e poderá, ainda, ser modificada em função da sua apreciação na câmara de vereadores”.

Segundo ele, a Lei Autorizativa vai além de um processo licitatório, vez que é através dela que serão definidas as regras e condições que vão constar no Edital de Licitação. “Estamos construindo uma lei não para o presente e sim voltada para o futuro. A gente tem que pensar Natal como ela se projeta dentro do seu crescimento urbano para os próximos anos”, salientou Carlos Castim.

“A gente considera um momento histórico porque essa é a primeira vez que está sendo feita uma licitação para transporte público de passageiros. É mais uma página sendo escrita com transparência, democracia e participação popular”, disse a secretária da Semob, Elequicina Santos. De acordo com ela, as contribuições geradas durante as quatro audiências públicas serão encaminhadas a CMN para discussão e se a lei for autorizada, a prefeitura parte para a confecção do Edital.

Elequicina Santos esclareceu, ainda, que o Edital de Licitação será objeto de outras audiências públicas junto às comunidades das quatro zonas da cidade. “Será nessas audiências que vamos definir a nova rede de transportes coletivos de Natal e a partir daí será seguido o processo licitatório”.

Calendário das audiências públicas

Dia 27/09 – Região Sul – Sistema Sest/Senat (Serviço Social do Transporte) – Avenida Omar O’Grady, S/N, bairro Pitimbu, das 9h às 13h; Dia 30/09 – Região Leste – Auditório do Serviço Social do Comércio (SESC), Rua Coronel Bezerra, 33 – bairro Cidade Alta, das 9h às 13h; e Dia 02/10 – Região Norte – Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do RN (IFRN/zona Norte), Rua Brusque, 2926 – conjunto Santa Catarina, bairro Potengi, das 9h às 13H.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Urbano disse:

    Gostaria de saber porque esse cidadão nao utiliza mais o sobrenome da outra gestão: CASTIM

Moradores da ZN decidem não esperar mais e fazem operação tapa-buracos

Cansados de esperar por medidas da Prefeitura do Natal, moradores dos cruzamentos das ruas João Rodrigues com a Santa Luzia, na Zona Norte, arregaçaram as mangas e fizeram eles mesmos uma operação tapa buracos.

O buraco completaria dois anos nos próximos dias. O fluxo de veículos no trecho, segundo os moradores, tornou a coisa ainda mais crítica. Eles relatam que há outro 40 buracos existentes apenas na Rua Santa Luzia.

A operação tapa-buracos continua no próximo fim de semana. As fotos e as informações são do blog de Wendell Jefferson.

 

Feira na Cidade da Esperança é um Caos. "Tem drogas, assaltos e sujeira"

Tribuna do Norte:
Um dia após a explosão de um botijão de gás ter ferido cerca de 20 pessoas na feira de Cidade da Esperança, moradores do bairro reclamam dos transtornos causados pelo comércio no local. Segundo eles, além do perigo de acidentes, a feira livre localizada na Rua Perimetral Leste também ocasiona o aumento da sujeira e insegurança na área.

(mais…)

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Euber De Lima Oliveira disse:

    Moro bem próximo e isso que é citado ai é coisa do cotidiano ja se tornou banal, nenhum fato citado ai de irregular é ligado ao "mercado popular" a senhora que relatou isso deve ter se equivocado pois o trafico de drogas assaltos e a sujeira é até pior quando não é dia de feira . se duvida vá a estação de trem aqui da esperança em dia de semana as 19:00hr !
    Se você não for assaltado tirou na loteria!