“O texto é a cara dela: mal feito, pouco confiável e inútil, diz general Heleno, sobre livro com “objetivo de fomentar discórdia entre membros do governo”

Foto: Reprodução/Twitter

O ministro chefe do Gabinete de Segurança Institucional(GSI), general Augusto Heleno, através das redes sociais, repudiou o livro escrito pela jornalista Thaís Oyama, “Tormenta – O governo Bolsonaro: crises, intrigas e segredos”, previsto para ser lançado dia 20 de janeiro.

O general, inclusive, havia desmentido um dos fatos narrados na “obra”, em que o presidente havia pensando em demitir Sérgio Moro, e teria sido alertado por ele que seu “governo acabaria” com a suposta decisão.

“O texto é a cara dela: mal feito, pouco confiável e inútil, disse o general Heleno, sobre livro com “objetivo de fomentar discórdia entre membros do governo”.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Cidadão Atento disse:

    E NÃO FALOU A VERDADE O GENERAL?

  2. Erinaldo disse:

    Se teve a preocupação de desmentir, já sei q é verdade então

  3. Berg disse:

    Falou o gereral.
    Ponto final.

    • E. costa disse:

      Foi esse q disse q um soldo de 19 mil era uma miséria…rs
      O q deve começar a pensar um sargento, tenente ou capitão!? Melhor então é levar cocaína no avião presidencial ou da FAB….🙊

    • Bento disse:

      Pensamento de meliante detectado.
      O general falou tá falado
      Respeita e bate continência.
      Talkey

“Luciano Huck não representa a centro-esquerda. Ele representa a Central Globo de Televisão”, diz Lula

Foto: Stringer/AFP

Na entrevista que concedeu a jornalistas amigos, exibida ontem pela TVT, Lula também falou sobre a possível candidatura de Luciano Huck à Presidência em 2022.

“O Luciano Huck não representa a centro-esquerda. Ele representa a Central Globo de Televisão. É isso que ele representa neste momento”, disse o ex-presidiário.

“Na verdade, o Luciano Huck está sendo discutido pelo dono da Ambev, que é o novo formador de quadros políticos neste país”, prosseguiu o petista.

O Antagonista

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Clésio disse:

    Quem danado botou na cabeça desse Hulk pra que ele virasse político.
    Nessa a jararaca corrupta condenada tem razão, só pode twr sido os Marinhos.

  2. Cigano Lulu disse:

    Detectado quem – até aqui – atrapalha o plano de volta ao poder do valhacouto petralha. Beleza.
    Do ponto de vista estritamente administrativo, aliás, Huck e Lula são almas gêmeas: nenhum dos dois se salva por capacidade de gestão.

  3. Juju disse:

    SENHOR BRUNO GIOVANNI ESTÁ EXPLÍCITO O SEU ÓDIO A LULA….QUANDO FAZ ALGUMA MATÉRIA COM O MESMO COSTUMA COLOCAR IMAGEM DE ÓDIO….ENQUANTO O SEU PRESIDENTE CAGAO BOSTANARO VOCÊ ESCOLHE IMAGENS DELE MELHOR….LHE ADMIRO…MAIS MELHORE…PORQUE SEU BLOG TEM ELEITORES DE LULA …OKA

    • Rodrigo disse:

      Essa foi a exata expressão do comandante da quadrilha que roubou o maior volume de dinheiro público do mundo, reagindo ao isolamento dado pelos comparsas. O rei está nú, adorador de corrupto!

  4. Papa Jerry Moon disse:

    Enquanto Lula viver o PT estará morto.

  5. aof disse:

    Os jornalistas do Sistema Globo devem estar pensando assim: puxa, como é triste amar sem ser amado. Ou então assim: você não presta mas eu te amo!

  6. Vicente disse:

    Mesmo com o enésimo ataque contra a globo, esse CANALHA ainda sente arrepio quando fala em ter como adversário um candidato da empresa, isso só demonstra a falta de credibilidade que esse ladrão tem no seio popular. Também, depois de todo tipo de safadeza que esse corrupto fez.

  7. Só Comento disse:

    Luladrao ingrato e fingido, vive andando de AeroHuck e agora quer bancar a falsiane.

  8. BC3331986GAC disse:

    Essa Ameba um dia Pagará pelos danos causados a essa Nação.

  9. RUI disse:

    TÁ COM MEDO ATE DO LUCIANO HUCK,QUEM TE VIU,QUEM TE VÊ………TA FUD……..MESMO!!!

  10. Antonio Turci disse:

    O ex-presidente tem razão.

  11. Pedro disse:

    Eita nove dedos prepotente, não gosto de Luciano Huck, mais essa opinião do Santo só corrobora o que diz o maluco do Ciro Gomes. Vcs petistas esqueçam de política pelo mesmo tempo que desejavam permanecer no poder. Quem sabe quando esse mequetrefe deixar de emitir baboseiras e resolva gastar o que roubou, vcs tenham possibilidade de voltar a governar.
    Bom lembrar que para se eleger presidente da República, levou três pisas, depois só se elegeu quando fez uma carta ao povo brasileiro.

  12. Manoel disse:

    Essa observação vinda de Lulaladrao vira até um elogio…

  13. Bento disse:

    Tudo farinha do mesmo saco.
    A meta deles é transformar isso aqui numa zona.

“Essa imprensa é uma vergonha. Lê meus pensamentos e ministros se convencem a não demitirem a si próprios”, diz Bolsonaro, após mais uma especulação sobre Moro

Foto: Reprodução/Twitter

O presidente Jair Bolsonaro, através do microblog Twitter, voltou a criticar alguns veículos de imprensa que noticiaram nessa segunda-feira(13) uma suposta desistência de demissão do ministro Sérgio Moro, em agosto do ano passado.

“Essa imprensa é uma vergonha. Lê meus pensamentos e ministros, e se convencem não demitirem a si próprios”, disse, aos risos.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Bento disse:

    Nunca pensei que fosse sentir tsnta vergonha da impressa

    • andre disse:

      vc está sentindo agora pq está sendo teleguiado, manipulado. Tudo o que o seu "mito" disser vc vai repetir… pq pra vc, ele é um herói. Então, tudo o que ele diz é verdade e tudo o que os outros dizem é mentira… afinal, ele sempre está certo e todos os outros sempre estão errados, né!

  2. Cosme Velho disse:

    Essa notícia sobre o que Bolsonaro não disse, não quer e nem cogitou foi jogada na mídia como um fato. Mais uma vez parte da mídia e do jornalismo não teve compromisso com a verdade e se lançou nos braços da mentira.
    ATO SEGUINTE: PARTE DA MÍDIA E DO JORNALISMO MAIS UMA VEZ DESMORALIZADOS.
    Em recente acontecimento, quando os EUA deram fim ao General do Irã, quais foram as manchetes na mídia?
    – Plantão nos jornais criticando ferozmente os EUA;
    – Alguns youtubers, se achando especialistas, se dando ao trabalho de passar lição de moral que eles nunca tiveram;
    – Anúncio incansável de provável “terceira guerra”;
    – Discurso desprezível da deputada Maria do Rosário levado ao ar;
    – O ex presidente condenado dando mais opinião desnecessária e descabida no twitter;
    Aí vem o apoiado IRÃ e assume ter DERRUBADO O AVIÃO DE PASSAGEIROS VITIMANDO 176 PESSOAS, o que vemos em seguida?

    SILÊNCIO ABSOLUTO DE TODOS OS APOIADORES DO IRÃ.

    Precisa desenhar ou está claro e evidenciado?

  3. Gregório Matoso Lins disse:

    Seria surpreendente em outro país, mas aqui, o DESESPERO É GERAL, parece que 80% da máquina brasileira envolvendo jornalistas, universidades, escolas públicas, funções públicas por nomeação, estão perigosamente ocupadas por criaturas doutrinadas com a ideologia da esquerda.
    Quando a esquerda estava no poder, os gritos, a manipulação, as mentiras eram mais discretas e tinham o aval manipulador daqueles que levam as notícias, mas, para felicidade do povo que ama o Brasil, que trabalha e produz, que clama por segurança, ordem e progresso, depois de 24 anos começa a ver que a situação começa a mudar positivamente.
    A indústria volta a ter números positivos;
    O comércio começa a apresentar crescimento nas vendas;
    A corrupção sofreu um forte abalo com os escândalos, devidamente provados, da mensalão, petrolão e da lava jato;
    O aparelhamento estatal começa a ser debelado com a extinção de cargos e exoneração dos ideologicamente afetados;
    O país não financia mais as ditaduras de Cuba, Venezuela, Guiné, entre outros, nem emite nota oficial de apoio a Coreia do Norte e ao Iã;
    Cargos e dinheiro público não são moeda de troca por apoio político;
    entre tantas outras mudanças que começam a ser praticadas levando ao desespero os viciados em corrupção e recursos públicos.

  4. Abadon disse:

    Traduzindo:
    Não disse coisa com coisa, completamente perdido.
    Deve estar se borrando nas calças com mêdo de papai pato donald trump convocar seu apoio no conflito com o Irã !!!!

Moro diz ter “dúvidas” sobre rodízio e volta a criticar “juiz de garantias”

Foto: ADRIANO MACHADO / REUTERS

O ministro da Justiça, Sergio Moro, criticou nesta sexta-feira o trecho do pacote anticrime sancionado pelo presidente Jair Bolsonaro que prevê o “rodízio” de magistrados para assegurar a implantação do “juiz de garantias” nos processos criminais. Até agora, um mesmo juiz tocava todo o processo e dava a sentença, mas a nova lei estabeleceu uma divisão de tarefas, ou seja, haverá dois magistrados no mesmo caso.

A lei prevê o rodízio nas comarcas em que há apenas um juiz, mas não traz detalhes de como isso funcionará. A regulamentação poderá ser feita pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ), que criou um grupo de trabalho para elaborar uma proposta de implantação do juiz de garantias e outras medidas previstas no pacote anticrime.

“Leio na lei de criação do juiz de garantias que, nas comarcas com um juiz apenas (40 por cento do total), será feito um ‘rodízio de magistrados’ para resolver a necessidade de outro juiz. Para mim é um mistério o que esse ‘rodízio’ significa. Tenho dúvidas se alguém sabe a resposta”, escreveu Moro em sua conta no Twitter.

De acordo com a lei sancionada por Bolsonaro — que entrará em vigor em 30 dias, ou seja, já em janeiro de 2020 —, o juiz de garantias ficará responsável por decisões tomadas ao longo do processo, como a requisição de documentos, a quebra de sigilos, a autorização de produção de provas e a prorrogação da investigação. Já o outro magistrado será responsável pela sentença, ou seja, por condenar ou absolver o réu.

Em parecer enviado ao presidente Jair Bolsonaro, o Ministério da Justiça (MJ) recomendou o veto à criação do juiz de garantias. Alegou, entre outras coisas, que caberia ao STF propor essa mudança ao Congresso, por alterar a estrutura do Poder Judiciário. A sugestão, porém, veio da própria Câmara dos Deputados. Bolsonaro preferiu manter esse trecho da lei, ignorando os apelos de Moro. Nas redes sociais, se justificou: “Não pode sempre dizer não ao Parlamento.”

No mesmo parecer, elaborado pela Consultoria Jurídica junto ao Ministério da Justiça e Segurança Pública, órgão que também é vinculado à Advocacia-Geral da União (AGU), foram apresentados mais quatro argumentos. Um deles foi o de que a criação do juiz de garantais poderia prejudicar investigações de crimes complexos, como corrupção e lavagem de dinheiro. Também foi alegado que isso traria aumento de despesas, mas sem indicação de onde viriam os recursos. Argumentou ainda que o objetivo da proposta, que é garantir a imparcialidade dos juízes, já é alcançada por outros meios. Por fim, destacou que a União acaba por interferir nos estados, pois a medida vale não apenas para a Justiça Federal, mas também para a Justiça Estadual.

O Globo

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. J. Dantas disse:

    Só especialistas do PSOL comentando kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  2. Potiguar disse:

    Moro é um "juiz de garantia" pois garante impunidade aos amigos, como também garante o rigor da lei para os inimigos.

  3. Osvaldo disse:

    Está preocupado com ele mesmo .

    • Dilma disse:

      Está preocupado com os princípios que o norteiam desde quando era juíz, e sempre na defesa dos bens público e combatendo os contraventores. Sabe ele que esse juízo de garantia é insustentável na estrutura defasada da justiça brasileira e que sua implantação só aumentará a morosidade processual. Beneficiando bandidos e a sensação de impunidade. Por isso Sérgio Moro é contra.

  4. Gilberto disse:

    "O estrondoso silêncio do ministro da Justiça, Moro, diante de coquetéis Molotov na Porta dos Fundos e a ladroagem no Bolsonistão é uma aula de História", afirmou o jornalista Bob Fernandes

Apresentador do Sportv critica diferença de tratamento de jornais no Rio sobre vice de Vasco e Flamengo no Mundial: ‘ é ultrajante’

Rizek afirmou que é ‘ultrajante’ a diferença de tratamento entre as equipes (Foto: Reprodução) -Foto: Lance!

O apresentador do SporTV, André Rizek, tuitou na manhã desta segunda-feira sobre a matéria do ‘Redação SporTV’ que comparou as capas do jornal ‘Extra’, do Rio, com as manchetes do dia seguinte das derrotas de Vasco, em 1998, e de Flamengo, neste ano.

Em ambas ocasiões, as equipes cariocas jogaram de igual para igual com os times europeus, porém, em 98, a manchete tirava sarro da derrota vascaína e afirmava que os rubro-negros estavam comemorando. Em 2019, o jornal exaltou a partida do Fla diante do Liverpool.

Rizek afirmou que é ‘ultrajante’ a diferença de tratamento dado aos dois clubes em situações parecidas.

– Redação Sportv está mostrando como os jornais do Rio retrataram o vice do Vasco em 1998 (depois de grande atuação na derrota para o Real) e como retratam o vice do Fla, agora. É ultrajante a diferença no tratamento dispensado aos dois clubes, em situações muito parecidas – disse.

O jornalista recebeu uma chuva de apoio e criticas no Twitter e sobrou até para Márvio do Santos, editor-chefe do ‘Extra’, que foi gravado correndo com a camisa do Flamengo pela redação em comemoração ao segundo gol de Gabigol, que deu o título da Libertadores ao Flamengo.

Um internauta marcou Márvio na publicação questionando-o sobre o que ele achava da opinião de Rizek. O jornalista respondeu dizendo que a manchete do Vasco não se repetiria neste ano.

Terra, com Lance

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Augusto Carvalho disse:

    Vamos ser sinceros, o Flamengo adotou uma estratégia corajosa que não deu certo, não criou nenhuma situação real de gol enquanto o Liverpool abusou de errar gols, poderia ter feito 3 a 0 no tempo normal!!! O resto é glamorizar a derrota!

  2. Érico disse:

    Concordo com o Rizek, e o Márvio vem com uma desculpa quê hoje à materia com à derrota do Vasco, seria outra, sustente à palavra cabra frouxo, Márvio você e um flamenguista de merda!

  3. Danniel Montenegro disse:

    Verdade. A massa, podre, rubro-negra só olham para o umbigo deles e muitos jornalistas são tendenciosos ao se falar de Flamengo. O Vasco jogou melhor que o Flamengo na final que fez conte a o Real Madrid em 1998 e foi vice tanto quanto a equipe da Gávea. Já a imprensa valoriza o vice do Flamengo e não valorizou o do Vasco.

  4. Antonio Turci disse:

    Verdade. Certos apresentadores, locutores deveriam dosar o entusiasmo. Têm que entender que os respectivos papéis materializam-se quando das transmissões de jogose/ou programas especializados cultos espectadores, ouvintes, são de times distintos.

Trump critica indicação de Greta como a personalidade do ano e diz que ela ‘deveria ir ao cinema’

Foto: Andrew Hofstetter / REUTERS

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, criticou nesta quinta-feira a nomeação de Greta Thunberg pela revista Time como a personalidade do ano de 2019. Trump afirmou que a ativista climática, de 16 anos, deveria “relaxar” e ir ao cinema com um amigo.

“Tão ridículo. Greta deveria trabalhar em seu problema de controle da raiva, depois ir a um bom e velho cinema com um amigo! Relaxa, Greta, relaxa”, tuitou.

A afirmação veio depois de a revista americano ter anunciado na última quarta-feira a escolha de Greta como a personalidade do ano. A adolescente iniciou no ano passado um protesto solitário com o mote da “greve escolar pelo clima”, ou “Sexta-feira pelo futuro”, contra o aquecimento global diante do Parlamento da Suécia, em Estocolmo. Desde então, se transformou em um ícone mundial e a mobilização derrubou fronteiras.

A ativista sueca ficou conhecida por seus discursos inflamados aos líderes mundiais e esteve na quarta-feira em Madri, onde ocorre a 25ª Conferência sobre o Clima das Nações Unidas (COP-25). Durante o evento, Gretra acusou os países ricos de enganarem as pessoas, como se estivessem tomando medidas significativas contra as mudanças climáticas.

Em uma de suas aparições mais emblemáticas, a jovem se dirigiu a líderes mundiais, em outra cúpula climática, na ONU em setembro, e questionou o engajamento dos países em relação às metas de combate ao aquecimento global.

— É o começo de uma extinção em massa e tudo o que vocês fazem é falar de dinheiro e contos de fada sobre um eterno crescimento econômico. Como se atrevem? — indagou, na ocasião, em um discurso que repercutiu em todo o mundo.

O presidente Jair Bolsonaro a chamou, na última terça-feira, de “pirralha” e em setembro, após o discurso da adolescente, Trump, em tom de ironia, disse que ela é uma “menina muito feliz, ansiosa por um futuro brilhante e maravilhoso”. Bolsonaro repetiu a ofensa em um evento com empresários na última quarta-feira.

O Globo

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Oswaldo disse:

    Essa “Time” é a mesma que já escolheu Hitler e Stálin como personalidades do ano?

  2. Brasil e RN acima de tudo disse:

    Essa menina está incomodando muita gente "graúda", não sei porque?

  3. Bosco disse:

    O Trump pegou ar! Rssss

  4. Fernando Antônio Ribeiro Bastos disse:

    Vamos esperar a reação da rede “grobo”, sobre a opinião do Presidente Trump. KKKK

  5. George disse:

    Onde está a "ofensa"?

Moro prega respeito pela OAB, e responde crítica do presidente Santa Cruz: “postura de militante político-partidário”

Foto: Adriana Lorete / Agência O Globo

Sergio Moro acaba de tuitar uma resposta à crítica de Felipe Santa Cruz , presidente da OAB, que disse este ser o pior momento da relação da Ordem com o Ministério da Justiça.

“Tenho grande respeito pela OAB, por sua história, e pela advocacia. Reclama o presidente da OAB que não é recebido no Ministério da Justiça. Terei prazer em recebê-lo tão logo abandone a postura de militante político-partidário e as ofensas ao presidente e a seus eleitores”.

Veja mais – ‘Quem apoia Bolsonaro tem desvio de caráter’, diz presidente da OAB

Disse Santa Cruz, num café da manhã com os jornalistas:

“Ele (Bolsonaro) preside para a minoria. Namora os 12% que apoiam a ditadura, de 12 a 20%, namora os 10% que são racistas, homofóbicos e machistas, ele namora os 10%… ele faz um conjunto de 30% dos piores sentimentos do povo brasileiro. Eu sinceramente acho que quem segue apoiando o governo… Estou convencido, e vou falar uma coisa dura. Quem segue apoiando o governo é porque tem algum desvio de caráter”, disse Santa Cruz”.

Após a coluna publicar a frase, Santa Cruz entrou em contato para fazer o seguinte complemento:

“Bolsonaro vem sim criando uma base em que boa parte das pessoas não possui bons sentimentos. A principal base dele tem esses sentimentos de racismo, machismo e homofobia. Não posso confundir o apoiador dele indiscriminadamente. Essa não é a realidade do conjunto de apoiadores dele, que é composto de vários setores, que têm interesses legítimos. Gostaria de esclarecer que uma frase tirada do contexto dá uma ideia errônea do que falei e do que que penso”.

Guilherme Amado – Época

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Antonio Turci disse:

    Essa figura da OAB não faz jus ao nome. Sua personalidade não parece ser Santa e o maior símbolo cristão, a Cruz, não lhe fica bem.

  2. Antônio Soares Almeida da Costa disse:

    Santa Cruz deveria se dar ao respeito, falta até postura profissional.
    Fala em nome de uma minoria, de forma desabonadora, jogando por terra todo respeito que a OAB tinha. Adotou um discurso e ações político partidária de forma indiscutível e vergonhosa.
    Se mostra semi analfabeto em matemática, afinal a votação que Bolsonaro representa mais que o dobro do veneno com distorções que ele verbalizou.
    Talvez na hora que estava falando lembrou dos números que seus líderes teve e os invocou como sendo de Bolsonaro.
    A grande maioria dos advogados não merece ser representados por esse rapaz. A ficha dele diz tudo sobre suas condutas e personalidade. Lamentável ver a OAB nas mãos de um advogado desse nível. A OAB nunca esteve tão rastejante em sua representatividade.

Bispo católico critica especial de Natal do Porta dos Fundos “A primeira tentação de Cristo”, que insinua Jesus gay e relacionamento com Satanás: “Cancele a Netflix”

Gregório Duvivier e Fábio Porchat no ‘Especial de Natal Porta dos Fundos: A primeira tentação de cristo’ Foto: Divulgação

Jesus (Gregório Duvivier) está prestes a completar 30 anos, e é surpreendido com uma festa de aniversário quando voltava do deserto acompanhado do namorado, Orlando (Fábio Porchat) . Essa é a premissa do “Especial de Natal Porta dos Fundos: A primeira tentação de Cristo” , no ar na Netflix desde 3 de dezembro.

A sinopse da comédia de 46 minutos não agradou a alguns setores religiosos. No Change.org, um abaixo-assinado com 293 mil assinaturas pede o “impedimento” do especial por “ofender gravemente os cristãos”, sem dar mais detalhes.

Já Dom Henrique Soares da Costa , atual bispo da Diocese de Palmares, em Pernambuco, iniciou uma campanha pelo cancelamento de assinaturas da Netflix.

Leia mais:  Após filme com Jesus gay, Porta dos Fundos e Netflix são alvo de boicote

“Então, como Bispo da Igreja, eu exorto vivamente aos cristãos: neste Natal, proclame seu amor, sua fé, seu respeito em relação a Nosso Senhor Jesus Cristo; mostre que seu amor por Ele é real e ativo: cancele a assinatura da Netflix e lá, no menu apropriado, explique o motivo: “desrespeito por Jesus Cristo”, “desrespeito pelo cristianismo”, etc. Se você realmente crê e ama ao Senhor, não há outra atitude a tomar…”, escreveu o bispo em sua página no Facebook.

Procurado pela reportagem, o ator Gregório Duvivier ironizou, por mensagem de WhatsApp, a realização do abaixo-assinado contra o especial.

— Sim, vi que são quase 300 mil pessoas. Acho que fizemos algo errado, porque é muita pouca gente. Da próxima vez, acho que vale pegar mais pesado. O Porta tem quase 20 milhões de inscritos. 300 mil é um fiasco. Mas de qualquer jeito, vale pra medir a audiência. Pelo menos 300 mil pessoas viram. É mais que a base de apoio do Bolsonaro — respondeu.

Desde 2013, o Porta dos Fundos publica especiais de Natal todo dezembro. O filme do ano passado, “Se beber, não ceie”, venceu o Emmy Internacional por melhor comédia no final de novembro. Na véspera da cerimônia que consagrou o filme, Fábio Porchat (que vive Jesus no especial de 2018), comemorou a indicação.

— É muito bom concorrer com uma sátira religiosa nesse momento do Brasil em que as pessoas estão dizendo muito “não pode”. A gente vai lá e faz uma das coisas que mais “não pode” no mundo, porque para a gente, no humor, tudo pode — comentou.

O Globo

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Devalde Ulisses disse:

    Com certeza a mão de Deus vai pesar sobre eles e vai doer em suas almas

  2. Douglas disse:

    O nome disso é sacrilégio!!!

    • Rodrigo Mainardes Ribeiro disse:

      Ih amiguinho… Deus tá bem mais ocupado com pastores que usam o nome Dele pra enriquecer, padres pedófilos e supostos cristãos homofóbicos do que com humoristas, pode ter certeza.

  3. José Eudes disse:

    Falta de respeito com um país que 90% da população é cristão. Isso é a turma que gosta de da fundo, que faz isso.

  4. Silva disse:

    Se fizer comédia com gay, negro, mulher, deficiente, imigrante não pode mas contra cristão não tem nada de mais, isso é hipocrisia, preconceito, discriminação, cristofobia sim !

  5. Bento disse:

    Dois grandississimo FDP .
    Dois caga pau
    Aguardem os castigos.

  6. Acorda Brasil disse:

    Não são esses mesmos "progressistas" que clamam pedindo respeito por toda bizarrice? Canalhas hipócritas. Escória moral.

  7. Cigano Lulu disse:

    A bispada católica prefere viver submersa no oceano da hipocrisia religiosa a reconhecer o talento e a verve criativa que caracterizam o humor brasileiro.

  8. Luladrão Encantador de Asnos disse:

    Eu acho é lindo.

  9. Nando disse:

    Não é questão ideológica! É falta de respeito.

    • Rodrigo Mainardes Ribeiro disse:

      Errado. É uma sátira. O velho testamento diz que mulher menstruada é impura. Eu considero isso ofensivo. Nem por isso saio fazendo mimimi sobre o velho testamento. Saia da caixinha, mente fechada.

  10. aof disse:

    Cancelando a Netflix!

  11. Esquerda mi mi mi disse:

    É a esquerda que a igreja Católica adora!
    E agora, Sr. Bispo?

Toffoli critica ataques e diz ser “natural” que STF não agrade a todos

Foto: Arquivo/Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Dias Toffoli, criticou nesta terça-feira (10), em Brasília, o que chamou de “ataques atentatórios” feitos contra a Corte neste ano. Após fazer um apanhado de julgamentos polêmicos, ele afirmou ser natural que os julgamentos do plenário não agradem a todos.

“Foram momentos difíceis; nas redes sociais observamos robôs atuando no sentido de atacar as instituições”, disse. “Não é a crítica, porque a crítica é necessária, a crítica é bem-vinda. Lá se tratavam realmente de ataques atentatórios à própria democracia”, afirmou.

Em março deste ano, Toffoli determinou de ofício, ou seja, sem provocação externa, a abertura de um inquérito sigiloso para apurar ataques contra ministros do STF e seus familiares.

A medida foi alvo de críticas de políticos e juristas e do Ministério Público, que até outubro deste ano sequer participava do processo. Sob relatoria do ministro Alexandre de Moraes, a investigação segue em curso.

Julgamentos polêmicos

Ao falar em defesa do Supremo, Toffoli fez uma espécie de balanço e citou alguns julgamentos polêmicos realizados neste ano e que causaram forte reação, como a criminalização da homofobia, a permissão para a privatização de subsidiárias de estatais, a mudança de jurisprudência sobre prisão em segundo instância e o aval para o compartilhamento de informações entre órgãos de controle e de investigação criminal.

“É natural que o Supremo não agrade a todos, sobretudo, quando julga temas controversos, em que a sociedade está dividida. Mas não pode haver espaço contra o STF, pois estamos defendendo a democracia, a liberdade e os direitos humanos”, disse o ministro.

Ele também rebateu críticas sobre o que seria um “ativismo judicial” do Supremo, afirmando que a Corte atua somente mediante provocação e que não pode deixar de responder quando provocada.

“Não temos a possibilidade de não julgar. É o próprio meio político que leva para um segundo ou terceiro turnos as questões que a democracia deliberou com base nas suas instituições competentes”, afirmou.

Ainda em defesa da produtividade do Supremo, Toffoli disse que a Corte proferiu 94 mil decisões neste ano, 16,6 mil das quais de modo colegiado, número 20% superior ao ano anterior.

Agência Brasil

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Torres disse:

    Esse STF, virou uma grande piada…
    Infelizmente uma justiça comprada.

  2. Rodrigo Duarte disse:

    Os únicos que são agradados pelo STF são os bandidos, isso para o STF é muito natural…

  3. Francisco disse:

    Não existe ataque, o país apenas está tentando defender o que é da nação, e o país tem direito a ter justiça, e isso o stf está usurpando da nação. Só queremos que nos devolvam o direito a ter justiça. Enquanto nos negarem, reagiremos. No primeiro momento nos expressando, se continuarem a negar, iremos pra rua exigir, aí veremos.

Janot critica punição do CNMP a Deltan Dallagnol com advertência: “Cala boca já morreu”

Reprodução/Twitter

No Twitter, Rodrigo Janot criticou a decisão da maioria dos conselheiros do CNMP de punir Deltan Dallagnol com uma advertência.

“Não se pode usar correição disciplinar para interferir em atividade-fim do MP e muito menos para censurar crítica legítima a quem quer que seja”, tuitou o ex-PGR.

“Como dizíamos na infância, cala boca já morreu, quem manda na minha boca sou eu!”, completou Janot.

O Antagonista

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Jorge disse:

    Absurdo essa advertência, é carta Branca para os bandidos, sabem que se receberem críticas do cnMP, enfraquece a luta do tra a bandidagem.

Tomba critica 11 meses da gestão Fátima e diz que governo “só está gerindo as suas próprias contas”

Foto: Divulgação/ALRN

O deputado estadual Tomba Farias (PSDB) avaliou, nesta quarta-feira (13), durante a sessão plenária da Assembleia Legislativa, os 11 primeiros meses de gestão da governadora do Estado Fátima Bezerra (PT). Segundo ele, os serviços são mal prestados e nem mesmo o pagamento das emendas parlamentares está sendo respeitado.

“O Governo precisa cumprir com as suas obrigações e respeitar, pelo menos, as obras e as ações oriundas de emendas nossas. Queremos um calendário, queremos saber quando elas serão empenhadas e posteriormente pagas”, pronunciou-se, pedindo uma intervenção do secretário de Gestão de Projetos e Articulação Institucional (Segai), Fernando Mineiro, que relatou o Orçamento 2019.

Além do não pagamento das emendas, Tomba Farias comentou os atrasos de fornecedores e cooperativas, lembrando que os salários atrasados também não têm sido honrados pelo Governo. “Os serviços estão mal prestados e atrasos acontecendo, mas a atual gestão não paga nada anterior, só está gerindo as suas próprias contas”, finalizou o deputado.

ALRN

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Gato Mestre disse:

    Deputado falastrão, ao longo de sua carreira política fez campanha pra os cretinos que nos atolaram nesse buraco, parceiro de Henrique Eduardo Alves. Cretino.

  2. Edson disse:

    fazendo mais que robinho que nao geriu as dele!!!

  3. Anti-Político de Estimação disse:

    E quais as sugestões que o nobre Deputado tem a oferecer ? é disso que o Estado e o País precisam, e não de blá-blá-blá inútil e politicagem barata de um lado e de outro.

LACOMBE TEM COMPANHIA: “Como jornalista, sinto-me constrangido. Todos os manuais de redação foram rasgados”, diz Britto Jr

(Imagem: Reprodução/ Instagram)

Britto Jr usou suas redes sociais para fazer duras críticas ao jornalismo da Globo. Em uma das suas publicações, na última quarta-feira (30), o apresentador, que está afastado da TV, criticou a polêmica reportagem pelo Jornal Nacional.

Na matéria, cabe lembrar, a emissora afirmou que o nome de Jair Bolsonaro (PSL) estava sendo citado no caso da morte de Marielle Franco (PSOL).

“Como jornalista, sinto-me constrangido com o crescente baixo nível na luta pela audiência e na defesa de interesses corporativos. Todos os manuais de redação foram rasgados. Jair Bolsonaro fez live indignada direto da Arábia para rebater a notícia que o envolve no caso Marielle”, começou ele no Twitter.

“Ou os veículos dão um basta neste circo de horrores, exigindo seriedade de seus programas, inclusive tirando do ar os que praticam injúria e difamação de forma aberta e irresponsável, ou a falta de credibilidade vai se voltar contra os próprios veículos. Já está acontecendo”, desabafou o famoso.

VEJA MAIS – VÍDEO: Luis Ernesto Lacombe expressa constrangimento com falhas no jornalismo e dá “aula” com sugestão de como se produz uma matéria

Britto Jr seguiu com a sua indignação. “Aposta-se no ‘se colar, colou’, na manipulação de versões sobre fatos irrelevantes ou que nem ocorreram. Se acham no direito de julgar pessoas, rasgando reputações com desfaçatez. Jogam uns contra os outros e ainda brigam entre si”, afirmou ele.

“Isso tudo também é fake News e tem que acabar. A impunidade de sites, portais e emissoras decorre do pressuposto de que as vítimas deste tipo de assédio moral e reputacional preferem não recorrer à justiça, imaginando que isso somente serviria para prolongar o assunto e piorar o massacre. Até quando?”, perguntou o jornalista.

Reprodução: Twitter

Terra, via RD1

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Josiel disse:

    Pannunzio: Bolsonaro é um ditador ainda sem ditadura!
    Bolsonaro só não é um tirano neste momento porque não teve força para implantar um regime ditatorial.
    Perguntar não ofende: Por que os “inimigos do crime” Bolsonaro e Moro nunca se empenharam no caso Marielle?

  2. João Bosco Macedo disse:

    Olha vada vez mais fica evidente que a grande questão da Globo, é se aproveitar de qualquer fato para tentar tirar proveito. E quabdo se trata do Presidente Bolsonaro, ai é que eles não seguem nenhum principio, a não ser a ideia de derruba-lo antes de 2022. Pois sabe que até la não vai mais ter mamata, como também vai ter que juntar muito dinheiro para pagar as dividas com a União. Rasgaram todos os códigos de éticas do bom jornalismo. Nesse caso chega a ser vergonhoso. Pareceu mais a historia de biata fofoqueira… Só Deus na causa. Que pena do nosso querido oovo Brasileiro que a Decadas vem sendo desinformado. E o mais triste disso é que muitos condenados ainda temtam tirar proveito disso. Ou será que tem acordo por trás? Vai saber!.

  3. Robert disse:

    Ninguém pode achar, a esta altura, que assistimos apenas à um espetáculo dantesco de descontrole político e emocional do clã Bolsonaro. Sim, é, mas está longe de ser somente isso. Bolsonaro está evidentemente provocando.

  4. Wellington disse:

    O problema é que muitos dos jornalistas tão se achando os únicos dono da verdade

  5. natalsofrida disse:

    Ainda bem que existem jornalistas sérios no nosso país. Já chega de tanta mentira, lambanças e lixos, o jornalismo sério, é aquele imparcial. Lebram do velhinho Cid Moreira, pois
    é, tão bonzinho né, recebendo de Sarney um contra cheque de 25 paus por mês, agora imagine pra quê? Tô falando daquela época que Sarney fatiou o Brasil quando era vc presidente. Difícil encontrar algum jornalista sério, mas tem.

  6. Maldoni disse:

    "PIMENTA NOS OLHOS DOS OUTROS É REFRESCO!"
    NÃO FOI ISSO QUE FIZERAM E CONTINUAM FAZENDO COM LULA?
    POR QUE ESSA INDIGNAÇÃO APENAS AGORA QUE BOLSONARO FOI O ALVO ?
    SERA QUE PODEMOS TUFO QUANDO A VITIMA É NOSDO ADVERSÁRIO E EXISTEM PESSOAS INTOCÁVEIS COMO FORAM AÉCIO, FHC, SERRA E AGORA BOLSONARO?
    ATACAR POR MEIO DE FAKES NEWS (INVENTANDO MENTIRAS TIPO A MAMADEIRA DE PIROCA) NÃO É O MODUS OPERANDI DA FAMÍLIA BOLSONARO?

    • Yago disse:

      O X da questão é que contra Luladrão não são denúncias esfarrapadas, são sentenças já julgadas, inclusive ele tá vendo o sol nascer quadrado já faz um tempinho.

    • Acorda Brasil disse:

      Deixa de conversar lorota… Fala como se Lula fosse um inocente perseguido pela imprensa. São mais de 140 presos! Lula é um quadrilheiro. Um criminoso de alta periculosidade.

    • Lindoarte Lima disse:

      Lula é picareta que afundou esse país!

    • MG disse:

      Só uma pequena observação . Lula é bandido, acumula duas condenações e é réu em vários outros processos.

    • Ferreira disse:

      Esqueçam de Lula seus idiotas teleguiados por milicianos laranjas comandados por Orvalhos de Carvalho o enviesado Pavão Misterioso do Carluxo.
      Lula está preso seus babacas. E agora estamos falando do Presidente que se elegeu com os Fake News produzidos e distribuídos pela Rede de fake news encabeçada pela família Bolsonaro, Olavo de Carvalho e Allan dos Santos, conforme diz Frota, que fazia parte desse esquema até um dia desses como membro do Partido do Suco de Laranja – PSL.
      Acusar Lula não isenta de culpa os seus "bandidos de estimação", robôs teleguiados que só sabem dizer: Lula, Lula, Lula…
      kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
      E saibam que nem todo mundo que critica ou quer satisfação do atual Pré-Fake, é Lulista ou petista. Deixem de ser otários manipulados.
      Todo mundo tem direito a criticar e querer saber o que se passa quando uma família que nunca trabalhou e só viveu da política até agora, está fazendo pelos mais pobres desse país.

‘Tentativa de manipular a verdade’, diz defesa de Lula sobre pedido do MPF de anular sentença no caso Sítio Atibaia

Foto: Reprodução

A defesa de Luiz Inácio Lula da Silva criticou o pedido feito pelo Ministério Público Federal, na quarta-feira (23), de anular a condenação de Lula, na primeira instância, no caso do sítio de Atibaia. Em nota, a defesa disse que há uma “tentativa de manipular a verdade nos processos envolvendo o ex-presidente” e que espera a anulação completa do processo.

O parecer foi protocolado pelo MPF após o Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) marcar um julgamento para a próxima semana para decidir se a sentença de condenação de Lula, no caso de sítio, será anulada. O pedido do MPF pede que o processo volte à 1ª instância e cita a determinação do STF de que réus delatados devem fazer alegações finais depois dos réus delatores.

Na nota, o advogado de Lula, Cristiano Zanin Martins, disse que nas razões de apelação apresentadas ao TRF-4 em junho, a defesa pediu a declaração da nulidade total do processo relativo ao sítio de Atibaia, assim como os demais processos que foram conduzidos pelo ex-juiz Sergio Moro.

Zanin acrescentou que a defesa vai buscar todas as medidas jurídicas cabíveis para que o tribunal analise esse pedido de anular todo o processo.

“Único desfecho compatível para o caso, além do oportuno reconhecimento de que Lula não praticou qualquer crime”, acrescentou a defesa.

Decisão do STF

O Supremo Tribunal Federal definiu que réus delatados devem apresentar as alegações finais (última etapa de manifestações no processo) depois dos réus delatores, garantindo direito à ampla defesa nas ações penais.

Com isso, processos em que réus delatores e delatados apresentaram as alegações finais ao mesmo tempo – como os da Operação Lava Jato – podem vir a ser anulados. Caberá aos ministros definir em que hipóteses isso ocorrerá.

Em agosto, a Segunda Turma do STF anulou uma sentença do ex-juiz Sergio Moro, que havia condenado Aldemir Bendine na Lava Jato. Para os ministros, o empresário não foi ouvido na fase correta.

Após essa decisão, a defesa de Lula pediu ao Supremo para conceder, ao ex-presidente, liberdade e anular duas condenações e parte de um terceiro processo.

Caso o TRF-4 anule a sentença, na semana que vem, o processo voltará à primeira instância da Justiça para nova decisão do juiz.

Julgamento não foi concluído

O julgamento do STF, que definirá em quais situações pode haver anulação de sentenças de processos em que há réus delatores e delatado, foi adiado no início deste mês. Não há nova data para apreciação do tema.

Os ministros já haviam decidido, por 7 votos a 4, que as alegações finais de réus delatores têm de ser apresentadas antes das alegações dos réus delatados, a fim de se assegurar o amplo direito de defesa.

Primeira condenação

A sentença do sítio de Atibaia é a segunda condenação de Lula na Lava Jato. O ex-presidente cumpre pena na Polícia Federal de Curitiba por corrupção e lavagem de dinheiro no caso triplex do Guarujá (SP), desde abril do ano passado.

Em abril deste ano, o Superior Tribunal de Justiça (STJ) manteve condenação e reduziu pena para 8 anos e 10 meses, em decisão unânime.

Antes disso, o recurso em segunda instância havia sido negado no TRF-4, que aumentou a pena da primeira instância, de 9 anos e 6 meses, para 12 anos e 1 mês.

A prisão do ex-presidente ocorreu após o esgotamento dos recursos no TRF-4. O andamento do processo tramitou durante cinco meses na segunda instância, até a decisão.

Denúncia do sítio de Atibaia

De acordo com o Ministério Público Federal, Lula recebeu propina do Grupo Schain, de José Carlos Bumlai, e das empreiteiras OAS a Odebrecht por meio da reforma e decoração no sítio Santa Bárbara, em Atibaia (SP), que o ex-presidente frequentava com a família. Outras 12 pessoas foram denunciadas no processo.

A acusação trata do pagamento de propina de pelo menos R$ 128 milhões pela Odebrecht e de outros R$ 27 milhões por parte da OAS.

Para os procuradores, parte desse dinheiro foi usada para adequar o sítio às necessidades de Lula. Segundo a denúncia, as melhorias na propriedade totalizaram R$ 1,02 milhão.

O MPF afirma que a Odebrecht e a OAS custearam R$ 850 mil em reformas na propriedade. Já Bumlai fez o repasse de propina ao ex-presidente no valor de R$ 150 mil, ainda conforme o MPF.

Segundo o MPF, Lula ajudou as empreiteiras ao manter nos cargos os ex-executivos da Petrobras Renato Duque, Paulo Roberto Costa, Jorge Zelada, Nestor Cerveró e Pedro Barusco, que comandaram boa parte dos esquemas fraudulentos entre empreiteiras e a estatal, descobertos pela Lava Jato.

Nota da defesa de Lula

“É clara a tentativa da Lava Jato de mais uma vez manipular a verdade nos processos envolvendo o ex-presidente Lula. Nas razões de apelação que apresentamos em 04/06/2019 ao Tribunal Regional Federal da 4ª. Região pedimos a declaração da nulidade total do processo relativo ao “Sítio de Atibaia”, assim como os demais processos que foram conduzidos pelo ex-juiz Sergio Moro – diante da sua clara parcialidade, além de outros graves vícios devidamente comprovados.

Além de toda a fase probatória ter sido conduzida pelo ex-juiz Sergio Moro, demonstramos, por meio de perícia, que a sentença condenatória proferida contra Lula parte do “aproveitamento” de decisão anterior do atual Ministro de Estado (relativa ao caso do “Triplex”).

A manifestação apresentada no final do dia de hoje (23/10) pelo MPF pedindo a nulidade do processo a partir das alegações finais, na linha do que havia sido sugerido em despacho proferido no início da manhã pelo Relator do recurso, busca atenuar as consequências jurídicas decorrentes das grosseiras violações perpetradas contra Lula também nessa ação.

Buscaremos, por todas as medidas juridicamente cabíveis, que o Tribunal analise o pedido que apresentamos em 04/06/2019 visando à declaração da nulidade de todo o processo, único desfecho compatível para o caso, além do oportuno reconhecimento de que Lula não praticou qualquer crime”.

G1

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. #Lula Na Cadeia sempre disse:

    Esse vagabundo ladrao condenado tem que apodrecer na cadeia

“A imprensa está perto do fim”, diz O Antagonista, após editorial do Estadão sobre a Lava Jato

Foto: Reprodução

O Estadão, em editorial, festejou o fim da Lava Jato:

“A Operação Lava Jato, ou ao menos a força-tarefa de Curitiba, a mais conhecida, está perto do fim. É bom que assim seja porque o que deve ser perene é o império da Constituição, das leis e do devido processo legal, não algumas operações específicas. Respeitadas as leis e garantido o devido processo pelo Poder Judiciário, não há mais razões para crer que o combate à corrupção sofrerá algum revés apenas porque a notória operação chegou ao fim. Esta, aliás, foi uma das muitas falácias usadas como pretexto para justificar alguns abusos cometidos no curso da Lava Jato.”

O jornal é contrário à iniciativa de se criar um órgão permanente de combate à corrupção, sob o comando de Deltan Dallagnol:

“A solução, de acordo com um grupo de procuradores ligados a Dallagnol, seria a criação de um grupo permanente de combate à corrupção, nos moldes dos Grupos de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) dos MPs estaduais. Deltan Dallagnol teria de solicitar ao Conselho Superior do Ministério Público sua promoção a procurador regional, de modo que possa coordenar esse Gaeco do MPF e, então, implementar a ‘doutrina’ de combate à corrupção criada pela Lava Jato no novo órgão, de natureza permanente.

Ambas as iniciativas, tanto a criação de um ‘Gaeco’ federal como a perpetuação da tal ‘doutrina lavajatista’, são uma temeridade. A doutrina do MPF é e sempre deve ser exclusivamente a lei. A bíblia que vale para nortear sua atuação é a Constituição. Toda ação que dela se desviar é abuso, é ilegalidade.”

Lembrando: a Lava Jato não é ou foi uma operação clandestina.

O Antagonista

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Rui disse:

    Ja acabam tarde,todos vendidos……

    • José Moro disse:

      Mas pelo menos já recuperaram 40 bilhões de reais do dinheiro roubado pela esquerdalha, e ainda poderão reaver umas 4 vezes mais, caso os bandidos do stf não usem de Sabotagens aos andamentos dos processos que estão em poder da lava-jato. A sociedade precisa dar pressão total pra que a força tarefa continue combatendo a corrupção.

Nelter critica retirada de emenda que estende aumento aos servidores estaduais

Foto: João Gilberto

Durante sessão nesta quinta-feira (17), o deputado estadual Nelter Queiroz (MDB) criticou a atitude do presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Assembleia, deputado Raimundo Fernandes (PSDB). O motivo é o encaminhamento do requerimento pedindo a retirada da emenda de autoria do deputado Nelter Queiroz ao projeto de Lei 12/2019 que estende o aumento salarial concedido aos procuradores a todos os servidores estaduais (ativos, inativos, pensionistas e da administração direta e indireta), de 16,38%.

O pedido de arquivamento da emenda que trata do tema foi feito durante a sessão de ontem pelo deputado Raimundo Fernandes, que justificou a decisão por entender que a emenda é inconstitucional e alegou elementos jurídicos para tal justificativa.

Hoje, Nelter lembrou que a emenda foi indicada pelo Sindicato dos Servidores Estaduais e pediu que os deputados reflitam sobre o tema.

ALRN

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Lírio disse:

    Ministro do STF tem aumento e, em homenagem a autonomia do ente federado o governador não é obrigado a repassar tal reajuste a funcionário do Estado. Bora Fátima metes os peitos e acaba com essa farra. Teto salarial no miserável RN deveria ser de 10mil, pois a metáfase da população ganha até 300 reais.

Apresentador da Band, Luís Ernesto Lacombe, critica ativista ambiental Greta Thunberg: “É uma menina bancada por uma fundação”

(Foto: Kelly Fuzaro/Band)

Depois de criar polêmica ao discutir no ar com a sua colega de Aqui na Band, Silvia Poppovic, o apresentador Luís Ernesto Lacombe voltou a chamar a atenção por suas opiniões. Ao participar rapidamente do programa Notícias da Redação, exibido para todo o Brasil (com exceção de São Paulo), na manhã dessa terça (24), o jornalista criticou a ativista ambiental sueca Greta Thunberg, de apenas 16 anos.

Greta tem viajado todo o mundo usando um discurso para conscientizar a população mundial do aquecimento global. Âncora e editora-chefe do Notícias da Redação, Marina Machado exaltou a jovem. “Lacombe, eu estou arrepiadíssima com o que a Greta Thunberg falou. É um negócio que, realmente, essas frases não saem de mim”, disse Marina.

Foi quando Lacombe discordou e disse que o discurso da jovem ambientalista é alarmista e exagerado. “Marina… Eu não compro essa menina, você me desculpa. Eu acho que essa menina tem discurso alarmista, com cheio de frases de efeito. Eu tenho uma opinião diferente da sua. Eu acho que a gente tem que ter um debate pesado sobre clima e quanto o homem influencia na mudança do climática”, disse ele.

“Mas aí nós vamos ficar oito horas discutindo e não vai dar certo aqui”, falou Marina. “É. É uma menina bancada por uma fundação. Eu por enquanto não compro. Tem um discurso exagerado”, concluiu Lacombe. Posteriormente, Poppovic e Lacombe deram os destaques do dia no Aqui na Band.

O vídeo com a nova opinião de Luís Ernesto Lacombe já está viralizando nas redes sociais. Nessa segunda, ele discutiu no ar com Silvia Poppovic por causa do caso Ágatha.

Observatório da Televisão – BOL-UOL

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Meinardo disse:

    Os europeus estão defendendo os interesses deles, o protecionismo da agricultura local.

  2. Antonio Turci disse:

    PARABÉNS LACOMBE.

  3. Wellington disse:

    Tava mais pra um cão raivoso querendo morder, do que pra uma ativista

  4. Ivan disse:

    Vai toda sexta protestar pelo meio ambiente, melhor seria plantar uma árvore…mais ação e menos mi mi mi …"roubaram meu futuro"…kkkkkkkk

  5. Fred Lucena disse:

    Parabéns Lacombe! Precisamos de Profissionais como você.

  6. Pois eu acho o contrário. Fico feliz em ver jovens que são representantes mundiais!Jovens que falam e que defendem suas convicções. Precisamos de jovens conscientes, críticos e participativos. Enquanto isso muitos homens e mulheres não tem capacidade de reproduzir uma frase com autonomia, pois vivemos um momento onde só ouvimos eco… e a fala do jornalista retrata isso, pois vem fazer coro para desqualificar sem uma fundamentação clara. Eu quero mais é que os jovens tenham voz e se posicionem. E quando isso incomodar é pq está no caminho correto. Por mais Greta's!!!!

  7. Roberto disse:

    Essa Greta queria mesmo era cabular aulas toda sexta-feira.
    Deveria estar preocupada era com a islamização na Suécia e na Europa.

  8. Rivanaldo disse:

    Tem uma figura de Natal que também falou respeito do assunto em alto nível. O nome dele tá nos tranding topics do twitter no Brasil. Parabéns aos envolvidos.

  9. André disse:

    na matéria não está em jogo a questão ambiental , o lacomb fala é do mimimi , essa menina é garota propaganda de uma empresa , fala coisas que mandam ela falar , é de um país com uma das melhores qualidade de vida , não sabe nem o que disse , é de família rica e vem pagar de coitadinha dizendo com exagero " vcs tiraram meu sonho, tiraram minha infância " , nasceu em berço de ouro, nunca se importou com isso , não tem histórico nenhum sobre isso , a mãe dela que conseguiu essa empresa e usa ela tipo como garota propaganda, agora a questão tem mesmo que ter atenção do mundo mas não precisa ser com farsas e mentiras, esse presidente tem sim que ser mais ativo no tocante a questão ambiental, mas a menina dos olhos dos políticos do mundo agora é a questão ambiental, aqui no Brasil , na França o presidente macron tenta retomar sua popularidade que está baixa sendo agora um enérgico defensor das matas , o partido de Ângela merkel na Alemanha está nas cabeças por defender o meio ambiente, virou moda agora isso , faço umas perguntas: porque não tinha tanta preocupação antes ? , porque se dizem que querem ajudar eles também não ajudam meu Nordeste sofrido ? porque só querem mandar dinheiro pra Amazônia e pra o Nordeste não ? , mas se sabe sim , a riqueza que está embaixo da Amazônia é infinitamente maior do que tem no solo do Nordeste, conheço isso por "hipocrisia " , pior que muita gente embarca nessa.

  10. Olimpio disse:

    Ativista e anarquista pra mim é a mesma coisa, só faz suada.

  11. Luladrão Encantador de Asnos disse:

    Parabéns ao reporter que tem sua própria opinião e não segue a manada.
    Certo ou errado tem corragem de expor seu pensamento.
    Conquistou minha admiração.

  12. Maria disse:

    Quando o mundo todo admira a ativista, vem um besta desse desacreditar, minha gente, quem for contra as iniciações de preservação da natureza, em pleno século XXI, é um tiro no pé. Bolso está pagando caro por isso, por mais que minta, a besteira já foi dita desde a campanha. Os jovens e crianças estão se revelando contra a geração que nåo preservou, isso é fato. O Brasil vai se ferrar, perdeu a gde oportunidade de se redimir diante o mundo, agora todos vamos ser afetados.