Cartilha de alunos e professores da UFRN auxilia a identificar os sintomas da Covid-19

Foto: Reprodução

Um guia que apresenta de maneira didática as principais manifestações clínicas da doença causada pelo novo coronavírus. É dessa maneira que pode ser definida a cartilha Covid-19: Entenda os Principais Sintomas, produzida pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), por meio do Departamento de Fisioterapia (DFST).

Trata-se de iniciativa de alunos e professores da UFRN que procuraram elaborar um material com informações claras e objetivas sobre os sintomas que podem indicar o contágio pela Covid-19. Isso visa atender a necessidade de material informativo sobre o assunto, elaborado por especialistas, mas em linguagem acessível à população.

Esse tempo de pandemia da Covid-19 tem levado as pessoas a querer saber como essa doença afeta o organismo humano e como proceder diante disso. O problema é quando as informações divulgadas sobre essas questões são equivocadas ou falsas, como no caso das fake news, muito difundidas pelas redes sociais. Essa cartilha foi pensada justamente para combater a desinformação sobre esse assunto e poder ser compartilhada digitalmente.

Outro aspecto dessa iniciativa diz respeito à necessidade de saber diferenciar os sinais e sintomas de uma gripe comum daqueles que indicam o contágio pela Covid-19.  A febre, a tosse, a dor de garganta, a dor de cabeça e a fadiga são indicativos de doenças que podem ser causadas por vários vírus, como os da gripe comum, por exemplo. Mas também podem remeter ao contágio pelo novo coronavírus. Assim, se além desses sintomas a pessoa se queixa de falta de ar, de certa dificuldade para respirar, de sensação de aperto no peito e mal-estar; se ela tem aumento da frequência respiratória, mesmo estando em repouso; se manifesta uma coloração azul-arroxeada da pele, língua e mucosa da boca; se tem confusão mental, cansaço, diminuição de energia e pressão baixa, então é preciso procurar orientação profissional.

Para isso, a cartilha também disponibiliza o telefone do Instituto de Medicina Tropical da UFRN (3342 2300), que funciona de segunda a sexta-feira, das 08 às 18h. Outra possibilidade é o Disk Prevenção ao Coronavírus do Governo do Estado, serviço que conta com a colaboração da UFRN e atende pelo telefone 3190 0770. E, em caso de urgência, é preciso ligar para o Samu, pelo 192. O documento está disponível para acesso no link.

UFRN

VÍDEO: “Muita febre, muita tosse. Não é uma gripe muito fácil de se superar”, diz governador do RJ, Wilson Witzel, sobre coronavírus

O governador do Rio, Wilson Witzel (PSC), publicou um vídeo nesta quinta-feira (16) em que fala sobre a saúde, dois dias após anunciar que fez um teste para coronavírus que deu positivo.

“Quero dizer que fiz uma tomografia, meu pulmão não foi tão atingido, o contágio foi pequeno. Mesmo assim, tive muita febre, muita tosse. Tenho passado a noite acordando com essa tosse. Realmente uma doença que não é igual a qualquer outra. Não é uma gripe muito fácil de se superar”.

No vídeo, Witzel agradece às mensagens que recebeu estimando melhoras e afirma que continua despachando do Palácio Laranjeiras.

“Tenho certeza que vamos passar por isso. Continuamos trabalhando, construindo os hospitais de campanha. Os especialistas ainda acham que não é o momento de fazer abertura (comercial), pra evitar uma grande contaminação”.

Um estudo de Harvard, exibido na véspera pelo RJ2, mostra que a saúde pública pode entrar em colapso antes do dia 30, quando estão previstas as inaugurações dos hospitais de campanha. Há a possibilidade de que faltem leitos e respiradores para os pacientes até o fim de abril.

Além de Witzel, o secretário estadual de Saúde, Edmar Santos, testou positivo para a doença. O titular da pasta de Defesa Civil e comandante do Corpo de Bombeiros, Roberto Robadey, também foi contaminado.

Mais autoridades

Na Baixada Fluminense, os prefeitos de Duque de Caxias, Washington Reis, e de Belford Roxo, Waguinho, também testaram positivo para o novo coronavírus.

Em um vídeo publicado no fim de março, Washington Reis defendia que as igrejas permanecessem abertas, dizendo que “a cura virá de lá”.

Naquela época, um decreto do governador Wilson Witzel (PSC) suspendia eventos com aglomerações e, segundo a assessoria de imprensa do estado, com efeito também em templos.

No município de Belford Roxo, o prefeito Wagner dos Santos Carneiro, o Waguinho, também testou positivo para o coronavírus junto com o filho, Nathan, de 15 anos.

G1

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Antenado disse:

    Se piorar quero ver não tomar hidroxicloroquina!!! Se já não estiver fazendo o uso.

  2. Lucianobrito disse:

    Realmente o inzolamento não funcionou com o governo do Rio e do Pará.

  3. Milton disse:

    Esse é outro vigarists.
    Cadê a globo??
    O rio de Janeiro acabou os problemas, da hera Pezão??
    Não vejo a rede globinho, escanchada nesse moço.
    Por certo o Rio virou um paraíso.
    Kklkklkl
    Muito engraçado.
    Tamos de olho.

  4. George disse:

    Interessante o relato: Não é uma gripe normal, tive febre, muita tosse e até cheguei a acordar à noite tossindo, e continuo trabalhando e com contato na minha família.

  5. Grande lider disse:

    As orelhas dele já caíram .

  6. natalsofrida disse:

    Esse mentiroso me surpreendeu, não imaginava que teria tanta petulância. Superou o maior de todos.

Coronavírus: Pacientes com sintomas muito brandos liberam vírus em grande quantidade

Foto: Divulgação/National Institute of Allergy and Infectious Diseases-Rocky Mountain Laboratories, NIH

Um estudo publicado nesta quarta-feira pela revista Nature ajuda a explicar por que o coronavírus se espalha com espantosa velocidade pelo mundo. Pesquisadores alemães descobriram que pessoas com sintomas muito brandos de Covid-19 podem liberar grandes quantidades de vírus na primeira semana de sintomas. Nesse período, a doença ainda não está evidente, mas o vírus já se propaga com eficiência e é encontrado em grande quantidade nas vias aéreas superiores.

O estudo indica ainda que o aumento da carga viral, isto é, da quantidade de vírus numa pessoa após a primeira semana de sintomas, pode ser um sinal do agravamento da doença. E também lança luzes tanto sobre a capacidade de transmissão do coronavírus quanto de formas de identificar que pacientes correm risco de desenvolver a forma grave da Covid-19.

A pesquisa foi realizada a partir da análise detalhada dos vírus de nove adultos jovens e de meia idade de Munique, na Alemanha. Todos tinham sintomas leves na primeira semana. Porém, o coronavírus se multiplicava com intensidade na cavidade nasal, na laringe e na faringe desses pacientes. “O vírus estava presente em grande quantidade no catarro”, disse Christian Drosten, da Universidade Charité, na Alemanha, o líder do estudo.

Foram analisadas em detalhes as concentrações de vírus nos pulmões e na garganta, no muco (catarro), nas fezes, no sangue e na urina. Na primeira semana, o vírus se multiplicou com intensidade maior e permaneceu altamente ativo nas vias aéreas superiores, tornando as pessoas nesse período muito contagiosas.

Formas infecciosas do vírus foram encontradas nos pacientes acté o oitavo dia depois do aparecimento dos sintomas. Dois pacientes desenvolveram sinais iniciais de pneumonia. Nos demais, os sintomas desapareceram após o oitavo dia.

Nos pacientes com pneumonia, o coronavírus continuou a ser encontrado no catarro até o décimo primeiro dia de doença. O material genético do vírus, feito de RNA, permaneceu detectável na secreção mesmo depois do desaparecimento dos sintomas, mas não foi mais identificado no sangue e na urina.

Os pesquisadores não encontraram indícios de que o vírus continuasse a se multiplicar nas fezes, a despeito de seu material genético estar presente em alta quantidade nelas. Isso sugere ele pode não ser transmissível pelas fezes, como se teme.

Porém, mais estudos são necessários para comprovar se o coronavírus pode ou não ser transmitido pelo meio de contato com fezes. Um estudo holandês sugeriu essa possibilidade, levantando a hipótese de que o esgoto seria um meio de transmissão. Se isso se mostrar verdadeiro, seria uma tragédia para países como o Brasil, onde o saneamento básico é precário.

O Globo

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Zé Mané disse:

    Aqui não temos testes suficientes. Os poucos que tem não cobrem nem quem já está internado. Ou seja, estamos espalhando o vírus numa escala muito grande. Fiquem em casa!

Coronavírus pode seguir ativo no organismo mesmo após sintomas desaparecerem; estudo sugere estender quarentena

Um novo estudo realizado pela Universidade Yale, nos Estados Unidos, e pelo Hospital Geral Chinês, na China, aponta que metade dos pacientes tratados da Covid-19 ainda podem ter o coronavírus ativo no organismo por até oito dias após o desaparecimento dos sintomas. A pesquisa foi publicada no último dia 23 de março na revista científica American Journal of Respiratory and Critical Care Medicine.

Os autores da investigação analisaram 16 casos de pacientes com idades em torno de 35 anos que foram infectados pelo novo coronavírus, mas que já haviam sido tratados e recebido alta. Os pesquisadores coletaram amostras de secreção da garganta dos voluntários em dias alternados para analisarem se eles estavam 100% curados.

“A descoberta mais significativa de nosso estudo é que metade dos pacientes continuava eliminando o vírus mesmo após o fim dos sintomas”, diz Lokesh Sharma, um dos autores do estudo, em comunicado. Os sintomas primários nesses pacientes incluíam febre, tosse, dor na faringe e falta de ar.

O tempo entre a infecção e o início dos sintomas, o período de incubação, foi em média de cinco dias. A duração média dos sintomas foi de oito dias, enquanto o tempo em que os pacientes permaneceram contagiosos após o final dos sintomas variou de um a oito dias. Duas pessoas tinham diabetes e um teve tuberculose, mas essas condições não afetaram o curso da infecção por Covid-19.

“Se você teve sintomas respiratórios leves e ficou em casa para não infectar pessoas, estenda sua quarentena por mais duas semanas após a recuperação para garantir que você não infectará outras pessoas”, recomenda Lixin Xie, médico e professor da Faculdade de Medicina Pulmonar e Intensiva do Hospital Geral Chinês que também participou da pesquisa.

Os autores enviaram uma mensagem para a comunidade médica: “Os pacientes com Covid-19 podem ser infecciosos mesmo após a recuperação sintomática; portanto, trate os pacientes assintomáticos/recentemente recuperados com o mesmo cuidado que os pacientes sintomáticos”.

Os pesquisadores também enfatizam que todos esses pacientes tiveram infecções mais leves e se recuperaram da doença, e que o estudo analisou um pequeno número de pacientes. Eles também ponderam que não está claro se resultados semelhantes se aplicam a pessoas mais vulneráveis, como idosos, pacientes com sistema imunológico suprimido e indivíduos em terapia imunossupressora.

“Mais estudos são necessários para investigar se o vírus detectado por PCR [exame que detecta o coronavírus Sars-CoV-2] em tempo real é capaz de transmitir nos estágios posteriores da infecção por Covid-19”, acrescentou o Dr. Xie.

Galileu

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Careca disse:

    PARE O MUNDO!
    ACABE COM A PRODUÇÃO!
    FECHE O COMÉRCIO!
    INSTALE O DESABASTECIMENTO!
    DEIXE AS FARMÁCIAS SEM MEDICAMENTOS!
    ISOLE O POVO!
    REDUZAM OS SALÁRIOS!
    DEIXEM DE PAGAR OS SALÁRIOS!
    DEIXE O POVO SEM EMPREGO!
    CONTINUE O ISOLAMENTO.
    CRIE A SENSAÇÃO CONSTANTE DE PÂNICO!
    DEIXE OS GOVERNOS FAZENDO FAVORES AO POVO, DEIXE O GOVERNO DISTRIBUIR CESTAS BÁSICAS, DEIXE OS GOVERNOS DAR A QUANTIDADE QUE COMIDA QUE QUER, DEIXE O GOVERNO DECIDIR TUDO.
    ALGUÉM SABE O QUE ISSO SIGNIFICA? ALGUÉM SABE ONDE ISSO VAI DAR? ALGUÉM SUSPEITA O QUE QUEREM IMPOR AO MUNDO?
    SE NÃO SABEM A RESPOSTA, PERGUNTEM AO POVO DE CUBA, VENEZUELA, COREIA DO NORTE, IRÃ QUE ELES VÃO RESPONDER DE FORMA RÁPIDA E SEGURA.

  2. gusthenrique disse:

    Se bradam que o tratamento com cloriquina não deve ser adotado em massa por não ser conclusivo, mesmo que centenas de pessoas tenham sido curadas, muito menos esse estudo com uma amostragem tão pífia. Mas os profetas do apocalipse vão tratar tal pesquisa como definitiva e vão convencer governos a estender a quarentena.

  3. Produzo disse:

    Só está contra o isolamento quem produz. Os que recebem dinheiro de qualquer maneira podem ficar o resto do ano aguardando em casa.

Sintomas do coronavírus – febre, tosse e dificuldade de respirar: entenda o que são e veja quando se preocupar

A Organização Mundial da Saúde (OMS) diz que os sintomas os sintomas mais comuns do novo coronavírus (Sars-Cov-2) são: febre, tosse e dificuldade de respirar. De acordo com a entidade, alguns pacientes podem ter dorescongestão nasalcorizador de garganta ou diarreia. Esses sintomas, geralmente, são leves e evoluem gradualmente.

Coronavírus: o que é preciso saber

Quais grupos são mais vulneráveis

Guia ilustrado: o que se sabe do coronavírus

O que é #FATO ou #FAKE sobre o coronavírus

G1 conversou com alguns especialistas para entender o que esses sintomas podem indicar:

Febre: entenda o que é e quando se preocupar

Dificuldade de respirar: entenda o que é e quando se preocupar

Tosse: entenda o que é e quando se preocupar

Bem Estar – G1

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Cidadão pagador de impostos disse:

    O FDP do Bolsonaro disse q era histeria/fantasia, portanto, não temos q nos preocupar. Vagabundo safado!

    • Ceará-Mundão disse:

      Várias medidas já tomadas por conta do vírus. Suspensão do pagamento dos tributos do Simples Nacional, distribuição de "voucher" para os necessitados, envio de verbas para os Estados (inclusive prá cá)… E a governadora do PT, está fazendo o quê? Fechando hospitais?

Prefeitura no Rio informa morte de paciente com sintomas de coronavírus

Foto: Reprodução/Getty Images

A prefeitura de Miguel Pereira, no centro-sul fluminense, acaba de publicar em suas redes sociais que uma mulher de 63 anos com sintomas de coronaívrus morreu no estado do Rio de Janeiro.

Segundo a nota oficial, a vítima trabalhava na capital fluminense e teve contato com sua empregadora, recém-chegada da Itália e que estava com Covid-19.

A paciente, moradora de Miguel Pereira, deu entrada no Hospital Municipal Luiz Gonzaga em estado grave (veja a nota abaixo).

Pelos dados oficiais da Secretaria Estadual de Saúde, até segunda (16) havia 31 casos confirmados e 94 suspeitos. A vítima de 63 anos não constava na relação de infectados no Rio. O Ministério da Saúde também não confirma essa morte pelo vírus, apenas a de um homem de 62 anos em São Paulo.

De acordo com a Secretaria Sstadual de Saúde, o município de Miguel Pereira não tem capacidade para diagnosticar o Covid-19. Os exames da paciente deveriam ter sido encaminhados para o laboratório da Fiocruz.

Segundo a pasta, o material da paciente que veio a óbito será levado para testes e o resultado deve sair em até 48 horas.

Veja abaixo a íntegra da nota da prefeitura de Miguel Pereira:

Mantendo a transparência e as informações para todos os cidadãos, a Prefeitura de Miguel Pereira informa que na data de hoje, infelizmente um paciente, do sexo feminino, com 63 anos, veio a óbito pelos sintomas do coronavírus.

A paciente, que trabalhava na capital do Rio de Janeiro, esteve em contato direto com sua empregadora, que chegou da Itália e testou positivo ao Covid-19. A mesma deu entrada no Hospital Municipal Luiz Gonzaga já em quadro grave, vindo diretamente de seu ambiente de trabalho para a unidade de saúde.

O laudo das autoridades sobre o caso sairá em 24 horas, onde constará maiores informações sobre a causa da morte.

Lamentamos e nos solidarizamos com a família e informamos que a Prefeitura Municipal e o Hospital Municipal Luiz Gonzaga estão tomando todas as medidas para o enfrentamento do novo coronavírus. É de extrema importância que neste momento, a população siga todos os critérios definidos pela Secretaria Municipal de Saúde e que fique atento a qualquer sintoma. Para maiores esclarecimentos, o cidadão pode entrar em contato com o Plantão de Enfrentamento da Covid-19 no telefone (24)2484-4223.

A Secretaria de Estado de Saúde (SES) afirma que:

– Não há confirmação sobre óbito por coronavírus no Estado do Rio.

– Embora a Prefeitura de Miguel Pereira tenha divulgado morte de mulher com sintomas compatíveis aos relatadas para Covid-19, a Secretaria de Estado de Saúde esclarece que o material da paciente acaba de chegar ao Laboratório Central Noel Nutels (Lacen-RJ), única unidade estadual capaz de realizar o teste para confirmar ou descartar o vírus.

– A SES informa que a vítima não fazia parte da lista de casos confirmados até o momento. O resultado dos exames deve sair em até 48 horas.

– Mantendo a transparência que vem adotando desde janeiro, a Secretaria de Estado de Saúde reforça que informará sobre a evolução dos casos.

Veja

 

Bolsonaro é monitorado após secretário apresentar sintomas de gripe e fazer teste de coronavírus

Foto: Bruno Alencastro / Agencia RBS

O presidente Jair Bolsonaro e integrantes da comitiva que o acompanhou a Miami, nos Estados Unidos, estão sendo monitorados após o secretário especial de Comunicação, Fábio Wajngarten, apresentar sintomas de gripe e ser submetido a um teste para o coronavírus. Entre o final da tarde e o início da noite de quarta-feira, o grupo passou a receber ligações do gabinete da Presidência pedindo que diante de qualquer sintoma fizesse o comunicado imediatamente e procurasse um hospital militar em Brasília para fazer os exames, segundo integrantes da comitiva que falaram com o Estado em caráter reservado. Bolsonaro completa 65 anos no dia 21.

Nesta quinta-feira, 12, o presidente cancelou viagem ao Rio Grande do Norte. O ministro do desenvolvimento regional, Rogério Marinho, afirmou que o evento oficial foi cancelado por “razões de segurança sanitária”. “A decretação ontem da Organização Mundial da Saúde de uma pandemia mundial nos obriga a ter segurança com a saúde do presidente e as pessoas ao seu entorno”, afirmou Marinho na sua conta oficial do Twitter. O governo federal negou que o cancelamento da agenda do presidente tenha a ver diretamente com a suspeita do chefe da Secom estar com coronavírus.

Decidimos adiar o evento Aqui é Rio Grande do Norte, Aqui é Brasil, que seria realizado hoje em Mossoró. Em breve, anunciaremos uma nova data para as entregas do governo ⁦@jairbolsonaro⁩ na região. pic.twitter.com/eYikfy6NeP — Rogério Marinho (@rogeriosmarinho) March 12, 2020

Participaram da comitiva aos Estados Unidos, entre sábado e terça-feira, os ministros Ernesto Araújo (Relações Exteriores), Augusto Heleno (Gabinete de Segurança Institucional), Fernando Azevedo e Silva (Defesa) e Bento Albuquerque (Minas e Energia). Também viajaram os senadores Nelsinho Trad (PTB-MS) e Jorginho Mello (PL-SC); os deputados Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) e Daniel Freitas (PSL-SC), o assessor especial Filipe Martins, o presidente da Embratur, Gilson Machado, o secretário especial de Pesca, Jorge Seif Jr, entre outros.

Pessoas que conversaram com Wajngarten, em caráter reservado, afirmam que ele apresenta sintomas de gripe e aguarda os resultados do exame para esta quinta-feira, 12. Durante a viagem, o chefe da Secom tomava café da manhã com o presidente em uma sala reservada. Nos Estados Unidos, o grupo que acompanhou Bolsonaro fazia deslocamentos em vans. Apenas o presidente seguia em carro separado.

Na quarta-feira, após o jornal Folha de S.Paulo revelar que Wanjgarten havia passado por exames no Hospital Israelita Albert Einstein, o secretário de Comunicação foi ao Twitter criticar a imprensa, mas não negou que tenha realizado os testes. “Em que pese a banda podre da imprensa já ter falado absurdos sobre minha religião, família e minha imprensa, agora falam da minha saúde. Mas estou bem, não precisarei de abraços de Dráuzio Varella”, escreveu, mencionando o médico que passou a ser alvo de ataques após reportagem de Fantástico, da Rede Globo, em que abraçou uma transexual condenado pela morte e estupro de uma criança.

Questionada oficialmente, a Secom disse que o Palácio do Planalto não comentaria sobre o assunto.

Estadão

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Pessoa disse:

    Homi não morreu de uma facada,de um gripe e que não vai! #Pracimadelescapitao.

  2. Fernando disse:

    Num foi o próprio Bozo que afirmou que o vírus era uma "fantasia da imprensa"?! Não entendi o porquê de tanta preocupação…

  3. Gado veio disse:

    Caso "confirme" o Corona vírus em Bolsonaro não é de se espantar sempre que as coisas estão ficando ruins ele tem que adoecer , fazer cirurgia , levar uma facada…

  4. Luiz Antônio disse:

    O coronavírus é muito fraco em relação ao bolsonavírus.

  5. Giba disse:

    É só pedir pra o Edir Macedo, o malafaia, e o Feliciano pra orar pra ele se servi a oração destes pastores ele cura kkkk

  6. Joao disse:

    Deus te livre, mas quem nos dera!

  7. Barba disse:

    Kkkkk. Dia 15 o gado vai tá reunido. Depois terá aquela hainiken ou aquele shop no out back! O honesto presidente!me divirto muito com vcs

    • Silvino disse:

      Fica ruminando no curral dos adoradores de CORRUPTOS condenados. Tá bonito! Rsrsrs

  8. Bryan Laranjeiras disse:

    Vixe, vixe, vixe…………….será?

  9. Alvaro disse:

    Isto é coisa da mídia, querem afetar o presidente com História de coronavirus.

    • Brasil e RN acima de tudo disse:

      Coisa da mídia? O secretário de comunicação está com o covid-19 e quem teve contato com ele corre o risco de ter sido contaminado, encare os fatos.

  10. Fora bolsotralhas disse:

    Levar logo esse bolsovirus

    • Paulor disse:

      Ptralha detectado KKK Vamos rezar meu querido e honesto presidente.. nada vai lhe acontecer Deus está ao lado. vida loga ao Mito.

    • Ptralhas disse:

      Só comenta asneiras.

Com sintomas de gripe, Papa Francisco passa mal e cancela compromisso em Roma

Foto: Remo Casilli / REUTERS

O Papa Francisco está “ligeiramente indisposto” e cancelou um evento na basílica de Roma, mas está cumprindo o restante da agenda em sua residência, informou o Vaticano nesta quinta-feira. Ele estaria gripado.

“Por causa de uma ligeira indisposição, ele preferiu ficar em Santa Marta”, disse o Vaticano, referindo-se à casa de hóspedes onde o Pontífice de 83 anos mora. “Todos os outros compromissos irão em frente normalmente”, acrescentou o porta-voz Matteo Bruni.

Era prevista uma visita do Papa à Basílica de São João de Latrão na manhã desta quinta-feira para um serviço quaresmal com padres romanos.

O Vaticano divulgou uma foto do papa e do cardeal Antonio Tagle, um filipino que acaba de assumir um cargo novo no Vaticano, reunidos na manhã desta quinta-feira com membros do Movimento Climático Católico Global, um grupo ambientalista internacional. A reunião ocorreu em um edifício situado a poucos passos da casa de hóspedes.

O Papa parecia estar gripado e falou com uma voz ligeiramente rouca em sua audiência geral na quarta-feira. Francisco também tossiu durante um serviço da Quarta-Feira de Cinzas realizado em uma igreja romana na parte da tarde.

O Pontífice não tem parte de um pulmão, que foi retirada quando ele tinha em torno de 20 anos e morava em Buenos Aires, por causa de uma tuberculose, de acordo com o biógrafo Austen Ivereigh.

Ele também sente dores na perna por causa do nervo ciático, o que o obriga a fazer fisioterapia frequente e explica sua dificuldade ocasional ao subir degraus. Mas, no geral, o Papa está com boa saúde e suportou cerca de quatro viagens internacionais exigentes a cada ano desde que foi eleito em 2013.

Alguns serviços da Quarta-Feira de Cinzas foram cancelados ou limitados em áreas do norte da Itália atingidas pela disseminação do coronavírus. Mais de 400 pessoas contraíram a doença e 12 morreram no país, o pior contágio de coronavírus registrado na Europa até o momento.

Várias pessoas foram à Praça de São Paulo para a audiência de quarta-feira com máscaras, mas só uma pessoa foi vista usando uma durante o serviço da Quarta-Feira de Cinzas conduzido pelo Papa.

O Globo

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Luciano disse:

    Pegou o coronavirus, abraçando e beijando todo mundo de todo canto, será se pegou de Lula?

  2. Marsulino disse:

    Minino roubaram até a saúde do Papa. Tem jeito não aonde vão a esculhambação os acompanha.

  3. Maria suvaqueira disse:

    Onde luladrão e seus comparsas passam restam só ruínas. Aguardar o novo papa.

  4. Médico disse:

    Recebeu Lula, não existe nenhum vírus pior do que o Luladrão19dedos. Aguente as consequências.

    • Gabriel disse:

      Respeite a categoria médica, ao se auto intitular médico.

      Não passa de um canalha de última categoria.

    • Francisco disse:

      Doutor médico, obrigado por brilhante opinião. Esse luladrão foi pior que coronavírus, pelos seus atos criminosos, milhares morreram por causa dos bilhões de reais roubados e deveriam ser usado na segurança para diminuir a violência, e nos hospitais do país, isso aconteceu entre tantos outros casos estarrecedores.

  5. Luiz Fernando disse:

    Foi a "peste lula" que pegou ele .

  6. Cigano Lulu disse:

    Foi só uma tossezinha, bebê. Acalme-se.

Homem morre em BH com sintomas de intoxicação por cerveja

Foto: Reprodução / Instagram

Um homem morreu em Belo Horizonte-MG com sintomas da doença que pode ter sido provocada por intoxicação pela cerveja Belorizontina, da Backer.

A informação foi confirmada pela Polícia Civil, na manhã desta quarta-feira (15). De acordo a corporação, esta é a segunda morte possivelmente provocada pela chamada síndrome nefroneural, que causa insuficiência renal e alterações neurológicas.

R7