VÍDEO: Bairro de Mãe Luíza registra ação policial com grande efetivo e troca de tiros com bandidos

Uma ação policial foi registrada no fim da manhã e início de tarde desta segunda-feira(16), no bairro de Mãe Luiza, na Zona Leste de Natal. Na ocasião, presenciou-se tiroteio e um grande efetivo policial adentrando a comunidade.

A operação policial, conforme imagens, ainda teve o suporte com monitoramento aéreo através de helicóptero. Até o momento não se tem detalhe da ação policial. Todas as informações a qualquer momento.

PM apreende drogas, munições e dinheiro em Mãe Luíza

FOTO: PM/ASSECOM

Nessa terça-feira (07), policiais militares da Força Tática do 1° Batalhão (FT1) apreenderam drogas, munições e dinheiro no Bairro de Mãe Luíza, Zona Leste de Natal.

Após denúncia, via COPOM, de que um indivíduo estaria amarrado e seria julgado por uma facção criminosa que atua no bairro, as viatura foram ao local. A pessoa do possível julgamento não foi localizada, porém um suspeito de tornozeleira eletrônica tentou empreender fuga ao avistar as equipes táticas, mas foi detido.

O infrator trata-se de Itembergue de Oliveira, 29 anos, vulgo “Zeca”, que foi detido bem próximo a sua residência. Na casa foram apreendidas cerca de 20 gramas de crack, balança de precisão, R$ 550,00 em dinheiro fracionado, uma munição de calibre .40, uma munição de calibre .762, três estojos de calibre .38, um rádio comunicador “HT” com base carregadora, lâmina e vários sacos plásticos, usados costumeiramente para fracionamento de drogas.

Diante do fato delituoso, o suspeito e todo o material ilícito foi conduzido à Central de Flagrantes para procedimentos cabíveis.

Justiça determina perícia em muro de contenção em Mãe Luíza

O juiz Bruno Montenegro Ribeiro Dantas, da 3ª Vara da Fazenda Pública de Natal, determinou a realização de perícia no muro de arrimo localizado nas imediações da Rua Atalaia com a Rua Camaragibe, no bairro de Mãe Luíza, com o objetivo de vistoriar a referida área, indicando as medidas necessárias para controle/eliminação do risco, com vistas a garantir a habitabilidade dos imóveis localizados na região. A decisão atende a pedido liminar feito pela Defensoria Pública Estadual e pelo Ministério Público Estadual, no âmbito de uma Ação Civil Pública.

O magistrado determinou ainda ao Município de Natal que apresente todos os laudos de vistoria realizados pela Defesa Civil municipal, nos imóveis localizados nas Ruas Camaragibe e Atalaia, no período de 2014 a 2019.

O Município deverá também efetuar o levantamento de todos os moradores residentes nessa área, cujos imóveis tenham sido ou venham a ser interditados pela Defesa Civil, devendo ser concedido o benefício de auxílio-moradia a esses moradores, no valor mensal de um salário-mínimo, até que seja solucionada a situação de risco.

O caso

A Defensoria e o MP alegaram que passado longo período de tempo após o deslizamento de terra nos bairros de Mãe Luíza e Areia Preta (ocorrido em junho de 2014) foi constatado, por meio de análises técnicas, que as medidas adotadas pelo Município não foram suficientes para afastar a situação de risco a qual estão submetidos os moradores da região, considerando que persistem os problemas relacionados à poluição ambiental e à precariedade de parte do sistema de drenagem e esgotamento sanitário.

Os autores alegaram ainda que, dentre as áreas de risco identificadas e mapeadas, encontra-se o muro de arrimo, localizado nas imediações da Rua Atalaia com a Rua Camaragibe, no Bairro de Mãe Luíza, cuja instabilidade da construção motivou a interdição de um total de 18 residências, em fevereiro de 2019, por parte da Defesa Civil do Município.

Decisão

Ao analisar o pedido de concessão de liminar, o juiz Bruno Montenegro verificou que a situação de risco/vulnerabilidade dos referidos imóveis já foi constatada em diversas inspeções realizadas pela Defesa Civil Municipal, culminando inclusive com a sua interdição.

“Não obstante esse aspecto, o Município de Natal vem se furtando em adotar as providências cabíveis para averiguar a real extensão dos danos causados aos imóveis que se encontram em situação de risco, em face do comprometimento da estrutura do muro de arrimo, o qual lhes garante sustentação; bem como vem retardando a conclusão dos processos administrativos referentes à concessão de auxílio-moradia para esses moradores”, aponta o magistrado.

Bruno Montenegro entendeu que situação de irregularidade e vulnerabilidade dos imóveis permanece inalterada e que o risco e a gravidade dessa situação só aumentam com o transcorrer do tempo e com a perspectiva de incidência de altos volumes de chuvas.

“Diante desses elementos probatórios, resta demonstrada a grave situação de risco que envolve os imóveis amparados pelo muro de arrimo que se encontra com sua estrutura comprometida, o que implica em invariável risco, atual ou iminente, de desabamento dos imóveis, panorama que pode ocasionar danos incomensuráveis à população, caso não sejam adotadas as medidas necessárias e concedidos benefícios que permitam a realocação temporária das famílias respectivas”.

(Processo nº 0811298-92.2019.8.20.5001)

 

Perícia judicial deverá analisar situação de muro de contenção em Mãe Luíza

Pedidos da ação conjunta ajuizada pelo MPRN e pela Defensoria Pública do Estado foi acatada pela Justiça; decisão determina que a Prefeitura de Natal pague auxílio-moradia às famílias

Fotos: Via site MPRN

A situação de risco de um muro de contenção localizado no bairro de Mãe Luíza, em Natal, deverá ser analisada por uma perícia judicial. A obrigatoriedade foi estabelecida pela Justiça potiguar em Ação Civil Pública conjunta do Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) e da Defensoria Pública do Estado (DPE/RN). A decisão determina ainda que a Prefeitura de Natal pague auxílio-moradia às famílias residentes na área cujas residências foram interditadas pela Defesa Civil.

A ação aponta que foi constatado, por meio de análises técnicas, uma situação de risco em uma área localizada entre a Rua Atalaia com a Rua Camaragibe, no bairro de Mãe Luíza. No local, fica instalado um muro de contenção com possível risco de desabamento. Só no mês de fevereiro deste ano, 18 residências localizadas na área foram interditadas após uma vistoria da Defesa Civil municipal.

A decisão em caráter de tutela provisória de urgência nomeia um profissional do Conselho de Arquitetura de Urbanismo (CAU) que ficará responsável pela perícia no local e por indicar as medidas necessárias para controle/eliminação do risco. De acordo com processo, foi verificado que as medidas adotadas pela Prefeitura não têm sido suficientes para sanar o problema.

A Prefeitura de Natal terá que apresentar os laudos de vistorias realizadas na área pela Defesa Civil entre os anos de 2014 e 2019. O Município deverá ainda apresentar um levantamento de todos os moradores residentes nessa área, cujos imóveis tenham sido ou venham a ser interditados pela Defesa Civil, devendo ser concedido o benefício de auxílio-moradia, no valor mensal de um salário mínimo, até que seja solucionada a situação de risco.

MPRN, com informações da Assessoria de Comunicação da Defensoria Pública do Estado

Um bandido morre e outros dois são presos após troca de tiros com PMs em Mãe Luíza

Bandidos trocaram tiros com a Polícia Militar na tarde desta terça-feira(02), no bairro de Mãe Luíza, na Zona Leste de Natal, e acabaram em maus lençóis. No saldo, um deles foi morto e outros dois acabaram presos. Informações preliminares dão conta que quatro homens armados e em um veículo roubado não obedeceram a ordem de parada de policiais no alto do morro, o que resultou no confronto.

Segundo a Polícia, enquanto um bandido conseguiu fugiu, dois foram presos, e um terceiro, que havia conseguido empreender fuga, não resistiu durante pedido de socorro no pronto-socorro Clóvis Sarinho.

Policiais civis e militares realizam operação de combate à criminalidade em Mãe Luíza

Mandados de busca e apreensão estão sendo cumpridos desde o início da manhã desta sexta-feira(10) no bairro de Mãe Luíza, na Zona Leste de Natal, em ação batizada por policiais civis e militares como ‘Faros’.

Segundo a Polícia, o helicóptero Potiguar 01, aeronave da Secretaria de Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed), participa das ações.

Informações dão conta de pelo menos um homem detido. A ação também resultou em apreensões de drogas, uma balança de precisão, dinheiro, um colete à prova de balas, um rádio comunicador e uma motocicleta.

Mais informações ao decorrer do dia.

Operação da PM em Mãe Luíza resulta em prisões e drogas apreendidas

Uma operação da Polícia Militar de combate a criminalidade no início da manhã desta terça-feira(17) no bairro de Mãe Luíza, na Zona Leste de Natal, resultou na apreensão de drogas e ainda cinco detidos.

Os detidos, três homens e duas mulheres foram encaminhados para a Central de Flagrantes da Polícia Civil.

FOTO: Força Tática do 1º Batalhão apreende drogas e detém criminosos em Mãe Luíza

Nessa quinta-feira (14), policiais militares da Força Tática do 1º Batalhão apreenderam drogas e detiveram dois indivíduos no bairro de Mãe Luíza, zona Leste de Natal.

Após denúncia anônima de que na Rua Antônio Félix haveria comercialização de drogas e entorpecentes, equipes do tático foram ao local e constataram a veracidade das informações. Com Ivanilson Rodrigues de Medeiros, 38 anos, vulgo “Serra”, foi encontrado cocaína, maconha, uma balança de precisão, sacos usados para o fracionamento da droga, R$ 370,00 reais entre cédulas e moedas; uma munição calibre 38, dois relógios, três colares, um anel, dentre outros.

As equipes continuaram realizando abordagens na área, e na Rua São Paulo foi capturado Antônio Wesley Silva do Nascimento, 22 anos, o qual em seu desfavor havia um mandado de prisão em aberto.

Diante dos fatos delituosos e dívida com a justiça criminal, acusados e material ilícito foram conduzidos às Delegacias responsáveis.

Vigilante é baleado em Mãe Luíza

Mais uma ação de criminosos foi registrado em Natal nesta quinta-feira(19). Um vigilante foi baleado no bairro de Mãe Luíza, zona Leste de Natal. Segundo a Polícia Militar, homens passaram em uma motocicleta e atiraram contra o segurança, que fazia a guarda de uma farmácia.

Segundo a PM, o crime aconteceu na Avenida João XXIII. O vigilante está sendo socorrido no Posto de Saúde do bairro neste momento. Não se tem informação da gravidade da vítima.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. edivaldo disse:

    Só Deus pra nos proteger

  2. ruibabrantes Gaspar pardal disse:

    só resolve com o mão branca. fora disso não tem jeito os bandidos fixam gargalhada.

Homem é preso por construção irregular de lombadas em Brasília Teimosa

A equipe da 2ª Delegacia de Polícia foi verificar, na manhã desta segunda-feira (07), a existência de três lombadas de rua construídas por traficantes no bairro de Brasília Teimosa, na Zona Leste de Natal. Durante a verificação, os policiais prenderam Bruno Leandro de Souza Silva pelo crime de tráfico de drogas.

Em sua residência, que fica a 5 metros de uma das lombadas, foram encontradas 12 pedras de crack, somadas a mais 200 gramas, além de R$ 405,00 reais em espécie. Bruno é suspeito de integrar grupo que construía lombadas irregulares de rua no bairro.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Junior pinheiro disse:

    E ELE FOI PRESO POR CAUSA DAS LOMBADAS OU POR CAUSA DAS DROGAS,???? QUE MANCHETE DIFERENTE BICHO!!!!!!

  2. Fel disse:

    Alysson, a "lombada" que você citou é diferenciada das comuns observadas nas ruas de Natal pois atendem aos parâmetros de acessibilidade a portadores de deficiência. Pode-se encontrar similares nas vias externas e internas do Campus da UFRN.

  3. Alyson disse:

    Bom não quero criar caso mas tem uma por trás do camarões em Ponta Negra que não acredito que esteja nos padrões. Mas enfim não temos fiscalização mesmo.

  4. Daniel disse:

    Notícia linda! Se fosse prender os ANIMAIS que constróem esses dejetos na via pública, causando transtornos e acidentes, faltaria cadeia.

  5. Alex disse:

    Na rodovia estadual que liga caiana a muriu/maxaranguape os vagals do MST criaram umas 5 lombadas. E aí?

Policiais do Ronda Cidadã distribuem presentes para crianças em Mãe Luiza

Policiais do 1º Batalhão de Polícia Militar (1º BPM) que atuam no Ronda Cidadã da Área Integrada de Segurança Pública 4 (AISP 4) fizeram o Natal mais feliz para dezenas de crianças da Escola Estadual Professor Severino Bezerra, no Bairro de Mãe Luiza, na zona Leste da capital potiguar.

Aproximadamente 60 crianças receberam presentes do Papai Noel e dos policiais por meio da campanha de Natal dos Correios, onde as cartinhas foram adotadas pela Secretaria de Segurança Pública do Estado. Entre os presentes estavam bicicletas, bolas, bonecas, material escolar, caixas de bombons, entre outros.

Militares do Corpo de Bombeiros também participaram da ação, colaborando com a arrecadação e distribuição dos presentes.

IM parabeniza os arquitetos pela obra da escadaria e rampa de Areia Preta

IMG_3316Os arquitetos Alexandre Abreu e Luciano Barros, autores do projeto da nova escadaria e rampas de acesso que ligam o bairro de Mãe Luiza à avenida Sylvio Pedroza, em Areia Preta, tem sido bastante cumprimentados pela obra, entregue à população nesta segunda-feira, 7, pela Prefeitura de Natal.

Um dos cumprimentos vem da empresa IM Comércio e Terraplenagem, que parabenizou os arquitetos e doadores do projeto que se destaca pela beleza e pelo grande alcance social.

“Que ações como estas possam se repetir na busca pela melhoria para a sociedade como um todo”, destaca a empresa em mensagem endereçada aos dois profissionais.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. João disse:

    Ver agora quanto tempo vai durar, antes de virar ponto de traficantes, drogados, ladrões, etc.

  2. David disse:

    Me tire uma dúvida porque q os bombeiros não foram convidados q passaram vários dias para tira um cidadão preso o povo pra esquecer rápido

FOTOS: Ronda Cidadã apreende armas e drogas em Mãe Luiza

IMG-20151015-WA0139 IMG-20151015-WA0140Policiais do Ronda Cidadã, que atuam na Área Integrada de Segurança Pública 4 (AISP4), que compreende os bairros de Mãe Luiza, Areia Preta e Petrópolis, na zona Leste de Natal, apreenderam no fim da tarde desta quinta-feira (15), em uma residência na Rua Antônio Félix, em Mãe Luiza, mais de 5kg de maconha, 133g de crack, mais de 500g de cocaína, dois revólveres calibre 38 municiados, 12 munições, cinco balanças de precisão e a importância de R$ 3.997,10 em dinheiro.

De acordo com o Capitão Fábio Sandrine, Comandante da Companhia de Mãe Luiza, a residência onde o material foi encontrado pertence a um homem identificado por Ivanilson Rodrigues de Medeiros, de 35 anos, que está sendo procurado Polícia para dar esclarecimentos sobre o fato.

O caso será apresentado à Delegacia Especializada em Narcóticos do Rio Grande do Norte (Denarc) para que possa localizar o responsável pela residência e prender o proprietário do material ilícito.

DENARC prende dois homens por tráfico em Mãe Luisa

Os policiais civis da Delegacia Especializada em Narcóticos (DENARC) prenderam em flagrante, nesta quarta-feira (7), por tráfico de drogas, associação ao tráfico e corrupção de menores; as pessoas de Damião Santos da Silva, de 37 anos, e Rogério Alves Bezerra, de 38 anos.

A prisão se deu após a equipe da DENARC receber uma denúncia anônima relatando que um veículo, modelo Gol, de cor branca, estava aguardando, na avenida principal do bairro de Mãe Luisa, o recebimento de drogas. Em diligência ao local, os policiais realizaram a abordagem ao veículo onde se encontrava Damião Santos, acompanhado de duas adolescentes, e apreenderam meio quilo de crack.

Em continuidade a ação, os policiais da DENARC localizaram, então, Rogério Alves, identificado como sendo a pessoa que teria feito a entrega da droga para Damião. Além da droga, a equipe policial apreendeu a importância de R$ 176,50, material utilizado na comercialização da droga, bem como registros da contabilidade do tráfico.

Obras de Mãe Luiza serão retomadas nesta terça-feira

21971Foto: Ilo José

Na tarde desta segunda-feira (27), a Prefeitura do Natal, por intermédio da Secretaria Municipal de Obras Públicas e Infraestrutura (Semov), confirmou a informação que o Ministério da Integração liberou a ordem de pagamento no valor de R$ 2,4 milhões de reais referente a parcela em atraso para continuidade dos serviços de recuperação da encosta do bairro de Mãe Luíza. Ao final, a recuperação da Rua Guanabara, a construção do muro de arrimo e a reurbanização da encosta custará em torno de R$ 5,6 milhões.

De acordo com o titular da Semov, Tomaz Pereira Neto, os serviços tinham sofrido paralisação na manhã desta segunda por parte da empresa TeconPav, que toca a obra desde o mês de janeiro. “Estávamos com um sério problema para resolver. A descontinuidade dos serviços de urbanização da encosta localizada na rua Guanabara era algo perigoso, principalmente nessa semana de chuvas na cidade. O cenário era nebuloso até a manhã de hoje (27)”, confirmou o secretário.

A boa notícia foi dada no começo da tarde, quando o prefeito Carlos Eduardo obteve a confirmação do ministro do Turismo, Henrique Alves (que ajudou nas conversas com o Ministério da Integração), que a ordem de pagamento estava liberada e que na manhã desta terça-feira (28), o dinheiro será depositado na conta especifica aberta pela Prefeitura para a obra em Mãe Luíza. “Ficamos felizes com a notícia e agora é tocar com os serviços, que acredito, estarão finalizados em 10 de setembro. Com a reurbanização da rua Guanabara concluída, poderemos dar continuidade aos trabalhos de microdrenagem em outras vias do bairro. Sem o medo de desabamentos ou outros problemas”, ressaltou o secretário Tomaz Neto.

Imprensa

Nesta segunda-feira, o titular da Semov aproveitou a oportunidade para agradecer o empenho da imprensa de Natal na cobrança de resoluções para o problema em Mãe Luíza. “Quero aqui fazer justiça com os órgãos de imprensa da cidade, que nos ajudaram muito nos pedidos ao Ministério da Integração. Sem o apoio deles, com as suas matérias e ligações para Brasília, o cenário poderia ser outro”, finalizou Tomaz Neto.

PM recupera dois veículos roubados em Mãe Luiza

Policiais do 1º Batalhão de Polícia Militar (1º BPM), responsáveis pelo policiamento ostensivo na Zona Leste de Natal, recuperaram na noite desta quinta-feira (17), no bairro de Mãe Luiza, em Natal, mais dois veículos, sendo um automóvel do tipo Pálio, de cor prata, placa OWE 2455 e um ciclomotor do tipo Pop, de cor preta, OJZ 6218. O ciclomotor foi conduzido à Delegacia de Plantão zona Sul e o automóvel para Delegacia Especializada de Defesa da Propriedade de Veículos e Cargas (Deprov) para as devidas identificações e posterior devolução aos proprietários.