VÍDEO: Marrony e Borrero, do Atlético-MG, são flagrados em boate em meio a surto de Covid-19, notícia se espalha, e torcida vai ao local cobrar atletas

O Atlético-MG está enfrentando um surto de Covid-19, que deixou dezenas de jogadores e membros da comissão técnica afastados dos últimos jogos da equipe no Campeonato Brasileiro. Porém, os atacantes Marrony e Dylan Borrero foram flagrados em uma boate neste domingo e foram cobrados por membros de uma torcida organizada do clube.

Houve um princípio de confusão, com torcedores se revoltando com Marrony e Borrero, sendo preciso intervenção da polícia para acalmar os ânimos. Os atletas estavam na boate La Revoli Eventos, localizada no bairro Ressaca, em Contagem, na Região Metropolitana de BH.

Todos tem acompanhado a “crise” do Covid-19 em nosso elenco e comissão técnica.

Os atletas foram reconhecidos no interior do local por torcedores, que espalharam a notícia nas redes sociais. O presidente da Galoucura foi até a porta da boate para cobrar dos jogadores, mesmo sendo um dia de folga dos atletas.

Quem testou positivo para Covid-19

Atletas: Rafael, Victor, Everson, Guga, Réver, Gabriel, Allan, Jair, Alan Franco, Sávio, Vargas, Cazares (já deixou o clube) e Rubens Dias (atleta do sub-23 e que fez treinos com o profissional)

Comissão técnica e diretoria: Jorge Sampaoli (treinador); Gabriel Andreata (gerente de futebol); Jorge Desio (auxiliar técnico); Carlos Desio (auxiliar técnico); Pablo Fernandez (preparador físico); Marcos Fernandez (auxiliar de preparação física); Domênico Bhering (diretor de Comunicação); Frederico Fortes (analista de desempenho) e Danilo Minutti (treinador de goleiros).

Nas redes sociais, a torcida afirmou que foi ao local para tirar satisfações do local em virtude de estarmos em uma pandemia e o clube enfrentar um surto de Covid-19.

“Todos tem acompanhado a “crise” do Covid-19 em nosso elenco e comissão técnica. E hoje, domingo, por volta de meia noite, recebemos a informação que os jogadores Marrony e Dylan Borrero estavam numa balada. Isso mesmo!!! Em plena pandemia, estes irresponsáveis estão em balada, com sério risco de se contaminar pelo Covid e ainda passar para os demais jogadores. Que irresponsabilidade! A fiscalização continua, independentemente de qual jogador for, nós iremos cobrar. Nós não aceitaremos isso jamais! Nenhum jogador é maior que a instituição Clube Atlético Mineiro”, diz a organizada no post junto com os vídeos.

O Atlético-MG volta a campo no próximo domingo, 6 de dezembro, contra o Internacional, no Mineirão, pela 24ª rodada do Brasileiro.

O Globo

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. José, o arquiteto do universo. disse:

    Um bando de desoculpados pobres sem ofício e sem emprego,protestando contra dois boleiros ricos e fúteis,oh cambada de faz nada,eu quero saber qual a utilidade do futebol,isso é muita falta do que fazer mesmo.

  2. Elio Cesario disse:

    Covid 2x 0 Atlético

  3. pereira disse:

    Uma MULTA de cinquenta por cento no Salário desses irresponsaveis, cairia de bom grado e na população inconsequente e irresponsavel, SPRAY de PIMENTA e CASSETETE, mais os custos com todo tratamento e sepultamento, quando for o caso.

  4. Calígula disse:

    Hô torcedores bestas, irem atrás de jogadores em boates, deixem os caras se divertirem com as belas Marias chuteiras.
    Eu só vou atrás do Mitonaro, só nas redes sociais. Já minhas amantes vou passear com elas, hoje vou levar uma , lá na pedra oca , em camurupim.

Reunião na CBF, sobre volta da torcida, termina em confusão

Foto: CBF

Uma reunião por videoconferência, marcada pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF) com representantes dos 20 clubes da Série A e que tinha como pauta a discussão sobre o possível retorno de público nos jogos da competição, terminou em discussão, xingamentos e sem nenhuma definição sobre o assunto. Os protagonistas dos momentos de maior tensão do encontro foram Rogério Caboclo, presidente da entidade, e Rubens Lopes, presidente da Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (Ferj).

A reunião começou por volta das 17h e, logo no início, Caboclo propôs aos presentes a volta do público aos estádios. O presidente da CBF afirmou ainda que para que os torcedores retornassem às partidas a entidade teria de conversar com as prefeituras, mas que antes gostaria de ouvir a posição das equipes.

A maior parte dos representantes dos clubes optou pela isonomia – só seria liberada a presença da torcida se fosse para todas as equipes. Foi nesse ponto que surgiu o primeiro conflito. O Flamengo e a Ferj defenderam que o público deveria ser liberado nas cidades que concordassem com a decisão.

Palmeiras e Corinthians, entre outros, foram taxativos e não aceitaram. Nisso, Caboclo decidiu colocar em votação uma proposta para uma volta conjunta, sem data definida. Rubens Lopes pediu a palavra e lembrou que o pleito não poderia ser realizado, pois não se tratava de uma reunião arbitral, e sim de um simples encontro.

Caboclo ficou irritado com a interrupção. Com a voz elevada, passou a falar que era ele quem presidia a entidade e não outra pessoa. Lopes respondeu e, com ironia, perguntou se o presidente da CBF havia se esquecido de tomar o “Gardenal” (remédio controlado usado para tratar e prevenir convulsões e episódios de epilepsia).

Diante da incredulidade dos presentes, Walter Feldman, secretário da entidade, interveio e a reunião foi encerrada.

No encontro, ainda houve uma rusga entre Mário Celso Petraglia, presidente do Athletico-PR, Caboclo e Lopes. Caboclo ainda queria debater assuntos relacionados ao novo coronavírus, mas não houve nenhuma discussão sobre o assunto.

A única decisão efetiva do encontro foi o aumento do número de jogadores inscritos por clube no Brasileirão – de 40 para 50 atletas.

A decisão de aumentar dez jogadores por clube se dá na semana que o Flamengo vive um surto de covid-19 dentro do seu elenco. Até esta quinta, são 16 jogadores infectados, além do presidente Rodolfo Landim e do vice de futebol, Marcos Braz.

Por isso, o clube carioca quer o adiamento de sua partida contra o Palmeiras, marcada para domingo às 16h no Allianz Parque. O pedido, que o Alviverde se opõe, não teve resposta da CBF e o Flamengo deve entrar com medida no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) para não ter que atuar com jogadores das suas categorias de base. O time ainda quer ter o direito de não entrar em campo sem ser penalizado com a perda dos pontos.

R7, com Estadão

Decreto permite jogos de futebol com torcida em 30% no estado do Rio de Janeiro

Foto: REUTERS/Ricardo Moraes/Direitos reservados

O governador em exercício do Estado do Rio de Janeiro, Cláudio Castro, publicou, na última quarta-feira (23) no Diário Oficial, um decreto que autoriza a presença de torcida em estádios de futebol. De acordo com o texto, somente municípios das regiões de saúde que estejam na bandeira amarela ou verde poderão receber torcedores.

O decreto 47.290 exige a apresentação de um protocolo para cada estádio de futebol, validado pelas entidades desportivas e sanitárias locais. O protocolo deverá ser apresentado em até 72 horas antes da data da realização da partida, e precisa seguir as diretrizes do Plano de Retorno dos Torcedores aos Estádios de Futebol da Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

Os protocolos apresentados deverão respeitar a lotação máxima de 30% da capacidade total dos estádios, com distanciamento de, no mínimo, dois metros entre as pessoas, exceto grupos familiares. Além disso, será obrigatório o uso de máscara facial, a realização de aferição de temperatura e triagem de sintomáticos respiratórios no momento do acesso ao estádio, o fornecimento de álcool em gel 70% (ou preparações antissépticas ou sanitizantes de efeito similar) a toda a torcida presente, e a contratação de equipe para higienização dos corrimãos, assentos e locais de circulação do estádio.

Em relação ao comércio, lojas, restaurantes, lanchonetes e bares serão abertos com o restrito cumprimento das orientações sanitárias locais. O protocolo também exige a realização de Campanha de Conscientização sobre a prevenção, diagnóstico e tratamento precoce da Covid-19, com divulgação de informativos do Ministério da Saúde, Secretaria Estadual e Municipais de Saúde junto à torcida.

Quem descumprir o decreto poderá sofrer advertência, multa de 5 mil UFIR-JR na primeira reincidência, e a proibição de realização de novas partidas de futebol no local por 15 dias corridos, em caso de segunda reincidência.

Agência Brasil

Torcida do Vasco promete lotar o Maracanã contra o ABC em duelo na Copa do Brasil mirando fortalecimento do sócio-torcedor

Torcida do Vasco promete lotar o Maracanã contra o ABC, quarta-feira Foto: Antonio Scorza / Agência O Globo

A realização da partida entre Vasco e ABC no Maracanã, dia 5, pela Copa do Brasil, será como um afago do clube carioca em sua torcida. Em especial, no seu sócio-torcedor. A nuvem de notícias não muito boas que paira sobre São Januário desde dezembro teve seu efeito no programa Gigante. Do dia 27 do mês doze até o último domingo, 3.818 torcedores deixaram o quadro de sócios.

Tratam-se de vascaínos que não entraram no movimento de associação em massa, implementado pelo desconto de 50% nas mensalidades na promoção de Black Friday e que contou com pagamento adiantado de seis meses. Vieram antes e, de alguma forma, foram afetados pela virada de ano conturbada do clube.

Há outros fatores que podem explicar a ligeira queda no número de sócios, longe de ameaçar o Vasco na posição de clube com maior quadro social do futebol brasileiro. O começo do ano, com jogos do Campeonato Estadual, teoricamente de menor apelo, pode desestimular o torcedor a seguir pagando mensalidades de olho nos descontos na compra de ingressos.

Além disso, ficou mais difícil para o sócio-torcedor garantir seu lugar em São Januário em jogo de muito apelo, uma vez que a capacidade do estádio (22 mil torcedores) é pequena para o tamanho da demanda por ingressos. Para se ter uma ideia, na estreia na temporada, contra o Bangu, sócios-torcedores ficaram com 73,6% de um total de 18.361 ingressos vendidos.

É aí que entra o Maracanã. Ao transferir o jogo para o estádio, o Vasco prestigia o sócio-torcedor, que terá mais facilidade para conseguir um lugar no estádio. Na última rodada do Campeonato Brasileiro do ano passado, contra a Chapecoense, no Maracanã, o time colocou nada menos que 67.395 presentes (61.021 pagantes). Desses, 33.861 eram sócios-torcedores. Se todos eles tentassem ingressos para um jogo em São Januário, boa parte não conseguiria.

Confira a evolução no número de sócios do Vasco:

27/11 (com a promoção em andamento) – 45.001 sócios

27/12 (com a promoção encerrada) – 185.099 sócios

19/1 – 183.711 sócios

24/2 – 181.281 sócios

O Globo

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Diego disse:

    Seria ótimo ver o ABC atropelar o Vasco em pleno Maracanã. Querer fazer fotos contra time de menor expressividade é fácil!

  2. Alexis viana disse:

    Nem acabou o carnaval ainda e haja mais pão e circo.Ou povo preguiçoso

Bolsonaro diz que foi convidado pelo Flamengo para a final da Libertadores, brinca com “vice”, e que no dia todos serão rubro-negros “porque o Brasil está em nosso coração”

Foto: Jorge William / Agência O Globo

Em evento na China nesta quarta-feira, o presidente Jair Bolsonaro afirmou que pode comparecer à final da Libertadores, entre Flamengo e River Plate, após ser convidado pelos dirigentes do clube brasileiro. A partida está marcada para o dia 23 de novembro, no Estádio Nacional de Chile, em Santiago.

— Estou estudando a possibilidade, a pedido da grande maioria de flamenguistas do meu Ministério, do meu gabinete, de comparecer à final. Tenho certeza que, nesse dia, todos seremos Flamengo, porque o Brasil está em nosso coração — afirmou Bolsonaro.

Bolsonaro brincou ao citar que o Flamengo já está garantido, pelo menos, como vice-campeão do torneio, antes de falar sobre o convite para a partida.

— Já é vice-campeão da Libertadores, né isso? — provocou o declarado torcedor do Palmeiras.

O presidente está participando de compromissos na Ásia e deve retornar ao Brasil no próximo dia 31.

Não seria a primeira vez que Bolsonaro vai a jogos do rubro-negro. Em junho, ele acompanhou a vitória por 2 a 0 do Flamengo sobre o CSA no Mané Garrincha, em Brasília, ao lado do ministro da Justiça, Sérgio Moro.

O Globo

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Sérgio disse:

    Enquanto isso, o Brasil torce pra o Queiriz aparecer!

  2. Isoares disse:

    Melhor Jair se acostumando porque será até 2026; depois Moro e Mourão;

  3. BOSTOMERDA disse:

    Sou Flamengo , mas se esse vaso sanitário ousar ir pra esse jogo, torcerei pro River !

    • Bergamin disse:

      Kkkkk me engane que gosto.
      Kkkkkk esse é do contra, no Brasil só exister duas torcidas.
      A Flamenguista, nação rubronegra. E a do contra o Flamengo.
      Esse Bosta merda petralha e do contra.
      Kkkkkkk

    • Patriota disse:

      Melhor Jair se acostumando…

  4. Vitor Silva disse:

    Misericórdia. Num bastava eu ter que deixar de vestir a amarela da CBF? A do Flamengo não…

    • Bergamin disse:

      Vista a camisa da Venezuela, ninguém tá se importando.
      Fique a vontade.
      Kkkkkkkkk
      Kkkkkkkkk

APÓS NOTÍCIAS DETURPADAS: Luciano Huck mostra opinião sobre o presidente eleito Jair Bolsonaro, e diz que tem gente que segue querendo ver o país dividido

Reprodução: Instagram

Apresentador fez questão de destacar em sua rede social Instagram a sua resposta em matéria do Estadão sobre o que espera do governo Bolsonaro.

No dia anterior, alguns veículos de imprensa deram um tom diferente sobre as suas respostas, e não destacaram o que de fato ele deseja: “Eu acho que a gente tem que dar um voto de confiança para quem ganhou”.

Em resposta madura, Luciano ainda falou que tem gente que segue querendo ver o país dividido. “É hora do diálogo”, disse.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Marcos marinho disse:

    Engraçado é que o Coaf encontrou movimentação de um.milhao e duzentos mil de movimenta na conta do.motorista de Flávio Bolsonaro e o cara mora em.uma favela. Alguém já ouviu falar em suco de laranja? E tem mais 10 indicados entre ministros e secretários tèm envolvifos em inqueritos e processos de corrupção e lavagem.Ou será que não vem ao caso. ?ou será que vão admitir é pedir desculpas e fica tudo bem como foi sugerido a ônix lorenzoni.?

  2. Roger disse:

    Fica de boa lu, a petralhada tá desesperadas por saber que o moro vai fazer uma devassa nas cotas dos esquerdopatas do 1o escalão até o último, isso nos ministérios, autarquias, congresso e assembléias do país inteiro. Ao mesmo tempo vai triplicar o número de presídios. Será uma higienização desse país.

  3. Jorge disse:

    Diálogo só existe quando os dois querem e quando se há humildade por parte do vencedor! Os metralhas não querem isso. Querem agudizar e acirrar a divisão, para usarem todas as armas contra o povo brasileiro

GRAVE: Invasores do CT queriam quebrar as pernas de Pato e Sheik; outros até falaram em matar, diz jornal

thumbA invasão de cerca de cem torcedores ao CT do Corinthians, no último sábado, terminou com um jogador agredido de acordo com o presidente Mário Gobbi: o peruano Paolo Guerrero. Porém, os alvos dos vândalos, aparentemente, eram outros. De acordo com reportagem do jornal “O Estado de S. Paulo”, a ideia dos torcedores era quebrar as pernas de Emerson Sheik e Alexandre Pato.

Funcionários do clube que testemunharam a invasão relataram que os dois atacantes eram os principais alvos da ira dos invasores. Alguns, mais exaltados, falavam até em matar o camisa 7.

Na invasão, ocorrida no último sábado, celulares e rádios de seguranças foram roubados, uma faxineira foi agredida e o patrimônio do clube danificado, assim como veículos particulares de vários atletas, como o do zagueiro Paulo André.

Sheik e Pato estão na mira da torcida desde o fim do ano passado. O camisa 11 passou a ser cobrado após postar, em redes sociais, uma foto dando um selinho em um amigo. O ex-milanista, por sua vez, foi muito cobrado após errar uma cavadinha no pênalti que decretou a eliminação do Corinthians da Copa do Brasil nas quartas-de-final, contra o Grêmio.

Lancenet

Novela: Dezenas de torcedores do Vasco já acionaram a Justiça comum

Conforme prometido, dezenas de torcedores do Vasco já acionaram a Justiça comum pedindo a nulidade da partida contra o Atlético-PR pela última rodada do Campeonato Brasileiro de 2013. Eles também estão cobrando indenizações dos responsáveis pela jogo, quando cenas de barbárie tomaram conta da Arena Joinville (SC), local do evento. Os réus do processo são a CBF, o Furacão, a Federação catarinense, a Federação paranaense e o árbitro Ricardo Marques Ribeiro.

A tendência é a de que nos próximos dias outras dezenas de vascaínos espalhados por todo o país tomem o mesmo rumo nos tribunais, o que pode ter, como resultado, até mesmo o não rebaixamento da equipe para a Série B.

Além dos processos individuais dos torcedores, nos próximos dias ações conjuntas também chegarão à Justiça comum. Estas, porém, estão sendo movidas por pessoas que estiveram presentes na Arena Joinville no dia da partida. Quem está coordenando o caso e será o advogado deles é Luiz Roberto Leven Siano, que destacou alguns dos relatos que recebeu:

– Há o de um deficiente físico que estava com o seu pai idoso e ambos foram esmagados na grade. Tem o de um pai que teve sua filha de 12 anos pisoteada. Um outro com um menina de 9 anos e um menino de 7 anos que ficaram a 7 metros da briga e estão em estado de choque até o momento…Fora diversas pessoas dizendo que estavam num estádio de futebol pela primeira vez e nunca mais voltarão.

Para Leven Siano, bem mais que a questão esportiva, que poderá trazer o Vasco à Série A, o objetivo é o caso seja tratado de uma forma mais severa, levando-se em consideração o fator humano e os traumas que foram causados nestas pessoas.

– São relatos que fazem entender que a questão não é somente a situação de Série A ou B. É uma coisa muito mais profunda e, por isso, precisa ser analisada com mais seridedade. A questão esportiva é uma consequência. Isso não é o mais importante na ação que estou movendo. O que estamos querendo é estabelecer a responsabilidade do Atlético-PR, da CBF e do árbitro da partida pelo que aconteceu. Desses torcedores que foram à Arena Joinville, muitos nem estão tão preocupados com a questão esportiva, apesar de também serem a favor. Eles só querem que sejam respeitados seus direitos – disse o advogado.

Leven Siano já separou os torcedores pelas cidades para que os mesmos tenham suas ações movidas onde possuem residências. O caso agora está no recolhimento das documentações necessárias de cada denunciante. Feito isto, os processos terão entrada na Justiça comum, o que pode ocorrer já até o fim desta semana.

Presidente do Vasco, Roberto Dinamite informou que o departamento jurídico do clube acompanha o caso:

– O Vasco vai buscar tudo o que lhe cabe de direito, temos um corpo jurídico. O doutor Leven Siano já esteve em contato com o Gustavo Pinheiro (diretor jurídico). Existe uma manifestação no sentido de alguns torcedores se manifestarem e se posicionarem com relação a isso. Já tive uma conversa e é uma decisão que não cabe só vontade, temos que ver também a parte técnica. Em cima disso, vamos nos posicionar e tomar as decisões que forem melhor para o Vasco. Existe essa possibilidade de buscar esse direito de estar na Primeira Divisão. Estaremos trabalhando nisso.

ENTENDA EM QUAIS MOTIVOS OS TORCEDORES ESTÃO SE BASEANDO

Há duas frentes de processo: a dos que foram ao jogo (que está sob a defesa de Luiz Roberto Leven Siano) e a dos que não foram, onde a maioria se escora em ser possuidor do pacote pay per view do Campeonato Brasileiro, e que, em suas visões, não pagaram para presenciar a violência generalizada que acabou sendo transmitida ao vivo.

Na ação para reparo de danos morais há citações de artigos do Estatuto do Torcedor e do Código de Defesa do Consumidor.

Para comprovar que mesmo a pessoa que não esteve na Arena Joinville pode ser reparada, o documento tem citação inicial a classificação dada pelo Estatuto em seu capítulo 1, no artigo segundo, sobre o termo “torcedor”:

“Torcedor é toda pessoa que aprecie, apoie ou se associe a qualquer entidade de prática desportiva do País e acompanhe a prática de determinada modalidade esportiva.”

Em seguida ao artigo, a ação apresenta sua tese de que um assinante do “pay per view” se enquadra no contexto de “torcedor”, estipulado pelo Estatuto:

“Pois bem, o autor (que irá entrar com a ação) acompanha e aprecia a prática de futebol profissional, sendo torcedor do Clube de Regatas Vasco da Gama, assinante, inclusive, do pacote de serviços pay per view, ofertado pela emissora detentora dos direitos de transmissão das partidas do campeonato, que lhe permite assistir e acompanhar todos os jogos da referida competição nacional, organizada pelo réu, sendo certa e comprovada assim a sua condição de torcedor”.

Posteriormente, o documento faz sua associação e conclusão de que um torcedor enquadrado no Estatuto e que possui um pacote “pay per view”, é um consumidor com direitos a serem respeitados.

Tais direitos que seriam futuramente garantidos são destacados com a referência ao artigo 42, em seu parágrafo terceiro, do Código de Defesa do Consumidor que diz:

“O espectador pagante, por qualquer meio, de espetáculo ou evento desportivo, equiparar-se, para todos os efeitos legais, ao consumidor, nos termos do artigo 2º da Lei nº8.078”.

Tais minutas estão disponibilizadas em um grupo criado no Facebook para este fim.

ADVOGADO GARANTE QUE AÇÃO TEM FUNDAMENTO

Advogado que tem sido consultado pelos vascaínos, Luiz Roberto Leven Siano garante que o argumento, de que até mesmo os torcedores que não estavam na Arena Joinville têm direito a reparação, tem fundamento:

– Os torcedores que consomem ‘pay per view’ também questionam, uma vez que o Estatuto define como torcedor, no seu artigo segundo, qualquer pessoa que aprecie, apoie ou se associe a qualquer entidade de prática desportiva do país. Ou seja, a definição de torcedor é muito ampla, abrangente, e isso faz com que qualquer torcedor esteja legitimado a pedir indenização.

Lancenet

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. rodrigo disse:

    Virou bagunça não tiveram competência no campo ai vão para as ações

CONFRONTO: Aliados, torcedores do Palmeiras prometem 'vingar' o Vasco contra o Atlético-PR

fanati Integrantes da maior torcida organizada do Palmeiras escreveram em uma rede social na internet que prometem ajudar vascaínos a “dar o troco” nos atleticanos após a violenta briga que marcou o jogo entre Atlético-PR e Vasco, na última rodada do Campeonato Brasileiro.

A página não é oficial, mas conta com 12 mil membros de torcedores palmeirenses. Nela, é possível ver a mensagem: “Os Fanáticos do Atlético Pr vocês não perdem por esperar. MV + FJV o Aval está dado…”. Outros membros, no entanto, condenaram a postagem alertando para o risco do clube ser punido em função da violência.

A suposta revanche aconteceria no próximo duelo entre Palmeiras e Furacão no Pacaembu, estádio onde os paulistas têm atuado, já que a Arena Palestra ainda está em obras.

Presente no “Redação SporTV” desta quinta, o o secretário nacional de futebol do Ministério do Esporte, Antonio Nascimento, disse que mensagens em redes sociais têm ajudado a polícia a identificar torcedores violentos.

– Por isso que é importante o serviço de inteligência da polícia. Isso é uma minoria das organizadas. Não pode achar que é hora de suspender todas as organizadas. Foram algumas delas que, inclusive, alertaram que o jogo entre Vasco e Atlético tinha grande risco de ter confusão – disse.

Sportv

Corinthians e Vasco são punidos por briga de torcedores no DF

14_56_21_498_fileNão foi uma punição exemplar, mas já é um começo. Corinthians e Vasco foram julgados e condenados pelo (STJD) Superior Tribunal de Justiça Desportiva nesta quarta-feira (4), em razão da briga de seus torcedores no estádio Mané Garrincha, no último dia 25 de agosto.

Ambos os clubes foram penalizados em quatro partidas. Em duas delas terão de atuar com portões fechados, e nas restantes poderão vender ingressos apenas para a torcida dos times adversários. Além disso, terão de abrir os cofres e pagar multas de R$ 50 mil (Vasco) e R$ 80 mil (Corinthians) à CBF (Confederação Brasileira de Futebol).

Fabrício Dazzi, presidente da sessão, e os quatro auditores que participaram do julgamento assistiram às imagens da briga, que contou inclusive com três corintianos que ficaram presos na Bolívia, e tomaram a decisão para tentar acabar com esse tipo de problema no País.

Os representantes de Corinthians e Vasco ainda não se manifestaram sobre as punições, mas, antes do julgamento, mostravam-se até mais pessimistas, esperando pela pena máxima, que chegaria a dez jogos sem torcida e fora de seus respectivos estádios.

R7

ABC tem 210 mil torcedores a mais que o América-RN, aponta Ibope

Um ranking com as maiores torcidas do Brasil foi divulgado hoje pelo Ibope. E de acordo com o Estudo, o ABC lidera o número de torcedores no Rio Grande do Norte. A diferença para o América é de 210 mil torcedores.

Confira lista completa:

1º Flamengo (33,2 milhões, 17,2%)
2º Corinthians (25,8 milhões, 13,4%)
3º São Paulo (16,8 milhões, 8,7%)
4º Palmeiras (11,6 milhões, 6,0%)
5º Vasco da Gama (7,9 milhões, 4,1%)
6º Grêmio (7,7 milhões, 4,0%)
7º Cruzeiro (6,8 milhões, 3,5%)
8º Santos (5,2 milhões, 2,7%)
9º Atlético-MG (5 milhões, 2,6%)
10º Internacional (4,8 milhões, 2,5%)
11º Sport (3,3 milhões, 1,7%)
12º Botafogo (3,1 milhões, 1,6%)
13º Bahia (3,1 milhões, 1,6%)
14º Fluminense (3,1 milhões, 1,6%)
15º Vitória (2,3 milhões, 1,2%)
16º Ceará (1,5 milhões, 0,8%)
17º Santa Cruz (1,2 milhões, 0,6%)
17º Fortaleza (1,2 milhões, 0,6%)
17º Atlético-PR (1,2 milhões, 0,6%)
18° Coritiba PR [900 mil torcedores, 0,4%]
19° Remo [890 mil torcedores, 0.4%]
20° Figueirense [700 mil torcedores, 0,2%]
20º Paysandu [700 mil torcedores, 0.2%]
21° Goiás [650 mil torcedores, 0.2%]
21° Joinville [650 mil torcedores, 0.2%]

22° ABC [600 mil torcedores, 0.1%]

23° CSA [590 mil torcedores, 0.1%]
24° CRB [540 mil torcedores, 0.1%]
25° Treze [500 mil torcedores, 0,05%]
26° Guarani [450 mil torcedores, 0,05%]
26° Vila Nova-GO [450 mil torcedores, 0,05%]
27° Náutico [400 mil torcedores, 0,04 %]

28° América-RN [390 mil torcedores, 0,04%]

28° Sampaio Corrêa  [390 mil torcedores, 0,04%]
28° Avaí [390 mil torcedores, 0,04%]
29° Campinense-PB [300 mil torcedores, 0,02%]
29° Botafogo-PB [300 mil torcedores, 0,02%]
29° Ponte Preta [300 mil torcedores, 0,02%]
30° Paraná [250 mil torcedores, 0,01%]
30° São Raimundo-AM [250 mil torcedores, 0,01%]
31° Caxias-RS [200 mil torcedores, 0,01%]
32° Confiança-SE [170 mil torcedores, 0,01%]

Fonte: Blog Marcos Lopes

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Italo disse:

    Rapaz eu nunca respondi a essas enquetes e não conheço nenhum amigo que tenha respondido. E uma coisa que não entendo é como o amigo lá de baixo falou:

    "Engraçado é Florianópolis ter 400mil habitantes e o Figueirense ter 700mil torcedores…e Joinville ter 500mil habitantes e o time da cidade ter 650mil torcedores"

    Como pode isso ??

    • André disse:

      Existem torcedores desses times por todo o estado de Santa Catarina, não apenas em Florianópolis e Joinvile.

  2. Jean Carlos disse:

    Que besteira. De que adianta saber quem tem mais torcedores? O importante é ser torcedor e saber torcer, sempre respeitando o próximo convivendo com as adversidades. ABC e América são dois clubes/empresas, com muita política interna e vários interesses pessoais. Não adianta a rixa que muitos insistem em nutrir. Só quem ganha é o mesmo grupinho… Vamos torcer com responsabilidade, comendo ASA e tomando cerveja. rsrsrsrs

    Abraços a todos!!!

  3. Irapoã Nóbrega disse:

    #ElasFicamLoucas
    #ElasFicamLoucas
    #ElasFicamLoucas
    #ElasFicamLoucas
    #ElasFicamLoucas
    #ElasFicamLoucas
    #ElasFicamLoucas

  4. alex souza disse:

    kkkkkkkkkkkkkkk deve ser tambem o time que tem mais asa de franco na geladeira……logo em casa………………kkkkkkkkkkkkkkkkk

  5. Fabricio Santos disse:

    Engraçado é Florianópolis ter 400mil habitantes e o Figueirense ter 700mil torcedores…
    e Joinville ter 500mil habitantes e o time da cidade ter 650mil

  6. Rafael Vale disse:

    Esse é aquele instituto em que Carlos Eduardo aparecia vencendo no primeiro turno e que Fernando Mineiro aparecia com míseros 7% e que quando as urnas foram abertas constatou-se o segundo turno e Mineiro teve cerca de 22% dos votos?

    Se for o mesmo instituto eu confio.

  7. Junior disse:

    Todas as pesquisas feitas sempre mostrou a superioridades ABCdista. Nas arquibancadas, sempre temos média melhor mesmo em fase ruim ou boa tanto do ABC qnato do rival. Não sei o que mais os americanos querem.

  8. Rinadla Araújo disse:

    Faltou o percenual da torcida do ASA de Arapiraca !! kkkkkkkkkkkkk

  9. marcelo guedes disse:

    Caro Bruno meus parabéns pela sua data natalícia e com certeza essa pesquisa já foi um grande presente para você e todos nós abecedistas. Em termos percentuais isso significa que o ABC detém 65% da torcida do RN e os outros 35% são divididos entre os demais.

  10. Marcelo disse:

    Acho que essa informação carece de confirmação. Não fui publicada em nenhum grande portal.

  11. Gregório disse:

    Este é o mesmo Instituto que Carlos Eduardo iria vencer no Primeiro Turno….hum…sei…

Pesquisa coloca Flamengo como maior torcida do mundo; Corinthians é a quarta

torcida flaA maior torcida do Brasil  agora ganhou o status de também maior torcida do mundo. Pelo menos é o que aponta um levantamento feito pela agência argentina de marketing Gerardo Molina/Euromericas divulgado nesta segunda-feira no jornal “Cronista”. Segundo a pesquisa, o clube carioca tem 39,1 milhões de torcedores, superando Chivas e América, ambos do México, que têm 33,8 mi e 29,4 mi, respectivamente.

Outro time brasileiro que aparece entre os cinco primeiros colocados em termos de torcida foi o Corinthians, que figura na quarta colocação do ranking, com 28 milhões. Dos clubes europeus, o primeiro a aparecer na lista é a atual campeã italiana, Juventus, com 26,3 milhões de torcedores, ocupando o quinto lugar.

O estudo foi divulgado nesta segunda e reuniu diversas pesquisas realizadas nos principais países do mundo, como Brasil, Argentina, México, Espanha, Alemanha, Itália, Inglaterra, Portugal, França, Holanda e Japão. De acordo com a agência Gerardo Molina/Euromericas, consultorias da própria empresa viajaram a todos esses lugares para fazer o levantamento, o que diminui a margem de erro do ranking.

O levantamento ainda aponta o Boca Juniors como o time de maior torcida da Argentina, com 46,8% dos torcedores do país, enquanto no Brasil, quem lidera essa estatística é o Flamengo, que conta com 25% do apoio entre todos os brasileiros.

Veja quais são os cinco times com maior torcida no mundo, de acordo com a agência Gerardo Molina/Euromericas:
1° Flamengo (Brasil) – 39,1 milhões
2° Chivas (México) – 33,8 milhões
3° América (México) – 29,4 milhões
4° Corinthians (Brasil) – 28 milhões
5° Juventus (Itália) – 26,3 milhões
OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Cássia Neves disse:

    é mengão,orgulho de fazer parte dessa nação,rubro negra.. #FLAMENGOPARASEMPRE <3

Pesquisa coloca Flamengo como maior torcida do mundo; Corinthians é a quarta

Pesquisa coloca Flamengo como maior torcida do mundo; Corinthians é a quarta

ESPN Brasil

Torcida do Flamengo é a maior do mundo, aponta estudo

A maior torcida do Brasil agora ganhou o status de também maior torcida do mundo. Pelo menos é o que aponta um levantamento feito pela agência argentina de marketing Gerardo Molina/Euromericas divulgado nesta segunda-feira no jornal “Cronista”. Segundo a pesquisa, o clube carioca tem 39,1 milhões de torcedores, superando Chivas e América, ambos do México, que têm 33,8 mi e 29,4 mi, respectivamente.

Outro time brasileiro que aparece entre os cinco primeiros colocados em termos de torcida foi o Corinthians, que figura na quarta colocação do ranking, com 28 milhões. Dos clubes europeus, o primeiro a aparecer na lista é a atual campeã italiana, Juventus, com 26,3 milhões de torcedores, ocupando o quinto lugar.

O estudo foi divulgado nesta segunda e reuniu diversas pesquisas realizadas nos principais países do mundo, como Brasil, Argentina, México, Espanha, Alemanha, Itália, Inglaterra, Portugal, França, Holanda e Japão. De acordo com a agência Gerardo Molina/Euromericas, consultorias da própria empresa viajaram a todos esses lugares para fazer o levantamento, o que diminui a margem de erro do ranking.

O levantamento ainda aponta o Boca Juniors como o time de maior torcida da Argentina, com 46,8% dos torcedores do país, enquanto no Brasil, quem lidera essa estatística é o Flamengo, que conta com 25% do apoio entre todos os brasileiros.

Veja quais são os cinco times com maior torcida no mundo, de acordo com a agência Gerardo Molina/Euromericas:

1° Flamengo (Brasil) – 39,1 milhões2° Chivas (México) – 33,8 milhões3° América (México) – 29,4 milhões4° Corinthians (Brasil) – 28 milhões5° Juventus (Itália) – 26,3 milhões

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. JOSE FIGUIREDO disse:

    CHORA ! GAMBA,CHORA!

  2. Eduardo disse:

    em 6º lugar vem: ABC (20 Milhoes de torcedores) e em 2.469 lugar: o mequinha de Goiapecanga (2469 sofredores) kkkkkkkkkkkkkk

Presidente da Gaviões da Fiel é considerado foragido pela polícia

J. Duran Machfee /Futura Press

O presidente da torcida organizada Gaviões da Fiel, Antônio Alan Souza Silva, conhecido como Donizete, continua foragido da polícia após ter o mandado de prisão decretado na última quinta-feira, 3.

O organizador da torcida é procurado pelo confronto entre os membros da Gavióes e da Mancha Verde, do Palmeiras, que aconteceu na manhã do domingo, 25 de março. Durante a confusão, que envolveu cerca de 500 torcedores, André Alves Lezo, de 21 anos, e Guilherme Vinicius Jovanelli Moreira, de 19 anos, morreram em função de ferimentos na cabeça. Ambos eram torcedores do Palmeiras.

De acordo com o delegado titular da Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância (Decradi), Arlindo José Negrão Faz, as duas torcidas são investigadas por formação de quadrilha, mas apenas a Gaviões da Fiel tem mandados de prisão pelos homicídios.

O presidente da Gaviões, segundo Faz, está foragido desde que voltou da Colômbia, na madrugada da última sexta-feira, 4, onde teria ido acompanhar o jogo do Corinthians contra o Emelec.

“O mandado, decretado pela 2ªVara do júri do fórum de Santana, estava sendo mantido em sigilo até que repercutiu na imprensa na tarde de ontem”, conta o delegado titular do Decradi.

“Fomos atrás do presidente da Gaviões assim que ele teria voltado de viagem, na casa dele, em Pirituba, e na sede da Gaviões, no bairro Bom Retiro, e já não o encontramos”, explica Arlindo José Negrão Faz.

Assim que o mandado de prisão é decretado, afirma o delegado, a pessoa já é tida como foragida. “Neste caso, acreditamos que alguém o tenha alertado porque ele [Antônio Alan Souza Silva] sumiu assim que chegou ao País”, revela o delegado responsável pelas investigações.

O delegado revelou ao estadão.com.br que cerca de seis agentes da Polícia Civil estão empenhados na busca pelo Presidente da Gaviões da Fiel, e que ele será autuado pelos crimes de homicídio, agressão e formação de quadrilha. “Ele estava sabendo da briga na Avenida Inajar de Souza, porque foram comprados rojões e barras ferro”, informou.

O caso

As investigações sobre o confronto entre palmeirenses e corintianos na Avenida Inajar de Souza, no domingo, 25 de março, apontaram culpados de ambas as torcidas e foram cumpridos, de acordo com o delegado titular do Decradi, 12 mandados de prisão.

Seis integrantes da torcida palmeirense Mancha Verde foram presos, mas já respondem em liberdade, por formação de quadrilha, após decisão da Justiça. E três membros da Gaviões da Fiel continuam detidos. Há ainda, conforme informações de Faz, seis mandados de prisão sendo cumpridos contra membros da Gaviões. Entre os seis foragidos, está o presidente da organizada.

As investigações, segundo a Polícia Civil, continuam até que seja encontrada a autoria dos assassinatos ou os mandantes do confronto.

Fonte: Estadão

Banda potiguar cria campanha promocional levantando bandeira da paz nos estádios

Esquecendo a rivalidade e unidos pela amizade, os integrantes da banda 2 Polos (tanto abcdistas quanto americanos) prepararam uma surpresa para as duas maiores torcidas do estado do Rio Grande do Norte pregando a paz nos estádios.

Na campanha, os usuários do Facebook estucam o hino e viralizam a campanha através de curtidas e compartilhamentos na rede social. Aparentemente, dois integrantes da banda são abcdistas e dois são americanos e o quinto elemento. Disputa saudável e muito bacana.

Para “votar” no melhor hino, basta clicar AQUI e escolher qual ação quer fazer. Torcedor do ABC curte e do América compartilha.

Hino do ABC:

Hino do América:

Torcidas de ABC e América brigam antes do jogo do lado de fora do Frasqueirão

Júnior Santos/Tribuna do Norte

 

As torcidas de ABC e América entraram em confronto momentos antes da partida entre ABC e América, que vale o título do campeonato estadual. Policiais precisaram intervir e houve grande tumulto próximo à bilheteria do portão C. Dois membros de torcida organizada do ABC foram presos.

O tumulto começou após uma aglomeração de torcedores do América em frente ao portão B. Eles estavam com ingressos destinados ao setor onde está acomodada a torcida do ABC e não poderiam entrar pelo portão A, que é por onde entram os torcedores alvirrubros. A Polícia Militar, assim como já havia sido informado, impediu a entrada de torcedores com faixas ou camisas do América pelo portão C.

Durante o tumulto, garrafas foram atiradas contra a torcida do América e os policiais militares agiram para dispersar a multidão. Um torcedor que arremessou garrafa e outro que soltou um rojão foram presos imediatamente.

O comandante do policiamento Metropolitano, coronel Alarico Azevedo, disse que os torcedores que tiverem com ingressos para entrar pelo portão C, destinado à torcida do ABC, não poderão entrar com camisa ou bandeiras do América.

A diretoria do ABC disponibilizou 10% da carga total de ingressos para o América, que correspondeu a menos de 1.500 entradas. Rapidamente a cota foi esgotada e alguns alvirrubros compraram ingressos destinados à torcida do ABC.

Fonte: Tribuna do Norte