Tomba critica 11 meses da gestão Fátima e diz que governo “só está gerindo as suas próprias contas”

Foto: Divulgação/ALRN

O deputado estadual Tomba Farias (PSDB) avaliou, nesta quarta-feira (13), durante a sessão plenária da Assembleia Legislativa, os 11 primeiros meses de gestão da governadora do Estado Fátima Bezerra (PT). Segundo ele, os serviços são mal prestados e nem mesmo o pagamento das emendas parlamentares está sendo respeitado.

“O Governo precisa cumprir com as suas obrigações e respeitar, pelo menos, as obras e as ações oriundas de emendas nossas. Queremos um calendário, queremos saber quando elas serão empenhadas e posteriormente pagas”, pronunciou-se, pedindo uma intervenção do secretário de Gestão de Projetos e Articulação Institucional (Segai), Fernando Mineiro, que relatou o Orçamento 2019.

Além do não pagamento das emendas, Tomba Farias comentou os atrasos de fornecedores e cooperativas, lembrando que os salários atrasados também não têm sido honrados pelo Governo. “Os serviços estão mal prestados e atrasos acontecendo, mas a atual gestão não paga nada anterior, só está gerindo as suas próprias contas”, finalizou o deputado.

ALRN

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Gato Mestre disse:

    Deputado falastrão, ao longo de sua carreira política fez campanha pra os cretinos que nos atolaram nesse buraco, parceiro de Henrique Eduardo Alves. Cretino.

  2. Edson disse:

    fazendo mais que robinho que nao geriu as dele!!!

  3. Anti-Político de Estimação disse:

    E quais as sugestões que o nobre Deputado tem a oferecer ? é disso que o Estado e o País precisam, e não de blá-blá-blá inútil e politicagem barata de um lado e de outro.

LACOMBE TEM COMPANHIA: “Como jornalista, sinto-me constrangido. Todos os manuais de redação foram rasgados”, diz Britto Jr

(Imagem: Reprodução/ Instagram)

Britto Jr usou suas redes sociais para fazer duras críticas ao jornalismo da Globo. Em uma das suas publicações, na última quarta-feira (30), o apresentador, que está afastado da TV, criticou a polêmica reportagem pelo Jornal Nacional.

Na matéria, cabe lembrar, a emissora afirmou que o nome de Jair Bolsonaro (PSL) estava sendo citado no caso da morte de Marielle Franco (PSOL).

“Como jornalista, sinto-me constrangido com o crescente baixo nível na luta pela audiência e na defesa de interesses corporativos. Todos os manuais de redação foram rasgados. Jair Bolsonaro fez live indignada direto da Arábia para rebater a notícia que o envolve no caso Marielle”, começou ele no Twitter.

“Ou os veículos dão um basta neste circo de horrores, exigindo seriedade de seus programas, inclusive tirando do ar os que praticam injúria e difamação de forma aberta e irresponsável, ou a falta de credibilidade vai se voltar contra os próprios veículos. Já está acontecendo”, desabafou o famoso.

VEJA MAIS – VÍDEO: Luis Ernesto Lacombe expressa constrangimento com falhas no jornalismo e dá “aula” com sugestão de como se produz uma matéria

Britto Jr seguiu com a sua indignação. “Aposta-se no ‘se colar, colou’, na manipulação de versões sobre fatos irrelevantes ou que nem ocorreram. Se acham no direito de julgar pessoas, rasgando reputações com desfaçatez. Jogam uns contra os outros e ainda brigam entre si”, afirmou ele.

“Isso tudo também é fake News e tem que acabar. A impunidade de sites, portais e emissoras decorre do pressuposto de que as vítimas deste tipo de assédio moral e reputacional preferem não recorrer à justiça, imaginando que isso somente serviria para prolongar o assunto e piorar o massacre. Até quando?”, perguntou o jornalista.

Reprodução: Twitter

Terra, via RD1

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Josiel disse:

    Pannunzio: Bolsonaro é um ditador ainda sem ditadura!
    Bolsonaro só não é um tirano neste momento porque não teve força para implantar um regime ditatorial.
    Perguntar não ofende: Por que os “inimigos do crime” Bolsonaro e Moro nunca se empenharam no caso Marielle?

  2. João Bosco Macedo disse:

    Olha vada vez mais fica evidente que a grande questão da Globo, é se aproveitar de qualquer fato para tentar tirar proveito. E quabdo se trata do Presidente Bolsonaro, ai é que eles não seguem nenhum principio, a não ser a ideia de derruba-lo antes de 2022. Pois sabe que até la não vai mais ter mamata, como também vai ter que juntar muito dinheiro para pagar as dividas com a União. Rasgaram todos os códigos de éticas do bom jornalismo. Nesse caso chega a ser vergonhoso. Pareceu mais a historia de biata fofoqueira… Só Deus na causa. Que pena do nosso querido oovo Brasileiro que a Decadas vem sendo desinformado. E o mais triste disso é que muitos condenados ainda temtam tirar proveito disso. Ou será que tem acordo por trás? Vai saber!.

  3. Robert disse:

    Ninguém pode achar, a esta altura, que assistimos apenas à um espetáculo dantesco de descontrole político e emocional do clã Bolsonaro. Sim, é, mas está longe de ser somente isso. Bolsonaro está evidentemente provocando.

  4. Wellington disse:

    O problema é que muitos dos jornalistas tão se achando os únicos dono da verdade

  5. natalsofrida disse:

    Ainda bem que existem jornalistas sérios no nosso país. Já chega de tanta mentira, lambanças e lixos, o jornalismo sério, é aquele imparcial. Lebram do velhinho Cid Moreira, pois
    é, tão bonzinho né, recebendo de Sarney um contra cheque de 25 paus por mês, agora imagine pra quê? Tô falando daquela época que Sarney fatiou o Brasil quando era vc presidente. Difícil encontrar algum jornalista sério, mas tem.

  6. Maldoni disse:

    "PIMENTA NOS OLHOS DOS OUTROS É REFRESCO!"
    NÃO FOI ISSO QUE FIZERAM E CONTINUAM FAZENDO COM LULA?
    POR QUE ESSA INDIGNAÇÃO APENAS AGORA QUE BOLSONARO FOI O ALVO ?
    SERA QUE PODEMOS TUFO QUANDO A VITIMA É NOSDO ADVERSÁRIO E EXISTEM PESSOAS INTOCÁVEIS COMO FORAM AÉCIO, FHC, SERRA E AGORA BOLSONARO?
    ATACAR POR MEIO DE FAKES NEWS (INVENTANDO MENTIRAS TIPO A MAMADEIRA DE PIROCA) NÃO É O MODUS OPERANDI DA FAMÍLIA BOLSONARO?

    • Yago disse:

      O X da questão é que contra Luladrão não são denúncias esfarrapadas, são sentenças já julgadas, inclusive ele tá vendo o sol nascer quadrado já faz um tempinho.

    • Acorda Brasil disse:

      Deixa de conversar lorota… Fala como se Lula fosse um inocente perseguido pela imprensa. São mais de 140 presos! Lula é um quadrilheiro. Um criminoso de alta periculosidade.

    • Lindoarte Lima disse:

      Lula é picareta que afundou esse país!

    • MG disse:

      Só uma pequena observação . Lula é bandido, acumula duas condenações e é réu em vários outros processos.

    • Ferreira disse:

      Esqueçam de Lula seus idiotas teleguiados por milicianos laranjas comandados por Orvalhos de Carvalho o enviesado Pavão Misterioso do Carluxo.
      Lula está preso seus babacas. E agora estamos falando do Presidente que se elegeu com os Fake News produzidos e distribuídos pela Rede de fake news encabeçada pela família Bolsonaro, Olavo de Carvalho e Allan dos Santos, conforme diz Frota, que fazia parte desse esquema até um dia desses como membro do Partido do Suco de Laranja – PSL.
      Acusar Lula não isenta de culpa os seus "bandidos de estimação", robôs teleguiados que só sabem dizer: Lula, Lula, Lula…
      kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
      E saibam que nem todo mundo que critica ou quer satisfação do atual Pré-Fake, é Lulista ou petista. Deixem de ser otários manipulados.
      Todo mundo tem direito a criticar e querer saber o que se passa quando uma família que nunca trabalhou e só viveu da política até agora, está fazendo pelos mais pobres desse país.

‘Tentativa de manipular a verdade’, diz defesa de Lula sobre pedido do MPF de anular sentença no caso Sítio Atibaia

Foto: Reprodução

A defesa de Luiz Inácio Lula da Silva criticou o pedido feito pelo Ministério Público Federal, na quarta-feira (23), de anular a condenação de Lula, na primeira instância, no caso do sítio de Atibaia. Em nota, a defesa disse que há uma “tentativa de manipular a verdade nos processos envolvendo o ex-presidente” e que espera a anulação completa do processo.

O parecer foi protocolado pelo MPF após o Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) marcar um julgamento para a próxima semana para decidir se a sentença de condenação de Lula, no caso de sítio, será anulada. O pedido do MPF pede que o processo volte à 1ª instância e cita a determinação do STF de que réus delatados devem fazer alegações finais depois dos réus delatores.

Na nota, o advogado de Lula, Cristiano Zanin Martins, disse que nas razões de apelação apresentadas ao TRF-4 em junho, a defesa pediu a declaração da nulidade total do processo relativo ao sítio de Atibaia, assim como os demais processos que foram conduzidos pelo ex-juiz Sergio Moro.

Zanin acrescentou que a defesa vai buscar todas as medidas jurídicas cabíveis para que o tribunal analise esse pedido de anular todo o processo.

“Único desfecho compatível para o caso, além do oportuno reconhecimento de que Lula não praticou qualquer crime”, acrescentou a defesa.

Decisão do STF

O Supremo Tribunal Federal definiu que réus delatados devem apresentar as alegações finais (última etapa de manifestações no processo) depois dos réus delatores, garantindo direito à ampla defesa nas ações penais.

Com isso, processos em que réus delatores e delatados apresentaram as alegações finais ao mesmo tempo – como os da Operação Lava Jato – podem vir a ser anulados. Caberá aos ministros definir em que hipóteses isso ocorrerá.

Em agosto, a Segunda Turma do STF anulou uma sentença do ex-juiz Sergio Moro, que havia condenado Aldemir Bendine na Lava Jato. Para os ministros, o empresário não foi ouvido na fase correta.

Após essa decisão, a defesa de Lula pediu ao Supremo para conceder, ao ex-presidente, liberdade e anular duas condenações e parte de um terceiro processo.

Caso o TRF-4 anule a sentença, na semana que vem, o processo voltará à primeira instância da Justiça para nova decisão do juiz.

Julgamento não foi concluído

O julgamento do STF, que definirá em quais situações pode haver anulação de sentenças de processos em que há réus delatores e delatado, foi adiado no início deste mês. Não há nova data para apreciação do tema.

Os ministros já haviam decidido, por 7 votos a 4, que as alegações finais de réus delatores têm de ser apresentadas antes das alegações dos réus delatados, a fim de se assegurar o amplo direito de defesa.

Primeira condenação

A sentença do sítio de Atibaia é a segunda condenação de Lula na Lava Jato. O ex-presidente cumpre pena na Polícia Federal de Curitiba por corrupção e lavagem de dinheiro no caso triplex do Guarujá (SP), desde abril do ano passado.

Em abril deste ano, o Superior Tribunal de Justiça (STJ) manteve condenação e reduziu pena para 8 anos e 10 meses, em decisão unânime.

Antes disso, o recurso em segunda instância havia sido negado no TRF-4, que aumentou a pena da primeira instância, de 9 anos e 6 meses, para 12 anos e 1 mês.

A prisão do ex-presidente ocorreu após o esgotamento dos recursos no TRF-4. O andamento do processo tramitou durante cinco meses na segunda instância, até a decisão.

Denúncia do sítio de Atibaia

De acordo com o Ministério Público Federal, Lula recebeu propina do Grupo Schain, de José Carlos Bumlai, e das empreiteiras OAS a Odebrecht por meio da reforma e decoração no sítio Santa Bárbara, em Atibaia (SP), que o ex-presidente frequentava com a família. Outras 12 pessoas foram denunciadas no processo.

A acusação trata do pagamento de propina de pelo menos R$ 128 milhões pela Odebrecht e de outros R$ 27 milhões por parte da OAS.

Para os procuradores, parte desse dinheiro foi usada para adequar o sítio às necessidades de Lula. Segundo a denúncia, as melhorias na propriedade totalizaram R$ 1,02 milhão.

O MPF afirma que a Odebrecht e a OAS custearam R$ 850 mil em reformas na propriedade. Já Bumlai fez o repasse de propina ao ex-presidente no valor de R$ 150 mil, ainda conforme o MPF.

Segundo o MPF, Lula ajudou as empreiteiras ao manter nos cargos os ex-executivos da Petrobras Renato Duque, Paulo Roberto Costa, Jorge Zelada, Nestor Cerveró e Pedro Barusco, que comandaram boa parte dos esquemas fraudulentos entre empreiteiras e a estatal, descobertos pela Lava Jato.

Nota da defesa de Lula

“É clara a tentativa da Lava Jato de mais uma vez manipular a verdade nos processos envolvendo o ex-presidente Lula. Nas razões de apelação que apresentamos em 04/06/2019 ao Tribunal Regional Federal da 4ª. Região pedimos a declaração da nulidade total do processo relativo ao “Sítio de Atibaia”, assim como os demais processos que foram conduzidos pelo ex-juiz Sergio Moro – diante da sua clara parcialidade, além de outros graves vícios devidamente comprovados.

Além de toda a fase probatória ter sido conduzida pelo ex-juiz Sergio Moro, demonstramos, por meio de perícia, que a sentença condenatória proferida contra Lula parte do “aproveitamento” de decisão anterior do atual Ministro de Estado (relativa ao caso do “Triplex”).

A manifestação apresentada no final do dia de hoje (23/10) pelo MPF pedindo a nulidade do processo a partir das alegações finais, na linha do que havia sido sugerido em despacho proferido no início da manhã pelo Relator do recurso, busca atenuar as consequências jurídicas decorrentes das grosseiras violações perpetradas contra Lula também nessa ação.

Buscaremos, por todas as medidas juridicamente cabíveis, que o Tribunal analise o pedido que apresentamos em 04/06/2019 visando à declaração da nulidade de todo o processo, único desfecho compatível para o caso, além do oportuno reconhecimento de que Lula não praticou qualquer crime”.

G1

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. #Lula Na Cadeia sempre disse:

    Esse vagabundo ladrao condenado tem que apodrecer na cadeia

“A imprensa está perto do fim”, diz O Antagonista, após editorial do Estadão sobre a Lava Jato

Foto: Reprodução

O Estadão, em editorial, festejou o fim da Lava Jato:

“A Operação Lava Jato, ou ao menos a força-tarefa de Curitiba, a mais conhecida, está perto do fim. É bom que assim seja porque o que deve ser perene é o império da Constituição, das leis e do devido processo legal, não algumas operações específicas. Respeitadas as leis e garantido o devido processo pelo Poder Judiciário, não há mais razões para crer que o combate à corrupção sofrerá algum revés apenas porque a notória operação chegou ao fim. Esta, aliás, foi uma das muitas falácias usadas como pretexto para justificar alguns abusos cometidos no curso da Lava Jato.”

O jornal é contrário à iniciativa de se criar um órgão permanente de combate à corrupção, sob o comando de Deltan Dallagnol:

“A solução, de acordo com um grupo de procuradores ligados a Dallagnol, seria a criação de um grupo permanente de combate à corrupção, nos moldes dos Grupos de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) dos MPs estaduais. Deltan Dallagnol teria de solicitar ao Conselho Superior do Ministério Público sua promoção a procurador regional, de modo que possa coordenar esse Gaeco do MPF e, então, implementar a ‘doutrina’ de combate à corrupção criada pela Lava Jato no novo órgão, de natureza permanente.

Ambas as iniciativas, tanto a criação de um ‘Gaeco’ federal como a perpetuação da tal ‘doutrina lavajatista’, são uma temeridade. A doutrina do MPF é e sempre deve ser exclusivamente a lei. A bíblia que vale para nortear sua atuação é a Constituição. Toda ação que dela se desviar é abuso, é ilegalidade.”

Lembrando: a Lava Jato não é ou foi uma operação clandestina.

O Antagonista

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Rui disse:

    Ja acabam tarde,todos vendidos……

    • José Moro disse:

      Mas pelo menos já recuperaram 40 bilhões de reais do dinheiro roubado pela esquerdalha, e ainda poderão reaver umas 4 vezes mais, caso os bandidos do stf não usem de Sabotagens aos andamentos dos processos que estão em poder da lava-jato. A sociedade precisa dar pressão total pra que a força tarefa continue combatendo a corrupção.

Nelter critica retirada de emenda que estende aumento aos servidores estaduais

Foto: João Gilberto

Durante sessão nesta quinta-feira (17), o deputado estadual Nelter Queiroz (MDB) criticou a atitude do presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Assembleia, deputado Raimundo Fernandes (PSDB). O motivo é o encaminhamento do requerimento pedindo a retirada da emenda de autoria do deputado Nelter Queiroz ao projeto de Lei 12/2019 que estende o aumento salarial concedido aos procuradores a todos os servidores estaduais (ativos, inativos, pensionistas e da administração direta e indireta), de 16,38%.

O pedido de arquivamento da emenda que trata do tema foi feito durante a sessão de ontem pelo deputado Raimundo Fernandes, que justificou a decisão por entender que a emenda é inconstitucional e alegou elementos jurídicos para tal justificativa.

Hoje, Nelter lembrou que a emenda foi indicada pelo Sindicato dos Servidores Estaduais e pediu que os deputados reflitam sobre o tema.

ALRN

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Lírio disse:

    Ministro do STF tem aumento e, em homenagem a autonomia do ente federado o governador não é obrigado a repassar tal reajuste a funcionário do Estado. Bora Fátima metes os peitos e acaba com essa farra. Teto salarial no miserável RN deveria ser de 10mil, pois a metáfase da população ganha até 300 reais.

Apresentador da Band, Luís Ernesto Lacombe, critica ativista ambiental Greta Thunberg: “É uma menina bancada por uma fundação”

(Foto: Kelly Fuzaro/Band)

Depois de criar polêmica ao discutir no ar com a sua colega de Aqui na Band, Silvia Poppovic, o apresentador Luís Ernesto Lacombe voltou a chamar a atenção por suas opiniões. Ao participar rapidamente do programa Notícias da Redação, exibido para todo o Brasil (com exceção de São Paulo), na manhã dessa terça (24), o jornalista criticou a ativista ambiental sueca Greta Thunberg, de apenas 16 anos.

Greta tem viajado todo o mundo usando um discurso para conscientizar a população mundial do aquecimento global. Âncora e editora-chefe do Notícias da Redação, Marina Machado exaltou a jovem. “Lacombe, eu estou arrepiadíssima com o que a Greta Thunberg falou. É um negócio que, realmente, essas frases não saem de mim”, disse Marina.

Foi quando Lacombe discordou e disse que o discurso da jovem ambientalista é alarmista e exagerado. “Marina… Eu não compro essa menina, você me desculpa. Eu acho que essa menina tem discurso alarmista, com cheio de frases de efeito. Eu tenho uma opinião diferente da sua. Eu acho que a gente tem que ter um debate pesado sobre clima e quanto o homem influencia na mudança do climática”, disse ele.

“Mas aí nós vamos ficar oito horas discutindo e não vai dar certo aqui”, falou Marina. “É. É uma menina bancada por uma fundação. Eu por enquanto não compro. Tem um discurso exagerado”, concluiu Lacombe. Posteriormente, Poppovic e Lacombe deram os destaques do dia no Aqui na Band.

O vídeo com a nova opinião de Luís Ernesto Lacombe já está viralizando nas redes sociais. Nessa segunda, ele discutiu no ar com Silvia Poppovic por causa do caso Ágatha.

Observatório da Televisão – BOL-UOL

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Meinardo disse:

    Os europeus estão defendendo os interesses deles, o protecionismo da agricultura local.

  2. Antonio Turci disse:

    PARABÉNS LACOMBE.

  3. Wellington disse:

    Tava mais pra um cão raivoso querendo morder, do que pra uma ativista

  4. Ivan disse:

    Vai toda sexta protestar pelo meio ambiente, melhor seria plantar uma árvore…mais ação e menos mi mi mi …"roubaram meu futuro"…kkkkkkkk

  5. Fred Lucena disse:

    Parabéns Lacombe! Precisamos de Profissionais como você.

  6. Pois eu acho o contrário. Fico feliz em ver jovens que são representantes mundiais!Jovens que falam e que defendem suas convicções. Precisamos de jovens conscientes, críticos e participativos. Enquanto isso muitos homens e mulheres não tem capacidade de reproduzir uma frase com autonomia, pois vivemos um momento onde só ouvimos eco… e a fala do jornalista retrata isso, pois vem fazer coro para desqualificar sem uma fundamentação clara. Eu quero mais é que os jovens tenham voz e se posicionem. E quando isso incomodar é pq está no caminho correto. Por mais Greta's!!!!

  7. Roberto disse:

    Essa Greta queria mesmo era cabular aulas toda sexta-feira.
    Deveria estar preocupada era com a islamização na Suécia e na Europa.

  8. Rivanaldo disse:

    Tem uma figura de Natal que também falou respeito do assunto em alto nível. O nome dele tá nos tranding topics do twitter no Brasil. Parabéns aos envolvidos.

  9. André disse:

    na matéria não está em jogo a questão ambiental , o lacomb fala é do mimimi , essa menina é garota propaganda de uma empresa , fala coisas que mandam ela falar , é de um país com uma das melhores qualidade de vida , não sabe nem o que disse , é de família rica e vem pagar de coitadinha dizendo com exagero " vcs tiraram meu sonho, tiraram minha infância " , nasceu em berço de ouro, nunca se importou com isso , não tem histórico nenhum sobre isso , a mãe dela que conseguiu essa empresa e usa ela tipo como garota propaganda, agora a questão tem mesmo que ter atenção do mundo mas não precisa ser com farsas e mentiras, esse presidente tem sim que ser mais ativo no tocante a questão ambiental, mas a menina dos olhos dos políticos do mundo agora é a questão ambiental, aqui no Brasil , na França o presidente macron tenta retomar sua popularidade que está baixa sendo agora um enérgico defensor das matas , o partido de Ângela merkel na Alemanha está nas cabeças por defender o meio ambiente, virou moda agora isso , faço umas perguntas: porque não tinha tanta preocupação antes ? , porque se dizem que querem ajudar eles também não ajudam meu Nordeste sofrido ? porque só querem mandar dinheiro pra Amazônia e pra o Nordeste não ? , mas se sabe sim , a riqueza que está embaixo da Amazônia é infinitamente maior do que tem no solo do Nordeste, conheço isso por "hipocrisia " , pior que muita gente embarca nessa.

  10. Olimpio disse:

    Ativista e anarquista pra mim é a mesma coisa, só faz suada.

  11. Luladrão Encantador de Asnos disse:

    Parabéns ao reporter que tem sua própria opinião e não segue a manada.
    Certo ou errado tem corragem de expor seu pensamento.
    Conquistou minha admiração.

  12. Maria disse:

    Quando o mundo todo admira a ativista, vem um besta desse desacreditar, minha gente, quem for contra as iniciações de preservação da natureza, em pleno século XXI, é um tiro no pé. Bolso está pagando caro por isso, por mais que minta, a besteira já foi dita desde a campanha. Os jovens e crianças estão se revelando contra a geração que nåo preservou, isso é fato. O Brasil vai se ferrar, perdeu a gde oportunidade de se redimir diante o mundo, agora todos vamos ser afetados.

‘Talvez Bolsonaro não tenha noção do que está fazendo’, diz Collor

FOTO: MARCOS OLIVEIRA/AGÊNCIA SENADO

Com a experiência de quem sofreu um processo de impeachment em 1992, o ex-presidente Fernando Collor considera que o presidente Jair Bolsonaro tem adotado em seu governo um rumo negativo, que pode lhe colocar em “palpos de aranha” (apuros). Na sua leitura, o atual ocupante do Palácio do Planalto parece não ter “noção” do que está fazendo, ao manter o discurso radicalizado de campanha.

“Cabe ao Presidente da República abrandar as paixões e procurar unir o país em torno de propostas em favor da nação. E isso nós não estamos vendo acontecer. Nós estamos vendo, ao contrário, é um aprofundamento desse abismo que existe na sociedade brasileira, porque o tom do governo é fortemente ideológico, carregado na questão ideológica”, disse em entrevista à BBC News Brasil.

Collor, que foi derrubado após perder apoio do Congresso em meio a uma forte crise econômica e a uma série de denúncias de corrupção, feitas inclusive por seu irmão Pedro Collor, diz que Bolsonaro enfrentará “muita dificuldade” se não construir uma base parlamentar.

“Não havendo um trabalho para essa reaglutinação da sociedade brasileira, e uma preocupação no sentido de se construir uma maioria parlamentar que dê sustentação ao governo, sem dúvida esse governo está em palpos de aranha (apuros). Estará vivendo momentos de muita dificuldade”, prevê.

“Talvez (Bolsonaro não tenha adotado esse caminho ainda) porque ele não tenha noção do que está fazendo”, pondera ainda.

Collor entrou na política como prefeito de Maceió, nomeado pela Ditadura Militar em 1979, após negociações realizadas por seu pai, o então senador Arnon Melo. Embora tenha se beneficiado com o regime, o hoje senador pelo Pros critica a falta de eleições na época e condena as falas de Bolsonaro exaltando a tortura e a morte de opositores pelas ditaduras na América do Sul, como no caso do pai da ex-presidente do Chile, Michelle Bachelet.

“Eu tenho que lamentar e torcer para que ele não faça do relacionamento com outros chefes de Estado um palco de brigas, mas de paz, entendimento, diálogo. Sem fazer declarações tão cruéis quanto essa”, disse.

Collor, que assim como Bolsonaro se elegeu presidente em forte polarização com o PT e sua maior liderança, Luiz Inácio Lula da Silva, diz que hoje se arrepende da agressividade da campanha de 1989. Na ocasião, levou para o programa eleitoral Miriam Cordeiro, ex-mulher de Lula que o acusava de ter oferecido dinheiro para que abortasse um filho dos dois.

“Me arrependo. Poderia ter sido uma campanha num outro nível, mas os ânimos estavam muito acirrados. Não que isso sirva de desculpa, mas era um cenário que favorecia esse tipo de contenda”, lamentou.

Confira a seguir a entrevista.

(mais…)

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Bil disse:

    Esse não é a pessoa mais indicada pra dar conselhos.
    Tá doido, por articulação no senado.
    Na Câmara o presidente da casa Rodrigo já conseguiu milhões em emendas, pros, deputados trocarem por votos nas eleições. Vão chegar alegando, o discurso é sempre o mesmo.

  2. Anti-Político de estimação disse:

    Um caso clássico do "sujo falando do mal-lavado". Que pena que a maioria dos brasileiros idolatra políticos canalhas como os que nós temos.

  3. Manoel disse:

    Esse ex-presidente é outro que também deveria estar emitindo opiniões do mesmo lugar de Lula, Temer e Dilma: da cadeia!

Ciro critica PT e diz que não haverá unidade de esquerda: “perderá as próximas três ou quatro eleições caso mantenha estratégia atual”

Foto: Ueslei Marcelino/rEUTERS – 1º.07.2018

Candidato à Presidência pelo PDT derrotado em 2018, o ex-ministro Ciro Gomes disse que o “campo progressista” perderá as próximas três ou quatro eleições caso o que ele chama de “burocracia do PT” mantenha uma estratégia em “nome da direção imperial” do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

“O PT são vários PTs. E é importante que você entenda essa premissa para o raciocínio que vou elaborar. Esta burocracia do PT e a estratégia que essa burocracia está fazendo em nome da direção imperial do Lula é certeza da derrota do campo progressista no Brasil agora e pelas próximas três ou quatro eleições”, afirmou o ex-ministro, que veio a Belo Horizonte participar da filiação ao PDT da professora Duda Salabert, a primeira transexual a se candidatar ao Senado, nas eleições do ano passado – ela estava sem partido desde que desfiliou do PSOL.

Ele disse que os governos do PT geraram “corrupção generalizada” e crise econômica.

Como mostrou a Coluna do Estadão, cresceu entre políticos e analistas a percepção que Ciro decidiu radicalizar o discurso de defesa da democracia e romper com a “frente de esquerda”. “Agora ninguém mais vai enganar ninguém porque o que eu tinha para dar de engolir, de ter que fazer silêncio em nome da unidade, eles acabaram de liquidar.”

O ex-ministro afirmou que PT e Bolsonaro são “rigorosamente as duas faces da mesma moeda”. Ele cita que Bolsonaro, diante da queda de sua popularidade, afirma que, se errar, o “PT pode voltar”. “No mesmo dia, a Gleisi Hoffmann, que interpreta esse PT corrupto e incompetente, que é uma pau mandado do Lula, sem nenhum tipo de atitude crítica, diz que vai ser ‘nós contra o Bolsonaro’. Enquanto isso alguém ilude o (governador do Maranhão) Flávio Dino (PCdoB), alguém fala em unidade comigo, e tal.”

Sobre o pedido de desculpas do deputado Alexandre Frota (PSDB-SP), Ciro diz que não iria atribuir “relevância política a isso”, mas que vê um gesto “muito nobre”. “Aceito as desculpas”. Frota, que saiu do PSL, disse que Ciro “tinha razão sobre Bolsonaro”.

Estadão

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Arthur disse:

    É isso aí meu presidente! Em 2022 vamos colocar alguém preparado e que defenda o Nordeste de verdade. #Ciro2022

  2. Raimundo disse:

    Ou seja se o PT não apoiá-lo irá perder, é muito narcisismo e um ego estratosférico. O povo cansou de esquerda o último reduto que resiste é o Nordeste na próxima esta última barreira cairá!

  3. Chicão disse:

    Tem que juntar o gardenal com Lexotan de 2600 mg, pra fazer efeito nesse desembestado.

  4. LAMPEJÃO disse:

    Uma Esquerda á moda Ciro Gomes,a Direita pode comemorar 50 próximos anos no poder!!!

Carlos Bolsonaro chama de “canalhas” jornalistas que “interpretaram” sua frase com defesa de ditadura

Carlos Bolsonaro, nas redes sociais, soltou o verba com matérias na imprensa em que sugeriram defesa de algum movimento fora da democracia. O filho do presidente Jair Bolsonaro esbravejou que a frase ” por vias democráticas as coisas não mudam rapidamente” simplesmente foi uma resposta “aos que cobram mudanças urgentes”.

Chamando os jornalistas que induziram tal interpretação de “canalhas”, Carlos Bolsonaro condenou menção a ditadura.

 

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Justus disse:

    Quem é contra os comentários dele também é contra os comentários de José Dirceu (só pelo voto não se chega ao poder) e Benedita (tem que pegar em armas e ter banho de sangue)?

  2. Azevedo disse:

    Esse é doido até a bosta, fala merda e depois quer se explicar.

  3. Vitor Silva disse:

    Esse covardes falam/escrevem coisas e qto a pressão vem eles se peidam. A declaração do Carlos Bolsonaro é repugnante. Um ponto dela, no entanto, me chama mais atenção: é a referência à "transformação que o Brasil quer". Isso reflete um discurso típico da ala camisa de força do Governo: a de que eles conhecem exatamente o que o Brasil quer e deseja.

  4. Robson Levy disse:

    ERA SEGREDO, AGORA NÃO É MAIS:
    A esquerda domina a quase totalidade das universidades;
    A esquerda domina grande parte do jornalismo;
    A esquerda domina o ensino público;
    A esquerda domina todos os diretórios acadêmicos;
    A esquerda domina os sindicatos;
    A esquerda trabalhou por 20 anos se apropriando dos cargos e funções do Estado;
    O que estamos testemunhando são as forças da esquerda, os remanescentes dominadores nas categorias atuarem de forma dissimulada, invertida, raivosa e irresponsavelmente contra o governo. Quem acha que a direita ter chegado a presidência resolveu tudo, começam a perceber que não, existe muito a ser feito, pois tem muitas instituições tomadas pela ideologia da esquerda.

    • Henrique disse:

      Excelente definição… show…. assim mesmo….

    • Esquerdista Gozador disse:

      Pega o doido…
      A esquerda é a responsável pela existência do mal, na sua concepção.
      Um comentário desse é de quem tem muito amor guardado dentro do peito e que não foi retribuído, viu.
      Faça uma terapia pq a esquerda está lhe consumindo.

  5. Eduardo disse:

    Concordo integralmente com o Carlos Bolsonaro. A forma como parte da imprensa está a se comportar, não há outra adjetivo para classificar esses jornalistas: CANALHAS.

Mourão critica “ecorradicalismo incensado pela imprensa” e fala que oferta de ajuda a Amazônia é “filantropia de fachada”

Vice-Presidente da República, Hamilton Mourão, durante a Marcha da Saudade 2019, do Centro de Instrução de Guerra na Selva (30/05/2019). Foto: Adnilton Farias/VPR

O vice-presidente da República, Hamilton Mourão, denunciou uma “campanha internacional movida contra o Brasil” por causa das queimadas na Floresta Amazônica.

Em artigo publicado nessa quarta-feira, 28 de agosto, no jornal Estadão, Mourão disse que a oferta do G7 para ajudar a Amazônia é uma “filantropia de fachada”:

“Cabe apontar o que se revela nas declarações oficiais, nas confidências mal escondidas, nas entrelinhas dos comunicados e no ecorradicalismo incensado pela imprensa: a velha ambição disfarçada por filantropia de fachada.”

Mourão acrescentou:

“Acusações de maus-tratos a indígenas, uso indevido do solo, desflorestamento descontrolado e inação governamental perante queimadas sazonais compõem o leque da infâmia despejada sobre o país, a que se juntou a nota diplomática do governo francês ofensiva ao presidente da República e aos brasileiros.”

O vice-presidente avaliou que “a História dá razão ao Brasil em qualquer debate sobre a Amazônia”:

“Não há país que combine legislação ambiental, produtividade agropecuária, segurança alimentar e preservação dos biomas com mais eficiência, eficácia e efetividade do que o Brasil.”

Com informações de Estadão e UOL

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. mauricio disse:

    o alan provavelmente estava morando na lua quando em 2005 as queimadas aumentaram e muito , puxe pela memoria, leia a revista veja de 2005, quando petistas foram presos recebendo propina, vendendo a amazonia

  2. Allan Pontes disse:

    VTNC quer agora reflorestamento nos quintais e ruas…hahahaha…o assunto é outro VTNC, acho q vc leu e não entendeu o post e tb meu comentário….hahahaha

    • VTNC disse:

      Realmente não entendestes minha resposta ,VTNC ,encerra a conversa aqui !

  3. Allan Pontes disse:

    Hahahaha quero mesmo ver qd nada mais restar da floresta, esse ai já deverá ter passado dessa para melhor(?) e nossos filhos e netos comendo fumaça, isso sim!

    • VTNC disse:

      Comece reflorestando seu quintal sua rua , seu bairro, dê exemplos,tenha soluções , porque críticos de sofá já temos demais !

    • joaozinho disse:

      Seria mais bonita se a França internacionaliza-se Paris e permitisse a imigraçao pra dar exemplo…. e reflorestar toda os campos devastados pela agricultura francesa. Daria um baita exemplo.. mas esqueci; a França e seus adoradores sao hipocritas. Preferem criar uma guerra pra derrubar um governo que nao abre as pernas pra o comercio fajuto frances. Franceses colonialistas, assassinaram milhoes de africanos e indios. Mas isso pra alguns intelectuais é coisa do passado. O ruim é o governo atual, culpado de tudo que é ruim…. pra eles claro.

Damares, sobre lei de abuso de autoridade: “Serei a primeira a ser enquadrada. Vão dizer que não posso expor mais a corrupção que estou encontrando”

Damares Alves foi ao Twitter e também criticou a aprovação da lei do abuso de autoridade pela Câmara.

“Eita que serei a primeira a ser enquadrada na lei do ‘abuso de autoridade’. Vão dizer que não posso expor mais a corrupção que estou encontrando. O Congresso Nacional errou feio”, tuitou a ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos.

O Antagonista

 

Moro: “Ninguém foi hackeado por falta de cautela. Vulnerabilidade foi explorada por hackers criminosos e pessoas inescrupulosas”

Sergio Moro foi ao Twitter para tratar dos ataques de hackers aos celulares dele, de Deltan Dallagnol, Jair Bolsonaro e de várias autoridades. Quatro suspeitos foram presos na última terça-feira pela Polícia Federal, no âmbito da Operação Spoofing.

“Pelo apurado, ninguém foi hackeado por falta de cautela”, tuitou o ministro da Justiça e Segurança Pública.

Moro reconheceu, no entanto, que “não havia sistema de proteção hábil”.

“Há uma vulnerabilidade detectada e que será corrigida graças à investigação da Polícia Federal”, escreveu o ministro.

Em outra postagem, Moro disse:

“A vulnerabilidade foi explorada por hackers criminosos e pessoas inescrupulosas. As centenas de vítimas, autoridades ou não, que tiveram a sua privacidade violada por meio de crime, serão identificadas e comunicadas pela Polícia Federal ou pelo MJSP.”

O Antagonista

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Bento disse:

    Nosso Herói Nacional é imbatível, quanto mais levantam mentiras contra ele, não baixa a cabeça e coloca os criminosos na cadeia, mostrando a população e as autoridades onde estão os crimes.
    É muita competência, foi enviado para livrar o Brasil de todo mal.
    Vão falando cambada de FDP e o nosso Herói Moro agindo.

  2. Duda disse:

    Essa quadrilha na mão de Dr Moro, dá pra imaginar o tamanho da cadeia que vão puxar. Bem empregado.
    Vão mofar.

    • Luis disse:

      Moro não é mais juiz, nem poder de prender nem soltar, ele só tenta cumprir o que a justiça determinar

    • LIU AMSERT disse:

      ELE SIM O MARRECO DE MARINGA VAI PRA CADEIA

    • Duda disse:

      Vc esqueceu que o homem é ministro da justiça.
      A PF tem vínculo ta??
      Vamos avante, que tu vai vê.
      Mimimimimimimimimi

Ministro Luiz Roberto Barroso, do STF, critica ‘euforia’ de ‘corruptos’ com vazamento de conversas entre Moro e Dallagnol

Foto: Sérgio Lima/PODER 360

 

O ministro Luiz Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), criticou a “euforia que tomou os corruptos e seus parceiros” com a publicação pelo site The Intercept de reportagens produzidas com com base no vazamento de trocas de mensagens – extraídas de um aplicativo – entre o ex-juiz federal Sérgio Moro e o coordenador da força-tarefa da Operação Lava Jato no Paraná, Deltan Dallagnol.

Ele fez a afirmação em entrevista ao programa Em Foco com Andréia Sadi, da Globo News.

Para Barroso, “não há nada a celebrar”. “A corrupção existiu e precisa continuar a ser enfrentada, como vinha sendo. De modo que tenho dificuldade em entender a euforia que tomou os corruptos e seus parceiros”, declarou.

Segundo as reportagens do The Intercept, quando era juiz federal e julgava os processos da Lava Jato no Paraná, Moro, atual ministro da Justiça do governo, orientou ações dos procuradores da República que atuavam na força-tarefa e cobrou de Dallagnol novas operações.

“A corrupção existiu, eu até tenho dificuldade de entender um pouco essa euforia que há em torno disso se houve algo pontualmente errado aqui ou ali”, afirmou Barroso. “Porque todo mundo sabe, no caso da Lava Jato, que as diretorias da Petrobras foram loteadas entre partidos com metas percentuais de desvios. Fato demonstrado, tem confissão, devolução de dinheiro, balanço da Petrobras, tem acordo que a Petrobras teve que fazer nos EUA”, disse.

O ministro ainda acrescentou: “ “A única coisa que se sabe ao certo, até agora, é que as conversas foram obtidas mediante ação criminosa. E é preciso ter cuidado para que o crime não compense”.

Para Barroso, os fatos ainda estão sendo apurados e, somente ao final, um juiz pode se manifestar.

“Sou juiz. Os fatos estão sendo apurados. Juiz fala ao final da apuração – e se tiver que falar, nos autos, de preferência. E não é hora de formar juízos sobre isso, ainda. Na vida, o que é certo é certo, o que é errado é errado. Formamos juízo depois da apuração”, declarou.

Blog Andréia Sadi – G1

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Waldisar Queiroga disse:

    Gilmar não é juiz, é negociante do direito.

  2. HSA disse:

    Excelente Dr Barroso.

  3. Ivan disse:

    Os corruptos estão se agarrando à qualquer fato, por menor que seja…Desespero em busca do retorno ao status quo perdido…Qualquer coisa os deixará eufóricos!!!! O Pessoal da Globo e CBN estão feito "pinto no lixo"…

  4. Atento disse:

    Outra cacetada de Barroso levou Gilmar Mendes, que terminou adiantando entendimento pessoal ao comentar o caso. Juízes e Juízes.

Bolsonaro critica coluna da Folha de SP que diz que ele quer fechar o Congresso e o STF, censurar a imprensa e perseguir a esquerda: “100% Fake News!”

Presidente Jair Bolsonaro destacou e criticou no fim da tarde desta segunda-feira(20) a coluna do jornalista Celso Rocha de Barro, da Folha de SP, que ele quer  “fechar o Congresso e o STF, censurar a imprensa e perseguir a esquerda”. (Íntegra aqui)

“Lembro ao jornal que não fui eu que anulei o legislativo comprando votos, não fui eu que tive em meu plano de governo o controle da mídia e da internet e FUI EU QUEM LEVOU UMA FACADA de um militante de esquerda. Mais uma vez, 100% Fake News! É a velha máxima da esquerda: acuse-o do que você faz, xingue-o do que você é!, encerrou o post o presidente.

Confira abaixo.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. nasto disse:

    Seria o MILAGRE de todos os TEMPOS. Fecha mesmo . Só seve para eles .

  2. Delano disse:

    Fechar esse congresso que gasta bilhões de reais e com membros que estão envolvidos em todo tipo de corrupção, mais esse STF com decisões que onera o já combalido estado brasileiro, e com decisões que favorecem a todos os tipos de bandidos, livrando-os de punições. Ah, isso seria um sonho.

Deputado estadual mais jovem do Brasil critica quem repudia “o que eles mesmo fazem”, relembrando “criança tocando homem nu em museu”, “Maria abortando Jesus” e outros atos polêmicos

André Fernandes, atual Deputado Estadual mais jovem do Brasil e mais votado do Ceará, defendeu o presidente Jair Bolsonaro sobre vídeo de atos sexuais cometidos por determinados foliões durante o carnaval, e criticou quem o demonizou.

“O povo que defende criança tocando homem nu em museu, teatro onde Jesus Cristo é gay, cena de Maria abortando Jesus, peça com várias pessoas enfiando o dedo no ânus do outro, mulher defecando na rua e etc agora decidiu repudiar o que eles mesmo fazem só porque Bolsonaro postou”, disse.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Ana disse:

    É muita hipocrisia pra pouco carnaval!!! A esquerda tá dentro de um galinheiro só ciscando … Vamos deixar o governo TRABALHAR e tomar chazinho pra dor de cotovelo! #pas

  2. Walsul disse:

    O bolsominion tem muita dificuldade para entender as coisas, por mais simples que seja. O que o mundo está questionando é a postura de um presidente que deveria estar trabalhando e não nas redes sociais postando vídeos pornográfico. O ato do vídeo é um caso para a polícia. Temos um presidente que além de incompetente e desequilibrado, é indecente e leva o país a servir de deboche e desmoralização aos olhos do mundo.

  3. HSA disse:

    Muito oportuno deputado.
    Parabéns.

  4. Ricardo Vasconcelos disse:

    Fez uma síntese precisa de uma herança maldita deixada por aqueles que lutaram com tudo que tinham para deixar isso ao povo e não aceitam que critica e revelam o nível degradante que tornaram a relação entre as pessoas.
    Nenhum tv aberta teve a responsabilidade de levar toda essa libertinagem condenável e imoral ao conhecimento público, preferem mostrar os policiais inibindo a bandidagem como uma coisa errada e reprovável.
    Parece que essa realidade horrível deve apenas e unicamente, ser aplaudida e aprovada, qualquer movimento em sentido contrário, tem que ser combatido, depreciado, ameaçado.
    Foi por essas e algumas outras imoralidades, ilegalidades e corrupção que o povo não renovou o mandato de velhas raposas e coronéis viciados com a política. Tem mais, se os filhos desses continuarem a andar em direção oposta a vontade do povo, vão cair fora também, questão de poucas eleições. O recado foi dado, quem tiver um mínimo de inteligência escutou e tem que mudar as práticas viciadas que vem desde a redemocratização ou vai ser tirado pelo voto!

  5. Brasil sem regalias disse:

    Esses vermes PTralhas só querem e arruaça …estão doidos porque terão que aprender a trabalhar, ontem os fedidos em Petrópolis depois do Monoblobo critavam palavrões como se isso fosse bonito , falta de educação, famílias inteiras ter que ouvir aqueles arruaceiros gritando, se mudem para a Venezuela,e parem de idolatrar o bandido preferido ladrao condenado Lula

Programa de Faustão teria sido gravado em novembro – com Bolsonaro já eleito, mas durante o governo de Michel Temer, e crítica de apresentador deixa dúvida sobre direcionamento

Foto: Reprodução/TV Globo

O apresentador Fausto Silva avaliou o cenário político atual e, sem citar nomes, falou sobre o “imbecil que está lá e não deveria estar”, no “Domingão do Faustão”, da Globo, exibido no último domingo (6).

“Na hora do Carnaval e da seleção, o brasileiro (e nós sabemos muito bem) é um povo que tem união, tem solidariedade, tem uma integração. Por que isso não acontece nas coisas sérias? Lutar por educação, saúde pública, contra a corrupção, contra a incompetência. O imbecil que está lá (e não deveria estar) pode até ser honesto, mas é um idiota que está ferrando com todo mundo”, disse ele.

“Você paga imposto e o que você recebe? Então, vamos ver se esses novos ares vão mudar. Vamos ver. Tem que rezar para dar certo, não adianta rezar contra”, concluiu Fausto.

A frase sobre o “imbecil que está lá e não deveria estar” gerou confusão nas redes sociais. Alguns internautas, por exemplo, disseram que o apresentador estava se referindo ao presidente Jair Bolsonaro.

No entanto, segundo a site Uol, o programa uma Pizza do Faustão em comemoração aos 30 anos do Domingão, teria sido gravado em novembro de 2018, quando Bolsonaro já estava eleito e Michel Temer ainda era presidente. No caso, teria ocorrido um erro de edição permitir que a fala fosse ao ar após a posse do novo presidente.

O apresentador e a emissora não se pronunciaram até o momento.

Com informações de Bahia Ba, O Canal e UOL

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Tira disse:

    O gordinho tá com o cu na mão kkkkkk

  2. ELTON disse:

    SE FOI PARA BOLSONARO OU TEMER…NÃO IMPORTA…A OPINIÃO DESSE TAL FAUSTÃO É
    INSIGNIFICANTE…O IMPORTANTE É QUE BOLSONARO E SUA EQUIPE DE GOVERNO ESTÃO NESSE INICIO TENTANDO AJEITAR O PAIS QUE TA QUEBRADO POR CONTA DOS GOVERNOS ANTERIORES.

  3. José disse:

    É claro que é o imbecil mor do país: Fakenaro. Ou alguém acha que o Faustão não sabia a data de exibição do programa ?

  4. Acorda Brasil disse:

    "Ferrando todo mundo" quem, Fausto Silva?
    Porque se é a classe dos nossos artistas/parasitas da Lei Rouanet, então nosso presidente está indo no sentido certo.

  5. carlos diniz disse:

    é, acho que agora é a hora de cortar a concessão da globo.

    e para os esquerdistas doentes: vão trabalhar bando de vagabundo.

  6. Bolsomínion idiota disse:

    Independentemente da época, Faustão acertou dois coelhos (ou dois idiotas) com uma paulada só!

    • Pedro disse:

      Bom era, e pouco idiota, aquele que está na cadeia, rico, cachaceiro, e com um bando de esquerdistas para funcionar como advogado de porta de cadeia…….kkkkkkkkk

    • Brasil é verde e amarelo disse:

      O próprio ministro PTRALHA TOFFOLI negou a prisão domiciliária para o ladrao condenado Lula,agora é chorar e aprender a trabalhar