Planos de saúde devem cobrir novos remédios, exames e cirurgias, determina ANS

Foto: Tatiana Fortes/Governo do Ceará (15.jul.2020)

Uma nova resolução normativa da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), publicada hoje (2) no Diário Oficial da União, promoveu uma ampla atualização nos procedimentos e eventos que devem ter cobertura garantida por planos de saúde privados. Novos exames e tratamentos passaram a fazer parte da lista obrigatória de assistência, que deverá ser observada a partir de abril.

Ao todo, foram adicionadas 69 coberturas, sendo 50 relativas a medicamentos e 19 referentes a exames, terapias e cirurgias indicadas no tratamento de enfermidades do coração, intestino, coluna, pulmão e mama, entre outras.

Entre os remédios, passam a integrar a lista obrigatória de assistência 17 imunobiológicos que poderão ser usados para tratar doenças inflamatórias, crônicas e autoimunes, como psoríase, asma e esclerose múltipla.

Outros 19 são antineoplásicos orais indicados no enfrentamento de diversos tipos de câncer. Mulheres com tumor na mama em estágio avançado, por exemplo, poderão contar com a cobertura do Abemaciclibe, Ribociclibe e Palbociclibe.

Outra droga incluída é o Osimertinibe, que tem sido apontado em estudos como responsável por aumentar a sobrevida de pacientes com câncer de pulmão metástico. A lista traz ainda novas opções para tratar leucemias, melanomas, mielomas e tumores de fígado, rim e próstata.

Em relação às cirurgias, terão coberturas novas intervenções para tratar hérnia de disco lombar e deformidade na mandíbula, além de problemas na coluna cervical e no coração.

Os exames e terapias incluídos permitirão diagnósticos e tratamentos de tuberculose, inflamação intestinal, leucemia mielóide, cânceres de pulmão e de mama, entre outras doenças. Consultas com enfermeiro obstetra ou obstetriz também têm agora assistência garantida.

Validade

As mudanças foram aprovadas em reunião na última quarta-feira (24). Elas valem para todos os planos contratados a partir de 1999. Também se aplicam aos que foram contratados antes dessa data que tiverem sido adaptados conforme a lei federal 9.656/1998, conhecida como Lei dos Planos de Saúde.

Segundo nota divulgada pela ANS, a elaboração da nova resolução normativa se deu a partir de um processo transparente e de uma análise robusta, que contou com diversas etapas de discussões técnicas e com ampla participação da sociedade, que enviou 30.658 contribuições durante consulta pública aberta entre outubro e novembro do ano passado.

“Pela primeira vez no processo de revisão do rol foram utilizados, de modo sistematizado, dados de saúde e informações financeiras para a análise crítica das avaliações econômicas e para as estimativas de impacto orçamentário de cada tecnologia”, diz o texto.

A atualização, segundo a ANS, levou em conta critérios variados como os benefícios clínicos comprovados, o alinhamento às políticas nacionais de saúde e a relação entre custo e efetividade. Os procedimentos incorporados foram aqueles em que os ganhos coletivos e os resultados clínicos foram considerados os mais relevantes para o conjunto dos pacientes.

CNN Brasil

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Lucas disse:

    Poucos terão Planos de saúde num futuro próximo, são criados medicamentos experimentais de Milhões de reais e a Justiça manda o Plano desembolsar. Não que a vida não valha, ela não tem preço, mas influenciará em milhares de associados desse plano de saúde, pois as mensalidades serão ajustadas conforme os gastos.

  2. Lsv disse:

    Muito importante para saúde de muitos . Os novos medicamentos e exames deverão impactar numa elevação de custos para operadoras e consequentemente para todos nós usários.

Prefeitura de Parnamirim vai realizar exames de mamografia em Pirangi, a partir desta segunda-feira

Foto: ASCOM – GCTI

O litoral parnamirinense recebe a partir desta segunda-feira (11) a estrutura móvel para a realização de exames de mamografia. O objetivo é atender mulheres de 40 a 69 anos que residam em Parnamirim. O atendimento será realizado nas proximidades da Unidade Básica de Saúde de Pirangi do Norte, localizada na Rua José Sátiro de Macedo, 31, próximo ao supermercado Super Show.

A Prefeitura de Parnamirim já realizou o procedimento em diversos bairros e, como sempre, para fazer o exame em Pirangi devem ser apresentados o encaminhamento médico, comprovante de residência, identidade, CPF e cartão do Sistema Único de Saúde (SUS). O atendimento se dará das 7h30 às 16h30 e a unidade móvel deve permanecer no local até a próxima sexta-feira (15). Todas as mulheres que precisarem do serviço devem se dirigir ao local obrigatoriamente de máscara.

PRESTAÇÃO DO SERVIÇO

A realização das mamografias em Parnamirim é fruto da contratação de prestadores de serviço de saúde, para atuar em complementação ao Sistema Único de Saúde, realizada pela Prefeitura de Parnamirim, através da chamada pública nº 002/2019. À época, a Prefeitura lançou o instrumento legal para a contratação dos serviços em diversas especialidades, dentre elas a realização de exames de mamografia, que atualmente é feita através de serviço móvel. Esse sistema beneficia a população em seu próprio bairro, atendendo nas proximidades das unidades básicas de saúde e minimizando os deslocamentos em tempos de pandemia da Covid-19.

A Sesad abriu o cadastramento dos prestadores de serviço e realizou a vistoria dos estabelecimentos previamente habilitados, para se certificar que a população receberia o melhor atendimento possível. Tal contratação objetiva diminuir a demanda reprimida de espera por atendimento especializado e garantir o acesso à saúde universal, assim como estabelecer mecanismos para a melhoria da qualidade de atendimento aos usuários dentro de padrões éticos e ainda, humanizar o atendimento aos pacientes e seus familiares.

Itep fará exames para saber se corpo encontrado é de garoto desaparecido em Natal

Um corpo encontrado na manhã desta quinta-feira(12) em um terreno privado no bairro de Pajuçara, na zona Norte de Natal, foi enviado ao Instituto Técnico Científico de Perícia do Rio Grande do Norte (Itep-RN) para confirmar a identidade da vítima. Um exame de DNA, inclusive, poderá ser realizado.

As características do corpo são de uma criança e as autoridades trabalham com a hipótese de pertencer ao garoto José Carlos, 8 anos, desaparecido desde o dia 21 de outubro.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Brasil disse:

    Até os comentários são pequenos. Viva os fofoqueiros, viva os que so gostam das notícias da mídia, bando de ser sem noção

Lacen/RN reclama que aguarda há quatro meses o Ministério da Saúde renovar contrato para fornecimento de kits de extração automatizada para realização dos exames

Foto: Sandro Menezes

As ações da administração estadual no combate à Covid-19 reforçam o trabalho do Laboratório Central de Saúde Pública do Rio Grande do Norte Dr. Almino Fernandes (Lacen/RN) na testagem dos casos suspeitos. Desde o início da pandemia, o Lacen liberou 21.584 resultados de exames. Deste total 10.152 positivos, o que representa percentual de 47,03%.

A estatística mensal mostra que em fevereiro foram liberados 28 exames, nenhum deles positivo. Em março o número subiu para 722, sendo 12,32% positivos. Em abril foram realizados 3.415 exames, dos quais 22,72% deram resultado positivos. No mês de maio houve 5.001 exames, sendo 50,90% positivos. Em junho, a marca de exames realizados atingiu 6.631 e mais da metade deles (60,86%) foram positivos. De 1º a 21 de julho, o laboratório já havia realizado 5.787 exames com 46,74% de resultados positivos.

O diretor administrativo do Lacen, Derley Galvão, informou também que o Governo do Estado investiu mais de R$ 800 mil em equipamentos que já estão em uso. “E temos uma próxima compra estimada em R$ 1,5 milhão para equipar as regionais do Lacen em Natal, Caicó, Mossoró e Pau dos Ferros”, declarou, acrescentando que entre os investimentos foram aplicados ainda mais de R$ 2 milhões em insumos e material de consumo para exames de Covid.

Derley Galvão afirmou que o Lacen aguarda há quatro meses o Ministério da Saúde renovar o contrato com Laboratório Abbott para fornecimento dos kits de extração automatizada para realização dos exames. Para não atrasar as análises, o Governo do RN se antecipou e fez três compras – duas concluídas – no valor de R$ 312 mil. “Infelizmente há investimento do Ministério da Saúde em centrais analíticas e não há nos Laboratórios Centrais, o que causa problemas de logística. Seria muito mais fácil os municípios enviarem os testes para o Laboratório Central analisar no Estado, do que enviar para o Lacen e os excedentes serem enviados para o Rio de Janeiro, por exemplo, como é a modelagem de hoje. O melhor seria os laboratórios estaduais fazerem diretamente as análises”, argumentou.

Os investimentos do Governo do Estado no Lacen permitiram a contratação de sete profissionais para a área de biologia molecular, setor responsável pela análise dos testes de RT-PCR, o que ampliou a capacidade de liberação de exames que acontecem em até 24 horas.

Recentemente o Programa “Diagnosticar para cuidar” do Ministério da Saúde emitiu nota técnica determinando que todos os pacientes com suspeita de síndrome gripal sejam testados no modelo Swab. O Ministério da Saúde vai enviar os testes para o Estado repassar aos municípios de acordo com necessidades. “No primeiro momento o Lacen vai fazer a análise dos exames e, se houve excedente à nossa capacidade, as amostras serão enviadas para a Fiocruz no Ceará e Rio de Janeiro”, informou Derley.

DADOS ATUALIZADOS

A taxa geral de ocupação de leitos hoje no RN é de 85%. A maior concentração está na região de Pau dos Ferros (100%), seguida das regiões Metropolitana de Natal (89%), Oeste (80%), Mato Grande (75%) e Seridó (70%).

Nas redes de hospitais públicos, privados e filantrópicos há 529 pessoas internadas, sendo 276 em leitos críticos e 253 em leitos clínicos. A fila de regulação tem 4 pacientes aguardando vagas para leitos críticos, 4 para leitos clínicos e 12 aguardando transporte sanitário. O cenário epidemiológico tem 45.184 casos confirmados, 57.202 suspeitos e 69.856 casos descartados. Os óbitos confirmados são 1.636 (11 nas últimas 24 horas) e há 200 óbitos em investigação.

A Sesap iniciou hoje levantamento junto as todos os municípios para otimizar o fluxo de envio de informações atualizadas. Nos últimos dias houve instabilidade junto à disponibilidade de dados pelo Ministério da Saúde.

Operação da PF mira hackers que vazaram exames de Bolsonaro

Foto: Kacper Pempel/Reuters

A PF (Polícia Federal) inicia nesta sexta-feira (26) uma ação contra hackers que invadiram dados privados de servidores e autoridades públicas. Entre eles estaria, segundo o site do jornal O Estado de S.Paulo, exames do presidente Jair Bolsonaro divulgados durante a pandemia.

A Operação Capture the flag cumpre três mandados judiciais de busca e apreensão no Rio Grande do Sul e Ceará.

A investigação suspeita de acesso ilícito a dados pessoais de mais de 200 mil servidores e autoridades “com o objetivo de intimidar e constranger tanto as instituições quanto as vítimas que tiveram seus dados e intimidade expostos”.

Entre os alvos, estariam sistemas de universidades federais, prefeituras e câmaras de vereadores municipais nos estados do Rio de Janeiro, Paraná, Goiás e Rio Grande do Sul, de um governo estadual e diversos outros órgãos públicos. Somente no Rio Grande do Sul, foram mais de 90 instituições invadidas pelos hackers.

A investigação se concentra na apuração dos crimes de invasão de dispositivo informático, corrupção de menores, estelionato e organização criminosa, mas há indícios, ainda, de compras fraudulentas pela internet e fraudes bancárias.

R7

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Jailson disse:

    A PF virou polícia política?

  2. Gibira disse:

    Tem que botar pra torar e desmascarar esses vazadores.
    MITO 38 em 2022.

  3. Az disse:

    A OAB já está preparada com um time de advogados pra defender a democracia deles quem que aposta?

Covid-19: planos de saúde incluirão mais 6 exames na lista obrigatória, informa Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS)

Foto: © Marcelo Camargo/Agência Brasil

A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) está incluindo mais seis exames que auxiliam na detecção do novo Coronavírus na lista de coberturas obrigatórias dos planos de saúde. A decisão foi tomada pela Diretoria Colegiada em reunião realizada nessa quarta-feira (27/05). A medida passa a valer a partir da publicação da Resolução Normativa no Diário Oficial da União.

As novas incorporações buscam ampliar as possibilidades de diagnóstico da Covid-19, especialmente em pacientes graves com quadro suspeito ou confirmado, e estão alinhadas às diretrizes e protocolos do Ministério da Saúde para manejo da doença. Dessa forma, auxiliam no diagnóstico diferencial e no acompanhamento de situações clínicas que podem representar grande gravidade, como por exemplo, a presença de um quadro trombótico ou de uma infecção bacteriana causada pelo vírus.

Os testes podem ajudar os profissionais de saúde a tomar a conduta certa na hora certa, salvando vidas, muitas vezes, em situações limítrofes, que dependem que abordagens terapêuticas específicas sejam instituídas com rapidez para que sejam eficazes.

Passam a ser de cobertura obrigatória para os beneficiários de planos de saúde nas segmentações ambulatorial, hospitalar e referência os seguintes testes:

Dímero D (dosagem): O procedimento já é de cobertura obrigatória pelos planos de saúde, porém, ainda não era utilizado para casos relacionados à Covid-19. É um exame fundamental para diagnóstico e acompanhamento do quadro trombótico e tem papel importante na avaliação prognóstica na evolução dos pacientes com Covid-19.

Procalcitonina (dosagem): O procedimento é recomendado entre as investigações clínico-laboratoriais em pacientes graves de Covid-19, auxiliando na distinção entre situações de maior severidade e quadros mais brandos da doença.

Pesquisa rápida para Influenza A e B e PCR em tempo real para os vírus Influenza A e B: Esses testes são indicados para diagnóstico da Influenza. A proposta consiste na incorporação dos dois procedimentos para minimizar questões de disponibilidade e para otimizar o arsenal diagnóstico disponível. A pesquisa rápida é recomendada para investigações clínico-laboratoriais em pacientes graves. O diagnóstico diferencial é importante, pois a influenza também pode ser causa de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SARS).

Pesquisa rápida para Vírus Sincicial Respiratório e PCR em tempo real para Vírus Sincicial Respiratório: Esses testes são indicados para diagnóstico da infeção pelo Vírus Sincicial Respiratório (VSR). A proposta consiste na incorporação dos dois procedimentos para minimizar questões de disponibilidade e para aprimorar as possibilidades. O teste rápido para o VSR é útil no diagnóstico diferencial de Covid-19 em crianças com infecção viral grave respiratória.

“A ANS permanece atenta às mudanças no cenário do enfretamento da Covid-19 e está alinhada aos protocolos do Ministério da Saúde. A maioria dos testes diagnósticos citados nas diretrizes do órgão já são de cobertura obrigatória no âmbito da saúde suplementar. No entanto, observamos que alguns testes destinados à atenção de pacientes graves, que podem impactar na conduta terapêutica, não estavam listados no rol de coberturas mínimas dos planos de saúde ou, quando já incluídos, não contemplavam pacientes com quadro suspeito ou confirmado da Covid-19. Dessa forma, estamos incluindo esses exames para ampliar as possibilidades de diagnóstico e, assim, buscar uma resposta mais rápida e efetiva para salvar vidas”, explica o diretor-presidente substituto da ANS, Rogério Scarabel.

A proposta de atualização extraordinária da cobertura assistencial será reavaliada até o final do processo regular de atualização do Rol em curso, tanto quanto ao seu contexto de utilização no quadro pandêmico, quanto aos seus critérios técnicos, e será submetida a consulta pública, juntamente com as propostas de atualização elegíveis do atual ciclo de atualização.

Esta é a segunda inclusão extraordinária de procedimentos relacionados ao novo Coronavírus no Rol de Procedimentos da ANS. Desde o dia 13/03, os planos de saúde são obrigados a cobrir o exame Pesquisa por RT-PCR, teste laboratorial considerado padrão ouro para o diagnóstico da infecção pela Covid-19.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Jose Augusto Galvão Pereira disse:

    A culpa disso tudo é a China quero saber depois como vai ficar , China assasina

Jogadores do Flamengo vão ao Ninho do Urubu após 65 dias para exames e são informados de protocolos para volta

Última visita dos jogadores ao CT tinha acontecido no dia 14 de março — Foto: Alexandre Vidal/Flamengo

Sessenta e cinco dias depois, os jogadores do Flamengo estão de volta ao Ninho do Urubu.

A partir das 9h desta segunda-feira, o elenco começou a chegar no centro de treinamento para realização de exames de Covid-19 e para serem informados dos protocolos para volta das atividades. O clube deseja voltar aos trabalhos ainda nesta semana.

Qualquer decisão só acontecerá após os resultados dos testes de atletas e comissão técnica. As 38 pessoas que testaram positivo há duas semanas também foram examinadas. O Flamengo, por sua vez, intensifica as conversas com as autoridades públicas por um aval para retomar as atividades.

Apesar dos decretos de quarentena até o fim do mês, o clube sente uma flexibilização maior no diálogo com o governo do estado, enquanto a prefeitura se mostra mais rígida. Judicialmente, no entanto, a diretoria entende que não há infração caso volte com os treinamentos.

Funcionários realizaram o segundo exame na sexta-feira. Jogadores e a comissão técnica portuguesa, encabeçada por Jorge Jesus, fazem o teste sorológico nesta segunda.

A última atividade do elenco no CT tinha acontecido no dia 14 de março, véspera da partida contra a Portuguesa, pela Taça Rio. A coleta para o primeiro exame foi realizada em casa.

Na visita ao Ninho, os jogadores tomaram conhecimento das adaptações realizadas no local para volta aos treinos e já experimentaram protocolos. O Flamengo prepara o terreno para retomada.

Globo Esporte

 

CODINOMES AIRTON E RAFAEL E O PACIENTE 05 – (FOTOS): Veja os exames negativos de Bolsonaro para Covid-19

Foto: Reprodução

O STF divulgou os exames negativos de Jair Bolsonaro para a Covid-19.

Nos laudos, como antecipou a Crusoé em março, foram usados codinomes para identificar o presidente: Airton Guedes e Rafael Augusto Alves da Costa Ferraz. No exame do Lacen (laboratório central do SUS em Brasília), ele aparece como “Paciente 05”.

VEJA MAIS: Exames de Bolsonaro entregues ao STF deram negativo para coronavírus, atestam laudos

É possível verificar que os testes foram feitos em Bolsonaro pelo CPF, de número 453.178.287-91.

Confira:

Fotos: Reprodução

O Antagonista

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. benildo disse:

    O mito está causando instabilidade politica é por isso e por outras idiotices que o Dollar, já chegou a seis reais!

  2. Ricardo Siqueira disse:

    Enquanto o Presidente fica brincando se mostra ou não mostra os seus exames, o Brasil está derretendo com o Dollar a 6 reais, que homem despreparado é esse! Volta TEMER com o Dollar a 3,70.

  3. Ronald disse:

    Por que tanto mistério para divulgar o resultado dos exames? Pairam dúvidas.

  4. Geraldo disse:

    ACEITA QUE DOI MENOS ESQUERDOPATAS CORRUPTOS.

  5. Gadominion disse:

    Presidente fake! E o gado muuuuuuu

  6. Waldemir disse:

    Kkkkk o mito é MITO mesmo deixou todo mundo pressionado quwrendo saber e pronto
    Mais uma vez os idiotas quebraram a cara
    Eu apostaria que ele esta dando corda paraa hora que ele puxar nao vai escapar um

  7. Chicó disse:

    E agora, o que a esquerda vai inventar ?

  8. Manoel disse:

    Eu confio nesse "bilete" kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  9. Antenado disse:

    Kkkkk As hienas não se conformam.

  10. ERI disse:

    ESCONDEU PARA ENGANAR OS PTRALHAS E O STF KKKKKKK O MITO É ESPERTO KKKKKK QUEBRARAM A CARA E STF DESMORALIZADO NOVAMENTE.

    • Chicó disse:

      É so tiro pela culatra, dessa cambada! O mito está "matando na unha" igual se mata piolho.

  11. Júlio Laranjeiras disse:

    Çei, TB acredito em Saci Pererê, mula sem cabeça e a mulher de branco lá do igapó …hahaha

  12. Riva disse:

    Se todos os exames deram negativo porque Bolsonaro falou de impeachment em decorrência de mostrar os exames?
    Se deu tudo negativo pq demorou 2 meses pra mostrar?

    • Eudes disse:

      Pq o "Mito" não pode ser contrariado,vai vendo.

    • Eduardo disse:

      É a pergunta que fica! Só pra instalar dúvida? Só pq o ego dele q nao queria mostrar? Ou por foi falsificado? Existe uma resposta e nós nunca vamos saber, mas o motivo existe, e ele é um.motivo cheio de maldade e mentira.

    • joao disse:

      Alguém fez por ele, essa turma não é de confianca.

    • André disse:

      Estava deixando a petralhada morrer do "bofe"

Exames de Bolsonaro entregues ao STF deram negativo para coronavírus, atestam laudos

Foto: Adriano Machadfo/Reuters

Laudos recebidos pelo Supremo Tribunal Federal (STF) e tornados públicos nesta quarta-feira (13) atestam que o presidente Jair Bolsonaro teve resultado negativo nos exames para o novo coronavírus.

Os documentos só foram divulgados após o jornal “O Estado de S. Paulo” entrar na Justiça pedindo acesso. Os laudos foram registrados com nomes falsos, por questão de segurança. O CPF e a data de nascimento nos papéis são, de fato, de Bolsonaro.

Antes, o presidente já tinha anunciado os resultados negativos em redes sociais, mas se recusava a mostrar os laudos em si.

“Para a realização dos exames foram utilizados no cadastro junto ao laboratório conveniado Sabin os nomes fictícios Airton Guedes e Rafael Augusto Alves da Costa Ferraz, sendo preservados todos dados pessoais de registro civil junto aos órgãos oficiais”, afirma o ofício do Comandante Logístico do Hospital das Forças Armadas, Rui Yutaka Matsuda.

Laudo de um dos exames entregues pelo governo ao STF; presidente usou codinome ao enviar amostra — Foto: STF/Reprodução

O processo chegou ao Supremo Tribunal Federal e, na noite desta terça (13), a Advocacia-Geral da União (AGU) forneceu os laudos ao ministro relator, Ricardo Lewandowski. Os papéis foram mantidos em envelope lacrado e, no início da tarde, Lewandowski determinou a inclusão nos autos, sem sigilo.

“Determino a juntada aos autos eletrônicos de todos os laudos e documentos entregues pela União em meu gabinete, aos quais se dará ampla publicidade”, afirmou o ministro na decisão.

A ação movida pelo “Estadão” foi marcada por idas e vindas. O jornal chegou a receber decisões favoráveis, com a determinação de que o exame fosse entregue em 48 horas, mas o governo conseguiu reverter a ordem no Tribunal Regional Federal da 3ª Região (TRF-3).

VEJA MAIS: CODINOMES AIRTON E RAFAEL E O PACIENTE 05 – (FOTOS): Veja os exames negativos de Bolsonaro para Covid-19

O jornal recorreu, então, ao Supremo. Nesta terça, a AGU decidiu entregar os laudos antes mesmo de uma decisão do ministro Lewandowski.

Sequência de testes

O primeiro exame foi feito por Jair Bolsonaro logo após o retorno de uma viagem oficial aos Estados Unidos, em março. Naquele momento, uma TV americana chegou a afirmar que o presidente tinha sido contaminado, sem apresentar documentos.

Ao longo daquele mês, pelo menos 23 pessoas que participaram da viagem oficial testaram positivo para a Covid-19. O primeiro diagnóstico foi do secretário de Comunicação da Presidência, Fábio Wajngarten, que já voltou ao Brasil isolado no avião e fez o teste após o desembarque.

Dias depois, Bolsonaro repetiu o teste como parte do protocolo de segurança, para evitar um falso negativo motivado pela chamada “janela imunológica”. O presidente voltou a anunciar resultado negativo, sem apresentar qualquer comprovação.

O terceiro exame não foi divulgado pelo presidente em rede social, mas consta na lista de documentos entregues pela AGU.

G1

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Carlos disse:

    2 coisas :
    1) se deu negativo pra que o imbecil fez esse pantim todo .
    2) porque usa nomes falsos pra fazer os exames ? Porque não queria deixar rastro se desse positivo pra continuar andando em público e trânsito do q doença

  2. Sérgio disse:

    Qual será a próxima?
    Essa cambada não engole a derrota.
    Inventa outra, essa não colou!!

  3. Paulo Roberto disse:

    Eita, será que vão exigir espermograma?!

  4. Muda Brasil disse:

    Satisfeitos bando de carniças, agora procurem uma madeira bem grande pra sentar e chorem.

  5. Ojuara disse:

    O exame era no juízo, que ele não tem. Kkkkkkk
    Esses do covid desmoralizou todos os babacas que estavam lhe perturbando. Isso é particular mesmo, globolixo, folha e os PTralhas se ferraram com essa.

  6. Véio de Rui disse:

    E agora, vão atrás do que?
    Deixem o homem trabalhar, vocês perderam, não falam tanto em democracia, que democracia é essa que só vale pra um lado ?

  7. Francisco Alves disse:

    Outro tapa nas fuças dos idiotas da imprensa aloprada. Qual será o próximo factóide a que estes incompetentes irão se apegar???
    Afinal, o presidente continua firme e forte com seus 60 milhões de apoiadores. Aceita que dói menos…

  8. André disse:

    chuuuupaaaaaaa, kkkkkk

Lewandowski decide divulgar exames de Bolsonaro

Foto: Sergio Lima/AFP

O ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou nesta quarta-feira a publicação no andamento processual da Corte do resultado de três exames para a Covid-19 aos quais o presidente Jair Bolsonaro foi submetido. A Advocacia-Geral da União (AGU) entregou na manhã desta quarta-feira ao gabinete do ministro um dos exames. Os outros dois foram entregues na terça-feira à noite.

“Determino a juntada aos autos eletrônicos de todos os laudos e documentos entregues pela União em meu gabinete, aos quais se dará ampla publicidade”, escreveu Lewandowski. Os documentos devem ser divulgados pelo STF ainda nesta quarta-feira. Bolsonaro vem dizendo que os resultados dos testes que fez não apontaram a presença coronavírus, mas se recusava a divulgá-los. Ele entregou os exames ao STF como resposta a um processos no qual o jornal “O Estado de S.Paulo” pede acesso aos resultados

O jornal pediu à Justiça e obteve liminar no Tribunal Regional Federal (TRF) da 3a Região. A AGU recorreu e o presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), ministro João Otávio de Noronha, revogou a decisão da primeira instância. Em recurso ao STF, Lewandowski, sorteado para o caso, ponderou que, como o próprio governo se antecipou e entregou os documentos à Corte, ele não teria outra alternativa a não ser dar publicidade aos exames.

“Logo após ajuizada a presente Reclamação, a União, antes mesmo de ser intimada, entregou espontaneamente em meu gabinete os laudos dos exames para que estes, uma vez juntados aos autos, como consequência lógica e jurídica, fossem conhecidos por todos os que neles tivessem algum interesse, mesmo porque a Suprema Corte não é órgão de custódia de documentos de terceiros, sejam eles públicos ou privados, constituindo obrigação desta, ao recebê-los, dar-lhes o destino processual adequado”, explicou o ministro.

Lewandowski afirmou ainda que, “com a entrega dos referidos laudos laboratoriais, deixou de existir o obstáculo para que tal ocorresse, em face da entrega espontânea dessa documentação, pela União, ao Supremo Tribunal Federal, para que deles tivesse ciência a reclamante (o jornal)”.

Na manhã desta quarta-feira, Bolsonaro comentou a entrega dos testes ao STF.

— O meu advogado chama-se dr. (José) Levi, (ministro) da AGU. O ministro vai decidir hoje, Lewandowski, deve decidir hoje à tarde, se dá a liminar, decide judicialmente se eu entrego ou não. Então já mandamos entregar pra ele e ele decide o que fazer — declarou Bolsonaro.

Questionado se é favorável à divulgação dos exames, ele respondeu que está “fazendo valer a lei”, da qual é “escravo”:

— E a lei diz que a intimidade… isso aí você não precisa divulgar. Por isso que eu desde o começo me neguei a negar. Agora alguns acham que eu tô mentindo. Já adianto: caíram do cavalo.

Em nota na noite de terça-feira, a AGU informou que “os laudos confirmam que o presidente testou negativo para a doença”. A AGU tomou a decisão de entregar os exames antes de Lewandowski decidir sobre um pedido de divulgação do exame.

O Globo

 

“Talvez já tenha pegado covid-19 no passado e nem senti”, diz Bolsonaro; presidente diz que usa “nomes fantasia” em pedidos de exames e receitas para se proteger

Foto:(Ueslei Marcelino/Reuters)

O presidente Jair Bolsonaro concedeu entrevista na manhã desta quinta-feira (30) à Rádio Guaíba, antes de embarcar para o Rio Grande do Sul, em agenda oficial. Quanto à decisão da Justiça Federal que o obriga a apresentar os exames que fez para diagnóstico do novo coronavírus sob prazo que se encerra hoje, o presidente voltou a afirmar que, caso perca recurso movido pela Advocacia-Geral da União (AGU), irá divulgar os documentos.

Na segunda-feira (27), por decisão da juíza Ana Lúcia Petri Betto, o jornal O Estado de S. Paulo conseguiu na Justiça o direito de obter os testes de covid-19 feitos por Bolsonaro. Ao minimizar, por mais uma vez, os efeitos da covid-19 à saúde, o presidente disse: “Eu talvez já tenha pegado esse vírus no passado e nem senti”.

O chefe do Executivo ainda repetiu que usa “nomes fantasia” em pedidos de exames e receitas de medicamentos para se proteger. “Sou uma pessoa conhecida para o bem ou para o mal. Quando fui medicado, coloquei nome fantasia porque na ponta da linha está um ser humano, não se sabe o que pode ser feito se alguém souber que é Jair Bolsonaro”, justificou o presidente.

Com informações do Estadão

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Cigano Lulu disse:

    A Pablo Vittar vai ficar morrendo de inveja. Mas, por via das dúvidas, qual é o mesmo o "nome social" do PR?

  2. François Cevert disse:

    Esse nem o virus quer!!!

  3. Anderson disse:

    Ta correto
    Mitooo

  4. Marieta disse:

    Falsidade ideológica agora é nome fantasia? Oi????

  5. Véi de Rui disse:

    Ninguém exigiu o exame de sífilis do barbudo do triplex né

    • ana disse:

      Um cristal puro. Intocado pela inteligência. Mas vamos lá:
      1- Sífilis não pega pelo ar/ aperto de mão
      2- Não, não estamos vivendo uma pandemia de sífilis
      3- Sífilis tem cura
      4- Tem mais coisa, mas dá preguiça, sabe?

  6. Manoel disse:

    Confessou q teve. Covarde! Sabe q terá q mostrar o exame.
    Como alguém apoia ainda esse mentiroso?

  7. Valéria disse:

    Deveriam deixar o presidente governar, ao invés de ficarem perdendo tempo com coisas tão pequenas.

    • Anti-Político de Estimação disse:

      O problema é que ELE NÃO QUER governar; só quer se meter em coisas pequenas……

    • ana disse:

      Não é pequeno não!!! Se sabia que tinha o vírus e propositalmente saiu contaminando as pessoas, cometeu um crime BEM grave. Tem que responder! Ou agora teremos bandido de estimação?

  8. Observando. disse:

    Usou o nome de Ustra.

  9. Zé Ninguém disse:

    CAPETÃO FAKE o novo super herói(?) dos seguidores inconsequentes ou inconscientes. O MICO é o protagonista da comédia republicana. MOURÃO JÁ! Com certeza o General será melhor do que o capitão.

    • Bruno disse:

      Logo vi, olha quem falou, só podia, Zé ninguém.

    • Zé Ninguém disse:

      "eu sou do povo….eu sou o zé ninguém…aqui embaixo as leis são diferentes ". Bruno vc é o cara! Não é piada. Vejo que você é inteligente e importante. Parabéns! Eu sou mesmo um zé ninguém

    • Paulo disse:

      Só pode ser um otário, com um nome desse já diz tudo. Não fala com nada

    • Zé Ninguém disse:

      Tô brincando….O MITO é o CARA! Vcs também são. Vou sumir, para não sumir. Vocês são legais e educados. Mas tenho medo das milícias digitais e das reais. Fui…….

Bolsonaro diz que se sentirá ‘violentado’ se for obrigado a revelar seus exames de Covid-19: “a lei vale para o presidente e para o mais humilde cidadão brasileiro”

Foto: Jorge William / Agência O Globo

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta quinta-feira que se sentirá “violentado” se for obrigado a divulgar o resultado dos exames que fez para saber se estava ou não contaminado pelo novo coronavírus. O jornal “O Estado de S.Paulo” obteve na Justiça Federal o direito de ter acesso aos testes. O prazo para a apresentação dos laudos vence hoje, caso não haja recurso.

Bolsonaro disse que a Advocacia-Geral da União (AGU) “deve ter recorrido”. Na noite de quarta-feira, contudo, a AGU informou que ainda está estudando “a adoção de medidas processuais cabíveis”. O órgão disse que a União foi intimada na terça-feira da decisão, que deu 48 horas para o cumprimento.

— Você sabe que nós dois tivermos com uma doença grave nós não somos obrigados a divulgar o laudo. Isso é uma lei. E a lei vale pra todo mundo, tá ok? A AGU deve ter recorrido, e se nós perdermos o recurso, daí vai ser apresentado. E vou me sentir violentado. A lei vale para o presidente e para o mais humilde cidadão brasileiro — disse Bolsonaro.

Em março, nos dias 12 e 17, quando voltou de uma viagem oficial aos Estados Unidos, o presidente realizou os testes para detectar a doença. Nos dois casos, Bolsonaro afirmou que o resultado foram negativos, mas não apresentou os resultados. Pelo menos 23 pessoas de sua comitiva foram infectadas, entre eles, o secretário de Comunicação Social da Presidência da República, Fabio Wajngarten, e o ministro do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), Augusto Heleno.

O Globo

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Teobaldo Medeiros disse:

    Penso que é só uma questão de tempo para ele mostrar o exame negativo falsificado.

  2. Marcos disse:

    A medo da mulesta!!!! Ser presidente tem disso, tem que agir como um líder, não um cachorrinho acuado. Só sabe mandar para fazer coisas erradas, palhaço.

  3. Anti-Político de Estimação disse:

    Kkkkkkkkk. Tá com medinho de que Capitão ??? deixa de mimimi……

  4. Cigano Lulu disse:

    Haja siglas para inglês ver!… AGU, pela própria definição, sugere que fosse Advocacia-Geral da União. Mas não. Na prática (e conforme Freud a prática sempre desmoraliza a teoria), porém, ela não passa de uma advocacia particular do presidente da república, embora bancada pelo babaca do contribuinte.

  5. Manoel disse:

    Deixa de mimimi e mostra logo esse exame!

  6. Ricardo Coutinho2 disse:

    Ai eu respondo, E daí?

  7. josimar disse:

    quem não deve não teme

  8. Bruno disse:

    Estão esperando o que para afastar esse demônio? Mt gente morrendo, ele tem culpa direta.

Câmara dá 30 dias para Bolsonaro mostrar exames de coronavírus

Jair BolsonaroJair Bolsonaro | Reprodução / Globo News

A Câmara dos Deputados deu 30 dias para que a Presidência da República apresente os resultados dos exames feitos por Jair Bolsonaro, para comprovar se o presidente contraiu ou não coronavírus.

A Mesa Diretora da Câmara dos Deputados aceitou o requerimento feito pelo deputado federal Rogério Correia (PT-MG) e enviou a solicitação para a Secretaria-Geral da Presidência.

Se a Presidência não responder o pedido, vai desobedecer o artigo 50 da Constituição, que prevê crime de responsabilidade para autoridades do executivo que não prestarem informações solicitadas pela Câmara ou Senado.

Em março, o presidente fez dois exames depois de retornar de uma viagem dos Estados Unidos em que mais de 20 integrantes da comitiva presidencial voltaram contaminados com a covid-19. Ele disse que o teste deu negativo, mas se recusou a apresentar o documento.

Bela Megale – O Globo

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Cesar Bomone disse:

    ESTOU TENTANDO ENTENDER O QUE ISSO VAI INFLUENCIAR NA CRISE.
    Esses petralhas tentam pertubar de toda forma, RIDÍCULO, tantas coisas para se preocupar nessa crise.

  2. Cigano Lulu disse:

    Por que Bolsovírus está com medo de mostrar o resultado do teste? Ou ele prefere surpresa daqui a nove meses?

  3. Antonio Turci disse:

    Preocupa-me apenas a saída desta crise. Se o Presidente deu positivo ou negativo no teste do vírus chinês, pouca importa. Ridícula esta polêmica.

  4. Ivan disse:

    Impeachment agora eles não querem, se não haverá uma nova eleição, isso só quando entrar janeiro de 2021, que o vice assume já pode assumir.

  5. ELEITOR disse:

    Acima de tudo ele é um cidadão e quando paciente seu histórico médico é vedado a ele e seu médico , o resto é ignorância de quem desconhece a legislação de direitos individuais. Avisa a estes petistas que as eleições já encerraram e em 2022 não vai ter nem 2º turno é o mito na cabeça . Doido é quem defende corrupto condenado !!!

  6. Queiroz disse:

    Se deu positivo, é por isso que ele chamou de gripezinha. Não deixou de trabalhar (atazanar os petralhas) um dia. Hehehe

  7. Getro disse:

    Trump colocou a cabeça de maduro a prêmio….e Lula tá no meio do fogo cruzado….segura lulao, apoiar um narcotraficante e terrorista que nem é maduro.

  8. Francisco Alves disse:

    Estou estupefato com a brutal ignorância do deputado do PT! O energúmeno tentar forçar o Presidente a mostrar um documento pessoal é de doer. Ora, se o Presidente estivesse infectado o mundo já saberia, não é mesmo? Ademais, ao menos que eu saiba, qualquer pessoa que contrai o vírus na faixa etária de Bolsonaro tem uma reação bastante violenta, tendo inclusive, na maioria das vezes, que ser internado.
    Os cães ladram mas a caravana continua sua jornada.

    • Lucas disse:

      kkkkkkk, que passada de pano, não? Concordo que se trata de um documento pessoal, mas atestar que o presidente não foi infectado com tanta veemência, só pode ser muito fanatismo ou inocência! Lembre-se: ele adora imitar o Trump, o Trump esfregou o exame na cara da mídia, pq o mitinho não fez o mesmo?

  9. Ricardo disse:

    Tá. E se teve? Se teve e foi assintomático? O que muda? E se foi curado com ajuda da cloriquina?

    • ricardo LÚCIDO disse:

      Só muda nada caro xará . Não é isso que eu digo ? Ele diz que deu negativo . Pronto qual o problema criatura ? Pode treslido assintomático , mas o assintomático também transmite bebê.mas se ele disse que fez e deu negativo pronto . Resolvido .

  10. Paulo disse:

    Os ratos não se confirmaram de perder a boquinha.

  11. Luciana Morais Gama disse:

    Interessante que nunca pediram o TESTE DE EMBRIAGUEZ em Lula da Silva. Quantas vezes ele falou sob o efeito do álcool??

    • Lucas disse:

      Lula é um morto vivo político! Agora vamos falar do seu presidente, todas as cagadas dele então se justificam invocando o defunto Lula? Que orgulho, hein?

  12. RICARDO LÚCIDO disse:

    Pronto BG . Agora chegamos no ponto X da questão. O presidente , votei nele e me arrependo , tem a maior oportunidade do mundo de mostrar qua ê um homem de palavra . Não vejo nada demais , ele disse que deu negativo , o que mais esperar ou espernear ? O exame pode ser adulterado ? Não acredito . Acredito mais na palavra do presidente , votei. nele e me arrependo . Mostre esse exame homem , seja arrochado . Assuma logo a direção dessa bodega rapaz . Cadê o cabra que não tem medo ? Cadê aquele Bolsonaro que conheci ,? Se ele mostrar vai ganhar Confiança . # mostraoexamemito .

  13. TonhãoTo0 disse:

    Seria melhor um exame de sanidade mental, apesar de todo mundo já saber o resultado.

    • Eduardo Neto disse:

      Kkkkkkk melhor comentario até o fim.da pandemia!!! Kkkkk

    • Bento disse:

      Será que o cachaça consegue tirar Antecedentes Criminais.
      Negayivo é claro.

    • Carlão disse:

      Concordo com você Tonhão, se isso for extensivo a Dilma.
      Podendo até ser criados um medidor sobre o nível de corrupção que cada presidente teve quando estava no cargo. Desde o período militar até hoje.
      Podemos começar assim:
      Escândalos Governo Lula/Dilma:
      2003- Banestado
      2003- Operação Anaconda
      2004- Caso Waldomiro Diniz
      2004- Banpará
      2004- Caso G Tech
      2005- Correios
      2005- Mensalão
      2005- Dolar na cueca
      2005- Valerioduto
      2005- Propina em Ribeirão
      2006- Caso Francenildo
      2006- Caso Sanguessugas
      2006- Aloprados
      2007- Caso Monica Veloso
      2007- Cheque da Gol
      2007- Caso Schincariol
      2007- Os Laranjas de Alagoas
      2007- Golpe INSS
      2008- Caso dos Cartões Corporativos
      2008- Dosiês Falsos
      2008- Caso Satiagraha
      2008- Paulinho da Força e o BNDES
      2009- Atos secretos
      2009- Caso Lina Vieira
      2009- Mensalão do DEM
      2010- Bancoop
      2010- Novos Aloprados
      2010- Caso Erenice
      ————————
      Escândalos Governo Dilma
      2011- Caso Palocci
      2011- Escândalo no Min Transportes
      2011- Escândalo no Min Agricultura
      2011- Escândalo no Min Turismo
      2011- Escândalo no Min Cidades
      2011- Escândalo no Min. Esporte
      2011- Escândalo no Min. Trabalho
      2012- Caso Cachoeira
      2012- Escândalo no Min da Pesca
      2012- Operação Porto Seguro
      2013- Mafia do ISS
      2014- Operação Lava Jato

    • Paulo disse:

      Esse exame quem deve fazer é vc meu caro.
      Fa uma olhada no comentário do Carlão veja, e tire suas conclusões.
      Blz??

  14. Zanoni disse:

    É o presidente. Tem telhado de vidro, sim. Deve mostrar o exame. Votei para afastar o PT, mas não voto mais.

  15. Teobaldo A Dantas de Medeiros disse:

    Oi? 30 dias pra apresentar? Dá tempo de muita coisa…

  16. Zé Ninguém disse:

    O exame que o presidente e muitos brasileiros prescisam mostrar é o de sanidade mental por defenderem a ladrões e loucos. Para concorrer a qualquer cargo político e para votar deveria ser exigido o atestado de sanidade mental. Pra mim, quem defende Lula e o PT, como também quem defende Bolsonaro, precisa de tratamento da mente.

  17. A Palhaçada do Ano disse:

    Uma coisa é desobedecer o Art. 50 não prestando informações relativas a atuação institucional e administrativa da gestão. Outra coisa é tentar obrigar o cara a repassar informar pessoais.

    Kkkkkkk!
    É desespero! É desespero! É desespero!

  18. Anônimo disse:

    Agora sim o exame é de cunho pessoal e não há obrigação dele apresentar, o que ele pode fazer é informar de próprio punho que fez os exames e que é de seu controle pessoal que não vai apresentar e aí o que tem demais nisso, os Ptralhas vão se preocupar em devolver o dinheiro que vcs roubaram quando o Lula e a Dilma estavam na presidência

  19. Cabo Silva disse:

    Ai, papai! Estou sentindo cheiro de impeachment.

    • Fran disse:

      O cheiro que você está sentindo é o seu cérebro pegando fogo. Não existe terceiro turno. Fique embaixo da cama até 2022.

    • ricardo lúcido disse:

      Cabo Silva uma ova ! Para mim já é sargento !

    • realista disse:

      chupa o cotovelo e chora que doi menos , será que não caiu a ficha pra vc que o cara foi eleito democraticamente ? que eleições pra presidente só em 2022 ? estou sentindo cheiro de outra pêia nas urnas , eu vivi pra ver o fim dessa quadrilha chamada PT.

    • Ricardo disse:

      Vão em frente…. Paguem pra ver.

    • Carlos disse:

      Chora esquerdinha derrotado!!!! kkkkkkkkk

TENDÊNCIA: Hospital Albert Einstein agora só faz exames de Covid-19 em casos graves

Foto: Reprodução

O Hospital Albert Einstein, em São Paulo, que vem realizando um grande número de exames para a Covid-19, depois de registrar o primeiro caso no Brasil, decidiu restringir os exames de coleta de material a ser analisado a apenas os casos graves.

Ficam de fora os assintomáticos e os sintomáticos leves. A notificação será apenas de pacientes internados.

Se esses forem os passos dos demais hospitais, privados e públicos, o Brasil terá uma grande subnotificação dos infectados pelo novo coronavírus.

O Antagonista

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Chicó disse:

    Tudo sob controle !!!

Exames descartam coronavírus em paciente internado em Natal

A Tribuna do Norte destaca na tarde desta quinta-feira(13) que o primeiro caso suspeito de coronavírus, por um jovem de 25 anos, no Rio Grande do Norte foi praticamente descartado.

O paciente que apresentou em unidade hospitalar se queixando dos sintomas , é natural de Baía Formosa, e foi internado no Giselda Trigueiro, em Natal. Passou por exames de sangue, urina e respiratórios, que descartam a hipótese do vírus.

“Ele está muito bem. Praticamente descartado o caso. Deve ser outra doença respiratória comum”, disse o infectologista André Prudente.

O desdobramento do caso, que ganhou repercussão nacional, aconteceu após o jovem ter relatado contato com chines na praia de Pipa. “O tempo que ele relata ter se encontrado com chineses já é um tempo meio fora do período de transmissão. O próprio quadro clínico dele não teve alterações típicas da doença”, resumiu o infectologista.

Mais detalhes aqui.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Ferreira disse:

    Os Civis já devem ter percebido que não valem nada pra esse desgoverno. Os Milicos estão só dobrando os salários e privilégios que já não são poucos.
    A Democracia vai ficando cada vez menor, governada por quem entende bem de ordem unida e submissão. e
    Perde espaço os civis que ainda restam com alguma dignidade…

  2. Evan Jegue disse:

    Tá rolando nos grupos que ele é um mintomaníaco.

Exames de direção veicular serão aplicados pelo Detran em 21 cidades distribuídas em todas as regiões do RN

Examinadores do Departamento Estadual de Trânsito do RN (Detran) iniciam na próxima segunda-feira (05) o cronograma do mês de agosto de aplicação dos exames práticos de direção veicular direcionados as cidades do interior do Rio Grande do Norte. No decorrer do mês, 21 municípios polos distribuídos em todas as regiões do Estado terão candidatos a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) avaliados pelo Departamento.

Os próximos municípios visitados serão: Parelhas (05); Acari (06); Currais Novos (07); Lagoa Nova (08); Santa Cruz (09); Umarizal (12); Angicos e Assú (13); Alto dos Rodrigues (14); Macau (15); São Paulo do Potengi (16); Patu (19); Jucurutu (20); Caicó (21); Jardim do Seridó (22); Jaçanã (23); Caraúbas (26); Apodi (27); São Miguel (28); Pau dos Ferros (29); e Alexandria (30).

A previsão é que mais de dois mil exames sejam efetivados no interior do Estado durante o mês de agosto. Os peritos analisam o conhecimento prático de volante dos alunos que já foram considerados aptos nos exames médico e psicológico, e que também já concluíram a carga horária de aulas prática e teórica ministradas pelo centro de formação de condutor de sua escolha.

Para que o candidato seja aprovado no teste é necessário que ele não cometa nenhuma falta eliminatória e que a soma dos pontos negativos seja menor do que três. No caso de reprovação o candidato só poderá repetir o exame decorrido 15 dias da divulgação do resultado.