Clima

PENSE NUMA ‘ORATÓRIA’: Greta Thunberg critica líderes mundiais em evento sobre clima: “Não existe planeta B, não existe planeta blá blá blá, economia verde blá blá, neutralidade do carbono até 2050, blá blá”

Foto: Flavio Lo Scalzo / REUTERS

A ativista sueca Greta Thunberg criticou líderes mundiais durante o evento “Youth4Climate” realizado nesta terça-feira pela Organização das Nações Unidas (ONU) em Milão, um mês antes da conferência climática COP26. Greta afirmou que os representantes apenas apresentam “promessas vazias” em prol do clima, enquanto fazem um “trabalho insuficiente”.

— Não existe planeta B, não existe planeta blá blá blá, economia verde blá blá, neutralidade do carbono até 2050, blá blá. Isso é tudo o que ouvimos de nossos chamados líderes: palavras. Palavras que parecem boas, mas não levaram a nenhuma ação. Nossas esperanças e sonhos são afogados em suas palavras e promessas vazias — disse.

A jovem lamentou a falta de ações concretas de dirigentes e chegou a afirmar que eles agem dessa forma “propositalmente” porque afirmam implementar medidas contra as mudanças climáticas, enquanto continuam a explorar recursos, mas “não o fazem aumentar os fundos para os países vulneráveis “.

As Nações Unidas, o governo da Itália e a presidência da COP26 convidaram 400 jovens de quase 200 países, entre 15 e 29 anos, para passar três dias em Milão e redigir uma declaração conjunta que será apresentada aos respectivos ministros numa reunião durante o próximo fim de semana.

— Convidam jovens para reuniões como esta e fingem nos ouvir, mas não fazem. Nunca nos ouvem. Mas é possível mudar as coisas — ressaltou.

A ativista terminou o discurso perguntando várias vezes para a plateia: “O que queremos e quando queremos?”, e o público respondeu: “Ação climática agora”.

COP26

Adiada por conta da pandemia de Covid-19, a COP 26 será realizada presencialmente na Escócia entre os dias 31 de outubro e 12 de novembro. Em maio, o presidente da conferência, Alok Sharma, informou que a cúpula era a “última esperança” de limitar o aumento da temperatura média global a abaixo de 1,5°C em relação à era pré-industrial, limiar a partir do qual os cientistas acreditam que a mudança climática seja incontrolável.

Segundo a ONU, as emissões de gases causadores do efeito estufa teriam de ser reduzidas em quase 8% a cada ano para se manter dentro do aumento global de 1,5°C exigido pelo Acordo de Paris. Isso seria o equivalente a economizar anualmente, até 2030, a mesma quantidade de emissões feita durante a pandemia.

O Globo

Opinião dos leitores

  1. A bolha progressista é tão idiota que depende de “conselhos” de uma adolescente que provavelmente não sabe nem arrumar a cama. Se tivesse nascido em meados do século passado ela levaria uns bons puxões de orelha por estar se metendo em conversa de adultos. Vai ser chata assim na China!

  2. Se esta mulher é um modelo para a juventude a humanidade está frita. Parece ter QI bem abaixo do esperado. Talvez uns 60 ou 70.

  3. Se a mídia divulgasse o que ela come, onde mora e como é o seu dia a dia, além dos seus meios de transporte, constataria mais um blefe progressista.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política

Bancada federal prestigia evento com Fabio Faria em Pau dos Ferros

Foto: Divulgação

Os deputados federais João Maia, General Girão, Carla Dickson, Beto Rosado e Benes Leocádio marcaram presença no evento organizado nesta segunda-feira (27), pelo ministro das comunicações Fábio Faria, em Pau dos Ferros. O ministro entregou a primeira estação digital de TV da região, pelo programa Digitaliza Brasil.

A agenda inclui também a entrega de obras de engenharia que beneficiam dez municípios potiguares e a inclusão do Consórcio Público Regional de Saneamento do Alto Oeste Potiguar na construção de aterros sanitários, voltados ao atendimento de 44 municípios da região.

 

Opinião dos leitores

    1. Com o dinheiro que tem , talvez se eleja deputado, senador e governador, JAMAIS,

    2. Calígula se depender de vc ele acumularia as funções de governador e senador ou talvez de presidente tudo ao mesmo tempo, homi que um conselho deixe de ser ridículo e vá arrumar um bucho.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política

VÍDEO: Macron é alvo de ovada em evento na França

O presidente da França, Emmanuel Macron, foi atingido por um ovo enquanto estava rodeado pela imprensa e pelo público na cidade de Lyon, hoje, durante uma visita ao centro de convenções Eurexpo, onde ocorre uma feira de restaurantes e hotéis.

O ovo atingiu Macron no ombro, mas ricocheteou sem quebrar. Nas imagens, é possível ver que os seguranças do presidente tentam imediatamente protegê-lo.

De acordo com veículos internacionais, o jovem que atirou o ovo fez um gesto de protesto e gritou “vive la révolution” (viva a revolução, em tradução literal).

O rapaz, de cerca de 20 anos, foi algemado pelos seguranças. Macron pediu a sua equipe para entrevistar o homem.”Se ele tem algo a me dizer, deixe-o vir”, disse Macron, de acordo com a agência AFP. “Eu vou vê-lo depois.”

É a segunda vez em quatro meses que Macron é atacado durante uma visita oficial. No início de junho, o presidente francês levou um tapa durante uma reunião com funcionários do setor de hospitalidade na região de Drôme, no sudeste da França.

UOL

Opinião dos leitores

  1. Já levou tapa na cara e agora uma ovada, as mídiaslixo não informam o porque de tanta rejeição da população com esse globalista, onde a bandidagem domina na periferia da França.

  2. Esse não é o queridinho da mídia e da esquerda brasileira? Não é um exemplo pra o mundo? O que está havendo com a população francesa? Como vão contrariar um ídolo da mídia brasileira?

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política

Câmara de Parnamirim realiza evento para juventude nesta sexta

Haverá palestras, cursos, gincanas e atividades de conscientização pelo Setembro Amarelo. Fotos: Divulgação

A Câmara Municipal de Parnamirim promove o Festival da Juventude, uma série de atividades voltadas para os jovens da cidade, dentro da campanha Setembro Amarelo – mês de combate e conscientização sobre a prevenção ao suicídio. O evento acontece nesta sexta-feira (24), a partir das 14h, na sede da Casa Legislativa.

Durante toda a tarde, eles vão participar de gincana entre equipes, bate-papos com caráter preventivo, dança com o projeto Se Cuida e apresentações culturais e de projetos sociais, serviços e distribuição de material educativo.

Com o tema “Um alerta de prevenção para nossa juventude”, o evento contará com a participação de jovens influenciadores digitais de Parnamirim. Já estão confirmados Andercrazyy (@andercrazyy), Lenfrom (@lenfrom), Gabriela Ferrandino (@gabrielaferrandino) e Dj Rodrigo Souza (@rodrigosouza), que usarão sua influência nas redes sociais para falar da importância do diálogo, sobre o uso consciente das redes sociais e ainda se juntarão aos participantes na gincana entre equipes.

A iniciativa é da Frente Parlamentar da Juventude, composta pelas vereadoras Rhalessa de Clênio e Carol Pires e pelo vereador Thiago Fernandes, que juntamente com os demais parceiros desenvolveu uma programação de atividades para os jovens.

 

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Judiciário

Moro causa revolta em professores e é retirado de evento de Direito

O ex-ministro da Justiça Sergio Moro não vai mais participar do III Encontro Virtual do Conpedi, o Conselho Nacional de Pesquisa e Pós-Graduação em Direito do Brasil .

Moro ia coordenar o painel “O Papel do Setor Privado em Políticas Anticorrupção e de Integridade”, marcado para a sexta (25). Ele foi indicado pela UniCuritiba, programa de pós-graduação do Paraná.

A repercussão da presença do ex-juiz causou revolta entre professores de pós-graduação, que passaram a protestar e a pregar um boicote ao evento.

O fato de o painel de que ele participaria ser patrocinado pela Apsen, uma das maiores fabricantes de cloroquina do país, também foi motivo de protesto.

O remédio é propagandeado pelo presidente Jair Bolsonaro, mas não tem eficácia comprovada contra a Covid-19.

A repercussão foi tão negativa que os organizadores divulgaram uma nota dizendo que estão “atualizando” a programação do encontro.

Numa primeira manifestação contra Moro, no sábado (19), professores afirmavam em um texto que os organizadores do evento, “demonstrando total alheamento da realidade brasileira e absoluto desrespeito ao direito e suas garantias”, atribuiriam “àquele que encarna (depois da decisão do STF) o que há de mais desprezível nas violações da Constituição, a coordenação de uma atividade para que defenda seus métodos e seus pressupostos ideológicos”.

O professor Ricardo Lodi, da pós-graduação em Direito da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj) disse em suas redes que “é um desrespeito a todos os pesquisadores em Direito do Brasil a realização da mesa que o Conpedi está anunciando para o seu III Encontro virtual, intitulada ‘O Papel do Setor Privado em Políticas Anticorrupção e de Integridade’, coordenada por ninguém menos do que o sr. Sergio Moro, que desacreditou os esforços do sistema de Justiça no combate à corrupção, a partir de uma atuação reconhecidamente parcial”.

Neste ano, Moro foi considerado suspeito pelo STF (Supremo Tribunal Federal) pela atuação no julgamento do ex-presidente Lula no caso do tríplex do Guarujá.

No domingo (20), a organização do encontro virtual divulgou uma nota afirmando que “em virtude da repercussão gerada em torno da programação do III Encontro Virtual do CONPEDI, a entidade, em comum acordo com seu parceiro institucional, resolve por atualizar a programação das atividades atendendo as manifestações expressas nas redes sociais da entidade”.

A notícia foi bem recebida. Mesmo assim, professores estão organizando uma nota de repúdio à organização do evento por ter convidado Moro para coordenar um de seus painéis.

Leia o texto abaixo:

Nós, juristas, professores e professoras de programas de pós graduação em direito do Brasil, de Universidades públicas, confessionais, comunitárias e privadas, vimos a público repudiar a decisão do Conselho Nacional de Pesquisa e Pós Graduação em Direito, o CONPEDI, de convidar o Sr. Sergio Moro, ex-juiz, ex-professor e ex-Ministro da Justiça do governo Bolsonaro para coordenar e participar de um painel no seu Congresso Nacional.

Ainda que, felizmente, o convite tenha sido cancelado, em virtude da grande contrariedade gerada no meio acadêmico, necessitamos dizer, em alto e bom som, que consideramos um desrespeito a toda a comunidade jurídica do país e às suas instituições a possível presença daquele que foi declarado pelo Supremo Tribunal Federal como suspeito e parcial nos processos que dirigiu, em especial violando a Constituição e as mais básicas regras do Processo Penal brasileiro para alcançar interesses pessoais e políticos.

Se não bastassem tais ações, o comportamento do então juiz gerou incontáveis prejuízos materiais, financeiros e simbólicos ao país. Sua atuação alterou, inclusive, o processo eleitoral, ao condenar sem provas o candidato à Presidência da República que estava liderando francamente as pesquisas eleitorais, permitindo a vitória daquele que o alçaria ao status de Ministro de Estado apenas meses depois.

Também repudiamos o fato de que entre os patrocinadores da mesa que Sergio Moro iria coordenar, estivesse a APSEN, a maior produtora de Cloroquina no Brasil, que vem lucrando com a venda indiscriminada do medicamento em face da propaganda falsa, gerada por diversas entidades, inclusive pela propria presidência da República, de que ele combate a COVID-19, fato que contribuiu exponencialmente para o trágico número de 500.000 mortos da doença no país, pois serviu de pretexto para a desobediência do protocolo sanitário recomendado pela ciência para enfrentar a pandemia.

Entendemos que uma instituição como o CONPEDI, que há anos vem reunindo em seus encontros e publicações, integrantes dos melhores programas de pós graduação em direito do Brasil, que verdadeiramente contribuiu para incontáveis avanços na agenda da pesquisa em Direito, sempre comprometida com a defesa dos valores democráticos, dos direitos humanos e do Estado de Direito, não poderia mesmo compactuar com a presença de Sergio Moro, de produção científica praticamente inexistente e irrelevante, como coordenador e palestrante em um dos seus eventos, ainda mais com o patrocínio já referido.

Mônica Bergamo – Folha de São Paulo

Opinião dos leitores

  1. Sinceramente a educação está totalmente tomada por ideológia de esquerda, o Sérgio Moro fez apenas o seu trabalho como juiz, aplicou a lei de acordo com as provas que lhe foi entregue pelo ministério público as segunda instância aumentou as penas e a terceira instância confimou, agora todos os brasileiros de bem sabe que o STF é uma corte composta por indicados político e que a maioria foram indicados pela esquerda nunca foi surpresa que os ministro do STF iria tamha injustiça com Sérgio Moro

  2. Esses “peofessores” são majoritariamente comunistas, adoradores de corruptos e genocidas como Stálin, Mao, Pol Pot e Fidel Castro. Se o país estiver mergulhado no caos, na miséria e na fome, mas um corrupto estiver no poder, então tudo bem. É lamentável.

  3. Eita ignorância! As pessoas não entendem nada do sistema de jurídico, de democracia, de imparcialidade, de processo penal, da Constituição Federal e vêm falar esses clichês de papagaio, esses “lugares-comuns”. Estão falando da comunidade acadêmica do direito. Respeitem o conhecimento e a ciência jurídica. Ao menos tentem se informar. O conhecimento está a disposição de todos hoje em dia!

  4. Com essa notícia dá vergonha de ser brasileiro, esse bando de professores comunista, idolatrar um vagabundo ladrão, corrupto que afundou o Brasil quando foi presidente.

  5. Quem recupera dinheiro roubado não tem apoio dos professores, ainda hoje causa revolta enorme aos professores Moro ter recuperado 20 bilhões de reais que tinha sido roubado pela companheirada no governo luladrão. Esse feito de moro, hoje também incomoda a turma do genocida, haja vista que ao contrário de moro eles tentam deixar impunes os casos do filho do presidente na Rachadinha do RJ, da liberação autorizada pelo ministro de meio ambiente, de madeira apreendida mediante propinas e da apreensão de dinheiro nas nádegas do lider do governo no senado. Por último juntou PT, Bolsonaristas e centrão pra aprovar uma lei em que torna impossível prender um corrupto. Diante disso tudo, a revolta é grande quando o Moro é citado, mas o povo vai conseguir raciocinar e eleger nosso verdadeiro herói brasileiro. Moro 2022

    1. Tua ignorância corresponde ao teu caráter! Ou és um andrajo iludido e sem qualquer discernimento lógico!

    2. Só se for muito burro. Estará , assim, assinando o papel de jumento, comprovação não necessária passar em Cartorio!

    3. Essa tal esquerda e direita são um bando de burros e desinformados, vão pelo menos ver os termos do projeto de lei que tramita no congresso e já aprovado na camara, com apoio da esquerda e direita, quase extinguindo a punibilidade a corruptos, ladrões de dinheiro públicos. Nele a lei contra corrupção retrocede a um nível em que torna impossível investigar, prender e punir um corrupto. Seria bom vocês ficarem cientes do que fazem os seus líderes, bando de idiotas e tontos.

    4. Higino eu também tenho a mesma visão, o Sergio Moro é um herói, infelizmente os brasileiros se deixa leva por ideologia e desprezar os seus heróis

    5. Prezado Higino, sua pança está cheia, sua dispensa e sua conta bancária sustenta os banqueiros. Acorde enquanto é tempo, antes que seus filhos descubram o seu lado secreto. Esse sujeito que vc defende destruiu o Brasil e fragilizou o judiciário. O órgão da justiça é técnico e os ignorantes não devem se intrometer em relação ao que ignoram

  6. Precisa pagar pelos crimes que cometeu. Moralmente, já paga nas ruas, mas criminalmente, vai depender do corporativismo do judiciário. Um absurdo convidar o moro para falar de ética, a não ser se for de como não pratica-la. Alias, o moro servirá de modelo nas faculdades de como um juiz não pode proceder.

  7. Essa turma contra o Dr. SERGIO MORO, representa o que há de mais podre, fétido mo meio das ciencias jurídicas no Brasil. Atitude, sem dúvida, de PeTralhas e respectiva caterva.

  8. Tamos arrumados os professores que era pra dá o exemplo são os primeiros a não ser respeitados no Brasil. O juiz é pra respeitar mais não eles respeita ex presidiário, belo futuro terá nossa educação.

  9. O mundo dá voltas… O ex-juiz ladrão é tratado como um moribundo…
    Até outro dia era herói, hoje não entra nem num butiquim pé sujo.

    1. Serio? Ladrao? Porque voce nao diz o que ele roubou? E ao mesmo tempo, por favor, explique como os filhos do seu heroi se tornaram os “Ronaldos” dos negocios. Obrigado

  10. Esse Ricardo Lodi mencionado na matéria fez a defesa de Dilma na comissão do Impeachment, no Senado.

  11. Infelizmente nossas universidades são antros de Militantes CÃOMUNISTAS TRAVESTIDOS de professores foram estes adoradores de Bandido que destruíram nossa educação e colocaram o Brasil em último lugar a nível mundial foram estes adoradores de bandido de 9 dedos que usaram a educação para fazer doutrinação CÃOMUNISTA nas nossas escolas e universidades usando alunos como massa de manobra a serviço da ESQUERDALHA e da quadrilha dos Petralhas. Nossas universidades se transformaram em COMITÊS ELEITORAIS do PT, PSOL, PCDOB e PDT. Vejam a que ponto chegamos os CÃOMUNISTAS se unem para expulsar um juiz que condenou o LADRÃO de estimação dos “PRUFESSÔRES” ” da “pátria educadora” e pior usam descaradamente uma das várias decisões criminosas do STF BOLIVARIANO outro antro de CÃOMUNISTAS criminosos que soltam tudo que é bandido do PT e do PCC para justificar o ato criminoso de censura e perseguição ao juiz Moro o “ódio do bem” que estes marginais praticam.

  12. Ooouuuu! Que acalmar professor universitário, só trocar o palestrante, tira Moro e coloca Lula, ainda recebem com hino do partido nacional comunista!

    1. Em pé lá estarei para receber o futuro presidente do Brasil.

  13. Mais uma vez fui aqui em baixo e li: Mônica Bergamo/Folha de São Paulo. E vi “professores de faculdade “. Conclui: trata-se de materia leviana, esquerdeopata, ideológica, socialista, e de valores invertidos

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política

Pazuello é elogiado por Bolsonaro durante evento em Manaus; governador do AM também declara apoio

Foto: Reprodução/TV Brasil

Alvo de investigações do Ministério Público e na mira da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid, o ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello recebeu elogios públicos do presidente Jair Bolsonaro e de outras autoridades durante um evento nesta sexta-feira em Manaus. Mesmo sem cargo no governo federal, Pazuello acompanhou a cerimônia de inauguração de um centro de convenções na capital do Amazonas.

Antes de assumir o Ministério da Saúde, Pazuello, que é general da ativa do Exército, comandava a 12ª Região Militar, sediada em Manaus. Durante sua gestão na pasta, um dos principais pontos de desgaste foi um colapso no sistema de saúde do Amazonas em janeiro. Em seu discurso nesta sexta, Bolsonaro afirmou que “ninguém esperava que fosse acontecer” uma situação como aquela.

Em entrevista à revista “Veja”, publicada na quinta-feira, o ex-secretário de comunicação da Presidência Fabio Wajngarten afirmou que o Brasil não comprou antes vacinas da Pfizer por “incompetência” e “ineficiência”. Wajngarten fez críticas à condução do tema pelo Ministério da Saúde, mas evitou citar diretamente Pazuello e ainda poupou Bolsonaro. Wanjgarten também deve ser chamado a depor na CPI da Covid.

No evento desta sexta-feira, Pazuello foi mencionado inicialmente pelo ministro do Turismo, Gilson Machado Neto, que o chamou para subir ao palco. O ex-ministro foi abraçado por Bolsonaro, que acenou para a plateia, e em seguida foi ao encontro de Gilson.

— Quero fazer uma saudação especial. Cadê o general Pazuello? Cadê ele? Venha cá — disse o ministro, continuando depois, já com ex-colega ao seu lado: — Eu fui testemunha da luta desse homem pela erradicação da doença no nosso país.

Machado disse que Pazuello começou a distribuir as primeiras vacinas contra a Covid-19 um dia após a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovar seu uso e disse que “nós somos muito gratos” ao “empenho” do ex-ministro.

Depois, o governador do Amazonas, Wilson Lima (PSC), também elogiou Pazuello, ao agradecer o apoio do governo federal:

— Quero fazer um agradecimento muito especial ao general Eduardo Pazuello, que viveu, no estado do Amazonas, os momentos mais difíceis pelo qual o nosso povo passou.

Último a discursar, Bolsonaro voltou a citar Pazuello, dizendo que ele teve participação no trabalho do governo para que “os danos dessa pandemia fossem diminuídos”. O presidente também fez menção ao atual ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, dizendo que ele dá “prosseguimento” ao trabalho de Pazuello.

— Conseguimos, com a equipe que nós temos em Brasília, colaborar em muito para que os danos dessa pandemia fossem diminuídos. Em especial, pelo ministro da Saúde que tive até há pouco tempo, o senhor Pazuello. Aqui presente, o ministro Queiroga, da Saúde, que dá prosseguimento ao seu trabalho.

O Globo

Opinião dos leitores

  1. Oxi, faz todo sentido. Se bolsonaro dizia durante a campanha que a especialidade dele era matar e derepente um crescimento significativo no número de mortos por covid durante a gestão de Pesadelo no Ministério da Saúde, pra bolsonaro é digno de elogio.

  2. Vamos ver na CPI a competência na atuação desse presidente, desse ex ministro e desse governador na pandemia…

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Judiciário

STF nega recurso do MPRN que queria impedir o evento Let’s Pipa

O Supremo Tribunal Federal(STF) negou nesta quarta-feira(23) recurso do Ministério Público do Rio Grande do Norte(MPRN), que queria impedir o evento Let’s Pipa, previsto para acontecer entre os dias 27 de dezembro e 2 de janeiro.

A realização do evento contraria recomendações que o governo do estado e o Ministério Público fizeram aos municípios do RN, em decorrência da alta de casos da covid no Rio Grande do Norte.

A festa em Pipa tem na programação shows de Jorge e Mateus, Banda Eva, Pedro Sampaio, Bhaskar, e outros artistas.

Veja mais detalhes AQUI no Justiça Potiguar.

Opinião dos leitores

  1. O STF LIBERA PARA OS IDIOTAS IREM, MAS ELES ESTÃO QUERENDO FURAR A FILA POR VACINAS , NO MINIMO ESTRANHO

  2. Com toda desgraça vindo do STF, prendendo jornalistas, soltando criminoso, desta vez ele acertou.

  3. A conta chegará depois!
    Mas esperar o que de um país no qual as pessoas se preocupam mais com festa, farra, bares do que com a vida?!

    1. Que bonitinho, né? Todo mundo preocupado em cuidar da vida dos outros. "Vamos tirar sua liberdade, mas é para o seu bem". Faz assim, fica em casa fazendo seu origami e assistindo seriado, e deixa quem quer trabalhar assumir a responsabilidade pela sua vida. Combinado? Nem você, nem o Estado coloca comida na mesa de ninguém. O auxílio emergencial está acabando.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

Natal recebe evento da Secretaria Nacional de Segurança Pública a partir desta terça-feira

Natal sediará, a partir desta terça-feira (20), o ‘Senasp Itinerante’, iniciativa da Secretaria Nacional de Segurança Pública do Ministério da Justiça e Segurança Pública (Senasp/MJSP) que visa ampliar o debate com as secretarias estaduais da área e conhecer as demandas de cada ente federativo.

O evento contará com representantes de todos os Estados do Nordeste e tem abertura marcada para as 14h30, no Centro de Convenções do Estado, na Via Costeira. Logo após, no mesmo local, às 15h30, haverá uma coletiva de imprensa com o secretário nacional de Segurança Pública, Renato Paim, o secretário de Segurança Pública do RN, coronel Francisco Araújo, e o vice-governador do RN, Antenor Roberto.

Depois da coletiva, acontece o encontro com todos os secretários de segurança pública do Nordeste, além de uma câmara temática sobre o fortalecimento das instituições de segurança pública. A programação segue até a quinta-feira (22), com eventos sempre no Centro de Convenções pela manhã e tarde, com encerramento previsto para as 17h20 do dia 22 de outubro.

Opinião dos leitores

  1. Não sei se os números sobre segurança estão bons.
    Só sei que financeiramente o Estado entrou em falência mesmo antes do governo de Rosalba, e no último só fez piorar.
    Entendo que Rosalba até tentou melhorar o equilíbrio financeiro.

  2. Os números mostram que o RN é modelo e referência em gestão de segurança pública. Faz muito com pouco recurso financeiro e pessoal.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

Evento on-line gratuito sobre as transformações digitais na sociedade terá sala vip com personalidades do RN

A Live Sociedade Digital: Mudanças e Transformações contará com palestrante de renome trazido pela imobiliária Caio Fernandes. Foto: Divulgação

Para ajudar a entender melhor as mudanças pelas quais o mundo está passando e qual o impacto delas no seu trabalho, nas suas empresas, na sua família e no seu aprendizado, o empresário Caio Fernandes promove, no próximo dia 09 de julho, o evento on-line “Sociedade Digital – Mudanças e Transformações”, com a presença do palestrante internacional, formador de executivos e um dos principais analistas brasileiros do momento atual, Romeo Busarello. O evento ainda terá um outro grande diferencial: uma Sala Vip Virtual em que cinco convidados especiais vão promover um debate sobre o assunto e fazer perguntas. A mediação será da jornalista Juliska Azevedo.

A participação é gratuita e a transmissão vai acontecer a partir das 17h no canal da Imobiliária Caio Fernandes no Youtube. Na palestra, Busarello vai abordar a época de mudanças, as novas competências e as oportunidades que precisam ser enxergadas.
“A mudança favorece a mente preparada”, costuma dizer ele, apontado pela revista Meio&Mensagem como um dos executivos mais inovadores do Brasil, com 32 anos de experiência em empresas nacionais e multinacionais nas áreas de consumo e digital business. Mais de 5 mil executivos brasileiros já passaram por suas aulas.

Para enriquecer ainda mais esse momento de reflexão e aprendizado, cinco personalidades da sociedade potiguar foram convidadas para debater o assunto e fazer questionamentos a Romeo Busarello após a palestra. Entre os convidados, estão o sócio-diretor da A & C Consultoria e presidente da Companhia de Habitação do RN, Carlos Antônio de Araújo; o diretor da Rádio Cidade 94FM e empresário da construção civil, Haroldo Azevedo; o presidente da CDL Natal e empresário do ramo de material de construções (Comjol), José Lucena; o procurador do Município de Natal e Consultor da Comissão Nacional de Educação Jurídica do Conselho Federal da OAB, Lúcio Teixeira dos Santos; e o diretor executivo da Constel Construções e Empreendimentos, Francisco Vasconcelos, mais conhecido como “Chiquinho da Constel”.

“Esse evento é uma forma de presentear a sociedade potiguar pelos quase 30 anos de atuação da Caio Fernandes no mercado do Rio Grande do Norte. Para que essa contribuição seja diversa e enriquecedora, nada mais justo do que trazer convidados da nossa terra que possam elevar o nível do debate e contribuir para a reflexão sobre esse momento de muitas transformações e incompreensões”, explicou o empresário Caio Fernandes, que está à frente do seminário digital.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

Vida digital: Evento gratuito da Caio Fernandes traz especialista com experiência internacional para falar das transformações nas empresas, famílias e carreiras

Foto: Divulgação

Como as mudanças na sociedade, nas empresas, no ambiente de trabalho e no aprendizado, estão impactando as decisões? Como a aceleração da presença digital em todas as ações pessoais e profissionais devem influenciar o nosso dia a dia? Essas e outras perguntas fazem parte da vida de todos, empresas, famílias e profissionais. Para promover uma reflexão útil e aprendizado sobre esses temas, a imobiliária Caio Fernandes realiza o evento on-line “Sociedade Digital – Mudanças e Transformações”, com o palestrante e formador de executivos Romeo Busarello.

A palestra é voltada para todos que desejam compreender melhor as mudanças mundiais, independente da área de atuação, e será transmitida ao vivo pelo canal do YouTube da imobiliária Caio Fernandes (aqui o link), no dia 09 de julho, a partir das 17h. Além de Busarello, o evento digital contará com convidados especiais para um debate pós-palestra, que será mediado pela jornalista Juliska Azevedo.

O evento será também uma oportunidade única de se informar e ouvir, gratuitamente, um dos principais analistas brasileiros do momento que vivemos, listado entre os executivos mais inovadores do Brasil, segundo a revista Meio&Mensagem. Formado em administração com pós-graduação em Marketing, Romeo Busarello tem 32 anos de experiência em empresas nacionais e multinacionais nas áreas de consumo e digital business e mais de 5 mil executivos brasileiros já passaram por suas aulas.

Busarello fez carreira internacional na China e nos Estados Unidos e é professor com mais de 20 anos de docência nos cursos de MBA e Pós-Graduação da ESPM, INSPER e USP. “Vamos falar sobre a época de mudanças, as novas competências, as oportunidades óbvias versus as oportunidades ocultas. A mudança favorece a mente preparada”, resume Busarello.

O empresário Caio Fernandes explica que o evento é uma retribuição da sua empresa à toda sociedade potiguar, pelos quase trinta anos de atuação no mercado local. “Todos estamos sentindo uma vertiginosa mudança em nossas vidas. Tenho ouvido isso de amigos, recebido relatos de clientes que administramos os imóveis. Essa é a percepção dos mais diversos profissionais”, relata. “Resolvermos realizar este evento digital com um profissional altamente qualificado e habituado já há muito tempo com esse tipo de vida digital para nos trazer um pouco de luz nas nossas dúvidas nesse momento”, explica.

Caio Fernandes afirma que as mudanças chegaram na vida de todos, em praticamente todas as ações, pessoais ou profissionais, o que faz com que temas como o que será abordado no evento digital sejam de interesse de todas as esferas da sociedade. “Seja na forma quase obrigatória do trabalho em home office, nas crianças em casa trocando as salas de aula pela tela do computador, seja substituindo os restaurantes por delivery, nos aniversários comemorados em lives familiares, nas transações bancárias 100% a distância, entre muitos outros exemplos”, menciona. “Será uma oportunidade para reflexão e aprendizado, urgente e necessária”, afirma.

Serviço:

EVENTO DIGITAL GRATUITO

SOCIEDADE DIGITAL – MUDANÇAS E TRANSFORMAÇÕES, COM ROMEO BUSARELLO

QUANDO: 09 DE JULHO

HORÁRIO: 17H

ONDE: CANAL DO YOUTUBE DA IMOBILIÁRIA CAIO FERNANDES

ABERTO AO PÚBLICO

Opinião dos leitores

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Polícia

Pelo menos 70 pessoas são detidas por descumprir isolamento social e participar de evento de motos no interior do RN

Foto: PM/Divulgação

O portal G1-RN destaca nesta segunda-feira(11) que pelo menos 70 pessoas que participavam de um evento de motociclistas foram detidas e levadas à delegacia, no final da tarde desse domingo (10), por descumprirem os decretos estaduais que determinam isolamento social, entre outras medidas, para reduzir o contágio do novo coronavírus. De acordo com a Polícia Militar, o caso aconteceu no município de Caraúbas, no Oeste potiguar. Na ocasião, policiais do 12° Batalhão da PM realizaram uma operação após receberem a informação de que havia a promoção de um evento de motocross na cidade, o que estaria provocando a aglomeração de pessoas. No local, os policiais confirmaram as irregularidades e ainda constatam que muitas pessoas que estavam assistindo ao evento não utilizavam máscaras de proteção – mais um descumprimento de determinação do poder público estadual e municipal. Todos os detalhes em reportagem na íntegra aqui.

Opinião dos leitores

  1. A justiça deveria , de forma exemplar, colocar esse povinho pra limpar os hospitais já que eles não acreditam que a doença pode pegar neles…

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política

VÍDEO: Ministro Rogério Marinho explica cancelamento de evento em Mossoró com Bolsonaro e cúpula do governo, e comunica presença nos próximos 60 dias

O Ministério do Desenvolvimento Regional informa o adiamento do evento Aqui é Rio Grande do Norte, Aqui é Brasil, marcado para essa quinta-feira, em Mossoró – RN.

“Dada a declaração pela Organização Mundial de Saúde de que enfrentamos uma pandemia causada pelo Coronavírus, avaliou-se como prudente adiar a solenidade. Além disso, a negociação sobre o orçamento com o Congresso Nacional exige a presença do presidente Jair Bolsonaro em Brasilia”, disse o ministro Rogério Marinho.

Opinião dos leitores

    1. Prefiro o dólar a R$ 6,00 devido a crime mundial que o país sendo roubado diariamente por corruptos que afundaram tudo até mesmo a petrobrás.
      AVISA A TURMA DA PETROBRÁS QUE NENHUM, EXATAMENTE ISSO, NENHUM ASSESSOR DE GUEDES TRABALHA OU PRESTAVA SERVIÇO A PETROS DURANTE OS ANOS DE 2005 A 2018, QUANDO OS RECURSOS DA PETROS DESAPARECERAM.

  1. mais uma mentira contada por esse Rogério.
    primeiramente, no Rio Grande do Norte não existe caso do corona vírus.
    e depois o próprio governo afirmou que que o corona vírus é só uma gripezinha

  2. Será que agora o Presidente vai acabar com aquela seleta claque que diariamente o recepciona na saída do Palácio da Alvorada?

    1. Não entendo. O presidente disse para o mundo todo que o pânico estava sendo criado pela mídia e agora cancela viagens?

      Como assim?

      O ministro da saúde disse que era só uma gripezinha.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política

Evento do governo federal em Mossoró não vai mais acontecer

Após a confirmação da ausência do presidente Jair Bolsonaro em Mossoró nesta quinta-feira(12), a comitiva presidencial também confirmou com o Ministério do Desenvolvimento Regional o cancelamento do evento.

O presidente tinha previsão de sair de Brasília às 13h para participar de uma cerimônia em Mossoró, na qual anunciaria medidas do governo federal, em áreas como Segurança e Agricultura.

Em breve, o governo federal vai anunciar uma nova data.

Opinião dos leitores

  1. Não entendo o motivo das mulas do PT estarem comemorando, o nosso estado esta de pires na mão precisando urgentemente da ajuda do governo federal. Mesmo o Bozo sendo um idiota, é nossa única "tábua de salvação", e nossa (des)governadora tem que ser mais humilde e pedir ajuda a ele…
    Fátima Incompetente!
    Fátima Traidora!
    Fora Fátima!

  2. Em um Estado quebrado, falido, governado por uma coluna social de festas, quanto pior melhor. Nao sei o que alguns estao comemorando. O pior? Governo vai trocar emprego por cesta basica??? ridiculo.

  3. Uma notícia dessa termina sendo maravilhosa, devido aos comentários dos esquerdopatas.
    Eles deliram, vão a loucura, afinal só sabem obedecer a ordem de seu líder e viver no cenário do quanto pior para o Brasil, melhor para eles. Só tem um detalhe, foi cancelado nesse momento, logo será realizado. Aproveitem para mais uma vez fazer do nada o tudo de vocês.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política

Bolsonaro cancela vinda a Mossoró; evento do governo federal nesta quinta está confirmada com a presença de ministros

O presidente Jair Bolsonaro não estará mais presente em Mossoró nesta quinta-feira(12). Ainda não se tem informação de sua ausência, confirmada pelo próprio, em live na semana passada.

Por ora, o evento do governo federal, com a presença de ministros, permanece mantido. Os organizadores deverão se manifestar nos próximos minutos.

O presidente tinha previsão de sair de Brasília às 13h para participar de uma cerimônia em Mossoró, na qual anunciaria medidas do governo federal, em áreas como Segurança e Agricultura.

Opinião dos leitores

    1. Junta com a mortadela recebida com dinheiro de Corrupção, e fica ruminando. Diminui o preju

  1. Lampiao sentiu o cheiro de LADRAO …colocou o seu bando diante o Satã…mandado o aviso…PRA ESSAS BANDAS NÃO…..OH CABRA MACHO.

    1. Mas cuidado que quando eles voltaram morreu todos kkkkk
      Petista encantado ou mamador

  2. Será que descobriram o cangaço de Lampião por aquelas bandas…e avisaram ao Cagão BOSTANARO…

  3. Mas não era uma "fantasia" o tal coronavírus? tem um ditado lá pelas quentes terras do meu seridó que diz: "Bittencourt" tem medo"…hahahaha né não? ou arregada grande

  4. Quando O disseram que o bravo povo mossoroense expulsou Lampião, ele – como de costume – amarelou.

    Viva a terra de Santa Luzia!

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

2º Vivenciar: evento debaterá em Natal os autismos e as diversas interfaces para os tratamentos

Foto: Reprodução

Assim como cada ser humano é único, tem suas características e comportamentos individuais, os pacientes inseridos no Transtorno do Espectro Autista também. Diante disso, os especialistas da área não estudam mais o “autismo”, mas os “autismos”, garantindo melhores tratamentos e resultados aos pacientes. O tema “Autismos: leve, moderado e grave”, será o foco do 2º Vivenciar, evento que acontecerá em Natal (RN), entre os dias 13 e 15 de fevereiro, na Escola de Governo, e reunirá os principais nomes que atuam na área no Brasil e Estados Unidos.

Aberto ao público em geral, como familiares de portadores do espectro autista, profissionais da área médica, psicólogos, fonoaudiólogos, terapeutas ocupacionais, estudantes e pessoas interessadas no tema, o Vivenciar abordará de maneira única as diversas interfaces e as evidências científicas na condução dos tratamentos em pessoas portadoras do TEA, além da condução da integração família/sociedade. Para isso, agregará palestras, painéis e bate papo, proporcionando a plateia interação total com os participantes. Assim, além de se atualizar com o que há de mais novo nos tratamentos, os participantes poderão tirar dúvidas e conversar com os profissionais.

Dentre os profissionais participantes estão, Dr. Guilherme Polanczyk, psiquiatra da infância e juventude, pós doutor e professor livre docente da USPO; o neuropediatra Erasmo Casella, professor livre docente da USP e Coordenador do ambulatório de Distúrbios do Aprendizado do Instituto da Criança do HCFMUSP; a psicóloga Meca Andrade, mestre em análise do comportamento aplicada, doutoranda em Análise do Comportamento pela pela New England University,m Springfield Massachusetts (EUA) e diretora do Grupo Método Intervenção Comportamental de São Paulo.

Os assuntos a serem tratados pelos especialistas serão diversificados, como “Diagnóstico e tratamento com evidência”; “Implicações práticas das classificações diagnósticas em autismo”; “Formas naturalísticas e estruturadas de intervenção precoce”; “Currículo de sexualidade para pessoas com TEA” ;  “Inserção de pessoas com TEA no mercado de trabalho”;  e “Impacto na vida escolar”.

As inscrições estão abertas e podem ser realizadas através do site:

verboeventos.com.br/vivenciar. Informações pelos fones 3201 7429, 99634 3774 e pelo e-mail: [email protected]

Opinião dos leitores

  1. É um certame de muita importância, à compreensão sobre o autismo é de grande interesse, pois hoje todos tem casos em familia. Compreender é aceitar, conviver e preparar o autista para o seu próprio futuro.

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

Mahila Expedição Feminina à Índia: evento em Natal terá exposição fotográfica, prática de yoga e depoimentos de mulheres que já visitaram o país

Foto: Reprodução

Mahila significa “Mulher” em híndi, língua oficial da Índia, país que tem a segunda maior população feminina do mundo, atrás apenas da China. São mais de 600 milhões de mulheres no país, três vezes mais do que toda a população brasileira. Na próxima quinta-feira (9) será realizado em Natal o evento “Mahila – Expedição Feminina à Índia”, que terá exposição fotográfica Mulheres da Índia, prática de yoga e depoimentos de mulheres que já visitaram o país. O evento acontece a partir das 18h, no Mahalila Café & Livros, em Potilândia, e tem entrada gratuita.

Em diversas pesquisas, a Índia tem sido apontada como um dos países em que as mulheres mais sofrem com a desigualdade no mundo. Por outro lado, no país têm surgido diversos projetos que têm atuado no apoio às mulheres, através da educação, empreendedorismo entre outros meios, para que elas possam ascender economicamente e também serem mais respeitadas.

O evento Mahila faz parte de um projeto do blog e agência Compartilhe Viagens, em parceria com a Marquise Art Media (empresa com atuação na mídia), que em outubro deste ano, irá levar um grupo de brasileiras para a Índia. “A ideia é que seja mais do que uma viagem de turismo. Será uma imersão pelo universo feminino. Iremos sim visitar os pontos turísticos famosos como o Taj Mahal, mas nossa intenção maior é visitar e conhecer projetos sociais e de empreendedorismo que atuem diretamente com as mulheres indianas. Também devemos realizar um jantar de networking com empresárias e personalidades indianas”, conta Karla Larissa, diretora da Compartilhe Viagens.

Segundo uma das diretoras da Marquise Art Mídia, Karen D´Paula, que vive entre Brasil e Índia, as mulheres indianas são desvalorizadas desde antes de nascerem. “Na Índia é até proibido por lei fazer ultrassom, pois se a família descobre que é menina, as chances de um aborto são grandes”, explica e continua “porém nos anos em que vivi no país conheci muitos projetos incríveis que têm mudado a realidade dessas mulheres. Nossa ideia é apresentar às brasileiras essas iniciativas e promover essa troca entre as mulheres brasileiras e as indianas. Inclusive, o roteiro da viagem é baseado nas experiências que vivi lá”.

A exposição

A exposição Mulheres da Índia é assinada pelo designer gráfico e fotógrafo natalense Filipe Aires. Serão dez fotos, feitas entre 2016 e 2019, que mostram mulheres indianas em suas diversas representações. São pastoras no campo, joguinises, meninas muçulmanas, artistas, trabalhadoras têxteis. “A exposição é um pequeno recorte de uma experiência de 2 anos e meio, por diferentes regiões, onde se pode constatar que embora sendo tão desvalorizadas e subjugada por seu próprio povo e mesmo diante de todo caos e dificuldade, a mulher indiana consegue ainda revelar sua beleza e virtude, toda sua força e inteligência, suas cores e alegria”, destaca Filipe.

Yoga e depoimentos

O evento Mahila terá ainda prática de yoga com a instrutora Maíra Ramos e depoimentos de mulheres que já viajaram à Índia, entre elas, a jornalista Glácia Marillac, a psicóloga Taciana Chiquetti e uma das organizadoras do evento, a diretora da Marquise, Karen D´Paula.

Serviço

Mahila – Expedição Feminina à Índia

Quando? 9 de janeiro (quinta-feira), a partir das 19h

Onde? Mahalila Café & Livros

Rua Doutora Nívia Madruga, 19, Potilândia

Entrada gratuita – aberto à mulheres e homens

Comente aqui

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *