Lagoa Salgada – distante pouco mais de 50 km de Natal: vereadores aumentam salários do prefeito(R$ 19.500), vice(R$ 9.500) e secretários(R$ 4 mil) para o próximo mandato

(Íntegra da publicação AQUI)

Em tempos de pandemia e calamidade pública, conforme documento em destaque, o prefeito do município de Lagoa Salgada, distante 52 km de Natal, Osivan Sávio Nascimento Queiroz sancionou, no dia 08 de junho o aumento dos salários de Prefeito, vice e secretários municipais para a legislatura 2021/2024.

Abaixo a descrição do documento publicada no Diário Oficial  da Federação dos Municípios do Rio Grande do Norte (Femurn):

O Prefeito Municipal de Lagoa Salgada/RN faz saber que a Mesa Diretora da Câmara Municipal de Lagoa Salgada/RN propôs, deliberou e aprovou, e ele sancionou a seguinte Lei:

Art. 1º – O subsídio mensal do Prefeito Municipal, referente à legislatura 2021/2024, será de 19.000,00 (dezenove mil reais).

Art. 2º – O subsídio mensal do Vice-Prefeito Municipal, referente à legislatura 2021/2024, será de R$ 9.500,00 (nove mil e quinhentos reais).

Art. 3º – O subsídio mensal dos Secretários Municipais, para a Legislatura 2021 a 2024, será de R$ 4.000,00 (quatro mil reais).

Art. 4º – Quando os Agentes Políticos discriminados nesta lei for servidor municipal lotado em cargo efetivo da Prefeitura, deverá fazer a opção pelo vencimento do cargo ou pelo subsídio.

Art. 5º – Os Agentes Políticos dispostos nesta Lei farão jus ao décimo terceiro salário.

Art. 6º – Os efeitos práticos desta Lei serão implementados a partir de 1º de janeiro de 2022, em observância ao que estabelece o art. 8º da Lei Complementar nº 173/2020.

Art. 7º – Esta Lei entra em vigor a partir da sua publicação, revogando-se as disposições legais em sentido contrário.

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Beemoth,Leviatã,Ziz disse:

    Ninguém houve mais falar da pec 188 -2019 que reduziria o número de cidades/municípios com menos de 5.000,00 habitantes,mesmo assim se essa pec 188 tivesse sido promulgada e implementada esse município/cidade de Lagoa Salgada ainda escaparia da extinção,pois tem tem mais de 7.000 habitantes,é preciso aumentar o número minimo de habitantes na pec 188-2019 como está prevista nela(pec)de 5.000 habitantes para no mínimo de 20.000 habitantes para existência e funcionamento como um município/cidade com autonomia política e administrativa.

  2. Aparecida disse:

    Estamos enfrentando uma pandemia, muita gente desempregada e outros totalmente falidos, e os políticos preocupados com seus vencimentos, pagos pelo povo por meio de impostos. Deviam estar preocupados em projetos, planos para minorar a falência do povo. Campanha para menos municípios, vereadores e assessores.

  3. Dinho disse:

    Não sei se é inconstitucional, mas totalmente imoral, com certeza. Cidade de pouco mais de 7 mil habitantes, arrecadação dependendo de fundos de participação, e pífia, aí vem um salário equivalente a prefeitos de grandes metrópoles. Quero ver as providências que serão adotadas.

  4. Cidadão Indignado disse:

    Totalmente inconstitucional e imoral! Vamos, Ministério Público – MPRN – rápido que o TJRN derruba ainda esse mês.

    • Lucia Helena Silva disse:

      Mais a Globo Paulo Guedes e mídia em geral só critica e humilha o servidor público como se fossemos culpados pela mazela da humanidade Banqueiros políticos etc…Altos salários sem fazer Nada. É o Brasil

    • Gadominion disse:

      Concordo totalmente com vc Lúcia Helena

Vereadores se dão aumento generoso e dobram salários de prefeito e vice em Patu, no interior do RN

O portal Mossoró Hoje destacou nesse fim de semana que os vereadores do município de Patu, no Oeste potiguar, aprovaram por 5 x 1, na última quarta-feira(24), um aumento para eles próprios e dobraram o valor do salário do prefeito e seu vice nos próximos quatro anos.

Segundo a reportagem, esse tipo está previsto na Constituição Federal e não ocorre em Patu desde 2012. Entretanto, considerando a queda brusca na arrecadação, a necessidade extrema de recursos para o enfrentamento a pandemia do novo coronavírus, o aumento não acontece em bons olhos no município.

Veja matéria completa aqui.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Tarcísio Eimar disse:

    Todo castigo pro povo é pouco.

  2. Marcos Benício disse:

    Se eles reajustaram seus próprios vencimentos e dobraram o do prefeito é porque a população deu carta branca prá isso. Esse ano tem eleições municipais e com certeza muitos desses vereadores irão se reeleger.

  3. Wilson disse:

    Tudo culpa da Constituição de 1988, que criou uma casta de marajás inúteis, que vivem às custas dos pagadores de impostos. Antes dessa constituição ridícula, os vereadores eram remunerados apenas em cidades acima de 200 mil habitantes.

  4. Beemoth,Leviatã,Ziz disse:

    Analisando agora o PIB na Wikipédia desse município de Patu o seu PIB segundo fontes do IBGE de 2011 o PIB agropecuario patuense seria de apenas 3 milhões de reais e do PIB industrial de somente 5 milhões de reais,com absoluta certeza esse seria o PIB dessa cidade de Patu totalizando 8 milhões de reais,esse seria do seu PIB total Real daquele ano de 2011 só daria mesmo para pagar os 12 salários anuais desse prefeito,vice prefeito e desses vereadores e sobraria pouca receita orçamentária para pagar os comissários e efetivos sem entrar nessa conta com o chamado (FPM)fundo de fundo de participação dos municípios e de convênios para obras e também das aposentadorias e pensões do fundo rural do INSS isso sim faz com que dinamize todo o setor terciário;comércio e serviços só com dinheiro do setor público de transferência e repasse da União federal movimentem cerca de 58 milhões que fazem girar e movimentar todo esse setor terciário;comercial e de serviços.somando todos os três setores:primário,secundário e terciário do PIB total 66 milhões.
    Sem duvida sem a transferência e repasse do Federal que totaliza 58 milhões de reais, o PIB Real total do município de Patu seria de somente ou apenas de 8 milhões de reais juntando toda a produção agropecuária e da indústria local,esse seria número real sem os repasses,transferências e convênios do poder da União federal sem essa contribuição de Brasília,mal daria pagar pagar os 12 salários anuais desse prefeito,vice prefeito e o restante de servidores efetivos e comissionados desses vereadores do município de Patu.

    • Beemoth,Leviatã,Ziz disse:

      Mesmo se esse município tivesse uma alta carga fiscal de 50%do PIB Esse município de Patu passaria por grandes dificuldades e problemas permanente para Manutenção da máquina pública para pagar salário do prefeito,vice prefeito,secretários,funcionários públicos municipais efetivos e outros comissionados da prefeitura e Câmara desse município,com orçamento de 4 milhões com essa carga fiscais de impostos e tributação e que equivale por exemplo a 50% com O PIB bruto de 8 milhões do município,o setor terciário de comércio e prestação de serviços praticamente passaria por uma terrível depressão econômica e todo esse município e sua estrutura social e econômica seria um grande desastre um pesadelo,se transformaria de fato num absoluto caos social e econômico sem o FPM,os convênios federais para obras e das aposentadorias e pensões do fundo rural do INSS,estaria formado por exemplo nesse município de Patu um terrível e monstruoso caos social e econômico sem a manutenção desse município pelo governo Federal,esses gestores públicos municipais que ainda reclamam de barriga cheia da falta de recursos oriundos do poder central se não fosse o poder da União Federal(Brasília),esse município de Patu e a maioria dos municípios do estado do RN inevitavelmente haveria a existência de um absoluto caos social e econômico em mais de 140 municípios desse estado de um total de 167 municipios/cidades com autonomia política e administrativa.

  5. Roncalli Guimarães disse:

    aumento de salário é uma previsão legitima para o servidor, o que não é legitimo é o chefe do executivo , o guardião do bem estar da comunidade aumentar pra si seu salário em 100% em detrimento de todos os outros funcionários públicos e em detrimento da dor que o mundo vive . No momento que age assim toma decisão narcisista, desmoraliza o trabalho de outros agentes mais importante que ele já que seu cargo é público e ainda desmoraliza a justiça por usa la pra embasar sua decisão em benefício próprio. O mundo passa por transformações profundas e decisões desse tipo expõe a podridão de quem só existe pra si mesmo e a sociedade é simplesmente um meio para manter a imagem que ele enxerga no espelho. Triste .

  6. Cristina Rodrigues disse:

    Um absurdo, perante tudo que estamos passando, com essa doença covid 19, e que a economia local despenca, Patu está amargando os piores momentos com tanta falta de empatia dos seus governantes, o momento é de ajudar os patuenses, elevar nossa economia local, ajudando os comerciantes sobreviver, o aumento era digno para quem está na linha de frente dessa pandemia os servidores da saúde, garis, motoristas de ambulâncias etc. Um absurdo ter que presenciar tamanha falta de amor pela população.

  7. José disse:

    Cabe agora o povo julgar, nas eleições 2020!

  8. Lucia Helena Silva disse:

    Acho interessante que o servidor publico é o culpado pelas mazelas do Brasil. O ministério da economia nos trata como seres desprezíveis. Esquecem que estudamos digo firam 5 anos de faculdade 2 de especialização e dois de mestrado Estudamos muito para o concurso

  9. Zanoni disse:

    No interior do Estado a bagunça é ainda maior! Coitado do povo.

Apresentador do Sportv critica diferença de tratamento de jornais no Rio sobre vice de Vasco e Flamengo no Mundial: ‘ é ultrajante’

Rizek afirmou que é ‘ultrajante’ a diferença de tratamento entre as equipes (Foto: Reprodução) -Foto: Lance!

O apresentador do SporTV, André Rizek, tuitou na manhã desta segunda-feira sobre a matéria do ‘Redação SporTV’ que comparou as capas do jornal ‘Extra’, do Rio, com as manchetes do dia seguinte das derrotas de Vasco, em 1998, e de Flamengo, neste ano.

Em ambas ocasiões, as equipes cariocas jogaram de igual para igual com os times europeus, porém, em 98, a manchete tirava sarro da derrota vascaína e afirmava que os rubro-negros estavam comemorando. Em 2019, o jornal exaltou a partida do Fla diante do Liverpool.

Rizek afirmou que é ‘ultrajante’ a diferença de tratamento dado aos dois clubes em situações parecidas.

– Redação Sportv está mostrando como os jornais do Rio retrataram o vice do Vasco em 1998 (depois de grande atuação na derrota para o Real) e como retratam o vice do Fla, agora. É ultrajante a diferença no tratamento dispensado aos dois clubes, em situações muito parecidas – disse.

O jornalista recebeu uma chuva de apoio e criticas no Twitter e sobrou até para Márvio do Santos, editor-chefe do ‘Extra’, que foi gravado correndo com a camisa do Flamengo pela redação em comemoração ao segundo gol de Gabigol, que deu o título da Libertadores ao Flamengo.

Um internauta marcou Márvio na publicação questionando-o sobre o que ele achava da opinião de Rizek. O jornalista respondeu dizendo que a manchete do Vasco não se repetiria neste ano.

Terra, com Lance

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Augusto Carvalho disse:

    Vamos ser sinceros, o Flamengo adotou uma estratégia corajosa que não deu certo, não criou nenhuma situação real de gol enquanto o Liverpool abusou de errar gols, poderia ter feito 3 a 0 no tempo normal!!! O resto é glamorizar a derrota!

  2. Érico disse:

    Concordo com o Rizek, e o Márvio vem com uma desculpa quê hoje à materia com à derrota do Vasco, seria outra, sustente à palavra cabra frouxo, Márvio você e um flamenguista de merda!

  3. Danniel Montenegro disse:

    Verdade. A massa, podre, rubro-negra só olham para o umbigo deles e muitos jornalistas são tendenciosos ao se falar de Flamengo. O Vasco jogou melhor que o Flamengo na final que fez conte a o Real Madrid em 1998 e foi vice tanto quanto a equipe da Gávea. Já a imprensa valoriza o vice do Flamengo e não valorizou o do Vasco.

  4. Antonio Turci disse:

    Verdade. Certos apresentadores, locutores deveriam dosar o entusiasmo. Têm que entender que os respectivos papéis materializam-se quando das transmissões de jogose/ou programas especializados cultos espectadores, ouvintes, são de times distintos.

‘Com Moro de vice, Bolsonaro ganha no primeiro turno’, diz ministro-chefe da Secretaria de Governo, general Luiz Eduardo Ramos

Foto: Adriano Machado / Reuters

Articulador político do Palácio do Planalto, o ministro-chefe da Secretaria de Governo, Luiz Eduardo Ramos, avaliou que uma dobradinha entre o presidente Jair Bolsonaro e o ministro da Justiça, Sérgio Moro, seria imbatível na disputa de 2022. “Eu falei para o presidente que, se hoje ele fosse tentar a reeleição, com Moro de vice, ganhava no primeiro turno, disparado”, afirmou Ramos ao Estado, sem mencionar o atual vice, Hamilton Mourão.

O general disse, porém, que Bolsonaro não enxerga essa possibilidade. “Ele não vê nada disso.” Ex-juiz da Lava Jato, Moro enfrenta resistências para emplacar o pacote anticrime no Congresso e é alvo de questionamentos, mas ainda mantém a popularidade e foi aplaudido de pé, anteontem, em show do cantor Roberto Carlos, em Curitiba.

O governo prepara uma reforma ministerial?

O presidente ficou um pouco contrariado com notícias que saíram sobre isso. Ele brincou comigo: “Ramos, eu vi logo que era fake news porque seu nome não estava lá (entre as possíveis mudanças)”.

Mas, nos últimos dias, muitos pediram, por exemplo, a cabeça do ministro da Educação, Abraham Weintraub.

Quando acontece isso, aí é que ele não tira. Se o presidente tiver interesse em mudar, (será) no ano que vem… Agora é chance zero de isso ocorrer.

O “ano que vem” já está aí…

Eu digo março, abril.

Mas o ministro Weintraub não exagera nas redes sociais?

Sim, mas… Até o general Fernando (Fernando Azevedo, ministro da Defesa) ficou chateado com aquela postagem do Dia da República, que ele botou o Deodoro da Fonseca ao lado do presidente Lula (no Twitter, Weintraub chamou a Proclamação da República de “o primeiro golpe de Estado no Brasil”). Agora, ele tem de responder pelo que fala. Eu não posso falar nada. Tenho 72 mil seguidores, mas não ligo para esse bichinho aqui (aponta para o celular). Você tem de tomar cuidado com o que escreve e posta, porque pode cometer um erro grosseiro, ofender pessoas.

Essa situação preocupa?

Esquece o Weintraub. Estamos vivendo, graças a Deus (bate na mesa três vezes), um momento feliz, de muita serenidade nas mídias sociais.

Sem o vereador Carlos Bolsonaro (PSC-RJ) nas redes…

Vocês é que falaram, não fui eu. Não estou dizendo que o Carlos está fora, nada disso.

É uma coincidência?

Eu não sei.

O governo adiou o envio da proposta de reforma administrativa ao Congresso por medo de protestos de rua?

Não. O Paulo Guedes (ministro da Economia) ficou chateado, mas o presidente achou que este projeto agora ia dar ruído. Havia coisas que iam bater no Judiciário e ficaram algumas pontas soltas. A reforma será apresentada com melhoramentos.

Por que o pacote anticrime do ministro da Justiça, Sérgio Moro, não avançou no Congresso?

Eu acho que não correspondeu ao clamor da sociedade. Mas o ministro Moro tem razão. Eu, por exemplo, tive um sobrinho de 31 anos assassinado numa saidinha de banco, no Rio. Agora teve um sargento assassinado porque o bandido queria o celular.

O ministro Moro poderá ser vice numa chapa liderada pelo presidente Bolsonaro, em 2022?

Eu falei para o presidente que, se hoje ele fosse tentar a reeleição, com Moro de vice, ganhava no primeiro turno, disparado. Mas o presidente não vê isso como uma possibilidade. Mas não vê porque não vê nada disso (risos). Seria importante ele ter, sim, um novo mandato para arrumar a casa. Sinceramente, em quatro anos não dá para consertar tudo.

O ex-presidente Lula ainda pode ser o principal adversário de Bolsonaro, caso volte a ficar elegível?

Ué, mas ele não foi condenado de novo? Pergunta difícil, mas eu acho que não. Lula saiu com muito ódio (da prisão). Passou do ponto.

O que o sr. acha de propostas que tramitam no Congresso para retomar a prisão após condenação em segunda instância?

Sou da opinião do ministro Moro: é necessário retomar a segunda instância para a segurança pública e a jurídica. Temos o sentimento de impunidade pela quantidade de recursos que existem. Esquece o presidente Lula. Vamos falar de traficantes, assassinos… Olha o tanto de gente que foi solta.

O Supremo Tribunal errou?

Não. Só que tomou uma decisão, em 2018, de manter a segunda instância e, um ano depois, mudou. Quem é que mudou o voto ali? Rosa Weber. O que houve? Pressão? Não sei.

O presidente corre o risco de não conseguir aprovar no Tribunal Superior Eleitoral a Aliança pelo Brasil a tempo de o novo partido disputar as eleições municipais. Isso não pode prejudicar o projeto de reeleição?

É muito cedo para traçar qualquer quadro. O partido pode não concorrer (em 2020), mas isso não quer dizer que o presidente não possa ter candidato na eleição nem que esse nome não possa mudar para a Aliança depois. Não façam uma leitura equivocada de um craque na política. Prefeito pode mudar de partido.

E quem ele vai apoiar em São Paulo?

Só acho que não vai apoiar a Joice Hasselmann (deputada do PSL e ex-líder do governo no Congresso), pelo que houve. É dedução minha, porque em política acontece muita coisa.

Em recente reunião, deputados do Centrão ameaçaram travar votações, caso o governo não pagasse emendas nem liberasse cargos. Como resolver isso?

Já resolvemos, graças a Deus. Confesso que, no dia dessa reunião, havia um déficit e não sabíamos como resolver. Diziam assim: “O senhor não pode ir lá. Vai enfrentar os leões do Centrão?”. Eu respondi: “Qual é o problema? Participei de negociação no Haiti, Copa, Olimpíada, pancadaria. Ninguém vai bater em mim”. Logo depois, o presidente determinou que o Paulo Guedes desse uma solução, com R$ 2 bilhões para a Câmara e R$ 400 milhões para o Senado. Até o fim do mês, cada parlamentar receberá os seus R$ 20 milhões em emendas para sua base eleitoral.

E isso não é toma lá, dá cá?

Espera aí. No início do governo foi dito que, para esse ano, teríamos a reforma da Previdência e outras pautas. Então, houve esse acordo. O deputado do Paraná, por exemplo, foi eleito por causa de municípios, que exigem dele recursos para hospitais, colégios, etc. Se no passado isso permitia desvio, é outra coisa. Nós exigimos projeto. Agora, só vão votar se der o dinheiro? Eu acho que não. Na MP 890 (que instituiu o programa Médicos pelo Brasil) houve mesmo um pouco de pressão. Faz parte. A democracia é assim.

Mas há fogo amigo na relação entre o sr. e o ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, por causa da articulação política.

Não existe fogo amigo entre mim e Onyx. Esquece. Eu gosto muito do Onyx e estou dando continuidade ao excepcional trabalho realizado por ele. Peguei um trem em movimento. Não sei quem é que faz a intriga, mas o meu setor não é.

O governo vai agora apoiar a abertura de cassinos no País?

O presidente disse que tem de debater a ideia com a sociedade, com os evangélicos. Uma coisa é abrir um cassino em Brasília, que não faz sentido. Outra é na Amazônia, em uma área que precisa se desenvolver, como foi feito em Atlantic City ou Las Vegas (EUA). Mas é preciso ver os efeitos colaterais, as possíveis associações com drogas, contravenções.

Estadão

Aliados de Bolsonaro acham que Moro topa ser vice em 2022

Aliados de Jair Bolsonaro acreditam que Sergio Moro topa ser candidato a vice-presidente nas eleições de 2022, informa Igor Gadelha na Crusoé.

Os dois já teriam, inclusive, conversado sobre o assunto.

Aliados de Bolsonaro acham que Moro topa ser vice em 2022

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Mari disse:

    Boa!!
    Depois do Mito!
    Moro presidente!!
    Assim a missão vai ser cumprida.
    Deus abençoe a esses dois!!
    Deus abençoe o povo brasileiro.

Potiguar Ítalo Ferreira é vice na etapa francesa do circuito mundial de surfe

Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil

O surfista brasileiro Ítalo Ferreira conquistou nesta sexta-feira(11) o vice-campeonato da etapa francesa, a nona das 11 que integram o circuito mundial de surfe. O brasileiro perdeu para o francês Jeremy Flores, nas águas de Côte d’Argent.

Apesar da derrota na final, Ítalo subiu da quinta para quarta posição no ranking mundial, com 42.400 pontos. O ranking continua sendo liderado por dois brasileiros: o bicampeão mundial Gabriel Medina, que foi eliminado nas oitavas-de-final na França e soma 48.015 pontos, e Filipe Toledo, que caiu na terceira fase desta etapa e soma 45.730 pontos.

Ítalo está atrás também do sul-africano Jordy Smith, que tem 43.515 pontos, e à frente do norte-americano Kolohe Andino, que tem 41.250 pontos.

Além da busca pelo título mundial, os três brasileiros disputam duas vagas para os Jogos Olímpicos de Tóquio 2020. Isso porque o circuito mundial masculino levará os dez primeiros colocados para a olimpíada, mas cada país só poderá ser representado por, no máximo, dois atletas.

Feminino

No feminino, a brasileira Tatiana Weston-Webb foi eliminada nas quartas-de-final da etapa, mas manteve-se na oitava colocação no ranking mundial, com 34.610 pontos. A nona colocada, a francesa Johanne Defay, no entanto, chegou até as semifinais e diminuiu a diferença para a brasileira. Johanne tem 33.815 pontos.

Tatiana manteve-se na zona de classificação para os Jogos Olímpicos, já que o circuito mundial feminino garante vaga nas olimpíadas para as oito primeiras colocadas. A outra brasileira no circuito, Silvana Lima, está na 12ª colocação, com 22.020 pontos, portanto a 12.590 pontos da zona de classificação.

Faltam mais duas etapas para terminar os circuitos masculino e feminino. A próxima etapa acontece em Peniche, Portugal, entre os dias 16 e 28 de outubro, tanto para homens quanto para mulheres.

A última etapa dos circuitos será no Havaí, mas em locais e datas diferentes para homens e mulheres. O mundial feminino será definido em Honolua Bay, na ilha de Maui, entre 25 de novembro e 6 de dezembro. O circuito masculino se encerra com o Billabong Pipe Masters, em Pipeline, na ilha de Oahu, entre os dias 8 e 20 de dezembro.

Agência Brasil

 

Gabriel Medina vira no fim sobre Ítalo Ferreira, e é campeão da etapa de J-Bay do Circuito Mundial de Surfe; vice, potiguar é quarto no ranking da WSL

Foto: Divulgação/WSL

A final masculina da etapa de Jeffreys Bay do Circuito Mundial de Surfe entrou para a história antes mesmo de começar. Com Gabriel Medina e Ítalo Ferreira decidindo o título sul-africano, era a primeira decisão 100% brasileira da história da etapa. E a coroa ficou com Gabriel Medina, seu primeiro título na África do Sul, com muito estilo. Medina anotou 19.50, de um máximo de 20 pontos, contra 16.77 e Ítalo para ficar com a taça.

Com os resultados da sexta de 11 etapas desta temporada, Filipe Toledo, que caiu na semifinal, ficou com a 2ª posição do ranking mundial, atrás apenas do americano Kolohe Andino, que também foi eliminado na semi. Ítalo Ferreira, apesar do vice, subiu da sexta à quarta posição. Medina, que era oitavo, agora é o sétimo. A próxima parada do Tour é nos tubos de Teahupoo, no Taiti, entre 21 de agosto e 1º de setembro – Medina é o atual vencedor.

– É muito bom. É muito difícil ganhar esse campeonato. Eu não estava esperando essa vitória. Tudo isso começou depois da vitória sobre Ryan Callinan, que virei na última onda. Nada é impossível – disse Medina ainda dentro d’água.

A bateria começou forte. Logo de cara, Ítalo Ferreira chegou com o pé na porta, anotando um 9.10 na primeira onda da bateria. Medina demorou um pouco, mas respondeu a altura. Com uma sequência de manobras espetacular em uma onda muito grande, o atual campeão mundial conseguiu um 9.73 e encostou na disputa.

Na reta final, Ferreira conseguiu um 7.67 para colocar pressão no atual campeão mundial e Medina respondeu com outra onda espetacular. Com direito a um tubo sensacional para fechar a onda, Gabriel anotou um 9.77, somando 19.50 e ficando com o título.

Gabriel é o primeiro surfista goofy (que surfa com o pé direito na frente da prancha) campeão em Jeffreys Bay desde 1984, a primeira edição da etapa sul-africana na elite do surfe mundial.

Com informações do Globo Esporte

 

Fábio Faria fala em ‘legitimidade’ de Fábio Dantas tentar se viabilizar candidato

O deputado federal Fábio Faria (PSD) repercutiu ao blog nesta segunda-feira (26) as articulações que dão conta da ida do vice-governador Fábio Dantas para um voo solo.

No fim de semana, ganhou força no noticiário a articulação que dá conta da ida de Fábio Dantas para o PSB. Para Fábio Faria, trata-se de uma ambição legítima.

“Defendo o direito de qualquer cidadão se candidatar ao governo ou ao senado. E Fábio Dantas tem toda legitimidade. É um vice dedicado, parceiro e um grande amigo do governador Robinson; viveu ao lado dele todos os problemas enfrentados pelo governo nos últimos 3 anos; teve importante atuação na articulação com a Assembléia para aprovação de projetos fundamentais para o Estado. Faz parte da democracia”, comentou o deputado.

Fred Queiroz se coloca à disposição para ser o vice de Carlos Eduardo pelo PMDB

Fred-Queiroz-BLOG-02-06-15O secretário municipal de Turismo, Fred Queiroz, amigo pessoal do ministro Henrique Eduardo Alves e indicação do PMDB para ocupar a pasta na gestão do prefeito Carlos Eduardo, se colocou à disposição do partido para ser o candidato a vice nas eleições desse ano.

Durante a entrevista ao Jornal das 6 desta quarta-feira (27), Fred disse que está à disposição do partido para disputar o pleito como vice de Carlos Eduardo. Ele lembrou que está no PMDB há 20 anos e que antes de ser o vice, quer conversar com a atual vice-presidente Wilma de Faria.

“Eu sou partidário. Estou no PMDB há 20 anos. Ainda não tem uma definição. Ainda haverá uma conversa com a vice-prefeita Wilma de Faria. É importante que haja uma conversa com ela. Estou à disposição do partido. Se o partido entender que eu serei um bom nome, eu estou à dispocição”, confirmou.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Consciência disse:

    kkkkk os puxa-sacos já estão a todo vapor!! Quem é esse mesmo?! Das velhas oligarquias aos oportunistas "dispostos" (a que mesmo?)

  2. paulo disse:

    BG
    Enquanto esses indivíduos estão se preocupando com suas candidaturas a cidade SEGUE abandonada, obras INACABADAS, ruas esburacadas, ruas sem iluminação, obras da copa na Capitão Mor Gouveia e Jeronimo Câmara sem conclusão, KM 6 abandonado, viaduto do baldo sem conclusão, enfim um caos e esse prefeito ainda tem a cara de pau de querer se reeleger é demais, afora que ele e sua coleguinha vilma já estão na prefeitura ha 18 anos trocando de posto e ENGANANDO o Povo Natalense.

    • Fernando Henrique disse:

      Paulo, entendo a insatisfação com a classe política. Mas que pessima oportunidade vc escolheu pra se expressar. Esse senhor, que até onde sei tem feito bom trabalho no secretariado, só disse que tava a disposição e vc acha que por isso deixou de resolver todos os problemas do Estado. Provavelmente ele gastou menos tempo para dar essa declaração do que vc pra escrever esse comentário. Parece que porque alguém se preocupa com futuras eleições não faz mais nada além disso… antes fosse assim, os que nada fazem não fazem por incompetência ou falta de comprometimento e não porque deram uma declaração sobre outro assunto que rendeu 1 parágrafo.

  3. Val Lima disse:

    Fred é um excelente nome para compor qualquer chapa em qualquer partido…boa sorte amigo….

Henrique Meirelles seria um grande vice, diz Aécio

3k3rybmoq7_22a6xn871_file O pré-candidato do PSDB à presidência, senador Aécio Neves (MG), disse nesta segunda-feira (19) que o ex-presidente do Banco Central durante o governo Lula, Henrique Meirelles, filiado ao PSD, poderá vir a ser candidato a vice-presidente na sua chapa desde que o partido decida não apoiar a reeleição da presidente Dilma Rousseff (PT).

— Tanto o PSD quanto alguns outros partidos, que hoje são cogitados para estar ao nosso lado, têm uma aliança pelo menos anunciada com o governo federal. Cabe a mim respeitar esta aliança. Vamos aguardar que as coisas avancem. Não dou sinais que depois não possam ser correspondidos. Meirelles é um nome extremamente qualificado e que o Brasil inteiro respeita. Mas o que vejo hoje é que o seu partido tem um compromisso com a atual presidente da República. Se isso mudar, vamos conversar.

Em Minas, o partido do ex-prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, está na aliança com os tucanos na chapa capitaneada por Pimenta da Veiga. Mas Kassab é um dos defensores, no PSD, do apoio a Dilma.

— Fico muito feliz de o PSD estar aqui ao nosso lado, como cada uma das outras forças políticas, e vamos aguardar que as coisas avancem.

Aécio esteve em Minas para o lançamento da pré-candidatura de Antônio Anastasia, seu sucessor no governo mineiro, ao Senado.

R7

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Zé Ninguém disse:

    VEJA?
    Senador Aécio Neves (PSDB-MG) sofreu revés com o vazamento de sua articulação para ter Henrique Meirelles, ex-Banco Central, como vice; nota no Painel irritou ex-governador José Serra e também Gilberto Kassab, do PSD, o que abre espaço para Tasso Jereissati como vice; dona do furo, jornalista Vera Magalhães é casada com Otavio Cabral, que está deixando Veja para assumir comunicação de Aécio; colunista Mônica Bergamo noticiou a contratação e Juliana Duailibi confirmou que Cabral virou assessor tucano; ele teria falado demais?

Justiça eleitoral cassa prefeito e vice de Serra do Mel

O prefeito da cidade de Serra do Mel, Fábio Bezerra de Oliveira, e sua vice Erivaneide Zacarias da Costa Sobral, foram cassados pela juíza eleitoral Ana Clarissa Arruda Pereira, nessa segunda-feira, 10 de março, sob acusação de impedirem a circulação do transporte de eleitores no dia 7 abril de 2013, ocasião que aconteceu a eleição suplementar do município, e ainda, por colocar luzes verdes nas praças e paradas de ônibus. A informação é o do jornalista e editor Cézar Alves, do jornal De Fato, que destaca que a decisão, no entanto, não afasta o prefeito e a vice de imediato dos cargos. Só quando transitar em julgado.

Diretora e vice responsáveis por escola que desperdiçou merenda são afastadas na Grande Natal

Após a revelação por este vespertino de que a Escola Municipal Maria do Céu Fernandes, em Parnamirim, desperdiçou mais de 900 quilos de alimentos não-perecíveis, a Prefeitura de Parnamirim resolveu afastar dos cargos a diretora e vice-diretora da escola até que os fatos que levaram ao desperdício de alimento sejam devidamente apurados.

Através de nota oficial enviada à imprensa, o prefeito Maurício Marques esclareceu as providências que já foram adotadas para investigar o caso. Segundo ele, no dia 01 de novembro – dois dias após a recolhida dos alimentos na escola – a Prefeitura publicou Portaria designando uma comissão para “apurar os fatos que resultaram no descarte dos alimentos da Escola Municipal Maria do Céu Fernandes”.

Também de acordo com a nota, o Executivo Municipal de Parnamirim “determinou o afastamento da diretora e da vice-diretora da Escola Maria do Céu e abriu inquérito administrativo para que sejam apurados os fatos e os possíveis responsáveis”. A reportagem tentou escutar Maurício Marques sobre a decisão de afastar as gestoras da escola apenas agora, tendo em vista que a prefeitura já tinha conhecimento do caso desde o dia 30 de outubro. Através da assessoria de imprensa, o prefeito solicitou que o questionamento fosse direcionado à secretária de Educação do município, Vandilma Maria de Oliveira.

Reafirmando que o caso na Escola Maria do Céu foi uma situação “isolada”, Vandilma explicou que o afastamento foi necessário para que o processo de sindicância não viesse a sofrer nenhum tipo de interferência. “Eu e o prefeito Maurício Marques tomamos essa decisão ontem, mas a diretora da escola [Maria da Conceição] já estava afastada com atestado médico. Agora iremos informar a vice-diretora [Olganeyr Xavier] de que ambas estarão afastadas pelo período de trinta dias”, explicou.

Além das gestoras, também ficará afastada pelo mesmo período a coordenadora de Assistência ao Educando, responsável pelo acompanhamento da distribuição da merenda escolar no município.

“Além da sindicância, solicitei ao prefeito a criação de uma comissão para fazer visitas em todas as escolas, inclusive nas de educação infantil. A comissão ficará encarregada de fazer uma avaliação geral no sistema, desde a entrega ao recebimento da merenda, como também do condicionamento dos alimentos”, afirmou Vandilma. A comissão deverá apresentar um relatório em um prazo de 30 dias.

Consta ainda na nota que o prefeito Maurício Marques e a secretária Vandilma Oliveira lamentam profundamente o ocorrido, assegurando que o tamanho desperdício de merenda foi um fato isolado. “A gestão da escola foi omissa a partir do momento em que não conseguiu nos informar sobre a quantidade de comida que era necessária naquele período.

De qualquer forma, todos os problemas servem para amadurecimento, crescimento e melhorarmos cada vez mais a gestão. Tenho muito orgulho na Secretaria de Educação, pois temos o maior Ideb do RN, e não será um caso isolado desse que irá manchar nosso trabalho”, avaliou a secretária.

O JORNAL DE HOJE conversou nas primeiras horas de hoje com a vice-diretora da Escola Maria do Céu Fernandes, Olganeyr Xavier, quando ela ainda não havia sido informada do afastamento. Entretanto, tendo conhecimento da nota da Prefeitura de Parnamirim, ela alegou que não tem nada a temer. “Não fui culpada nessa situação. Inclusive avisei a diretora diversas vezes do problema. Talvez o meu erro nessa história tenha sido não tomar a atitude de alertar a Secretaria de Educação. Porém, se fizesse isso seria antiético”, disse. “Com certeza vou encontrar uma forma de me defender, pois não tenho culpa de nada”, afirmou.

De Carolina Souza – Jornal de Hoje

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Luciana Morais Gama disse:

    Sera que na casa da diretora eh assim??? Pimenta nos outros eh refresco.

  2. francisco disse:

    Espera-se agora que outros casos, prováveis, possam ser levados a baila, assim como outros fatos, semelhantes, no que diz respeito a gestão de recursos da merenda escolar. Se isso vier a ocorrer, certamente, alguns gestores pensarão mais de uma vez sobre a condução de seu gerenciamento. Certamente alguém ficou sem merenda.

Justiça Eleitoral cassa mandatos de prefeito e vice de cidade potiguar

O Juiz Eleitoral da 40ª Zona Eleitoral, Rivaldo Pereira, de Pau dos Ferros, decidiu pela cassação do prefeito Gilson Dias, e do vice prefeito Ribeiro Alecrim, da cidade de Francisco Dantas, no Alto Oeste do Rio Grande do Norte, por abuso de poder político e econômico e captação ilícita de sufrágio (compra de votos) por parte do então prefeito e vice, nas eleições 2012.

Ressalte-se que o Magistrado conferiu eficácia imediata à decisão, bem como determinou a substituição dos cassados pelo Presidente da Câmara de Vereadores. Além da cassação dos diplomas do prefeito e do vice, o juiz ainda os declarou inelegíveis por oito anos e aplicou multa de 20 mil UFIR (Unidade Fiscal de Referência) para Gilson Dias.

Segundo o juiz, o abuso de poder político e econômico ficaram demonstrados, pois tanto houve promessas de vantagens, como também a sua concretização, com a doação de utilidades com finalidade eleitoral.

O Juiz Rivaldo também enfatizou em sua Sentença a medida cautelar de Busca e Apreensão deferida e efetivada em 02.10.2012, na qual a Polícia Federal encontrou na residência do Prefeito Gilson Dias, diversos documentos, com destaque para: agendas com anotações referentes a bens e serviço de interesse de eleitores; bilhetes manuscritos com referência a material de construção para eleitores; 05 boletos da Ótica Clinótica grampeados; outros manuscritos contendo nome de pessoas com CPF, identidade civil e números de títulos eleitorais; a quantia de R$ 10.800,00 (dez mil e oitocentos reais) em espécie.

A ação de investigação judicial eleitoral foi proposta pela Coligação Nova Francisco Dantas e pelo candidato derrotado Marcos Aurélio. Na Sentença consta a determinação para novas eleições, porém, o Prefeito poderá recorrer ao TRE-RN e, provavelmente, retornará ao mandato até julgamento final do recurso, pois este tem sido o entendimento majoritário daquela Corte Eleitoral”.

Do De Fato com informações da Folha Regional

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. zé Ninguém disse:

    JUSTIÇA FORTE COM OS FRACOS!
    Já em Mossoró…
    Os Prefeitos cassados dos municípios pequenos deviam se reunir para fazer um Curso de como ser cassado seguidamente por mais de 8 vezes e continuar no cargo rindo a toa. Tem Professora boa no Estado na matéria.
    E tem gente que ainda acreditava no TRE…

Ipanguaçu: Justiça determina volta do prefeito Leonardo e do vice-prefeito Josimar Lopes

leonardo e josimarSaiu na tarde desta quinta-feira(17), a decisão do desembargador relator Dr João Rebouças que determinou a volta do prefeito Leonardo Oliveira e do vice-prefeito Josimar Lopes à prefeitura  municipal.

Na sentença, o relator João Rebouças afirma que “As sucessivas alternâncias na Chefia do Poder Executivo geram insegurança jurídica e descontinuidade administrativa, devendo ser evitadas até a manifestação do Órgão Julgador de 2ª Instância”.

Alto Notícias

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Luciana Morais Gama disse:

    E o caso da eleiçao do prefeito de PEDRA PRETA foi engavetado???

  2. José Nonato disse:

    Eita que a indústria que movimenta advogados ta funcionando como nunca antes só dá pras costas do povo

Escândalo: Justiça cassa mandato de prefeito e vice de cidade no RN

A Juíza Eleitoral da Comarca de Angicos, Gabriela Oliveira, acatou denúncia do Ministério Público Eleitoral e cassou o mandato do prefeito do município de Fernando Pedroza, José Renato da Silva, e de sua vice, Adalgiza Patrícia Bernardo Salviano de Macedo.

A decisão da Magistrada tem efeito imediato e a Juíza já mandou a Presidência da Câmara de Vereadores do município empossar como novo prefeito o segundo colocado no último pleito em 2012, Daniel Pereira dos Santos, e de seu vice, Francimagno Alves Batista.

A posse do segundo colocado no pleito do ano passado nos termos do Código Eleitoral se dá pelo fato de que os votos dados ao candidato José Renato da Silva não terem representado mais de 50% dos votos válidos nas últimas eleições municipais.

O então prefeito e sua vice, José Renato e Adalgiza, foram condenados por captação ilícita de votos a perda do cargo e ao pagamento de multa.

Do MPRN

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Luciana Morais Gama disse:

    Parabens a Juiza Gabriela Oliveira! Agora esperamos que a situaçao de PEDRA PRETA tambem seja solucionada, pois o prefeito eleito so usou o CAIXA 2.

Disputa majoritária em Natal abre espaço para vices "veteranos" e para os "calouros"

Em matéria publicada na edição deste domingo do Novo Jornal, há um espaço para que o leitor saiba da importância na escolha de um nome para compôr a chapa majoritária na condição de vice-prefeito. A seleção não é aleatória e tem um objetivo claro: “puxar” mais votos.

As estratégias são diversas para uma composição partidária eficiente e neste posto estão “veteranos” políticos – à exemplo de Wilma de Faria (PSB) prefeita três vezes, governadora duas e que complementa a chapa com Carlos Eduardo Alves (PDT) -, e “calouros”, como Carlos Alberto – vice-presidente da CDL/Natal, cujo registro no PT data de aproximados um ano – e que juntamente com Fernando Mineiro compõe a chapa “puro sangue” do Partido dos Trabalhadores.

Outro nome novo é o do engenheiro  Haroldo Filho (DEM) que havia desistido da candidatura a vereador para concentrar esforços nos negócios da família, mas que após convite concorrerá ao lado de Rogério Marinho (PSDB), Osório Jácome (PSC) em parceria com Hermano Morais (PMDB) . Osório que já possui duas gestões como vereador de Natal entra agora na disputa principal das eleições municipais. Ele além de professor, é pastor evangélico.

Fecha o quinteto de vices Dario Barbosa, (PSTU), que durante muitos anos esteve à frente do Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do Rio Grande do Norte (Sinte/RN), com o professor da UFRN Robério Paulino (PSOL). O representante do PSTU é novo na disputa ocupando o cargo de vice, uma vez que já disputou eleições para governador e prefeito anteriormente.

De acordo com o impresso, os entrevistados falaram em trabalho conjunto e ” descartaram rompimento antes do fim do mandato”.

Com informações do Novo Jornal