Diversos

Secretaria de Saúde do Estado esclarece contratação de pesquisa por R$ 2 milhões realizada em 8 municípios e que entrevistou 20 mil pessoas

A realização do inquérito sorológico no Rio Grande do Norte segue um padrão de trabalho no enfrentamento à pandemia. O trabalho serve para identificar a quantidade de pessoas infectadas pelo coronavírus no estado e mostrar o comportamento da pandemia em todas as regiões do estado, norteando as ações de vigilância epidemiológica feitas pela Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) em parcerias com os municípios. Diversos estados fizeram pesquisas semelhantes ao longo de 2020 e 2021, como São Paulo, Espírito Santo, Maranhão e Paraíba, alguns locais destes fazendo mais de uma pesquisa ao longo dos meses.

A pesquisa foi finalizada e apresentada ao público no dia 12 de março de 2021 e mostrou dados que, entre outros pontos, reforçam a importância do distanciamento social. Segundo a pesquisa com mais de 20 mil potiguares, a prevalência do vírus entre os que não adotaram o distanciamento social é significativamente maior (12,7%) em comparação com os que adotaram total ou parcialmente (7,2%).

O processo de planejamento do inquérito sorológico do RN foi iniciado pela Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap), em parceria com a Universidade Federal do Rio Grande do Norte, no mês de julho de 2020, como pode ser consultado no processo SEI n° 00610682.000050/2020-48. A contratação do Instituto Piauiense de Opinião Pública foi feita dentro da previsão legal disposta na lei n° 13.929/2020, no decreto estadual n° 29.513/2020 e a Lei de Licitações (n° 8666/1993)

Os resultados da pesquisa, realizada ao longo de todo o mês de janeiro em oito municípios potiguares, foi apresentada em coletiva de imprensa realizada no dia 12 de março de 2021. As projeções populacionais feitas pelo estudo apontam que 230 mil pessoas no Rio Grande do Norte já tiveram contato com o coronavírus.

Foram analisados oito municípios com sede de regionais de saúde no Estado: Pau dos Ferros, Mossoró, Assú, Natal, João Câmara, São José do Mipibu, Santa Cruz e Caicó. No total, 20.234 pessoas no estado foram entrevistadas e examinadas com testes rápidos. Foram contratados 160 pesquisadores que atuaram em campo.

Os resultados apontaram que 6,5% da população investigada apresentou anticorpos para a Covid-19. As maiores prevalências foram em Caicó (12,3%) e Pau dos Ferros (12,7%) e a menor em São José de Mipibu (5,3%).

As maiores prevalências aparecem nos grupos etários acima de 45 anos. Com relação ao sexo, as prevalências são praticamente iguais. Em relação à raça/cor autorreferida, a prevalência é maior em negros (6,9%) em comparação com brancos (5,6%).

Confira as publicações no DOE sobre o assunto:

http://diariooficial.rn.gov.br/dei/dorn3/docview.aspx?id_jor=00000001&data=20201117&id_doc=703266

http://diariooficial.rn.gov.br/dei/dorn3/docview.aspx?id_jor=00000001&data=20201209&id_doc=705941

http://diariooficial.rn.gov.br/dei/dorn3/docview.aspx?id_jor=00000001&data=20210225&id_doc=714182

Opinião dos leitores

  1. I povo morrendo sem Assistência e Fátima torrando o dinheiro com pesquisas.
    Instituto do Piauí do governador amigão de Fátima.
    Esse dinheiro precisava ser rastreados.

  2. Resumo… Palhaçada o que fazem com o dinheiro público. Ano que vem tá chegando… 2 milhões.

  3. Isso a achar que povo do RN é abestalhando , que resposta mais fuleira foi esta … Outra coisa tinha ser exatamente numa empresa do Piaui , onde o PT e aliado do sem caráter de lá , aqui no RN não tem pessoas capacitadas ???
    A comedora de bokus e seus parças estão a tudo valor , gastando dinheiro em vão esta ótimo .

  4. E agora em quem acreditar ? Os estudos científicos mundiais apontam que em torno de 80-85% das pessoas são assintomáticas, temos no RN em torno de 187.000 casos positivados por exames, se formos levar em consideração estes dados, de acordo com os estudos mundiais, o RN deveria ter entre 1.000.000 e 1.500.000 pessoas que se infectaram com o vírus ( sintomáticos e assintomáticos). Algum estudo esta errado ou ambos estão errados. Gostaria que o Comitê científico explicasse estes dados, pois eles neste mesmo programa falaram que em torno de 80 a 85 % das pessoas são assintomáticas.

  5. Isto é um verdadeiro absurdo – esse Cipri só sabe contratar pesquisa e consultoria da UFRN, órgãos de controle fiscalizem isto – falta recursos para tudo e na sesap cheio de pesquisadores e bolsistas que ganham mais que os servidores efetivos – um verdadeiro absurdo.

    1. Viva o Governo dos Petralhas !!!!
      Fatão cadeado tá demais KKKKK

    2. MP? Estão ganhando de R$100 a R$250 mil quando tem mês de farra dos penduricalhos… estão ocupados demais contando dinheiro. Vão mexer com o Executivo que tem o legislativo no bolso para quê? A sociedade vive em uma cilada criada por ela mesma.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

Off-Road: Idema esclarece informações sobre acesso a trilhas nas Dunas de Búzios, no litoral sul potiguar

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Em resposta à notícia intitulada “Associação Potiguar de Off-Road recebe autorização simplificada para acesso a trilhas nas Dunas de Búzios”, publicada nesta segunda-feira (14), no Blog do BG, o Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente – Idema explica que as informações apontadas requerem melhor esclarecimento.

O encontro realizado na manhã de ontem (14), reproduziu o teor das reuniões tidas com o Ministério Público e da Audiência Pública organizada pelo vice-governador, Antenor Roberto, na última semana. Na pauta, a criação do projeto piloto em Nísia Floresta, a ser executado com a disponibilização do agendamento digital, por meio do site do Idema para os praticantes classificados como particular eventual, e de autorização especial para comercial eventual e licença simplificada para o comercial constante.

Cabe, ainda, elucidar quando a matéria se refere que a APO, “obteve do órgão a garantia de que seus membros precisarão, apenas de uma autorização para trafegar em rotas da área de proteção ambiental, em Nísia Floresta”, a afirmação precisa ser melhor esclarecida. O Idema autorizará a circulação dos veículos, entretanto, a requisição da autorização será feita de forma individualizada para as rotas definidas pelo órgão e terá validade diária, e não por representação de Grupos ou Associações.

Para tanto, o órgão ambiental mapeou os campos dunares por setores, explicando que o condutor particular eventual pegará o ticket eletrônico para o setor “Nísia Floresta”, e com isso, ele terá acesso, somente naquele dia, às trilhas permitidas do trecho especificado. A cada uso, uma autorização específica será emitida com o objetivo de efetivar o monitoramento contínuo das áreas.

O Idema informa, também, que não será necessária permissão para cada rota do campo dunar da Área de Proteção Ambiental (APA) Bonfim-Guaraíra, mas sim, permissão para cada dia a ser trafegado. No encontro realizado nesta segunda-feira (14), a Associação Potiguar de Off-Road sugeriu rotas e acessos que não constavam no traçado do órgão ambiental estadual.

Uma equipe do órgão ambiental realizará uma visita técnica aos locais sugeridos para avaliação do pleito nos próximos dias. O Idema reitera, ainda, que nesta reunião não emitiu nenhuma autorização especial para grupos e/ou praticantes de Off-Road.

Opinião dos leitores

  1. Eu acho que essa associação com cara de Federação está mau intencionada, o ministério público tem que abrir os olhos.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

IPEM/RN esclarece fiscalização de bombas de combustíveis no Oeste potiguar

NOTA DE ESCLARECIMENTO

O Instituto de Pesos e Medidas do Rio Grande do Norte – IPEM/RN esclarece que no release “Oitenta bombas de combustíveis foram interditadas e reprovadas na Região Oeste pelo IPEM/RN” divulgado, na quinta-feira passada (10 de dezembro), um dos postos citados com irregularidades, localizado na cidade Triunfo Potiguar, teve a uma das bombas de combustíveis reprovadas por vazão acima do permitido (quando é entregue um volume maior de combustível ao consumidor em relação ao apresentado na bomba) e não abaixo como foi divulgado no RELEASE do Governo do Estado. Nesse caso a bomba é reprovada por causar prejuízo ao proprietário do posto e não ao consumidor.

Opinião dos leitores

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política

Vereador eleito do PSOL, professor Robério Paulino esclarece declaração sobre hotéis em Ponta Negra

Entrevistado no programa Meio Dia RN, na 96FM, nessa terça-feira (24), o professor Robério Paulino, eleito vereador pelo PSOL, entrou em contato com o Blog do BG para explicar a declaração sobre a situação de hotéis em Ponta Negra. Confira abaixo íntegra de resposta:

“Meu caro Bruno.

Fique muito descontente mesmo com o que fizeram com uma única palavra minha mal encaixada, em função da várias interrupções que vocês me fizeram, que mal me permitem terminar a resposta. Falei errado retirar os hotéis dali de Ponta Negra quando eu deveria ter falado recuar, no médio e logo prazo, em 15 ou 20 anos, para permitir um alargamento da faixa de areia e da calçada, como complemento ao enrocamento. Vocês pincaram unicamente esse trecho e abriram espaço para todo tipo de ataques baixos a mim lá no seu Instagram e no seu Blog, para desqualificação e ridicularização, sem que eu tenha tempo para me defender. Uma pena. Gustavo Negreiros disse no programa dele que eu propus destruir os hotéis, quando em nenhum momento eu usei essa palavra, mas sim você. O que eu disse, mas sem poder explicar, não é nenhum absurdo. O mundo inteiro está recuando de forma planejada equipamentos das orlas. Nos EUA, existe mesmo um programa governamental exclusivo só para isso, que nós temos estudado na universidade. Alguns no seu Instagram que não sabem do que estamos falando, mas me insultaram ao extremo, até com palavrões. Coisa baixa. Você pode dizer: mas professor, o senhor disse isso. É verdade, mas disse também outras coisas importantes como fazer uma revolução na qualidade da educação, lutar pela renovação completa da frota de ônibus de Natal, plantar 50.000 árvores, que vcs sequer falaram. O Blog pegou apenas uma palavra mal encaixada, pelo nervosismo natural de uma entrevista e abriu espaço para todo tipo de ataques a mim. Triste isso. Lamento muito. Fui de peito aberto para sua entrevista, não esperava isso. Lhe respeito muito, sempre atenderei seu convite pelo respeito que lhe, mesmo sabendo de nossas diferenças. Mas também sei dar nó em pingo dágua e darei das próximas vezes. Se puder, leia meu esclarecimento no seu programa. Não dura 2 minutos Abraço meu caro”.

Opinião dos leitores

  1. 'Nos EUA, existe mesmo um programa governamental exclusivo só para isso, que nós temos estudado na universidade.' – declarou o socialista.

    1. Considero que este blog não merece credibilidade se faz alvoroço com uma colocação mal sucedida de um entrevistado antes esclarece-la.
      Isso desestimula a leitura do blog e desacredita quemp escreve.
      Sugiro que ele pesquise mais sobre os avanços no mundo sobre cidades inovadoras.

  2. Parabéns aos eleitores desse futuro vereador. Veja a qualidade do político que vocês vão nos fazer engolir por pelo menos quatro anos. Mudar o que estava por esses assim é mesmo que nada. Sai Lucena, entra Robério.

    1. Eu não votei no Roberio. Mas ele luta por coisas importantes como fazer uma revolução na qualidade da educação, lutar pela renovação completa da frota de ônibus de Natal, plantar 50.000 árvores, etc
      Quem não quer isso? É se tem alguem que não quer diga.
      Considero também quem escreve esse blog deveria ler sobre inovações sobre a urbanização de orla ao redor do mundo.
      Acredito que Robério vai fazer melhor do que os vereadores que saíram.

  3. Professor Robério, qual sua opiniao na remoção e melhoria das residências das favelas do Vietnã e Areial na Praia do Meio. Como o futuro Vereador se posiciona? Vamos ver sua coerência….

  4. Devaneios do professor.
    Psol é esquerda braba…
    Ideias absurdas surgem aos borbotões da mente dos psolistas.
    Agora pegou a moda dizem uma coisa e depois negam.
    É público e notório que não pensam no povo , nem nos empregos gerados pelos empresários, só neles.

    1. Me desculpe comadre mas isso de dizer uma coisa e desdizer logo em seguida, apagar posts ou publicar outro negando o dito anteriormente é marca registrada do governo Boi Sonaro e seus bezerros Bananinha 01, 02 e 03.

  5. Conversa pra boi dormir, assuma a sua incompetência e vá continuar no seu mundinho da Ufrn.

  6. Ouvi a entrevista, realmente foi difícil compreender as ideias do professor, muitas interrupções e provocações. Ele não é contra o plano diretor, só acredita que essa discussão deveria sair dos gabinetes dos políticos e ouvir os especialistas, que por sinal, temos muitos nas universidades potiguares. Continue lutando professor, a revisão tem que beneficiar a todos, não só os empresários.

  7. Discordo 100% de tudo o que o PSOL representa — mas temos de admitir que a ideia é, em tese, correta. Quem errou foram as autoridades governamentais que durante décadas permitiram a construção (ou elas mesmas construíram, como mostra a avenida Erivan França e o calçadão) em cima da faixa de areia, sem um recuo muito maior, adequado à preservação tanto da praia quanto da integridade do ambiente e o bem-estar urbano. Infelizmente, não sei se a ideia seria factível agora, mas em si ela não é tão absurda quanto alguns podem fazer parecer.

    Em todos os casos, uma ideia deve ser julgada por si mesmo, não pelo nosso desgosto com a pessoa ou partido que a propõem.

  8. Eu vejo algo de bom em projetos que aumentem as orlas de Natal. Infelizmente não temos orlas e faixas de areia nas praias urbanas de Natal e grande Natal.
    Como não sou da área de urbanismo não vou entrar em detalhes.
    Seria bom ver onde é possível fazer um espaço de lazer, A praia do forte ainda tem espaço, a da Redinha e Santa Rita, enfim algo precisa ser feito. Não devemos pensar só em Ponta Negra.

    1. Concordo que não se deve pensar só em Ponta Negra.
      E se algo for feito para aproveitar melhor os espaços citados nas outras praias, a tendência é migrar parte do fluxo que hoje movimenta Ponta Negra que, ela própria vai pedir para ser modificada, seja com "engorda" ou adequação de hotéis, sem que isso signifique a sua demolição.
      Em outras palavras: quando o empresariado de Ponta Negra perceber que precisa de espaço na praia para atrair mais movimento, ele vai querer as adequações.

  9. Meu presidente é Bolsonaro, e tenho diferenças com o PSOL, mas esse cara aí é bom, e a ideia dele é pra ser considerada sim. Ele merece respeito. Parabéns Robério.

  10. Lendo as desculpas esfarrapadas do PSOLISTA, admiro ainda mais o nosso PRESIDENTE pq a grande mídia nacional bate forte no nosso PRESIDENTE e ele é forte e segue seu caminho, agora com meia dúzia de comentários fortes o PSOLISTA está achando ruim

    1. Esse "EXPECTADOR" X realmente é gado dono residente dele a começar pelo apelido. Kkk com certeza é daqueles gados de cabresto nos olhos. Kkkkk ainda passa vergonha em comentários. Kkkk

  11. Parabens professor o mundo precisa de pessoas assim como vc .mas infezlimente a humanidade so esta PENSSANDO em lucro exarcebado presente e nao pensa em um futuro justo e humano para todos.
    Quando daqui a 10 ou 20 anos quando o mar derrubar esses hoteis ai vao falar q o senhor estava correto.

    1. Acredito que não tem nenhum estudo concluindo que o mar está subindo em Natal.
      Sem querer ofender mas achei chute do vereador.
      Melhor ter proposto hoteis com rodas. A medida que o mar avançar empurra os hotéis mais pra trás.

    2. Acho que mais prático que colocar os hotéis sobre rodas (KKKK) seria "engordar" a faixa de areia, como foi feito recentemente, por exemplo, em Fortaleza. Os hotéis geram emprego e RENDA para os trabalhadores diretos, fora os indiretos… Criticar quem gera emprego é sempre uma retórica reiterada dos partidos de esquerda que acham que o dinheiro do pagador de impostos é infinito!

      Mas a orla de Ponta Negra está vivendo terra de ninguém! A maior parte do calçadão, quase a totalidade, estão ocupadas por comércio irregular e impede o trânsito de pessoas no calçadão. Comparem com orlas como a de Recife, Maceió e João Pessoa. A nossa é de longe a pior! Tenho cada dia mais pena do turista que vem para se hospedar ou andar em Ponta Negra! Eu mesmo me arrisco somente de passar de carro, pois a pé não tem como andar !

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

Anvisa esclarece que medição de temperatura pela testa não causa danos à saúde

Foto: Adão de Souza/PBH (4.jun.2020)

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) esclareceu que são falsas as informações que circulam nas redes sociais de que o uso de termômetros infravermelhos traria riscos aos seres humanos. Segundo a agência, circula pela internet o boato de que os termômetros, quando direcionados para a testa, fazem mal à região da glândula pineal (localizada na parte central do cérebro e responsável pela produção de hormônios).

Além do uso do equipamento ser inofensivo à saúde, o órgão informou, ainda, que “esses produtos não emitem radiação, somente captam o calor emitido pelo corpo humano na forma de radiação infravermelha”.

Conforme o neurocirurgião Fernando Gomes explicou no quadro Correspondente Médico, do Novo Dia, a glândula pineal é uma estrutura que fica numa região profunda da cabeça, bem no meio e protegida pelo couro cabeludo, pelo crânio e muito tecido cerebral. “Então o termômetro não teria a capacidade de, seletivamente, ir lá e destruir a glândula pineal”, explicou.

A Anvisa acrescentou que a testa é o local indicado para garantir a precisão da medida da temperatura. “O uso do termômetro infravermelho para medir a temperatura corporal em outra parte do corpo pode levar a erro de leitura, a não ser que tal procedimento esteja explícito no manual do produto”, explicou a agência.

CNN Brasil

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Trânsito

Detran esclarece serviços em funcionamento e plataformas de atendimento

O Departamento Estadual de Trânsito do RN (Detran) continua com os atendimentos presenciais suspensos, de acordo com o Decreto número 29.541 do Governo do Estado e reforça que nesse período os cidadãos podem fazer uso de alguns serviços de forma on-line, sem sair de casa, disponíveis no site www.detran.rn.gov.br. Além disso, excepcionalmente, o Detran está realizando atendimento em casos prioritários para entrega de CNHs expedidas antes da Pandemia, entrega de CNHs apreendidas na Operação Lei Seca, liberação de veículos apreendidos e vistorias veiculares em lojas e Concessionárias.

Serviços emergenciais de forma presencial

Aos que optaram por receber a Carteira Nacional de Habilitação (CNH), na sede do Detran/RN, e ficaram impossibilitados de retirar o documento com a suspensão dos atendimentos presenciais, basta enviar um e-mail para entregacnhsede@rn.gov.br, solicitando a retirada do documento e informando o número do CPF. Cada caso será analisado e posteriormente a retirada será agendada. Somente o próprio condutor poderá retirar a CNH e deverá estar de posse de um documento de identificação pessoal com foto. A entrega é somente para os casos solicitados antes da suspensão do atendimento presencial. Atualmente, todo cidadão que necessita da CNH precisa solicitá-la via correios.

Para quem precisa receber a Carteira Nacional de Habilitação que tenha sido apreendida pela operação Lei Seca, é possível se dirigir até a sede do órgão em Natal, no bairro Cidade da Esperança, todas as quintas-feiras no horário de 8h às 13h. A entrega é feita na sala da operação Lei Seca (Prédio de Vistoria). É necessário portar documento de identificação com foto.

Outro serviço em funcionamento para população é a liberação de veículos apreendidos. O setor responsável está fazendo um regime de plantão para atender quinze casos prioritários todas as quartas-feiras, das 8h às 14h, e disponibiliza o e-mail
detranrn.coefi@gmail.com para dúvidas e informações.

O Detran também está realizando vistorias externas exclusivamente nas lojas e Concessionárias que solicitarem o serviço e fizerem o agendamento prévio com a Coordenadoria de Registro de Veículos do órgão. Após a conclusão da vistoria, as empresas devem acionar os seus despachantes para fazer a abertura dos processos de Transferência de Propriedade de Veículo ou Primeiro Emplacamento, sendo o Conselho dos Despachantes responsável por efetivar os processos e enviar ao Detran para que sejam auditados e emitida a documentação dos veículos. Um ponto importante é que os processos devem ser enviados via empresa ou malote, sendo vedada a permanência de pessoas estranhas na unidade do Detran.

Serviços On-line pelo site

No site do Detran, é possível fazer: Segunda via da Carteira Nacional de Habilitação (CNH); Solicitação da CNH Definitiva; Solicitação da Permissão Internacional para Dirigir; Emissão de CRLV Digital e de boletos referentes ao licenciamento, IPVA, Taxa de Bombeiros e DPVAT. Quem precisar, também pode baixar o Aplicativo Carteira Digital de Trânsito para fazer uso da CNH Digital e CRLV Digital. Lembrando que desde o início de Abril, o Detran RN não emite mais o documento de veículos em papel moeda. Cada condutor deve baixar a versão digital do CRLV pelo site ou Aplicativo e, caso prefira, pode também imprimir em casa em papel comum tamanho A4.

Atendimento On-line através das nossas plataformas

– Recepção: 3232.1207 (Segunda-feira a sexta-feira, 8h às 14h)

– Instagram e Twitter: @detran_rn

– Site: www.detran.rn.gov.br

– Telegram: @detran_rn |

– E-mails: faleconoscodetranrn@gmail.com e Ouvidoria (através do portal Fala.BR www.sistema.ouvidorias.gov.br )

– Protocolo geral: protocologerald@outlook.com (abertura de processo/ devolução da taxa dos correios)

– Conselho Estadual de Trânsito (Cetran): 98722-1830 (Apenas Whatsapp) – e E-mail: cetranrn@gmail.com

– Controladoria Regional de Trânsito – crtcredenciamento@gmail.com / examepratico@rn.gov.br

– Agendamento para entrega de CNH que tenham ficado no órgão entregacnhsede@rn.gov.br

– Veículos apreendidos: detranrn.coefi@gmail.com

 

Opinião dos leitores

  1. BG é possível você saber quando vai voltar a parte da junta médica para receber laudo que está pronto no Detran e quando vai abrir para fazer novos atendimentos pela junta médica?

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

Makro Atacadista esclarece fechamento da unidade localizada em Natal

O Makro Atacadista esclarece que o fechamento da unidade localizada em Natal integra o movimento de reestruturação da empresa, já anunciado no mês de janeiro de 2020.

“Com a otimização da rede de lojas, a companhia confirma a continuidade de sua operação no Brasil, exclusivamente no Estado de São Paulo”, encerra nota.

Opinião dos leitores

  1. Notícia ruim.
    Gostava muito de comprar no Makro.
    Preços boms, produtos de primeira linha, verduras sempre fresquinhas.
    E sem filas.
    Vou sentir falta da comodidade e conforto.
    É uma pena.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

Nota conjunta do Governo do RN, Sesed e PRF esclarece estabelecimentos comerciais essenciais no suporte à atividade de transporte de cargas e passageiros

O Gabinete Civil do Governo do Estado, junto com a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social e a Polícia Rodoviária Federal, vem a público esclarecer que os estabelecimentos comerciais que sejam essenciais no suporte à atividade de transporte de cargas e passageiros em nosso Estado, tais como lojas de peças automotivas, oficinas mecânicas e borracharias, situados às margens de rodovias estão autorizados a funcionar regularmente, desde que possuam ambientes com ventilação natural.

Os restaurantes e lanchonetes estão autorizados a fornecer refeições prontas nas áreas urbanas, e fora das áreas urbanas as refeições podem ser servidas, desde que observado o distanciamento mínimo de 1,5m entre clientes, e as regras sanitárias estabelecidas em lei atendidas.

O Governo do Estado e a PRF reforçam que o transporte e entrega de cargas são indispensáveis ao atendimento das necessidades inadiáveis da comunidade, e que, portanto, são atividades essenciais durante a crise, conforme previsto no Decreto 10.282, de 20 de março de 2020, do Governo Federal e do Decreto Estadual 29.583, de 01 de abril de 2020, onde ambos buscam garantir a manutenção do fluxo de mercadorias, como alimentos, medicamentos, combustível, itens de higiene e outros essenciais à sociedade nesse momento de crise.

Opinião dos leitores

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

Saúde esclarece vacinação antirrábica em alguns domicílios de Natal

A Secretaria Municipal de Saúde esclarece que há agentes de endemias, do Centro de Controle de Zoonoses, realizando vacinação antirrábica no bairros do Tirol e Pitimbu.

A medida protetiva se dá em virtude da identificação de um morcego positivado para raiva na região. Os profissionais da saúde se apresentam com farda e vacinam os animais em domicílio, além de realizar trabalho educativo com distribuição de panfletos nas residências.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

Hospital João Machado esclarece incidente envolvendo paciente interna

A direção do Hospital Colônia João Machado, em Natal, esclarece que o incidente ocorrido envolvendo uma paciente interna que entrou em surto agredindo funcionários da unidade hospitalar, na noite de terça-feira (7), foi prontamente contornado pela equipe de platonista que acionou a polícia, tendo em vista que a paciente portava objeto perfurocortante.

Ressalte-se que o hospital conta com vigilantes 24h, e que os postos internos não possuem equipamentos para lidar com pessoas portando armas dentro da unidade, já que o Hospital Colônia João Machado é uma Unidade de Saúde, não Unidade de Segurança.

O corpo diretivo do hospital reconhece ainda que há necessidade de ampliar a segurança e a vigilância na unidade, visando a proteção dos próprios pacientes e do corpo funcional, e que ao tomar ciência do caso reuniu toda a equipe, ouviu os pacientes e acompanhantes, e em conjunto procedeu a gestão de cuidados do caso.

Ressalte-se que o hospital possui um plano de segurança a ser executado em 2020, incluindo o aumento de controle de fluxo, câmeras e qualificação dos profissionais de segurança.

A direção do hospital lembra que a empresa de vigilância responsável pela segurança da unidade hospitalar foi chamada à prestar esclarecimentos sobre o ocorrido e que a Secretaria Estadual de Saúde (Sesap), já havia emitido parecer e nota técnica jurídica que subsidia o João Machado na gestão da segurança e do cuidado com pacientes e funcionários.

Opinião dos leitores

  1. É o compromisso com a saúde do nosso estado, arrocha fatao, vc está no caminho certo. Daqui a 03 anos vai para o ostracismo de nove dedos.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Polícia

VÍDEOS: Delegado esclarece procedimentos da polícia após prisão de homem que matou jipeiro no RN

O delegado Júlio César, em conversa com a imprensa na tarde desta sexta-feira(06), informou como será o procedimento do caso do assassinato de Fantone Henry Filgueira Maia, no último sábado (30), durante uma confraternização de um clube de trilhas de veículos 4×4. Na ocorrência, mais duas pessoas também foram atingidas.

Policiais civis da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) prenderam Ailton Berto da Silva, 50 anos, na tarde desta sexta-feira (06), na cidade de Goianinha. Ele foi detido mediante o cumprimento de um mandado de prisão temporária expedido pela Justiça. Veja vídeos cedidos abaixo:

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

VÍDEO: Presidente da Caern esclarece pontos abordados pelo Senador Styvenson Valentim

Diretor-Presidente da Caern, Roberto Linhares esclarece assuntos divulgados pelo Senador Styvenson Valentim (Podemos/RN) sobre a Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern).

Opinião dos leitores

  1. Seria bem pertinente ele explicar como esses rendimentos alcançaram estes valores, as manobras que foram realizadas para que legitimassem os pagamentos

  2. tá bom de privatizar. A COSERN melhorou muito depois que privatizou. Infelizmente nada na mão do estado do RN tem dado certo.

  3. Parabéns, Professor Roberto! Quem o conhece sabe bem o peso de suas palavras, e o perfil de idoneidade e responsabilidade à frente desta casa! Gestão de transparência nas mãos de quem conhece bem gerir pessoas e recursos com ética e produtividade! Salve, salve, Triunfo Potiguar!

    1. O que o senador falou foi que o salário do senhor Roberto é de 70.000,00 reais. A respeito disso o senhor Roberto não falou nada.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Trânsito

Em nota, Detran esclarece que equipe de informática sanou falha no sistema

O Departamento Estadual de Trânsito do RN (Detran) esclarece que, de imediato, a equipe técnica de Informática do órgão sanou a falha ocorrida em seu sistema.

Cabe ressaltar que os dados dos usuários não foram afetados, assim como não houve interferência nos sistemas de Registro Nacional de Carteira de Habilitação (Renach) nem no Registro Nacional de Veículos Automotores (Renavam).

A Direção-Geral do Detran está abrindo um procedimento administrativo para apurar o fato ocorrido.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

Multdia esclarece informações falsas sobre falência

Em esclarecimento à matéria publicada neste Blog, o Grupo GCF, detentor da empresa Multdia Indústria e Comércio S.A. e de sua controladora, João de Barro Vinhedo Administradora Ltda., esclarece em nome do presidente Carlos Faria:

As informações publicadas na matéria em questão não são verídicas, pois não foram fornecidas oficialmente pelo presidente Carlos Faria, proprietário legítimo da empresa Multdia e de todas as marcas que compõem o portfólio de produtos da indústria. Portanto, cabe esclarecer os seguintes pontos:

• Ainda na gestão do Sr. Eduardo Patrício, em conjunto com o fundo de investimento para o qual havia vendido parte das ações, a Multdia entrou com pedido de recuperação judicial em novembro de 2015 e, no dia 16 de dezembro do mesmo ano, demitiu todos os funcionários e encerrou suas atividades.

• A aquisição da Multdia pela atual controladora foi deferida pelo Juízo da recuperação em 28 de novembro de 2017, tendo os atos societários sido arquivados no registro competente da junta comercial do Rio Grande do Norte apenas em março de 2018, sendo que, em aproximadamente 1 ano depois, houve a combatida decisão de convolar em falência a recuperação da Companhia. A venda foi feita por Eduardo Patrício, que recebeu o valor integral pela venda das ações, pois, após o pedido de recuperação, havia recomprado a Multdia do fundo de investimento para o qual havia vendido parte das ações anos antes.

• Quanto aos acordos feitos nas reclamações trabalhistas anteriores, a empresa João de Barro já pagou até o momento R$ 918.917,98, tendo proposto o pagamento do saldo remanescente até dezembro de 2019. Vale registrar que no acordo trabalhista realizado, a João de Barro ofertou imóvel que garante integralmente os débitos e, ainda, sobre os supostos pagamentos do acordo não efetivados, tudo será devidamente esclarecido no momento oportuno, pois se tratavam de programação de pagamento não realizadas.

• Até o mês de agosto, a Multdia pagou o salário dos funcionários e o serviço de portaria. A energia elétrica está restituída e já foram investidos mais de R$ 1milhão em melhorias nas instalações, que estavam deterioradas desde a compra pela João de Barro. Desde o início do ano de 2019, a Multdia, por meio de acordos operacionais, tem retomado a produção de parte de seus produtos, gerando receita, o que não acontecia desde novembro de 2015.

• A íntegra do recurso apresentado ao Tribunal de Justiça apresenta de forma fidedigna a sucessão dos fatos ocorridos, suas responsabilidades, esforços empreendidos pelo atual controlador na busca da reestruturação da Multdia, com o compromisso e o firme propósito de retomada de suas atividades empresariais, geração de empregos diretos e indiretos, além de proporcionar arrecadação aos cofres públicos, entre outros.

Dst forma, a Multdia reforça a confiança na Justiça para necessária reversão da decisão equivocada proferida em primeira instância, nos estritos termos da legislação, de acordo com os fundamentos legais expostos no recurso, visando a retomada e o crescimento da Companhia.

Carlos Faria
CEO e Fundador do Grupo GCF
Presidente da Multdia Ind. E Com. S/A

Opinião dos leitores

  1. 1 Comentário

    Eduardo Patricio

    Em relação a nota de esclarecimento acima só tenho a comentar uma coisa:
    O estado do RN não merece este tipo de empresário, e para fundamentar o que afirmo peço que leiam a decisão do Dr. Felipe (juiz da comarca de Macaiba) onde ele cirurgicamente fundamenta a sua decisão. A mentira jamais se sobrepora as verdades dos fatos!
    O Sr. Carlos Faria publicou está mesma nota de esclarecimento ontem no Blog de Flavio Marinho, peça a ele os comprovantes de pagamento dos funcionários que ele disse que havia pago, comprovantes e datas dos pagamentos.
    Peço que o Sr. Bruno Giovanni publique a decisão do Dr. Felipe ( Juiz da comarca de Macaiba)

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Diversos

Semurb esclarece motivo de interdição cautelar no Beco da Lama

Foto: João Maria Alves

A Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Urbanismo (Semurb) vem a público esclarecer que a interdição aplicada aos estabelecimentos “Bar da Meladinha” e “Bar da Nazaré”, localizados no Beco da Lama, tem caráter meramente cautelar e decorre de uma notificação do promotor Cláudio Onofre, da 28ª Promotoria Justiça de Defesa do Meio Ambiente. A interdição está relacionada exclusivamente à realização de música ao vivo, não ao funcionamento dos bares em si, em face à constatação da música ao vivo estar acima dos limites permitidos na legislação, conforme foi constatado pela fiscalização.

A área onde está o Beco da Lama é considerada mista com vocação comercial e administrativa, na qual os níveis de intensidade sonora recomendados por lei são de 60 decibels (dBA) para o período diurno e de 55 dBA para o período noturno. No local ocorrem tradicionais atividades culturais de rua nas quintas e sextas-feiras, a partir das 18h até às 22h e aos sábados a partir das 14h.

Atendendo requisição do Ministério Público Estadual, recebida no dia 09 de maio de 2019, a Semurb realizou alguns monitoramentos e intimou os responsáveis pelas atividades para prestarem esclarecimentos. Na ocasião, eles também receberam orientações acerca das exigências ambientais para a realização dos eventos. Nos dias 04 e 06 de junho, a Fiscalização Ambiental elaborou Termo de Comparecimento com as partes intimadas e registrou todas as orientações, bem como alertou em relação às medidas que precisariam ser adotadas em caso de descumprimento.

Ficou definido que os estabelecimentos deveriam observar os níveis de intensidade sonora aplicáveis para a área, além de providenciarem a limitação da Potência das Fontes Sonoras ao limite de 600 watts RMS. Bem como promoverem a correta distribuição da potência, de forma a reduzir o raio de abrangência da onda sonora e assegurar a manutenção dos níveis recomendados pela norma 10.151. Tal medida possibilitaria agradável percepção sonora por parte dos frequentadores dos eventos sem comprometer o sossego dos moradores do entorno.

No entanto, após as orientações, os fiscais realizaram novo monitoramento, no mês de julho, e constataram emissão ainda muito acima dos limites estabelecidos pela norma, oscilando os Níveis Equivalentes de 71 dBA a 77 dBA. Isto é, constatando um quadro de poluição com pressão maior que o permitido por lei. A vistoria foi realizada em quatro pontos distintos entre as ruas Ulisses Caldas, Vaz Gondim, Coronel Cascudo e Vigário Bartolomeu.

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), o nível que não causa incômodo à audição humana é de até 50 dBA. Uma vez que a maioria das pessoas percebem 30 dBA como nível confortavelmente silencioso. A partir de 65 dBA, o ruído começa a se tornar um incomodo à comunicação e à concentração. Já os ruídos acima de 85 dBA podem ser nocivos à saúde, podendo causar danos à audição, efeitos psicológicos, neurológicos, cefaléia e até mesmo insônia.

A Semurb ressalta que não há interesse em acabar com as tradicionais festas no popular reduto boêmio natalense. Ao contrário, as ações estão sendo incentivadas pela Prefeitura do Natal. No entanto, seguindo com sua obrigação legal, vem buscando desde 2016 junto aos proprietários as adequações necessárias para que as festividades possam ocorrer de forma satisfatória, respeitando também o direito dos moradores que se sentem prejudicados com os eventos.

 

Opinião dos leitores

  1. 50db é alcançado com 2 pessoas conversando é volume normal. Como podem querer isso? Se não tiver som nenhum, só o movimento das pessoas já alcança mais de 60db em local aberto. Absurdo quererem acabar sempre as poucas opcoes

  2. Vem para Ponta Negra e fecha os bares e restaurantes irregulares que são muitos!?
    Quero só ver?

  3. Natal é sempre assim, quando uma coisa tá dando certo o próprio poder público vem e acaba com a festa.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Finanças

Procuradoria Geral de Justiça esclarece pagamento de R$ 4,7 milhões pagas a um grupo de 22 promotores e procuradores

O Procurador-Geral de Justiça, Eudo Rodrigues Leite, por meio de nota oficial, esclareceu nesta terça-feira, 6, que o valor de R$ 4,7 milhões pagos, no mês de julho, a um grupo de 22 procuradores e promotores de 3ª entrância, é decorrente da quitação da Parcela Autônoma de Equivalência (PAE).

Em nota, o Procurador-Geral de Justiça confirmou que o pagamento foi feito na folha de julho e esclareceu que põe fim a uma dívida da Procuradoria Geral de Justiça (PGJ) com um grupo de membros do Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN). Confira aqui no Justiça Potiguar nota na íntegra.

Opinião dos leitores

  1. Deveriam ter ido pra infinita lista de precatórios do Estado, passar 15 anos pra receber, e vê como é ruim esperar pela burocracia e deficiência estatais.

  2. No mínimo, imoral!!!! Enquanto isso os servidores públicos que ganham menos estão todos com os salários atrasados e sem reajuste faz tempo. Mas, os promotores de justiça, além de receberem o salário em dia, recebem vantagens atrasadas, aumento e por aí vai … Por que não há um tratamento igualitário?

  3. Roubo institucionalizado…Pra mim é pior que os desvios da corrupção, pois, esses já estão "lavados" pela lei que o proteje…Mas é roubo!!! Independênia financeira e orçamentária sóh dá nisso!!!!

  4. Na verdade pra pagar os amigos do poder não falta dinheiro mas pra pagar a ralé o governo nunca tem dinheiro.

    1. Explicou mas não me convenceu isso é uma vergonha infelizmente no Brasil tudo pode..

  5. Muito bom quando um poder é rico, e nao precisa pagar por precatorio. Paga por PAE, tambem conhecida por mae.

  6. Pessoas passam anos pra receber os seus direitos e esses deuses na terra recebem em meses aí é que está o erro,direitos eles tem agora porque só pra eles saem tão rápido?

  7. Legislando em causa própria. Desse jeito é muito bom, atirar com pólvora alheia. É roubo, é corrupção, é malandragem, é falcatrua……não, nada disso, apenas legislar em causa própria, ou seja, tudo junto. Kkkkkk

  8. Não era melhor ter ficado calado, cada vez mais que se toca nessa PAE vergonhosa, a população fica descrente que algum dia nosso País possa ser sério, vergonha.

    1. Eu acho que nunca isso vai mudar .pode até ser legal mais é imoral

  9. Duvido que a defesa fosse a mesma se os pagamentos fossem feitos pelas prefeituras, camaras de vereadores.

    Ja tinham entrado com as ações na justiça para impedir os pagamentos.

    Um absurdo isso. Fere a moralidade administrativa.

Comente aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *