CULTURA: Prefeitura do Natal publica relação para receber recursos da Lei Aldir Blanc

A Prefeitura do Natal, através da Secretaria de Cultura (Secult-Funcarte), publica na edição desta quinta-feira (17) do Diário Oficial do Município (DOM), a relação de Espaços Culturais cadastrados para o recebimento de recursos financeiros da Lei Aldir Blanc (Lei 14.017), cujos recursos são destinados ao segmento cultural atingido pela pandemia da Covid-19.

Os Espaços selecionados receberão respectivamente subsídios no valor de R$ 9.000,00 em 3 parcelas mensais de R$ 3.000,00; R$ 15.000,00 em 3 parcelas de R$ 5.000,00 e R$ 30.000,00, em 3 parcelas mensais de R$ 10.000,00. O subsídio é destinado à manutenção de Espaços Culturais formais (com CNPJ) e informais (representados por Pessoa Física).

A Comissão de Análise e Seleção Artística analisou 235 Espaços Culturais inscritos, selecionando 221. A relação completa pode ser acessada em https://portal.natal.rn.gov.br/_anexos/publicacao/dom/dom_20200917_51f7db364876234389f97b0cd7591ba9.pdf. Os interessados em impetrar recursos têm prazo de 48 horas a partir de hoje. Depois será publicada a listagem final.

Os representantes dos Espaços Culturais selecionados ou não na etapa de implementação do Inciso II, poderão participar da implementação da próxima etapa, destinada ao apoio de projetos culturais de artistas, grupos e entidades que tiveram suas atividades interrompidas em decorrência da Pandemia de Corona vírus, (Inciso III) cujos editais serão lançados no próximo dia 23.

“Natal foi a primeira grande cidade do Rio Grande do Norte habilitada a fazer o repasse dos recursos para artistas, trabalhadores e neste primeiro momento para Espaços Culturais através de Seleção Pública e Prêmios. Isso mostra o compromisso da Prefeitura do Natal com a cultura. Estamos sempre incentivando e investindo nessa área tão importante para nossa cidade”, enfatiza o prefeito Álvaro Dias.

“O Plano aprovado pelo Governo Federal e que agora se concretiza neste primeiro momento com o apoio aos Espaços Culturais foi elaborado a partir dos 6 eixos temáticos do Plano Municipal de Cultura. A política pública de editais que foi executada nestes anos no Município nos permitiu um trabalho coletivo de todos os diretores e coordenadores da Secult-Funcarte e o diálogo com os segmentos”, comenta o secretário de Cultura, Dácio Galvão.

A elaboração do Plano de Trabalho ficou a cargo da equipe técnica da Secult e passou pelas etapas de mapeamento, credenciamento e habilitação. Os eixos do Plano de Trabalho elaborado pela Secretaria de Cultura atendem Patrimônio e Memória, da Democratização do Acesso, Acessibilidade e Sustentabilidade, Formação, Gestão, Fomento e Financiamento, Livro e Leitura, Fomento à Economia Criativa.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Luciana Morais Gama disse:

    Ajuda financeira em plena campanha política, onde o prefeito é candidato a reeleição. Isso pode??

    • Manoel C. disse:

      Amiga, tu acha que a máquina pública vai parar por causa de campanha política? Imagina se tem que se cortar os novos cadastros dos programas sociais, só pelo fato de o Pr. se candidatar a reeleição…

Grupo começa a receber água sanitária para abrigos de idosos

Começaram a chegar poucas horas depois de solicitadas as doações de água sanitária e outros materiais de limpeza que fazem muita falta aos principais abrigos de idosos da Grande Natal.

Em plena noite desta quinta-feira, 09, ontem, foram entregues na residência que acolhe bens a serem repassadas em ações de caridade vinte litros de água sanitária, acondicionados em quatro garrafões de cinco litros. Se Deus quiser, está é apenas uma amostra do que tende a vir em benefício dos anciãos.

Na mesma noite, alguns potenciais doadores, através de telefonemas e de mensagens via watzap, anunciaram o propósito de patrocinarem aquisições de ítens de higiene demandados pelas instituições.

O pedido de doações foi veiculado em meados da tarde desta quinta-feira, por mim, depois que os voluntários de nosso grupo de caridade constataram a grande necessidade de materiais de limpeza em geral e de higiene pessoal que se impõe nos abrigos.

Esta carência se evidenciou quando os voluntários entregaram centenas de pacotes de fraldas geriátricas ao Abrigo Juvino Barreto, Lar da Vovozinha e Lar do Ancião Evangélico, em Natal, e Lar Espírita Alvorada Nova (Lean), em Parnamirim.

Os voluntários esperam receber mais dessas doações hoje e nos próximos dias, prontificando-se a repassar os materiais imediatamente.

Esta divulgação é uma prestação de contas e um pedido de ajuda.

Interessados em doar materiais de limpeza aos abrigos de idosos, por nosso intermédio, devem nos contatar através do meu watzap.

Fraternalmente,
Roberto Guedes 084 999821698.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Flávio Martinez disse:

    É disso que o Brasil precisa nesse momento: muita solidariedade! Parabéns pelo belo trabalho.

RN é o primeiro destino do Brasil a receber selo de turismo seguro internacional

Empenhada em atender as melhores formas de se adaptar ao novo normal do turismo e dedicada a atingir os mais atuais protocolos de segurança sanitária de destinos turísticos, a Empresa Potiguar de Promoção Turística – EMPROTUR foi em busca do reconhecimento do WTTC – Conselho Mundial de Viagens e Turismo, com a requisição do selo de viagem segura criado pela entidade (Travel Safety Stamp).

O Rio Grande do Norte passou a ser o primeiro estado brasileiro a receber o selo que tem o respaldo da Organização Mundial do Turismo e de mais de 200 CEOs das principais empresas de turismo do mundo, tais como: Hilton, Radisson Hospitality, Marriott International, Expedia, InterContinental Hotels Group, Grupo Accor, Grupo Trip.com, Hyatt, Booking.com, entre outros.

O presidente da EMPROTUR, Bruno Reis, contou que o objetivo da ação é posicionar o Rio Grande do Norte como a melhor e mais segura opção de viagem. “É importante que o trade tenha confiança e credibilidade na venda do nosso destino para os turistas terem a melhor experiência de viagem por aqui”.

Para a secretária de turismo do RN, Aninha Costa, a referência do selo internacional traduz o trabalho que vem sendo realizado de forma profissional e participativa. “Para obtenção deste importante reconhecimento, contamos com a participação ativa do Sistema Fecomercio por meio do SENAC, Sebrae, Secretaria Estadual de Saúde do RN, todas as entidades do trade turístico potiguar e o conselho dos cinco polos turísticos do estado. Um trabalho realizado de forma conjunta buscando gerar os benefícios reais aos turistas e transformar o RN em um destino que planeja a atividade com seriedade e profissionalismo para colaborar com a retomada da economia em nosso estado“.

Importante destacar que para o selo ser validado, os protocolos precisam atender a requisitos que equilibrem segurança e viabilidade. Nesse sentido, são aceitos somente aqueles que propõe as devidas regras sanitárias, de saúde, desinfecção, distanciamento e segurança em equilíbrio com a viabilidade dos negócios de todos os tamanhos, de forma que possam ser realisticamente executadas.

SELO DO RN

Essa iniciativa se soma à criação do selo local, chamado Turismo + Protegido, que tem como objetivo capacitar os profissionais do setor e promover os serviços turísticos do Rio Grande do Norte. Lançaremos uma plataforma para que os viajantes tenham acesso às empresas do estado que fizerem adesão voluntária ao selo.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. GENTE DA TERRA DA GENTE disse:

    Parece que os patriotas estão com a cabeça um pouco atrapalhada. Em alguns momentos fico sem acreditar quando vejo a bandeira dos Estados Unidos em movimentos de brasileiros. Vamos valorizar nosso estado e o Nordeste. Essa é a solução mais segura e sensata.

  2. GENTE DA TERRA DA GENTE disse:

    Parece que os patriotas estão com a cabeça um pouco atrapalhada. Em alguns momentos fico sem acreditar a bandeira dos Estados Unidos em movimentos que dizem que é de patriotas. Vamos valorizar nosso estado e o Nordeste. Essa é a solução mais segura e sensata.

  3. Pedro disse:

    Certamente, apesar de termos uma cidade linda e de ovo simpatico, quem emitiu esse selo foi enganado, não pela beleza natural e simpatia do povo e sim pelo resto, que não se traduz em verdade.

  4. Carlos disse:

    Prefiro viajar ao exterior e gastar meu suado dinheiro, pelo menos sei que vou ter segurança, conhecer lugares maravilhosos e de quebra comprar produtos para uso pessoal do ano todo.

  5. Eduardo Peixoto disse:

    É pena que esse selo não serve como garantia para viagens à Europa.

  6. Emmanoel do Nascimento Costa disse:

    É por isso que dizem turista é bicho besta.

WhatsApp vai permitir enviar e receber dinheiro pelo aplicativo; Brasil será primeiro país com a novidade

WhatsApp vai permitir fazer pagamentos a amigos e lojas pelo aplicativo. — Foto: Divulgação/WhatsApp

O WhatsApp anunciou nesta segunda-feira (15) que o Brasil será o primeiro país a receber uma atualização do aplicativo que vai permitir que usuários enviem e recebam dinheiro, usando cartões cadastrados. A novidade também vai permitir que contas do WhatsApp Business recebam pagamentos por produtos e serviços.

A função chega ao Brasil já nas próximas semanas, de acordo com o WhatsApp. Será preciso cadastrar um cartão com a função débito para fazer as transferências.

Os pagamentos acontecem dentro de uma função chamada Facebook Pay. A rede social também é dona do Instagram, além do Whatsapp. Em nota, o WhatsApp afirma que o recurso tem esse nome para que, no futuro, os mesmos dados de cartão possam ser utilizados em toda a família de aplicativos da empresa — sinalizando que o Facebook planeja expandir funções de pagamento para outros apps.

O WhatsApp não é o primeiro a expandir um aplicativo de mensagens em sistema de transferências eletrônicas. Na China, o WeChat foi responsável por uma revolução na maneira de pagar no país e atualmente é também rede social e uma plataforma de vendas.

Como vai funcionar?

Para que usuários possam enviar e receber dinheiro pelo WhatsApp será preciso cadastrar um cartão na função Facebook Pay. Veja como vai funcionar:

Haverá uma função, no mesmo menu do envio de imagens, chamada “Pagamento”;

Quando o usuário clicar nela, o aplicativo vai pedir um valor e redirecionar para a criação de uma conta;

Será preciso aceitar os termos de uso da plataforma e criar uma senha numérica de 6 dígitos;

Depois, o usuário vai precisar incluir nome, CPF e um cartão emitido por um dos bancos parceiros;

Será preciso verificar o cartão junto ao banco, recebendo um código por SMS, e-mail ou aplicativo do banco.

De acordo com o WhatsApp, o uso da senha (ou reconhecimento biométrico do celular) vai ser necessário toda vez que o usuário for enviar dinheiro. As informações de cartão são encriptadas.

Quem vai poder usar?

Inicialmente será possível usar cartões de débito, ou que têm função de débito e de crédito, Visa e Mastercard dos bancos Nubank, Sicredi e Banco do Brasil. A transferência vai ser intermediada pela Cielo e será sem taxas para os usuários. Segundo o WhatsApp, o modelo é aberto e está disponível para receber outros parceiros no futuro.

As transações só podem ser feitas em real e dentro do Brasil. Há um limite de R$ 1 mil por transação e R$ 5 mil por mês. Será possível fazer até 20 transações por dia.

Para as contas comerciais, usando o WhatsApp Business, será preciso ter uma conta Cielo para solicitar e receber pagamentos ilimitados, tanto de crédito quanto de débito, oferecer reembolsos e ter suporte técnico. Os comerciantes, diferentemente dos usuários, pagam uma taxa fixa de 3,99% por transação.

“Pequenas empresas são fundamentais para o país. A capacidade de realizar vendas com facilidade no WhatsApp ajudará os empresários a se adaptarem à economia digital, além de apoiar o crescimento e a recuperação financeira”, disse Matt Idema, diretor de operações do WhatsApp em nota.

G1

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Isabela disse:

    Aqui na Noruega é chamado de vips, funciona muito bem.

    • Cigano Lulu disse:

      Avisa aí na Noruega que o "mito" tá mandando umas toneladas de hidroxicloroquina pra ocêis se curarem da Covid-19, talkey?

“NÃO É PARA BANDIDO”: Onyx diz que 76 mil presidiários tentaram receber auxílio emergencial de R$ 600; pedidos que configuram fraude foram cancelados

Foto: Marcello Casal Jr /Agência Brasil

O ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni, afirmou nessa quinta-feira (16) que o governo identificou cerca de 76 mil pessoas que estão no sistema carcerário e que tentaram receber o auxílio emergencial de R$ 600 para trabalhadores informais. Segundo o ministro, as tentativas configuram fraude e os pedidos não foram aceitos.

“O auxílio não é para bandido nem para presidiário. Os R$ 600 são para trabalhadores, pessoas de bem, vulneráveis, para pessoas que precisam ser protegidas”, declarou, durante coletiva de imprensa do Palácio do Planalto.

De acordo com dados fornecidos pelo governo, há no Brasil hoje 690 mil presos, sendo que 577 mil possuem CPF, incluindo os em situação irregular, cancelados ou suspensos. Destes, foram mapeados 76.624 tentativas de recebimento do auxílio por pessoas que estão presas.

De acordo com o ministério da Cidadania, esse grupo de detentos se cadastrou no sistema para receber o pagamento, mas quando foi identificado que estavam no sistema carcerário as transferências foram canceladas.

O cruzamento de dados para identificar possíveis fraudes em presídios foi citado por Onyx para criticar decisão judicial que determinou que a ajuda seja paga inclusive a pessoas com o CPF em situação irregular.

O juiz federal Ilan Presser, do TRF-1 (Tribunal Regional Federal da Primeira Região), concedeu liminar (decisão provisória) na quarta-feira suspendendo a exigência de regularização do CPF imposta pelo governo federal a quem tenta receber o auxílio emergencial de R$ 600 na pandemia da covid-19.

A decisão, que tem extensão nacional, foi tomada a pedido do governo do Pará, que alegou excessiva burocracia para o acesso ao benefício, além de risco às medidas de isolamento social necessárias para evitar a disseminação do novo coronavírus.

Onyx disse na quinta que pediu à AGU (Advocacia-Geral da União) a interposição de um recurso para reverter a decisão do TRF-1.

“Temos a notícia da questão de um juiz que quer cancelar a exigência de que exista o CPF para nós fazermos a seleção das pessoas elegíveis. Se o CPF for cancelado, tem 577 mil presidiários que poderão organizar nos presídios usinas de fraude”, argumentou o ministro.

Também participaram da coletiva no Planalto os presidentes da Caixa, Pedro Guimarães, e da Dataprev, Gustavo Canuto, além do secretário executivo do Ministério da Cidadania, Antônio Barreto.

Eles disseram que o governo tem trabalhado para regularizar números de CPF inabilitados por alguma pendência, para possibilitar que essas pessoas acessem o benefício. Como exemplo citaram a ação da Receita Federal para regularizar a situação de cadastros de pessoa física suspensos por pendências eleitorais.

O benefício, pago por três meses, será de R$ 600 a trabalhadores informais e de R$ 1.200 para mães responsáveis pelo sustento da família.

A intenção do auxílio é amenizar o impacto da crise do coronavírus sobre a situação financeira dos trabalhadores que estão na informalidade, considerados mais vulneráveis aos efeitos econômicos da pandemia.

Estadão

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Papa Jerry Moon disse:

    Ou seja, políticos, ministros e vários empresários não têm direito.

  2. Lucas disse:

    Será que o Queiroz recebe esse dinheiro junto com o Lula?

  3. Graça Teixeira disse:

    Concordo com as ações responsáveis do governo federal. Tem que dá o número do CPF sim pessoal. O dinheiro é nosso, dos impostos escorchantes que nos são cobrados. O governo federal tem critérios para fazer o pagamento desse benefício, se não o fizer sob forma da lei de responsabildade fiscal, corre i risco de impeachment. Nós pessoas racionais, que querem um governo limpo, honesto e responsável em suas deliberações o apoiamos.

  4. Ojuara disse:

    Já basta ter soltado esses FDP, agora ainda dá dinheiro a eles, é o cúmulo da sacanagem.

  5. Manoel disse:

    Parabéns, mais uma prova o porque esse governo e odiado porque ele e a favor dos mais carentes e contra bandidos não só bandidos presos mais também os bandidos de colarinho branco.

  6. EDILSON disse:

    O governo esta de parabéns, os presos já tiveram muitos direitos em gestões passada.

Veja os caminhos para o trabalhador informal realizar o seu cadastro e receber o coronavoucher

Onyx Lorenzoni acaba de anunciar que há três caminhos para o trabalhador informal realizar o seu cadastro e receber o coronavoucher.

Foi criado um aplicativo da Caixa específico para o cadastramento para o auxílio emergencial, um site (auxilio.caixa.gov.br) e o banco capacitou funcionários para fazer o cadastro dos beneficiários também pelo canal de atendimento pelo número 111.

“A partir de hoje as pessoas já tem três formas de fazer o seu cadastramento. É simples e bastante acessível. Esperamos conseguir anunciar o pagamento [para os informais] dentro de quatro ou cinco dias úteis.”

O Antagonista

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Ex-Pretralha disse:

    Só tem direito quem for segurado do INSS, MEI e os com Cadastro no Cadúnico…

  2. Felipe Silva Martins disse:

    Eu não tenho renda nenhuma terei direto de receber o auxílio emergencial?

    • Getúlio disse:

      Entre no aplicativo da caixa, ou peça algum amigo pra fazer isso. Mas cuidado com o amigo, for um desonesto como o petralha luladrão, é mais fácil ele direcionar pra ele.

Cabral diz que, a pedido de Lula, ajudou Lulinha a receber R$ 30 milhões, destaca reportagem

Foto: Vagner Rosário/Veja

Fabio Serapião, na Crusoé, informa que Sérgio Cabral revelou ter recebido um pedido de Lula para que favorecesse uma empresa de Fábio Luís Lula da Silva, o Lulinha, em um contrato milionário com a Secretaria de Educação do Rio de Janeiro.

Segundo o ex-governador do Rio, o pedido de Lula resultou em um repasse de R$ 30 milhões para uma empresa de Lulinha.

A solicitação de Lula, ainda de acordo com Cabral, teria como contrapartida parcerias entre o governo federal e o estado do Rio.

As revelações de Cabral, agora colaborador da Justiça, constam de um termo de autodeclaração à Polícia Federal de Curitiba.

A PF queria explicações do ex-governador, no âmbito da Operação Mapa da Mina, sobre os R$ 132 milhões repassados pela Oi às empresas de Lulinha e seus sócios. A investigação encontrou e-mails que ligavam Lulinha a Cabral.

O Antagonista, com Crusoé

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Verdade disse:

    O que custa anexar as provas e deixar o processo correr seu curso normal? Precisa o juiz cumprir o papel de Juiz e Promotor ao mesmo tempo saindo da neutralidade técnica?

    • Zanoni disse:

      Vou te aconselhar, petista. Começa na merda, limpando merda de elefante. Na sequência, deixa a merda de lado e torce para o seu pai ser eleito presidente do Brasil. Por fim, é só ficar milionário.

  2. Fernando disse:

    Só os sabidões petralhas não sabiam nem acreditavam nisso. Agora tá falta a delação do governador também petralha bandido da Paraíba. Quero ver a desculpa esfarrapada. Hehehe

  3. Cesar Bomone disse:

    E ainda tem quem grite Lula livre, quando aceitarão a verdade dos fatos?

  4. Luciana Morais Gama disse:

    Pense numa família de corruPTos essa de LULA DA SILVA.

VÍDEO: Trabalhador vai receber por divisão dos lucros do FGTS proporcional ao saldo da conta no último dia de dezembro

O trabalhador que tem Fundo de Garantia vai receber uma quantia extra, proporcional ao saldo da conta no último dia de dezembro. O valor se refere ao novo percentual da divisão dos lucros do FGTS. Ao todo, serão distribuídos R$ 12,2 bilhões. Veja detalhes em reportagem do R7.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Ivan disse:

    Justíssimo…O fundo é do trabalhador, o lucro deve ser dele tb!!!Mais um gol de placa da equipe econômica!!!!!!!

“Só o amor constrói”, diz Bolsonaro no Twitter ao exibir comentários de ódio e desejo por morte a Silvio Santos após o apresentador receber o presidente

Foto: Reprodução

O presidente Jair Bolsonaro gravou nessa quinta-feira(02) uma entrevista ao Programa Silvio Santos, do SBT. A participação será transmitida no domingo(05). Em seu Twitter, o presidente chamou Silvio Santos de “maior comunicador deste país”. Segundo Bolsonaro, no programa, ele irá falar sobre “assuntos de interesse de todos os brasileiros, incluindo a Nova Previdência”.

Ainda no microblog Twitter, Bolsonaro mostrou nesta sexta-feira(03) mensagens de ódio em redes sociais contra o apresentador e dono do SBT, após ter dado espaço ao presidente com gravação, conforme noticiários, repleta de bom humor e bom relacionamento da dupla. “Só o amor constrói”, disse o capitão sobre os comentários desrespeitosos a Silvio Santos.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Leonardo disse:

    Quem é mesmo que vomita ódio contra seus opositores?
    Quem é mesmo que deseja o mal as pessoas só porque tem ligação com opositor político?
    Quem é mesmo que não sabe dialogar?
    Quem é mesmo que não sabe ser oposição de forma civilizada e construtiva?
    Quem é mesmo que dá apoio a corrupto e a libertinagem como forma de vida?
    Muito bom essas reações públicas, revelando de forma incontestável o caráter da oposição que julga, culpa e acusa os outros daquilo que ele é!
    Caiu a máscara! Estamos testemunhando a verdadeira face da esquerda.

    • Edilberto disse:

      Pode desistir de povo Leonardo, não tem cura!!! E não podemos nem dá atenção ao q eles falam. Continuo achando que vai faltar psiquiatra pra cuidar dessa gente. Isso mesmo, gente.
      Humanos eles não são.