WhatsApp suspende contas do PT por disparos em massa

Foto: Getty Images

Depois de ter nove contas no WhatsApp suspensas por disparos de mensagens em massa, o PT pediu que o aplicativo reconsiderasse a decisão. Conseguiu de volta quatro contas. Todas foram suspensas dias depois: tinham voltado a fazer disparos em massa.

O PT reclama que teve as contas suspensas por ter votado a favor do projeto de lei das fake news no Senado. Só que toda a discussão sobre a legitimidade dos números aconteceu até o dia 27 de junho – e a votação do PL aconteceu no dia 30.

Portanto, o PT teve as contas suspensas por usá-las para disparo em massa mesmo. Nada a ver com seu posicionamento político, conforme apurou O Antagonista.

O esquema de disparos do PT foi descoberto, aliás, por análises automáticas de dados: milhares de mensagens disparadas ao mesmo tempo por poucos números de celular, deixando claro que não se trata de atividade humana.

Procurado por O Antagonista, o WhatsApp disse não poder falar sobre casos concretos. Só esclareceu que seus serviços não foram feitos para enviar mensagens em massa e automatizadas.

Segundo nota do aplicativo, cerca de dois milhões de contas no mundo são banidas todo mês. Não foram informados dados sobre o Brasil.

Leia a nota do WhatsApp:

“Nossos produtos não foram projetados para enviar mensagens em massa ou automatizadas, que violam nossos termos de serviço. Por meio de nossos avançados sistemas de aprendizado de máquina somos capazes de detectar essas práticas. Constantemente, banimos contas por comportamentos abusivos: todo mês, mais de 2 milhões de contas são banidas globalmente. Estamos comprometidos em reforçar a natureza privada do serviço e manter os usuários protegidos contra abusos. Continuaremos a banir contas usadas para enviar mensagens em massa ou automatizadas e avaliaremos mais profundamente as nossas opções legais contra empresas que oferecem esses serviços, como fizemos no passado no Brasil”.

Com informações de O Antagonista e UOL

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Pedro disse:

    Isso pessoal, babaca como esse Lucas, acham que todos são defeituosos como eles, asnos de nascença e adultos que defendem um ladrão já condenado em várias instâncias, respondendo a vários processos, denunciado por vários ex comparsas íntimos.

  2. Chicó disse:

    "Acuse os seus adversários do que você faz." Lenin

    • Manoel C disse:

      Até hoje, ninguém comprovou a autoria de Lênin sobre o Decálogo. Impressionante como uma mentira propagada vira verdade. Em tempo, não sou comunista.

  3. Lucas disse:

    BG, pelas caridade, faça um post ensinando aos seus assíduos porém ignorantes leitores que nós vivemos em uma FEDERAÇÃO, não em uma CONFEDERAÇÃO! É recorrente a ignorante alegação de que não se pode imputar culpa ao presidente, pois o STF decidiu pela autonomia de estados e municípios. Mostre que, até o mês anterior, o Gov. Federal só tinha empenhado por volta de 30% do orçamento aprovado pelo Congresso para o combate da pandemia! Esses caras se alimentam de memes e acham que possuem informação! É inacreditável!

    • Chicó disse:

      A governadora já prestou conta dos recursos recebidos do governo federal ???

    • Eduardo Lemos disse:

      A ignorância da esquerda em achar que dinheiro público é saco sem fundo e que gastar mais é parâmetro de avaliação de gestão. Orçado é diferente do realizado! A meta é sempre gastar menos que o orçado, isso deveria ser mérito do gestor público, assim como é mérito na iniciativa privada. "Ahh mais o PT foi quem mais gastou em educação" Qual o resultado? não subimos sequer uma posição significativa no PISA…. Inclusive na época da "pátria educadora", caímos! Ou seja, gastou-se muito e gastou-se mal!!!!! O nobre Lucas, que pelo discurso fácil, me lembra mais um piá de prédio, que acha que sabe como é a vida e como todo mundo deveria agir.

    • Bakado disse:

      Dá pra o senhor explicar melhor?
      Onde o presidente entra nesta história?

    • Nero disse:

      Um cara desses , chamar outros de ignorantes kkkk

    • Borrabotas disse:

      Sr. Lucas, desenhe aí, por gentileza, não entendi sua mensagem!

    • Bito disse:

      O governo federal foi citado em algum momento?

    • Bertioga disse:

      Você participou dos disparos? Eram contra o governo federal ou contra quem?

    • Dinho disse:

      Energúmeno, quem acha que é pra chamar outros de ignorantes? E o que vc conhece sobre empenho? Melhor se recolher, tá ok?

    • Raimundo disse:

      Falou o defensor de Maduro, Lula e Ciro Gomes.
      Cobre de sua governadora Fatinha…
      Dizem que 250 óbitos podem ter sido decorrentes de falta de leitos.

Dano na camada de ozônio provocou extinção em massa há 360 milhões de anos

Foto: Pexels

Pesquisadores da Universidade de Southampton, no Reino Unido, descobriram que a extinção em massa que ocorreu 360 ​​milhões de anos atrás, no fim do período Devoniano, foi causada por um rompimento na camada de ozônio. O estudo foi compartilhado nessa quarta-feira (27), na revista Science Advances.

A equipe coletou amostras de rochas durante expedições feitas em regiões polares e montanhosas do leste da Groenlândia, que, há milhões de anos, formavam um imenso lago quando a Europa e a América do Norte ainda eram póximas. Este lago estava situado no hemisfério sul da Terra e teria sido semelhante ao Lago Chade, localicalizado na beira do deserto do Saara.

Outras amostras foram coletadas das montanhas andinas acima do lago Titicaca, na Bolívia, que, também há milhões de anos, ficava mais próximo ao polo sul. Segundo os especialistas, analisar rochas de diferentes lugares permitiu comparar o evento de extinção próximo ao polo com o próximo à linha do Equador.

Para isso, os cientistas dissolveram as amostras em ácido fluorídrico, o que liberou esporos microscópicos de plantas que permaneceram preservadas por milhões de anos. No exame, os pesquisadores descobriram que muitos desses esporos, que são unidades de reprodução das plantas, tinham espinhos peculiares em sua superfície, além de paredes celulares mais escuras.

Estas alterações são uma resposta aos danos no DNA causados pela radiação dos raios ultravioletas (UV) — e é exatamente por isso que os cientistas acreditam que a camada de ozônio da Terra sofreu danos naquela época.

A equipe acredita que há 360 milhões de anos existiu um rápido aquecimento global cuja causa ainda é desconhecida. Esse clima mais quente resultou no derretimento das calotas polares, que, por sua vez, levou à liberação de substâncias químicas danosas que abriram um buraco na camada de ozônio. “Nosso escudo de ozônio desapareceu por um curto período nesta época antiga, coincidindo com um breve e rápido aquecimento da Terra”, disse John Marshall, líder da pesquisa, em comunicado.

De acordo com os cientistas, durante a extinção, as plantas sobreviveram seletivamente, mas foram muito prejudicadas quando o ecossistema florestal entrou em colapso. O grupo dominante de peixes daquele período foi extinto — e aqueles que sobreviveram (tubarões e peixes ósseos) permanecem dominantes em nossos ecossistemas até hoje.

Essas extinções ocorreram em um momento fundamental para a evolução de nossos próprios ancestrais, os tetrápodes, explicam os pesquisadores. Esses primeiros animais eram peixes que evoluíram para ter membros em vez de barbatanas, mas ainda viviam principalmente na água. A extinção redefiniu o sentido de sua evolução: os sobreviventes eram, em sua maioria, terrestres e tinha o número de dedos das mãos e dos pés reduzido a cinco.

O professor Marshall acredita que as descobertas de sua equipe têm implicações para a vida na Terra hoje, pois evidencia a importância de frear as mudanças climáticas que prejudicam o nosso planeta. “As estimativas atuais sugerem que atingiremos temperaturas globais semelhantes as de 360 ​​milhões de anos atrás”, afirmou o especialista. “[Isso aumenta] a possibilidade de que um colapso semelhante da camada de ozônio possa ocorrer novamente, expondo a superfície e a vida marinha rasa à radiação mortal. Isso nos levaria do atual estado das mudanças climáticas para uma emergência climática.”

Galileu

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Justus disse:

    Não dá. O carbono 14 só presta até 50.000 anos.

  2. Jailson Remígio disse:

    Que maravilha de pesquisa. Será que o método de "Carbono 14" foi utilizado nessa pesquisa?

Presidente da Petrobras diz que empresa não fará demissões em massa

Foto: © Fernando Frazão/Agência Brasil

O presidente da Petrobras, Roberto Castello Branco, afirmou nesta sexta-feira (17) que a estatal não planeja fazer demissões em massa em meio à crise do coronavírus, que afetou a demanda e os preços no setor de petróleo. O executivo e diretores da estatal concederam entrevista coletiva por videoconferência no início da tarde desta sexta (17) para comentar as medidas tomadas durante a pandemia de coronavírus.

“A Petrobras não está demitindo, não tem planos de fazer demissões em massa e isso nunca esteve sob consideração”, disse Castello Branco. “Quanto aos terceirizados, eles não são empregados da Petrobras. Eles não têm contrato [com a Petrobras]. São das empresas fornecedoras de mão de obra, então essa pergunta tem que ser endereçada a essas empresas, e não à Petrobras”.

A estatal informou que tem 160 casos confirmados de coronavírus, sendo metade deles de empregados e a outra metade de trabalhadores terceirizados. Duas plataformas afretadas estão com a produção parada neste momento devido ao vírus: a FPSO Cidade de Santos, que deve retomar a produção no fim de semana, e a FPSO Capixaba, que ainda deve ficar parada por cerca de 10 dias.

O diretor executivo de relacionamento institucional, Roberto Ardenghy, afirmou que a empresa aplica protocolos rígidos discutidos com a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e as autoridades, e está estudando a possibilidade de realizar testes de coronavírus em trabalhadores próprios e terceirizados antes do embarque offshore.

“Estamos discutindo com a Anvisa e já estamos conversando com os fornecedores de testes para saber de que maneiras podemos começar a testar, caso seja a recomendação das autoridades sanitárias”, disse o diretor. Ele afirmou que a empresa já realiza anamnese e checagem de temperatura antes do embarque para as plataformas.

Imposto sobre importação

O presidente da Petrobras alertou, durante a coletiva, que um aumento no imposto sobre a importação da gasolina poderia tornar o combustível mais caro e prejudicar a oferta de gás de cozinha, já que a produção dos dois combustíveis nas refinarias é interligada. Segundo Castello Branco, esse é um pedido de produtores de etanol, que desejam aumentar a competitividade do álcool frente à gasolina.

O executivo argumentou que tornar a gasolina menos competitiva em um cenário em que a demanda pelo combustível já é baixa pode obrigar as refinarias a reduzirem a produção do combustível, o que consequentemente levaria a uma redução da produção do gás de cozinha.

“Isso nos levará à necessidade de importar mais GLP [gás de cozinha] para abastecer o mercado, e como existe uma capacidade limitada de internação de GLP importado, isso significaria um risco de desabastecimento no mercado brasileiro”.

A diretora de refino e gás natural, Anelise Lara, acrescentou que um aumento na Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico (Cide) que incide sobre a gasolina poderia ter o mesmo impacto, prejudicando a oferta de gás de cozinha como consequência. “Acarreta desorganização na cadeia”, avaliou.

O diretor de Exploração e Produção, Carlos Alberto Pereira de Oliveira, disse aos jornalistas que o corte de 200 mil barris na produção diária que foi implementado em meio à crise está “dentro da ordem de grandeza” do cenário atual. “Vamos fazer uma administração dia a dia em torno desse valor. E obviamente vai depender da evolução do cenário em relação à demanda mundial de petróleo.”

Agência Brasil

Presidente do América critica recomendação da Sesap para evitar eventos de massa

Foto: Reprodução/Twitter

O empresário e presidente do América, Leonardo Bezerra, criticou a recomendação da Secretaria de Saúde Pública do Rio Grande do Norte (Sesap) da solicitação a Federação Norte-rio-grandense de Futebol(FNF), que as partidas de futebol no estado sejam realizadas sem público em decorrência das medidas de prevenção da pandemia de coronavírus.

“Leio agora q SESAP solicitara a FNF q as partidas de futebol sejam sem público. Me pergunto, solicitara a arquidiocese canc das missas? Aos cinemas canc. Das sessões? Isso as vesperas do jogo com maior público do ano para o América. É difícil demais, meu amigo”, reclamou.

Do Blog:

A recomendação no mundo inteiro é evitar aglomerações. O risco de exposição e contrair o vírus fica em segundo plano para o presidente do América. O importante é a renda.

Vale lembrar que o papa está rezando missa sem fiéis, a Liga dos Campeões na Europa está fazendo jogos sem publico, a Libertadores e Fórmula suspenderam seus eventos.

Veja mais: Coronavírus no RN: Sesap recomenda suspensão de eventos para mais de 100 pessoas

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Ricardo disse:

    Xii… faltou o assessor de impressa ai.. ou senso do ridículo mesmo.

Desembargador aponta que “RN teria desemprego em massa” e nega liminar para suspender PROEDI em municípios

Foto: Reprodução

O desembargador do Tribunal de Justiça, Cláudio Santos, negou na manhã desta segunda-feira, 9, uma nova liminar impetrada por 8 municípios potiguares que pediam a suspensão dos efeitos de incentivo fiscal do PROEDI.

Na decisão obtida pelo Justiça Potiguar, o desembargador relata que a consequência prática do pleito antecipatório deduzido neste feito implicaria em súbita majoração da carga tributária sobre o setor industrial, o que, sem dúvidas, acarretaria a imediata oneração desta atividade no Estado.

“Como consequência, teríamos o possível fechamento de postos de trabalho, o encerramento de empresas e o desaquecimento da economia local, com a correspondente queda na arrecadação tributária. Além disso, enquanto mantidos os efeitos da decisão pretendida, não seria possível às indústrias potiguares competirem em igualdade de condições com as concorrentes situadas em outras Unidades Federadas, o que acarretaria na contínua migração de empresas e postos de trabalho aos Estados nordestinos adjacentes, comprometendo sobremaneira o parque industrial estadual. Teríamos um desemprego em massa no Rio Grande do Norte, com dezenas de milhares de postos de trabalho findos, haja vista a impossibilidade de concorrência em preços no varejo em face dos produtos semelhantes produzidos nos demais Estados.”, destacou a decisão.

Leia matéria completa aqui no Justiça Potiguar.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Alfredo disse:

    E o desemprego viria mesmo. Nosso estado só perde competitividade em relação a nossos estados vizinhos.

  2. Beto Araújo disse:

    👏👏👏👏👏👏👏👏

  3. Carlos Bastos disse:

    Valeu Desembargador emprego em primeiro lugar.👏👏👏👏👏👏🏼👏🏼👏🏼👏🏼👏🏼👏🏼

  4. Lopes disse:

    Prefeitos querem pegar o dinheiro para torrar com vereador e caminhonetes Hilux, enquanto as empresas, afogadas em impostos fecham as portas e demitem os verdadeiros trabalhadores.

  5. Thiago disse:

    Todos os Municípios tiveram aumento de ICMS

  6. Anti-Político de Estimação disse:

    Concordo com o Desembargador. Se existem inconsistências, as partes envolvidas devem buscar um consenso e não ficar fazendo politicagem barata pensando nas eleições de 2020.

  7. RMD disse:

    Perfeito

Corregedor determina que WhatsApp informe se números identificados dispararam mensagens em massa em 2018

Nessa quinta-feira (7), o corregedor-geral da Justiça Eleitoral, ministro Og Fernandes, determinou à empresa WhatsApp INC que informe se as pessoas jurídicas e físicas identificadas pelas operadoras de telefonia VIVO, CLARO, TIM, ALGAR e OI como titulares de linhas telefônicas realizaram disparos de mensagem em massa ou automação durante a campanha eleitoral de 2018. O ministro solicitou ainda que o aplicativo de mensagens esclareça se adotou medidas para bloqueio ou banimento das contas referidas, no período de 14 de agosto a 28 de outubro de 2018.

Em outubro deste ano, a Corregedoria determinou às operadoras de telefonia que informassem as linhas telefônicas de quatro empresas e de seus respectivos sócios alegadamente contratados durante a campanha de 2018 para enviar mensagens pelo aplicativo. As companhias Nextel, Sercomtel, Datora e Terapar declararam não possuir em seus cadastros linhas telefônicas das titularidades solicitadas.

No despacho desta quinta, o corregedor confirmou o recebimento de respostas das operadoras de telefonia oficiadas. Esclareceu, no entanto, que parcela dos números telefônicos é de linhas ativadas somente após o segundo turno das eleições.

Aije

A determinação do corregedor-geral ocorre no âmbito da Ação de Investigação Judicial Eleitoral (Aije) nº 0601782-57, ajuizada pela coligação Brasil Soberano (PDT/Avante) contra Jair Bolsonaro e Antonio Hamilton Martins Mourão, eleitos presidente e vice-presidente da República no último pleito, entre outras pessoas físicas.

A alegação é de suposta prática de abuso de poder econômico e uso indevido dos meios de comunicação, nos termos do artigo 14, parágrafo 9º, da Constituição Federal, e do artigo 22 da Lei Complementar (LC) nº 64/1990.

RC/JB, DM

Processo relacionado: Aije 0601782-57 (PJe)

Fiern faz demissão em massa

A Federação das Indústrias do Estado do Rio Grande do Norte(Fiern) realizou uma demissão em massa nesta terça-feira(30).

Informações que chegam ao Blog dão conta da demissão de cerca de 50 pessoas, a maior parte, do setor jurídico.

Em decisão da Fiern, o setor jurídico será terceirizado.

ATUALIZADO ÀS 06:12H: A FIERN confirmou 63 demissões em diversos setores da entidade como forma de se adequar a nova realidade financeira da instituição.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. João Pombão disse:

    Lamentamos

  2. C C S disse:

    É uma instituição totalmente assediadora, falta de respeito é o que prevalece, gestores de nível médio e os colaboradores de nível superior sendo demitidos. Superintendência corporativa um lunático na qual para ele manda quem pode e obedece quem tem juízo. Acobertado infelizmente pelo Presidente Sr Amaro Sales. Isso é a real história do Sistema. Sou ex. Colaboradora.

  3. Júlio a rruda da Silva disse:

    São esses empresários que massacram com nós trabalhadores brasileiros.
    MN.

    • Chico disse:

      Se acha injustiçado? Monta uma empresa e vai gerir seu próprio negócio. Depoisdeseis meses volta aqui e conta como vai indo o negócio.

  4. Luciana Morais Gama disse:

    Capitão Meriva recebe por lá sem nunca ter trabalhado. Será que ele também foi demitido.

  5. Júlio Arruda da Silva disse:

    São os capitalistas quem surrupia os trabalhadores desse país.cauzando mizeria na população desse país.

    • Severino disse:

      Tá serto, companheiro. Vamus faze ingual a venezuela e tomar tudo dos grandis capitalsitas e entregar ao povo trabalhado.

  6. Francisco disse:

    Falar das demissões é facil…
    quero ver soltar os podresssss!
    Diversos colaboradores sofrendo assédio moral diariamente, terrorismo psicológico… muita gente vive de mamata lá dentro… esses colaboradores que saíram nem faziam cócegas no orçamento da FIERN!

  7. Flávio Henrique disse:

    Concordo com as demissões no jurídico ali é um cabide de emprego pra filhos de juízes e desembargadores não fazerem nada…

  8. Rosângela Maria disse:

    É assim que estão combatendo o desemprego?? Colocando mais país de Família nas ruas, KD os empregos que iam ser gerados com a famigerada Reforma Trabalhista??🤮

  9. Ivan disse:

    Terceirização é o caminho p/a redução de custos com pessoal…Ou fazemos uma reforma trabalhista de verdade ou inúmeros cortes acontecerão!!!!

  10. Rosângela Maria disse:

    E não diziam que a reforma trabalhista iria gerar mais empregos?? É assim que o combate ao desemprego? Colocando mais gente na rua do desemprego??🤮

  11. Cláudio disse:

    … e é porque nem abriram ainda a caixa-preta do Sistema S.

  12. Rodrigo Câmara disse:

    Triste notícia. O setor jurídico da FIERN era composto por profissionais extremamente competentes! Nossa solidariedade aos colegas!

  13. carlos cunha disse:

    Manda correrem para a OAB lá tem vaga.

Pesquisa aponta Massa como o terceiro mais conhecido da F-1; tetracampeão Vettel atrás

vettel_massa_alonso_afp_Mais conhecido do que o tetracampeão mundial Sebastian Vettel. É com esta notícia que o brasileiro Felipe Massa pode ter acordado na manhã desta terça-feira. Uma empresa de marketing esportivo de Londres chamada Repucom divulgou uma pesquisa que aponta o brasileiro como o terceiro mais famoso dentre todos os atuais pilotos da Fórmula 1, à frente do tetracampeão alemão. Em terceiro lugar, o novo contratado da Willians só fica atrás do espanhol e ex-companheiro de Ferrari, Fernando Alonso, e do inglês Lewis Hamilton.

Massa foi citado por 58,14% dos entrevistados em âmbito mundial. Já o piloto da Red Bull teve seu nome lembrado em 54,3% das vezes. Campeão em 2005 e 2006, o Príncipe das Astúrias teve seu reconhecimento na casa dos 71% (71,14%), contra 63,65% do britânico.

– Pode ser uma surpresa para alguns que, globalmente, Sebastian Vettel não esteja no topo para a opinião pública como Alonso, Hamilton e Massa – disse o Repucom Nigel Geach, vice-presidente sênior do automobilismo, em um comunicado.

Segundo Geach, a popularidade da Ferrari foi fator fundamental para a presença de Alonso e Massa no “pódio da disputa”.

– Apesar dos sucessos recentes da Red Bull, a nível mundial, 59% dos fãs da F1 têm interesse na Ferrari, o que representa o mais alto nível de interesse em qualquer equipe de F1 – explicou.

Para completar, o brasileiro foi o piloto com maior reconhecimento dentro de seu próprio país. Com 99,2%, Massa superou, mais uma vez, Vettel, que teve seu nome citado pelos alemães em 97,58% das vezes.

Globo Esporte

Massa anuncia acerto e será piloto da Williams em 2014

 imagesO piloto Felipe Massa anuncia que fechou com a Williams. O brasileiro visitou a escuderia inglesa nesta segunda-feira. O comunicado já era esperado. Após o anúncio de que não permaneceria na Ferrari, em setembro, Massa negociou com várias equipes, entre elas a McLaren, a Lotus e a Williams.

“Espero que minha experiência possa ajudar a equipe a deixar para trás um período difícil. Estou muito motivado para começar a trabalhar duro desde o começo deste novo desafio da minha carreira”, afirmou Felipe.

Em nota oficial da assessoria de Massa, o chefe da Williams, Frank Williams, celebrou a união:

“Felipe é um talento excepcional e um real lutador nas pistas. Ele também traz uma experiência valiosa a este novo capítulo de nossa história”, elogiou. Felipe sabe que todas as equipes partirão do zero no ano vindouro e se diz pronto para arregaçar as mangas. “Desde que comecei a correr, não me lembro de uma temporada com tantas mudanças no regulamento. Mas estou preparado para fazer o melhor junto com todos na fábrica em Grove e encontrarmos a direção certa”.

O piloto se animou com a possibilidade de a Williams voltar a ser competitiva. Isso porque a categoria sofrerá grandes mudanças para a próxima temporada. Os motores passarão de V8 para V6, mais econômico. A expectativa da maioria dos pilotos é que a Fórmula 1 volte a ser equilibrada com as alterações.

Um dia antes do acerto com a Williams, Massa se despediu da Ferrari. O evento de adeus emocionou o brasileiro. A torcida ferrarista estendeu faixas em homenagem ao piloto. Já a diretoria da escuderia italiana entregou um troféu em menção aos 12 anos de Massa na equipe, oito delas pilotando uma Ferrari.
 
UOL Esporte

Felipe Massa revela contato escuderia poderosa e descarta auxílio a Alonso

ÍndiceO piloto Felipe Massa está de saída da Ferrari, conforme o próprio anunciou na última semana – ele fica na escuderia italiana apenas até o fim da temporada. E o destino do brasileiro na Fórmula 1 pode ser a McLaren, equipe que atualmente conta com britânico Jenson Button e o mexicano Sergio Perez.

Em entrevista exibida pela TV Globo neste domingo, Massa admitiu contatos com a McLaren para o próximo ano. O piloto mexicano Perez ainda não renovou seu contrato com a escuderia.

O piloto brasileiro também comentou sobre a Lotus, equipe que já teve confirmada a perda de seu principal piloto, o finlandês Kimi Raikkonen, que vai substituir Massa na Ferrari. Ele falou sobre a complicada situação econômica da escuderia.

– A Lotus tem um carro competitivo, que é o que eu quero para o próximo ano. Eles tiveram um momento financeiro difícil também. Nós estamos tendo conversas para tentar encontrar um caminho para mim e para a Lotus continuar com um bom carro – disse.

Massa, porém, não deu maiores detalhes sobre o contato com a McLaren e ao ser perguntado sobre as duas conversas respondeu que “não pode avaliar e que é difícil dizer”.

Restando seis corridas para o fim da temporada da F-1, Massa descartou qualquer possibilidade de correr apenas para auxiliar Fernando Alonso, seu companheiro na Ferrari que é vice-líder do campeonato. Segundo ele, as mensagens que recebeu dos fãs após deixar a escuderia italiana servirão de motivação e a mudança de ares deve lhe fazer bem.

– Minha carreira não está se encerrando. Acho que pode ser bom para mim. Mas tudo que eu quero é arrumar um carro competitivo. O mais importante é encontrar um carro competitivo. E isso não é impossível, é possível – finalizou Massa.

Lance

Felipe Massa anuncia em seu Instagram que deixa a Ferrari no fim do ano

thumbO fim da linha está próximo. O brasileiro Felipe Massa anunciou em sua conta do Instagram que vai deixar a Ferrari no fim do ano. Os boatos dos bastidores foram concretizados na mensagem do atual piloto da escuderia, postada em seu perfil oficial no Instagram. O finlandês Kimi Raikkonen deve ser anunciado nas próximas horas como novo comandante do posto.

Confira a mensagem de Massa.

“Nao vou mais correr pela ferrari a partir de 2014 ! Gostaria de agradecer pela amizade , Vitorias e um lindo momento com a Ferrari . A ajuda da minha esposa , da minha familia e de todos os meus Fans. Toda a ajuda dos meus patrocinadores !! vou com tudo para as ultimate 7 corridas como piloto da Ferrari !A partir de agora quero achar uma equipe que me de um carro competitivo para conseguir mais vitorias e vencer um campeonato q e o meu sonho !! Um beijo a todos !! Felipe” (SIC)

Lance

Massa perderá emprego na Ferrari para Raikkonen, diz imprensa alemã

Massa Kimi gi 450x338A Ferrari promete decidir e anunciar nos próximos dias sua dupla de pilotos para a temporada 2014 da Fórmula 1, mas, de acordo com a conceituada publicação alemã “Auto Motor und Sport”, o time italiano já fez sua opção: Kimi Raikkonen irá substituir o brasileiro Felipe Massa como companheiro de Fernando Alonso.

Há oito temporadas na Ferrari, Massa não tem mais conseguido repetir os desempenhos do passado. Ele, que em 2008 só perdeu o título na última corrida, subiu ao pódio este ano em apenas uma oportunidade, no GP da Espanha, enquanto Alonso já ficou sete vezes (duas vitórias) entre os três primeiros.

Os maus resultados de Massa afetam diretamente a performance da escuderia no Mundial de Construtores: atualmente os italianos somam 248 pontos, bem menos que seu maior rival, a Red Bull, que já chega aos 352. Terceira colocada, a Mercedes possui 245.

Apesar disto, a contratação de Raikkonen pela Ferrari não deixa de ser uma surpresa, visto que o finlandês saiu brigado do time em 2009. Por outro lado, dois anos antes ele foi campeão do mundo com o carro vermelho, sendo o único a conseguir isso depois de encerrada a era de Michael Schumacher e Ross Brawn na equipe. O finlandês também tem se destacado nos últimos dois anos, mesmo contando com um carro apenas mediano, a Lotus.

Ter um segundo piloto do porte de Raikkonen também seria interessante para a Ferrari conseguir controlar o ego de Alonso, que nas últimas semanas se mostrou claramente insatisfeito com a equipe.

Quarto colocado no GP da Itália, realizado no último fim de semana, Massa foi questionado pela imprensa brasileira presente em Monza sobre a possível demissão e se mostrou tranquilo:

– Se algo já foi definido pela Ferrari, eu não sei. Mas se não der já mostrei meu talento, já mostrei do que sou capaz para as outras equipes também.

Nos bastidores da Fórmula 1, especula-se que as maiores chance de Massa fora da Ferrari seriam na Sauber, time que defendeu antes de se transferir para a badalada escuderia.

R7

Previsão confirmada: 258 garis foram demitidos em massa

Conforme antecipamos na semana passada, as empresas terceirizadas que cuidam da limpeza pública de Natal fizeram demissão em massa. A Marquise colocou para fora 108 pessoas; a Líder deixou 150 de sobreaviso.

Motivo: há sete meses que elas não recebem um tostão da Urbana.

Os garis em questão são os responsáveis pela limpeza das praias e podas de árvores, serviços sem fonte orçamentária fixa para Urbana, que não consegue dar de conta de tudo apenas com a taxa de limpeza pública.

Caso não se chegue a um acordo, o sindicato da categoria deverá votar por uma greve.