Deltan Dallagnol processa Gilmar Mendes por danos morais

Fotos: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil; Nelson Jr./SCO/STF

Deltan Dallagnol resolveu processar Gilmar Mendes por danos morais, diz o Estadão.

Ele pede 59 mil reais.

Na ação, o procurador citou uma entrevista de Gilmar Mendes à Rádio Gaúcha, na qual o ministro do STF acusou a Lava Jato de ser uma organização criminosa, formada por “gente muito baixa, muito desqualificada”.

Ele citou também o julgamento de agravo regimental 4435, em que Gilmar Mendes chamou os integrantes da força-tarefa de “cretinos”, “gentalhada”, “desqualificada”, “despreparada”, “covardes”, “gângster”, “organização criminosa”, “voluptuosos”, “voluntaristas”, “espúrios”, “patifaria” e “vendilhões do templo”.

Assim como o julgamento do habeas corpus 166373, em que Gilmar Mendes chamou os procuradores de “falsos heróis” que combateriam o crime “cometendo crime”, numa “organização criminosa de Curitiba”, a mando de “gângster”.

O Antagonista com Estadão

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Joaquim Filho disse:

    Até que enfim um Procurador arrochado pra processar esse canalha!!! Moro já deveria ter feito o mesmo… #foragilmar

  2. Verão disse:

    Ótimo! Temos lei para isso. Gilmar processou advogados por chamarem ele de ladrao.
    Agora aguenta!!

  3. Pedro disse:

    Tem mais é que processar esse tendencioso, infame, mentiroso, acobertar de ladrões, beiçola, peçonhento, metido a alfabetizado. Os seus pares não o aceitam, as brigas com ele são recorrentes, muitos já o decifraram, tipo Marcos Aurélio Melo (são intrigados), Luiz Fux, Roberto Barroso, Fachin, e até o descarado Lewandowski. Da mesma forma é odiado pela populaçao, juristas e advogados famosos e de qualidade.

  4. Bento disse:

    Realmente não entendo esses ataques do ministro do STF ao procurador Deltan.

    • Carlos disse:

      Como ele está sendo processado, agora será que as provas contra os mafiosos de Curitiba serão consideradas?

      Cadeia pra Moro Conje e Deltan Dinheirol

  5. Antonio Turci disse:

    Atenção, por favor, senhor Gilmar Mendes: DELTAN DALLAGNOL merece RESPEITO.

  6. Antônio Cardoso de Almeida e Souza disse:

    Essas palavras pesadas, descabidas e desmedidas de um ministro do STF a um membro do MP é um dos maiores desserviços que esse país já tomou conhecimento.
    Não são apenas palavras soltas, são acusações que devem ser apuradas e quem acusou, apresente as provas. Caso contrário, responda criminalmente pelas acusações.
    Qual a razão do ministro partir para cima do procurador? O que o procurador fez contra o ministro? O ministro tem a necessidade de atacar o procurador por qual razão?
    O ministro deveria está preocupado em defender a Constituição e não ir a público dar entrevista fazendo acusações, desqualificando e caluniando um procurador.
    Uma coisa é fato incontestável, enquanto o procurador processa corrupto, o STF cria, inventa e produz saída jurídica para deixar soltos os condenados.
    O BRASIL precisa de ordem e segurança ou cadeias vazias e condenados livres?

Lula chama Deltan Dallagnol de “moleque desaforado”

Foto: Reprodução

Livre, leve e solto, Lula não para de postar no Twitter nesta quarta-feira.

O ex-presidiário anunciou que vai continuar atacando Jair Bolsonaro, Sergio Moro e Deltan Dallagnol.

“Eu, preso, vi o descarado do Dallagnol ameaçar o Congresso, ameaçar a Suprema Corte. É um moleque desaforado. Eu quero justiça e justiça passa por essas pessoas serem punidas”, tuitou o petista.

“Meu papel é falar com o povo. E não me peçam paciência. Nem com o Bolsonaro, nem com o Dallagnol, nem com o Moro. Eu tenho direito de brigar por justiça.”“Eu, preso, vi o descarado do Dallagnol ameaçar o Congresso, ameaçar a Suprema Corte. É um moleque desaforado. Eu quero justiça e justiça passa por essas pessoas serem punidas”, tuitou o petista.

O Antagonista

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Alfredo disse:

    E o Lula é o que: um velho gagá, facínora e perdedor!!!!!

  2. Antonio Turci disse:

    O Chefão do petralhismo nem a caterva que o acompanha, têm moral para criticar nenhum cidadão. Seu palavreado maldoso não atingem à grandeza do Dr. Deltan Dallagnol.

  3. AVELINO disse:

    ESSE ELEMENTO NÃO SABE NEM O QUE Twitter. ELE DIZ O BESTEIROL DELE E ALGUÉM ESCREVE PARA ELE;

  4. Ivan disse:

    Acho q a cadeia não fez bem a esse cidadão…Voltou piradinho…kkkkkkkkkkkkk

    • Rodrigo Macedo disse:

      IVAN ESSE CANALHA SÓ PODE TER FUMADO MACONHA ESTRAGADA OU CHEIRANDO COCAÍNA MISTURADA COM FEZES.

    • Lucian disse:

      Fiquem tranquilos, já já ele enxerga a realidade.
      Esse esperniado não vai durar muito tempo.
      Ja tá bem pertinho dele ouvir o ronco das ruas. O LULA já era.

  5. gilberto ivan disse:

    Alimentar condenados na mídia, por quê?
    Leio e as vezes e outras comento, a cerca de alguns assuntos, porém chega desse blog encher a página com falas agressivas de um marginal. a sociedade quer ordem e progresso e não retrocesso. Falar todo dia do morto já é uma ofensa ao cidadão de bem.
    Chega, deixa esse ser desagradável para a história com sua trajetória de crimes.

  6. PAULO disse:

    O POVO É QUE NAO QUER FALAR COM VC LADRÃO,QUE TE VER É ATRÁS DAS GRADES!!!!!!

  7. Piroquinha disse:

    Esse indivíduo só prega o ódio, o separatismo, a divisão do nosso Povo, a baderna, vive de fazer ameaça à paz pública incitando a violência com palavras como vai ter luta, vamos reagir, temos que ir para o enfrentamento, temos que atacar não podemos ficar só na defesa. Agora incitar ele é bom, queria ver ele e sua trupe de mamadores, irem para as ruas jogar pedra no batalhão de choque, só sabem usar uns coitados como massa de manobra, enquanto eles ficam nos hotéis de luxo tomando vinho e whisk importados.

  8. Maria suvaqueira disse:

    Qual stf? O stf que esse ladrão chamou de acovardado? Esse descarado

Aras convida procuradores da Lava Jato a retomarem cargos; Deltan Dallagnol elogia iniciativa

Foto: Dida Sampaio / Estadão Conteúdo

O subprocurador-geral Augusto Aras convida procuradores que deixaram a equipe da Operação Lava Jato na Procuradoria-Geral da República (PGR) recentemente a reassumirem seus cargos.

A “debandada” ocorreu em protesto contra a atuação da atual procuradora-geral, Raquel Dodge, que solicitou arquivamento de quatro anexos da delação do empreiteiro Léo Pinheiro que envolviam o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), um irmão do presidente do STF, Dias Toffoli, o ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ), Humberto Martins, e o presidente do Tribunal de Contas da União (TCU), José Múcio Monteiro.

Indicado para a PGR pelo presidente da República, Jair Bolsonaro, o subprocurador Aras confirmou que cinco dos seis procuradores que pedirão demissão foram convidados a voltar.

De acordo com o jornal Estadão, a ideia de manter os nomes do grupo da Lava Jato da PGR partiu da procuradora Thaméa Danelon, ex-coordenadora da operação em São Paulo e primeira convidada de Aras para integrar a equipe que atua na área penal.

Maria Clara Noleto, Luana Vargas, Alessandro Oliveira, Hebert Mesquita e Victor Riccely são os nomes convidados.

A iniciativa de Aras motivou elogios do coordenador da força tarefa da Lava Jato no Paraná, o procurador Deltan Dallagnol.

“Os desafios do MPF e do combate à corrupção são imensos. Que possamos construir o futuro mediante o diálogo e a cooperação”, disse Dallagnol.

Com Estadão e Renova Mídia

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. André Fortes disse:

    Thaméa Danelon, procuradora, funcionária pública, se prestou a ser secretária do Advogado Carvalhosa, fazendo a minuta do impeachment de Gilmar Mendes. Leiam bem: Uma procuradora trabalhando para um advogado privado para conspirar contra do STF. Quando ela inforou a Dallagnol o que se passava ele deveria tirar ela da operação lavajato e denunciado a corregedoria. Sabe o que ele fez? Deu os parabéns dizendo "Sensacional, Tamis! Manda Ver.

    • Francisco disse:

      " Conspiração contra stf ", meu DEUS, quanta inocência e desinformação. Não escreva mais nada bb

Site “The Intercept” publica que Deltan Dallagnol teria cogitado se candidatar ao Senado e não descartaria 2022

O procurador Deltan Dallagnol considerou durante mais de um ano se candidatar ao Senado nas eleições de 2018, dizem mensagens trocadas via Telegram e entregues ao Intercept por uma fonte anônima. Num chat consigo mesmo, que funcionava como espaço de reflexão do procurador, ele chegou a se considerar “provavelmente eleito”. Também avaliou que a mudança que desejava implantar no país dependeria de “o MPF lançar um candidato por Estado” — uma evidente atuação partidária do Ministério Público Federal, proibida pela Constituição.

Confira matéria completa no portal Justiça Potiguar clicando aqui.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Rivanaldo disse:

    Me assusta o nível da loucura deste Dallagnol. Um cara que fala sozinho em chat. Um sujeito que discute seu futuro na terceira pessoa.
    Mas o mais assustador é que um bando de jornalistas carreiristas e canalhas deu visibilidade e voz pra este sociopata.

    • David disse:

      É o que ômi. Vc acha que pra desbaratar essa enorme quadrilha, a PF, o MP e um juizeco conseguem fazer alguma coisa? Amigo essa quadrilha é uma rede bem montada, onde vários membros dela estão n STF, sabe pra que? É pra travar, dificultar, anular a ação dos homens de bem, que tentarem atingir esses bandidos. Só esses gênios da lava jato conseguiram parar as ações nefasta desses CANALHAS ladrões… Pra Isso tiveram que arregimentar a mídia, alguns políticos, dobrar parte podre do stf, acontece que com o tempo, e o avanço da operação, começa atingir todos os bandidos, nisso, eles, os bandidos, ensaiam uma reação, e é isso que estamos vendo, são aliados dos bandidos na mídia, nas redes sociais, nos tribunais, todos querendo extinguir a operação mais eficiente e favorável ao povo e a nação de toda a história desse país. São roubos de trilhões de reais desvendados, poderosos presos, bilhões recuperados. Você acha algo mais maravilhoso que isso? Viva a lava jato e MORO 2022

  2. Vitor Silva disse:

    O mais assustador é o tom de megalomania e a certeza do tom político dado por Deltan a lava jato (eu sou a favor da operação). Subiu tanta a cabeça que ele mandava as mensagens para si próprio num devaneio sem tamanho. Detalhe: A CF proíbe que membros do poder judiciário, incluindo do Ministério Público Federal, se filiem a partidos políticos e disputam eleições.

  3. Ivan disse:

    Seria um baita senador!!!! Bora Deltan!!!!!!!

  4. Peconhento disse:

    Pronto mais um crime cometido por Dallagnol, falou em ser candidato aaiiimmmmmm!!!!
    Como é mesmo o resultado da pesquisa dessa semana, fabricada nos porões da esquerda e divulgada pelo datafolha que dá vitória ao derrotado Haddad???
    Não tem nada mesmo patético e improdutivo para ficar gastando o tempo???
    Qual a razão desse terroristas do intercePT não estão presos??? Lembrei, vocês mebram??? Gilmar Impunidade Mendes deu um HC preventivo a eles. Isso sim é fazer justiça!!!

  5. fabio soares lins disse:

    ja tem meu voto e apoio

Juiz suspende processo disciplinar contra Deltan Dallagnol

Foto: Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil – 14.11.2016

O juiz federal do Paraná Nivaldo Brunoni determinou a suspensão de processo administrativo no Conselho Nacional do Ministério Público contra o coordenador da força-tarefa da Operação Lava Jato, Deltan Dallagnol. O procedimento se refere a críticas que o procurador fez a ministros do Supremo Tribunal Federal. A decisão corre em segredo de Justiça.

Em entrevista, Deltan afirmou: “Os três mesmos de sempre do Supremo Tribunal Federal que tiram tudo de Curitiba e mandam tudo para a Justiça Eleitoral e que dão sempre os habeas corpus, que estão sempre se tornando uma panelinha assim… que mandam uma mensagem muito forte de leniência a favor da corrupção”.

Deltan recorreu ao Judiciário pela reabertura do prazo de 10 dias para suas alegações finais no processo. O pedido foi acolhido pelo juiz.

De acordo com o magistrado, “o CNMP tomou conhecimento de que a defesa do requerente fora descontinuada ainda durante o curso do prazo para alegações finais e, ademais, havia prova no processo de que os novos advogados vinham tentando habilitar-se e ter acesso aos elementos de prova existentes no processo”.

“Logo, não parece razoável tolher da defesa técnica a oportunidade de defender o acusado naquele que é o último evento próprio para o exercício da ampla defesa no PAD (segundo o Regimento Interno do CNMP): as alegações finais”, escreveu.

“Há claro prejuízo à ampla defesa e ao contraditório do processado, que deixou de apresentar alegações finais porque o advogado originalmente constituído renunciou/substabeleceu, no interregno do prazo que escoava, os poderes que lhe foram atribuídos, dificultando a ação de seus sucessores — que, por sua vez, não tiveram tempo hábil para, nas horas que remanesciam analisar os conteúdos do PAD nº 1.00898/2018- 99 e do RD n.º 1.00762/2018-98 e formular os argumentos defensivos”, anotou.

O magistrado que acolheu pedido de Deltan atua na Operação Lava Jato. Brunoni trabalhou como juiz convocado do Tribunal Regional Federal da 4ª Região em casos envolvendo as investigações sobre o escândalo da Petrobras.

Ele foi responsável, por exemplo, pelo ofício encaminhado ao então juiz federal Sergio Moro, em abril de 2018, para determinar a prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, para cumprimento de pena no caso triplex.

R7, com Estadão

 

Justiça Federal determina adiamento do julgamento do processo disciplinar envolvendo Deltan Dallagnol no CNMP

A Justiça Federal determinou o adiamento do julgamento do processo disciplinar envolvendo Deltan Dallagnol no CNMP (leia aqui a íntegra da decisão).

O julgamento estava previsto para terça-feira, dia 27.

PRESTÍGIO: Ex-ministro do STF defenderá Deltan Dallagnol no CNMP sem cobrar

Os advogados Eduardo Mendonça e Felipe de Melo Fonte deixaram a defesa de Deltan Dallagnol nos processos aos quais responde no CNMP. O coordenador da força-tarefa da Lava Jato, no entanto, contará com a ajuda do ex-ministro do STF Francisco Rezek, informa o UOL.

A entrada de Rezek no caso acontece a pedido da ANPR. Ele ajudará na defesa de Deltan “pro bono” — ou seja, sem cobrar.

O Antagonista

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Nobre disse:

    PRESTÍGIO NÃO BG.
    COMPETÊNCIA!!!
    Ainda tem muitos brasileiros dispostos a ajudar o país.
    De fender dr Deltan, gratuitamente é ter amor pelo Brasil.
    O resto é esperneio da esquerda, junto com a grande mídia.

  2. Vitor Silva disse:

    Péra, a defesa do Deltan era feita por advogados do escritório do Barroso? (aí alguém vai dizer que o escritório não é mais do Barroso, ele saiu pra assumir vaga no STF. Isso funciona assim: ele finge que não é mais dele e todo mundo finge que acredita)

    • Delano disse:

      Vitor, não dê apoio a bandidagem, logo vc será, se já não é, vítima do bandido.

    • Vitor Silva disse:

      Fala, Delano. Bandido: substantivo masculino. Indivíduo que pratica atividades criminosas. Entendeu? Não interessa de que lado seja. Infringiu a lei deve pagar.

Conselho Nacional desarquiva reclamação contra Deltan Dallagnol

FOTO: ERNANI OGATA/CÓDIGO19/ESTADÃO CONTEÚDO

O CNMP (Conselho Nacional do Ministério Público) impôs na manhã desta terça-feira (13) dois reveses ao coordenador da força-tarefa da Lava Jato no Paraná, Deltan Dallagnol.

Na sessão desta terça, o órgão decidiu desarquivar uma reclamação disciplinar contra os procuradores Deltan Dallagnol e Roberson Pozzobon, integrantes da força-tarefa da Lava Jato em Curitiba, em função de supostas mensagens trocadas entre eles e publicadas pelo site The Intercept Brasil e pelo jornal Folha de S.Paulo.

O pedido para o caso ser desarquivado foi apresentado na sessão desta terça-feira pelos conselheiros Leonardo Accioly da Silva e Erick Venâncio Lima do Nascimento. O relator ainda será definido.

A decisão de arquivamento havia sido tomada individualmente pelo corregedor nacional do Ministério Público, Orlando Rochadel Moreira. Na sessão desta terça-feira, foi decidido que um conselheiro será designado para analisar o pedido de revisão do arquivamento.

O novo relator deverá se manifestar se mantém ou não o arquivamento, mas, segundo a assessoria do CNMP, na prática, o caso já está reaberto para reconsideração.

Em outro caso, o conselho também negou um recurso apresentado por Deltan Dallagnol, contra a abertura de um processo administrativo disciplinar.

Esse segundo episódio diz respeito às declarações de Deltan à rádio CBN, em que ele sugeriu que o STF (Supremo Tribunal Federal) passa a imagem de leniência a favor da corrupção. Com a negação do recurso, o processo seguirá tramitando normalmente no órgão.

Em uma terceira decisão envolvendo Deltan, o CNMP também decidiu adiar a análise de um outro caso, movido pelo senador Renan Calheiros (MDB-AL), se refere a críticas disparadas por Deltan ao longo da campanha eleitoral do ano passado.

Recado

Em meio à publicação de mensagens atribuídas a integrantes da força-tarefa da Lava Jato em Curitiba, a procuradora-geral da República, Raquel Dodge, disse nesta terça-feira que apoia a atuação de membros do Ministério Público, mas observou que exige “atuação dentro dos marcos da legalidade”.

O comentário da procuradora foi feito na abertura da sessão do CNMP. Integrantes do CNMP ouvidos reservadamente pela reportagem enxergaram na fala de Raquel Dodge um recado claro direcionado a Dallagnol e aos demais integrantes da força-tarefa da Lava Jato em Curitiba.

“A Procuradoria Geral da República apoia a atuação institucional de todos os seus membros, para o cumprimento da missão. Mas igualmente exige que o desempenho da atuação institucional se dê inteiramente dentro dos marcos da legalidade”, disse Raquel Dodge na abertura da sessão, sem mencionar nomes ou casos específicos.

“E respeita e apoia a atuação constitucional deste Conselho Nacional do Ministério Público, cuja missão constitucional é zelar pela autonomia funcional e administrativa do Ministério Público, o que faz incentivando boas práticas, apoiando projetos criativos para melhor desempenho das funções, e controlando a atuação administrativa e financeira dos dirigentes e membros, para que haja o efetivo respeito aos seus deveres funcionais”, completou.

Estadão

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Ivan disse:

    Nesse país de bandido, mexer com corrupto de colarinho branco dá processo!!! O povão gosta é de diálogos "cabulosos"…Bandido bom é bandido preso!!!!

  2. Fernando disse:

    Esse lombriga de cachorro é um perigo pra democracia e pra sociedade brasileira.

  3. Carlos disse:

    Palhaçada.
    País de bananas.
    Quando surge um pra fazer valer a lei, surgem mil ladrões pra roubar a dignidade da esperança por dias melhores.

    • Carlos Junior disse:

      Carlos, que dignidade ?.
      Moro e Deltan, agiram de forma espúria, quebrando as normas do direito legal; eles na condição de agentes públicos tem o dever de zelar pela lisura do processo. Então vejamos:
      Moro, pede aos seus pares para não incomodar FERNANDO HENRIQUE CARDOSO, "ele é um bom aliado", solicita também a não apreensão do celular de EDUARDO CUNHA …… Deltan, agindo como se fora um politico; fazendo armação.. perdoe-me ajustiça não pode agir assim…..

    • Anti-Político de Estimação disse:

      Fazer valer a lei não é a mesma coisa que IMPOR a própria lei ao bel-prazer.

ÁUDIO E VÍDEO: BG comenta o Modus Operandi de Deltan Dallagnol

Confira o comentário do BG sobre o “Modus Operandi” de Deltan Dallagnol. Trecho direto do programa Meio-Dia RN nesta segunda-feira(12).

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Pandora disse:

    Deltan é membro de uma quadrilha de grileiros de terras. E vcs todos foram enganados. Se tivesse estudado DIREITO, saberiam que a justiça para ser boa tem que seguir LEIS e não pode ser realizada de acordo com convicções políticas e interesses pessoais.
    Moro como JUIZ, deveria ser imparcial e ético. Jamais poderia combinar sentença com Deltan.
    Acordem e peçam perdão a DEUS. Dallagnol já deve estar orando de joelhos porque sua religião não aceita cobiça e mentira.

    • Rio disse:

      Nossa, vc deve ter estudado muito…..hoje não passa de uma viúva do presidiario barbudo. Tenha vergonha na cara vagabundo

  2. Maria disse:

    OI????? É SURREAL. EITA SOCIEDADE DOENTE. O DISCURSO ERA QUE POLITICO DE COLARINHO BRANCO NÃO IA PRESO NO BRASIL. AGORA VEMOS AOS POUCOS ALGUNS ATRÁS DAS GRADES GRAÇAS AO TRABALHO DE JUÍZES E PROCURADORES CONCURSADOS, E NÃO NOMEADOS, PORÉM, UM GRUPINHO DA SOCIEDADE QUER A CABEÇA DOS JUÍZES E DOS PROCURADOS. É DE LASCAR.

  3. Dan Monteiro disse:

    BG lamentável seus comentários contra o procurador Deltan … Todos sem nexo e um pingo de embasamento jurídico, esta é sua opinião pessoal, a minha e de milhões de brasileiros são totalmente diferentes da sua …

  4. Boris disse:

    BG!
    Não esqueça que dr Deltan, tá lutando com gente de calibre grosso, não é com menino buchudo não viu? Veja do que esses caras são capazes, e ainda mais com o aval do ministro Gilmar Mendes e parte da grande mídia BG.
    De maneira que se ouve algum escorrego, foi porque foi PRECISO. não que justifique, mas dr Deltan já começou a pagar pelo erro, bastar ouvir o seu comentário.
    Agora, de uma coisa fique certo BG.
    Ou o cara tem CORAGEM de agir assim como ele agi, na canelada, na tapa de todo jeito, ou ele e toda equipe lava jato, é esmagada, atropelada e as várias noites em claro trabalhando, não terá valido a pena pra sociedade, pros brasileiros, ta certo?
    Ou se dá um basta nesses corruptos agora BG, ou tchau tchau Brasil.

  5. mauricio disse:

    BG vc ataca dalalagnol querendo repetir a boquinha do governo, tu vai ficar sem patrocinion nós vamos parar de comprar produto que patrocina esse blog

  6. Dilma disse:

    Não se faça de inocente bg, o aparelhamento do estado na mão dos bandidos, não deixaria em hipótese alguma a ação da justiça desbarata-los, prendê-los e recuperar o que recuperou, sem a quebra de algumas barreiras tão bem montadas por esses criminosos. Os criminosos tem representantes bem pagos no judiciário, na mídia, no congresso e na sociedade organizada, tanto é verdade que até hoje, a justiça nunca conseguiu impor a lei contra esses ladrões de dinheiro público brasileiro, e isso é o mal maior responsável pelo desemprego e miséria que se alastra pela nação.

  7. Sidney disse:

    É por atitudes como essa do nobre blogueiro que a cada dia vejo que o crime realmente compensa,um grupo criminoso como esse que vem sendo colocado na cadeia a cada fase da lava jato.Olhe Sr: BG eu tenho vergonha de ser brasileiro quando vem à minha mente que as articulações criadas para acabar com essa operação está dando certo.O grupo criminoso está caminhando para se safar,que país de MERDA é esse que vivemos,gostaria de ter condições de levar minha familia para bem longe desta POCILGA.

  8. xarope disse:

    Já vi publicação de modus operandi de quadrilha ou bandido que ataca a sociedade. O BG está interessado em divulgar o modus operandi de um esquemma que desarticulou a maior organização de corrupção do Brasil. E que já recuperou mais de R$ 4 bilhões.
    PARABÉNS BG voce vai virar um herói.

Deltan Dallagnol diz que corrupção reage à Lava Jato: “O rolo compressor político quer o retrocesso”

Foto: Geraldo Bubniak / Agência O Globo

Deltan Dallagnol, em entrevista à Época, falou sobre a reação de setores da classe política à Lava Jato.

Segundo o coordenador da força-tarefa, o “rolo compressor político quer o retrocesso”. “A corrupção reage”, afirma.

“Existe um oportunismo de buscar e identificar qualquer brecha para atacar a operação, distorcer fatos e atacar os personagens que acabaram tendo protagonismo na operação. E o objetivo disso, a meu ver, não é atacar a pessoa do Deltan, a pessoa do Moro. É atacar o caso, a Lava Jato”, disse.

Dallagnol afirmou ainda:

“O que a sociedade precisa reconhecer é que não é suficiente um grupo de procuradores, policiais, juízes, auditores, de pessoas, lutarem contra o sistema corrupto. Talvez a ilusão tenha sido em algum momento acreditar que a Justiça iria se sobrepor ao sistema político.”

O Antagonista com Época

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Getro disse:

    Juízes e promotores tem sempre uma resenha antes de uma sentença…… é normal……

  2. Pepê disse:

    Dr Deltan, fique tranquilo, a essa altura do campeonato, depois de Dr Moro o senhor já é o terceiro da fila ok?? Enquanto os esquerdopatas, só tem o preso, Lula da silva.
    Isso quer dizer, que podem espernear, PT ladrão nunca mais.
    Tchau corruptos.

  3. Mário Villar Ribeiro Dantas disse:

    Enquanto a chamada força da natureza composta pela banda corrupta da política, a banda corrupta do empresariado e a banda comprada da imprensa não acabar com a lava jato ela não desistirá, até porque não tem outra saída para sobreviver e continuar roubando à população e destruindo o país ,em beneficio próprio.

  4. Olimpio disse:

    Se na nossa justiça existisse uns 10 Moro e uns 10 Deltan nosso país era outro.

  5. Raimundo da Silva disse:

    Vejo pessoas defendendo seus lados na política, vejo gritos em favor de um e outro, vejo que realmente dividiram o país politicamente.
    Nisso tudo existe algo INCONTESTÁVEL: " O QUANTO A VERDADE VEM INCOMODANDO".
    Incomoda tanto que muitos vivem das ilusões criadas para NÃO SENTIR A DOR QUE A VERDADE causa.
    Impressiona ver o quanto esse país foi levado, dominado e doutrinado a viver de utopias criadas em nome da continuidade no poder.
    Temos uma parte significativa do povo brasileira devidamente ADESTRADOS, DOUTRINADOS, MANIPULADOS para só ouvir, entender e seguir o que 01 partido fala, cria e vende. O domínio na mente dessas pessoas é tão FORTE e SIGNIFICATIVO que eles se olham não se vêem. VÃO GRITAR E ACUSAR OS OUTROS DE SER E FAZER AQUILO QUE PRATICAM. Com isso fica a pergunta: Fazem propositalmente ou por desespero?????

  6. Allan Penalva disse:

    Entendo ele, mas o que se está discutindo são os meios que ele queria usar para atacar as pessoas envolvidas nos processos, disso ele não falou, ou seja tá mesmo esperando o coice de Gilmarzinho, que deve tá a caminho e disso não tenham dúvidas.

  7. Antonio Turci disse:

    Na condição de brasileiro e da liberdade de opinião, embora reconhecendo minha humildade, externo minha total confiança em Deltan, Moro e demais bravos que levam adiante a Operação Lava Jato. Pena que parte significativa do país não faça o mesmo e, agindo assim, contribua para dificultar a moralização do país.

Reportagem do UOL com informações do The Intercept noticia que Deltan Dallagnol “usou” a Rede para mover ação contra decisão de Gilmar Mendes

Com base em outras mensagens roubadas, o UOL, parceiro agora oficial de Glenn Greenwald, diz que Deltan Dallagnol “usou” a Rede para mover ação contra decisão de Gilmar Mendes, depois que o ministro concedeu um HC de ofício em favor do tucano Beto Richa.

O UOL diz que, como procurador de primeira instância, Deltan “usurpou” a competência da PGR.

Análise de O Antagonista rechaça “análise” e diz que um partido político, que tem legitimidade para propor ADPFs, pode muito bem ser convencido por qualquer cidadão — e procuradores são cidadãos — a propor ações de qualquer tipo. É do jogo. E a Rede não pode ser tratada como legenda de aluguel.

Procurador não é juiz, senhores.

O Antagonista ainda provoca reportagem e diz que “Usurpação é o que ministro de tribunal superior faz ao encontrar-se na calada da noite com poderosos acusados de crimes de corrupção e lavagem de dinheiro”.

Com informações de O Antagonista e UOL

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Raimundo disse:

    Lula livre, Cunha livre Cabral livre solta tudo a lava jato foi uma farsa! Eram 3 anjinhos junto com Dirceu e mais 155 condenados solta tudo foi tudo forjado

    • Fábio disse:

      Raimundo, acho que estão confundindo as coisas. Lula e todos que devem têm que ficar presos, porém não justifica uma ação ilegal para coibir outra. Se for assim, não haverá justiça no real sentido da palavra. Tem que ser punido quem erra, independente de que é.

  2. Edilson Sion disse:

    Homi, Dallagninho parece que não trabalhava muito não, era como diz minha mãe "dipindurado" nos apps de conversas. agora ele arranjou o chapéu da viagem, cutucou onça com vara curta mesmo, querendo reiar logo quem? Gilmarzinho não é de levar desaforo para casa, o procurador bb da nívea e lisa pele que aguarde.

  3. Walsul disse:

    Essa operação lava jato parece cometer mais ilegalidades que a quem eles acusam. Qualquer cidadão pode acionar partidos, mas quando um cidadão, procurador, usa isso para conseguir algo que não seja por interesses coletivos e sim, de um grupo, isso não pode. Por que não acionaram a procuradoria geral da república para obter o que queriam? Porque é um jogo, não movimentos republicanos.

    • Arthur disse:

      Eu até acredito que a Lava Jato começou com uma boa intenção, mas visivelmente foi contaminada pelo viés político e deixou de ser imparcial. Perdemos uma ótima oportunidade de colocar muita gente dos dois "lados" na cadeia. Conseguiram o que queriam, esquerda na cadeia e direita no poder. Pau que bate em Chico deveria bater em Francisco.

Folha de São Paulo se enrola em “reportagem grotesca”; em resposta com documentos, Deltan Dallagnol só faltou “desenhar”

Foto: Ilustrativa

A Folha de São Paulo dobrou a aposta. E perdeu de novo. A partir das mensagens roubadas por um grupo de estelionatários, especializados em fraudar e forjar documentos, o jornal publicou sua reportagem mais grotesca até agora.

Ela diz:

“Deltan foi pago por palestra em empresa citada na Lava Jato.”

Trata-se da Neoway, do setor de tecnologia.

Quando Deltan Dallagnol deu a palestra, porém, ele ignorava que a empresa havia sido citada pelo delator Jorge Luz.

E sabe o que é mais espantoso? As mensagens roubadas pelos estelionatários e publicadas pela Folha provam que isso é verdade.

Quatro meses depois de dar a palestra, de fato, ele descobriu que a empresa havia sido delatada e escreveu no grupo da Lava Jato:

“Dando uma passada de olhos nos anexos do Luz, vejam o que achei. Empresa de TI que veio apresentar produtos de TI para LJ.”

E também:

“Isso é um pepino pra mim. É uma brecha que pode ser usada para me atacar (e a LJ), porque dei palestra remunerada para a Neoway, que vende tecnologia para compliance e due diligence, jamais imaginando que poderia aparecer ou estaria em alguma delação sendo negociada.”

E o que ele fez depois disso? Afastou-se imediatamente do caso, declarando-se suspeito:

“Quero conversar com Vcs na segunda para ver o que fazer, acho que é o caso de me declarar suspeito e não sei até que ponto isso afeta o trabalho de todos (prov tem que ser redistribuído para colega da PRPR e dai designar todos menos eu para assinar).”

Em seguida, todos os procuradores que tiveram contato com a Neoway imitaram Deltan Dallagnol e se afastaram do caso.

Isso é um pepino, Folha de São Paulo.

Deltan Dallagnol respondeu à grotesca reportagem da Folha, em que as mensagens roubadas por estelionatários ridicularizam a própria reportagem:

A respeito da matéria que a Folha publicou hoje, o procurador Deltan Dallagnol afirma ter atuado com absoluta correção. Ele não reconhece as mensagens que têm sido atribuídas aos integrantes da força-tarefa, que são fruto de crime e não tiveram contexto e veracidade confirmados. Sem entrar no conteúdo das mensagens, é importante esclarecer o que ocorreu. Seguem documentos que explicam o ocorrido. É importante agregar informação sobre a linha do tempo: o procurador Deltan Dallagnol jamais participou de negociação ou ato de negociação do acordo de colaboração mencionado na reportagem, que era de responsabilidade da procuradoria-geral da República. Ele não esteve entre os procuradores da força-tarefa designados para atuar no acordo. Assim que tomou conhecimento da menção da empresa Neoway no acordo, o procurador informou os colegas, em meados de 2018. Após o acordo ser homologado pelo Supremo, o termo de depoimento do colaborador sobre a empresa foi enviado para a força-tarefa em Curitiba. Assim que recebido, o procurador, no início de junho deste ano, declarou-se suspeito e o caso foi redistribuído para procurador de fora da força-tarefa. Além disso, por questão de transparência e prestação de contas, o procurador encaminhou ofício ao corregedor do Ministério Público Federal explicando toda a situação. Isso ocorreu logo após o caso descer para Curitiba e antes da divulgação das supostas mensagens. O corregedor, entendendo não haver nada de errado, arquivou o ofício.

Documentos 

1) o ofício para o corregedor relatando toda a situação. (Veja aqui)

2) decisão da juíza que autoriza o fornecimento do ofício e lamenta a divulgação de fatos sob investigação. (Veja aqui)

3) e-mails que comprovam que o procurador adota cautelas para evitar conflito de interesses, recusando palestras quando se relacionam com empresas investigadas na Lava Jato. (Veja aqui)

É importante esclarecer que essa foi a única situação em que ocorreu conflito e, uma vez identificada, o procurador agiu corretamente, declarando-se suspeito e comunicando a corregedoria de modo espontâneo. E, novamente, a corregedoria arquivou a comunicação por entender adequado o procedimento.

Com informações de O Antagonista

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Murilo Laranjeiras disse:

    Ou menino traquinas esse tal de Dallagnol, né?

  2. Wagner disse:

    Eu só sei que por esse fanatismo por Lula é que até hj a Foice de São Paulo passa vergonha, primeiro foi aquela notícia às vésperas das eleições dizendo que Bolsonaro contratou empresas para espalhar fake news e hj se aproveita de mensagens que são fruto de ilegalidades para recortar mensagens fora de contexto para prejudicar a Lava Jato. A Foice de São Paulo tem que entender que Lula não foi condenado porque havia um suposto conluio não e sim porque houve provas e foram muitas. Chega de certos setores da imprensa serem militantes, tenham responsabilidade com a verdade, a Veja Lula é outra que agora tá perseguindo Moro porque o André Esteves que foi o banqueiro que financiou a compra da Veja Lula pelo novo dono, estava enrolado na Lava Jato e agora tá se utilizando dessa revista para se vingar de Moro.

  3. Rafhael disse:

    A MENTIRA usada como arma contra a justiça se mostra frágil, ineficaz e inconsistente.
    Os diálogos criminalmente obtidos não mostram nada, absolutamente nada de errado na conduta dos magistrados.
    Além do fato que o crime foi cometido contra autoridades públicas, membros da presidência e do judiciário, o que configura crime contra a segurança nacional. Que venha a punição pelos diversos crimes cometidos com as provas de forma exemplar

Deltan Dallagnol, coordenador da Lava Jato, critica decisão de Fux pela suspensão de investigação de Queiroz, e “espera que o ministro Marco Aurélio reverta liminar”


Reprodução: Twitter

O coordenador da força-tarefa da Operação Lava Jato, Deltan Dallagnol, usou o microblog Twitter nesta quinta-feira(17) para manifestar sua insatisfação diante da decisão tomada pelo ministro do STF, Luiz Fux, sobre a suspensão da investigação sobre Queiroz, ex-assessor de Flávio Bolsonaro.

O deputado estadual e senador eleito Flávio Bolsonaro obteve na quarta-feira uma liminar do Supremo Tribunal Federal (STF) para suspender as investigações sobre as movimentações atípicas envolvendo Fabrício Queiroz , ex-assessor de seu gabinete. Na reclamação feita ao Supremo, Flávio argumentou que deveria ser processado no STF pelo fato de que assumirá o mandato no Senado em poucos dias. A decisão é do ministro Luiz Fux, que decidiu pela suspensão da investigação por entender que cabe ao relator sorteado no STF, ministro Marco Aurélio Mello, decidir em que foro o caso deve prosseguir. O caso corre em sigilo.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Curiosa disse:

    Clovis, vc conhece algum motorista que movimentou R$ 1,2 Mi por ano? Se isso pra vc não é prova concreta, com toda certeza um triplex que não tinha escritura tbm não é. Vamos começar a ser um povo fiscalizador e cobrar dos políticos atitudes idôneas, afinal de contas eles são nossos funcionários e muito bem pagos para a função que exercem.

  2. Lorena disse:

    Tem que apurar e julgar. Se for culpado cadeia, se não prestar para fora, nao tenho partido nem defendo corrupto

  3. Lula livre disse:

    Esperando os comentários dos eleitores do ?‍✈️?.??171

    • Giselle disse:

      eu também rsrsrsrs

    • Ricardo disse:

      Não consigo entender um cara com esse codinome possa entender algo, pois pra idolatrar um ladrão, e olhe que não é um ladrão comum, esse ladrão comandou o maior roubo da história mundial, e é um roubo que interferirá na sua vida, de seus familiares e amigos, e muito negativamente, por várias gerações. Então ele não pode ser um Animal racional, é um energúmeno imbecil!

    • Edje Ram disse:

      Tá ai meu comentário: Lula tá preso babaca!!!
      Diferente de vc ,os eleitores de Bolsonaro querem do MPF e do próprio presidente pedido de rigor na apuração. aqui não tem babá de bandidos como vc do PT que adora um caviar e apoia um ditador como maduro!!

    • Ramalho. disse:

      Lula preso, já mais solto.
      Lugar de bandido, é na cadeia.
      Agora o coordenador da lava jato, tem toda razão, quem tiver culpa que PAGUE Isso é o certo, o que não pode é deixar impune, e usar do artifícios da quadrilha petralha e o seu chefe guru de 19 dedos.
      Se ainda não são investigados que sejam.

      Se tornar um CONDENADO, meta na cadeia, a socidade brasileira agradece. Lula e sua quadrilha, NUNCA MAIS.
      Satisfeito ???

    • Edje Ram disse:

      Cadeia ! Comprovado o roubo , seja quem for … filho de presidente . Cadeia.. e Lula tá preso babaca !!!!

    • Clóvis disse:

      Vamos pelos fatos: "Lula tá preso babaca". O resto é mimimi, ui,ui,ui…
      Nada existe de concreto, apenas especulações e suposições e nisso o PT é cátedra, afinal enrola seus eleitores desde sempre e eles repetem as sandices de seus líderes sem qualquer questionamento.
      Acho que o país tem que PARAR e se preocupar com isso, coisa MUITO SÉRIA, bem MAIS GRAVE QUE O MENSALÃO, PETROLÃO, LAVA JATO, DELAÇÃO DE PALOCCI e todos os processos CRIMINAIS contra a turma do PT.
      Muito mais grave que todos os objetos do palácio do planalto levados "por engano" pelos ex presidentes do PT e guardado em cofres pago pelos amigos.
      Isso é muito mais grave que o caso sem solução de Rosimere a ex amante.
      Isso é muito mais greve que o ex funcionário de zoológico que virou milionário do nada e nunca tirou sozinho na nega da virada.
      Querem mais, tem uma lista infinita…