Polícia Civil prende, no Paço da Pátria, homem por latrocínio contra policial militar em abril de 2018

Foto: Ilustrativa

Policias civis da Divisão Especializada em Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) prenderam, na manhã desta quarta-feira (27), Janderson Ferreira Leones, 24 anos. Ele foi recapturado no bairro Paço da Pátria, na Zona Leste da Capital Potiguar. A prisão se deu em cumprimento a um mandado de prisão preventiva, decorrente de sentença condenatória pelo crime de latrocínio que vitimou o sargento da Polícia Militar, José Edivaldo do Nascimento, ocorrido em 21 de abril de 2018.

Em março, ele havia sido preso pelo crime de tráfico de drogas, quando foi encontrado com 25 porções de “crack”, o que somava 2,33 gramas da droga. Após essa prisão, realizada em março, ele passou a responder por dois processos: um referente ao latrocínio que vitimou o sargento e outro relativo ao tráfico de drogas que motivou sua prisão. Em razão de a conduta ter sido considerada posse de drogas para consumo pessoal, ele foi solto pela Justiça em setembro deste ano, apesar de haver um pedido de prisão preventiva por parte da Polícia Civil, referente à morte do policial militar.

Ainda no mês de setembro, Janderson Ferreira foi condenado pela Justiça, em primeira instância, a uma pena de 17 (dezessete) anos e 06 (seis) meses de reclusão, pela morte do sargento da Polícia Militar, José Edivaldo do Nascimento, ocorrida em 21 de abril de 2018. Com a condenação, a prisão preventiva de Janderson Ferreira foi decretada.

Durante as diligências realizadas nesta quarta-feira (27), no Paço da Pátria, foram encontrados, em outro imóvel, duas mesas de som, com valor de aproximadamente R$ 2.500,00 (dois mil e quinhentos mil reais), além de diversos produtos para cães, como coleiras, guias, rações e bolsa para transporte, os quais possivelmente são provenientes de roubos ou furtos. A proprietária do petshop, que foi vítima do crime de furto, foi identificada e o responsável pelo imóvel, no qual o material foi encontrado, foi atuado em flagrante por receptação dolosa.

Janderson Ferreira foi encaminhado ao sistema prisional, onde permanecerá à disposição da Justiça. A Polícia Civil solicita que o proprietário das mesas de som apreendidas, portando o respectivo boletim de ocorrência, procure a Divisão Especializada em Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), localizada no endereço Av. Capitão-Mor Gouveia, 1339 – Cidade da Esperança, Natal, para reconhecimento e entrega do material.

Fonte: Secretaria de Comunicação Social da Polícia Civil/RN – SECOMS

Polícia Civil realiza Operação “Noite Segura” em pontos turísticos de Natal

A Delegacia Especializada em Assistência ao Turista (DEATUR) e a Delegacia Especializada em Defesa ao Meio Ambiente (DEPREMA) estão realizando, desde o mês de outubro, a Operação “Noite Segura”. As ações são promovidas na orla marítima e nas ruas do bairro de Ponta Negra, com o objetivo de prevenir furtos e roubos nos pontos turísticos, bem como combater o tráfico de drogas na região.

A operação está trazendo resultados positivos, como: recuperação de veículos roubados e apreensões de simulacros de arma de fogo, utilizados na prática de roubos. Na noite desta terça-feira (19), foram realizadas várias abordagens, nos corredores turísticos, sendo apreendidas porções de drogas para consumo, com a posterior identificação e qualificação dos usuários de drogas e a lavratura dos Termos Circunstanciados de Ocorrência (T.C.O.) na DEATUR/DEPREMA. A operação continuará acontecendo, duas vezes por semana, até o final de novembro.

A Polícia Civil pede que a população continue enviando informações de forma anônima através do Disque Denúncia 181.

Fonte: Secretaria de Comunicação Social da Polícia Civil/RN – SECOMS

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Yusuke urameshi disse:

    Na redinha sempre tem essas operações #SQN!

OPERAÇÃO ZERO: Sem acordo com o Governo, agentes e escrivães da Polícia Civil realizam paralisação no RN a partir desta terça

Foto: Divulgação/Sinpol-RN

Policiais civis do Rio Grande do Norte decidiram que, a partir desta terça-feira, 5, vão deflagrar a Operação Zero e se concentrar na Central de Flagrantes. A categoria cobra uma nova proposta do Governo do Estado referente ao projeto de reestruturação de carreira, bem como as promoções atrasadas que não foram implantadas, previsão de pagamento dos salários atrasados e melhores condições de trabalho.

A diretoria do SINPOL-RN informa que foi chamada para uma reunião com o Governo na manhã desta segunda-feira, 4, no entanto, não houve nenhum avanço.

“Infelizmente, chegamos às 8h30 no Centro Administrativo e saímos às 16h sem absolutamente nada. A equipe do Executivo abandou, literalmente, a diretoria do sindicato em uma sala, por volta das 12h, e não retornou mais. Somente após termos ligado para cobrar um posicionamento nos foi dito que não havia previsão da possível proposta a ser apresentada”, explica Nilton Arruda.

A diretoria então voltou para o SINPOL-RN e repassou as informações aos Agentes e Escrivães. “Diante da insatisfação e do tratamento desrespeitoso que recebemos, ficou deliberado pelo início da Operação Zero”, completa.

Com a deflagração da Operação Zero, os Policiais Civis esperam ser recebidos pela governadora Fátima Bezerra e que ela coloque uma proposta na mesa. “Os rumos do nosso movimento dependerá do próprio Governo. O prazo assinado em um termo de compromisso no dia 23 de julho se venceu em 31 de outubro, então, agora é uma questão de vontade política”.

A diretoria do SINPOL-RN lembra que os policiais civis vêm lutando por valorização pelo trabalho realizado no combate à insegurança. “Nós queremos que o Governo reconheça o esforço que temos feito diariamente, inclusive, por sermos um dos piores efetivos do Brasil, cobramos também a realização do concurso público”.

Com a Operação Zero nesta terça-feira, conforme a deliberação, os Policiais Civis do interior devem se concentrar nas delegacias regionais.

Com informações do Sinpol-RN

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. João Ferreira disse:

    Fatão será a governadora de Hum Mandato só. Hoje ela deve estar bastante arrependida por deixar o Senado para ser governadora.

  2. Cigano Lulu disse:

    Greve de policiais no governo de Fatão GD? Conte outra que é melhor. Nossa polícia é mais frouxa que bermuda de palhaço.

  3. Chico disse:

    Plano de cargo e reestruturação da carreira isso não acaba nunca, todo ano tem. Foi com essa conversa que faliram o RN. Vai terminar ninguém recebendo.

FOTO: Governo entrega veículos, armamentos e assina decretos que beneficiam a Polícia Civil

Foto: Elisa Elsie

Nesta sexta-feira, 25, quando a Polícia Civil do RN comemora 38 anos de criação, o Governo do Estado anunciou investimentos e benefícios para a instituição. Em ato solene na sede da Delegacia Geral de Polícia – Degepol, em Natal, a governadora Fátima Bezerra fez a entrega de seis novos veículos e armamentos. Além disso a governadora também assinou três decretos que contribuem para a melhor estruturação.

Os decretos integram à Polícia Civil o terreno de posse do Estado onde fica a sua sede, na Avenida Interventor Mário Câmara, n° 3.532 (antigo número 2.550), na Cidade da Esperança, em Natal. Com o decreto, a responsabilidade pelo terreno de 30.000 m² sai do Gabinete Civil para a Policia Civil. O segundo decreto passa para a posse da Polícia Civil o prédio onde está a Delegacia de Polícia Civil de Nísia Floresta, localizado na Rua Nossa Senhora do Ó, nº 117, Centro, Nísia Floresta/RN.

O terceiro decreto regulariza as plantas dos imóveis existentes nos terrenos. Na prática os decretos dão mais autonomia e segurança institucional para a Polícia Civil, que poderá prestar um serviço melhor à população. A Procuradoria-Geral do Estado fará os procedimentos relativos à titularização e registro do imóvel perante o Cartório de Registro de Imóveis competente.

CONCURSO PÚBLICO

“A Polícia Civil tem desempenhado papel muito importante. Tanto é que conseguimos reduzir a criminalidade e a violência em 30 por cento, superando a média nacional”, afirmou Fátima Bezerra. Ela, entretanto, considerou que “precisamos avançar muito mais, inclusive no que diz respeito à valorização profissional e salarial dos nossos agentes. Não tenham dúvida alguma que as negociações para melhorar as condições na Polícia Civil continuaram em curso. O diálogo é o caminho para que a gente posso chegar ao entendimento. Essa proposta de diminuição de salários não vale, a Constituição não permite e muito menos isso aconteceria no nosso governo”, afirmou Fátima Bezerra para anunciar que nos próximos dias será publicado o decreto nomeando a banca examinadora do concurso público para agentes, antiga reivindicação da categoria.

Na solenidade,a governadora foi homenageada com placa de reconhecimento por serviços prestados à Polícia Civil. Outras autoridades também foram contempladas como o vice-governador Antenor Roberto, os secretários de Estado Armelli Brennand (Semjidh), Aldemir Freire (Seplan), Francisco Araújo (Sesed), Fábio Ataíde juiz auxiliar da CGJ, Gustavo Coelho (Infraestrutura), Iris Oliveira (Sethas), Virgínia Ferreira (Administração), Pedro Lopes (Control), Julielson Oliveira diretor-geral do Detran, Karla Veruska (Sine), e delegados que ocuparam a Direção Geral da PC – Adson Maia, Bento Medeiros (in memoriam), Elias Nobre Neto, Fábio Rogério, Francisco Assis Cunha, Iolando Farias, Cleiton Pinho, Correia Júnior, Ricardo Sérgio Costa de Oliveira. Autoridades do Exército, polícias federal e rodoviária federal, ministério público, Tribunal de Justiça e jornalistas também receberam a homenagem.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Diego disse:

    Parabéns ao ministro Sérgio Moro.

  2. Diego disse:

    Gostaria de saber de onde vem os recursos? Segundo a governadora o estado está quebrado, existem folhas salariais atrasadas por falta de recursos. É o governo estadual ou FEDERAL que está trabalhando?

  3. Antenado disse:

    E o salário oh

  4. Cigano Lulu disse:

    Fatão GD é uma mãe para as polícias. Nunca os bichim foram tão bem tratados por um governante. (Ou é uma governanta?)

  5. Vitor Araújo disse:

    Governo federal trabalhando a todo vapor.

    • Bozomaluco disse:

      Queiroz que o diga !!!

    • Rio disse:

      Ja deu bom dia para o seu presidiario barbudo???? Aguenta ai o presidente por pelo menos 4 anos….o choro é livre , viuvinha do presidiario de nove dedos.

FOTO: Polícia Militar com apoio da Polícia Civil prende homens com quase 7 mil carteiras de cigarros contrabandeados em Caicó

Foto: Divulgação

Uma ação inicializada por policiais militares do Grupo Tático Operacional (GTO) do 6º Batalhão de Polícia Militar de Caicó, que contou com a ação de policiais civis da Delegacia Municipal de Polícia Civil de Caicó, resultou na prisão em flagrante de três homens, na apreensão de 6.903 carteiras de cigarros contrabandeados e na apreensão de pistola calibre 380, nessa quarta-feira (23), em Caicó.

Durante diligências, policiais militares do GTO conseguiram prender dois homens que estavam portando 15 pacotes de cigarros de origem contrabandeada, que seriam destinados a pontos de comércio do município. Foram presos em flagrante pelo crime de contrabando Matheus Eduardo Lima, de 24 anos, e Samek Esrom Coelho da Silva, de 21 anos.

Após a prisão da dupla, a equipe da Polícia Civil de Caicó e os policiais militares realizaram diligências para localizar o proprietário da mercadoria ilícita e conseguiram prender em flagrante Alisson Mateus da Silva Oliveira, conhecido como Alisson Cd’s, de 30 anos. Na residência do suspeito, foram apreendidas caixas com carteiras de cigarros contrabandeados, de origem estrangeira e proibida, bem como grande quantidade de dinheiro.

Durante as buscas realizadas na residência do suspeito, os policiais encontraram uma pistola calibre 380. Alisson foi autuado em flagrante delito pelo crime de posse ilegal de arma de fogo e pelo crime de contrabando.

A Polícia Civil agradece o apoio da população e solicita que denúncias anônimas sejam realizadas pelo Disque Denúncia 181 ou Whatsapp 84 9 8602 – 0324.

Fonte: Secretaria de Comunicação Social da Polícia Civil/RN – SECOMS

Operação da Polícia Civil prende 39 pessoas no RN por diversos crimes

Foto: Divulgação/Polícia Civil

A Polícia Civil do Rio Grande do Norte, por meio da Diretoria Geral de Polícia (DEGEPOL), da Diretoria de Polícia Civil do Interior (DPCIN) e da Diretoria de Polícia da Grande Natal (DPGRAN), deflagrou, na manhã dessa quarta-feira (23), durante as ações alusivas à comemoração dos 38 anos da Polícia Civil do Estado, a Operação “RN 38”.

Ao longo das diligências, que foram realizadas por diversas equipes em todo o RN, foram cumpridos mandados de busca e apreensão e mandados de prisão, além de prisões realizadas em flagrante, resultando na prisão de 39 pessoas, pela prática de diversos crimes.

1ª DRP – São Paulo do Potengi

Policiais civis da 1ª Delegacia Regional de Polícia (DRP) de São Paulo do Potengi deflagraram na manhã desta quarta-feira (23), a Operação “Milk”, que teve como objetivo cumprir mandados de prisão preventiva, de busca e apreensão contra investigados por integrarem um grupo criminoso suspeito de roubos praticados em fazendas da região. Durante a ação, os policiais civis conseguiram prender dois homens em cumprimento a mandados de prisão e outros dois em flagrante delito.

DEICOR e PC/PB

Policiais civis da Divisão Especializada em Investigação e Combate ao Crime Organizado (DEICOR), em ação conjunta à Delegacia de Homicídios de Patos, da Polícia Civil da Paraíba, prenderam o suspeito pelo homicídio do empresário Edigar Pascoal Nunes, morto em agosto deste ano, na cidade de Patos. José Carlos da Silva Nascimento, conhecido como “Cacau”, de 24 anos, foi preso em cumprimento a um mandado de prisão temporária, na manhã desta quarta-feira (23), quando estava na cidade de São José de Mipibu.

1ª DP de Parnamirim

Policiais civis do 1º Distrito de Polícia (DP) de Parnamirim prenderam, na manhã desta quarta-feira (23), durante Operação “RN 38”, oito pessoas pela prática de diversos crimes. Francisco do Nascimento Júnior, 19 anos e Rafael Bruno Silvestre da Silva, 28 anos, foram presos pela suspeita da prática do crime de roubo. José Adriano de Moura e Jefte Batista dos Santos, 20 anos, pela suspeita da prática do crime de homicídio. Darlan Gabriel Barbosa, 23 anos e Jucilane Maria Rocha, 28 anos, pela suspeita da prática do crime de tráfico de drogas e Antônio Carlos Félix da Silva, 35 anos, pela suspeita da prática do crime de estupro.

DECAP

Policiais civis da Delegacia Especializada em Capturas e Polinter (DECAP) prenderam, na manhã desta quarta-feira (23), durante a Operação “RN 38”, cinco homens pela prática dos mais diversos crimes. Ao longo das diligências, foram presos: Edson Jales Filho, 57 anos, pela suspeita da prática do crime de estupro de vulnerável, Jailson Saturno da Silva, 38 anos, pela suspeita da prática do crime de roubo, Júlio César Lima dos Santos, 20 anos, Lucas Tavares da Silva, 21 anos e Matheus Henrique Bezerra, 22 anos.

DENARC

Policiais civis da Delegacia Especializada em Narcóticos (DENARC) de Natal prenderam em flagrante, nesta quarta-feira (23), Osmar de Oliveira Barbosa, conhecido como “Guga” e apreenderam uma adolescente, suspeitos da prática de tráfico de drogas. A prisão aconteceu na Avenida Conselheiro Tristão, localizada no bairro da Redinha.

DM Tangará

Policiais civis da Delegacia Municipal de Tangará prenderam, na manhã desta quarta-feira (23), durante a Operação “RN 38”, três pessoas. Manoel Gomes Teixeira e José Maciel de Vasconcelos, 48 anos, foram presos pela suspeita de violência doméstica, enquanto Eduardo Teófilo dos Santos foi detido por dirigir embriagado.

DP de Monte Alegre

Policiais civis da Delegacia Municipal de Monte Alegre, com o apoio da Secretaria de Segurança Pública e da Defesa Social do RN (SESED/RN), deflagraram, na manhã desta quarta-feira (23), uma Operação a nível estadual, visando cumprimentos de mandados de busca e apreensão e mandados de prisão. A equipe da Delegacia Municipal de Monte Alegre cumpriu três mandados de busca e apreensão e um mandado de prisão.

Fonte: Secretaria de Comunicação Social da Polícia Civil/RN – SECOMS

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. joao maria disse:

    logo logo a justiça solta, um verdadeiro enxugamento de gelo

    • paulo disse:

      BG
      O estado falido, fazendo operações com gastos de combustíveis, diárias operacionais e a Lei fajuta que no dia seguinte solta os meliantes. Assim não dá, cadê os deputados e senadores do RN para proporem no congresso Leis fortes contra a criminalidade???????

Polícia Civil prende na Grande Natal suspeito de envolvimento na morte de empresário paraibano

Foto: Ilustrativa

Policiais civis da Divisão Especializada em Investigação e Combate ao Crime Organizado (DEICOR), em ação conjunta à Delegacia de Homicídios de Patos, da Polícia Civil da Paraíba, prenderam o suspeito pelo homicídio do empresário Edigar Pascoal Nunes, morto em agosto deste ano, na cidade de Patos. José Carlos da Silva Nascimento, conhecido como “Cacau”, de 24 anos, foi preso em cumprimento a um mandado de prisão temporária, na manhã desta quarta-feira (23), quando estava na cidade de São José de Mipibu.

Investigações da Polícia Civil paraibana revelaram que o crime foi planejado e executado pela companheira da vítima e por “Cacau”, os quais mantinham um relacionamento amoroso. Na noite do dia 20 de agosto, a companheira da vítima deu remédio para que o empresário dormisse e, logo após, “Cacau” entrou na residência e executou covardemente o empresário, efetuando vários disparos de revólver calibre 38.

A Polícia Civil descobriu que, após a prisão da mulher, “Cacau” fugiu para a cidade de São José de Mipibu, com o intuito de ficar escondido na casa de familiares. Investigações realizadas pelos policiais civis da DEICOR e da Delegacia de Homicídios de Patos resultaram na localização do foragido e na efetivação da prisão. Durante interrogatório realizado na DEICOR, o suspeito confirmou a sua participação no homicídio e deu detalhes de como agiu durante a execução do empresário.

A Polícia Civil pede que a população continue enviando informações de forma anônima, através do Disque Denúncia 181, Disque Deicor, pelo telefone: (84) 3232-2862 ou aplicativo WhatsApp, no número: (84) 98135-6796

Fonte: Secretaria de Comunicação Social da Polícia Civil/RN – SECOMS

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. aof disse:

    E o que aconteceu com a companheira da vitima?

Polícia civil fecha casa de caça-níqueis na Zona Sul de Natal

Foto: Ilustrativa

Policiais civis da 5ª Distrito de Polícia de Natal, na tarde dessa quinta-feira (17), fechou uma casa de jogos de azar, localizada no bairro Morro Branco, no município de Natal. A ação aconteceu após o recebimento de denúncias anônimas.

Durante as diligências, foram encontradas quatro máquinas tipo caça-níqueis. Após a abertura dos equipamentos, foi apreendida a quantia de R$289,00 (duzentos e oitenta e nove reais), arrecadada em seis horas de funcionamento do estabelecimento.

As máquinas foram completamente destruídas. A responsável pelos equipamentos estava no local e foi conduzida até a delegacia. Após lavratura de Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO), ela foi liberada.

A Polícia Civil pede que a população continue enviando informações de forma anônima através do Disque Denúncia 181.

Fonte: Secretaria de Comunicação Social da Polícia Civil/RN – SECOMS

FOTOS: Polícia Civil apreende 48 gatos vítimas de maus-tratos no bairro do Alecrim, em Natal

Fotos: Divulgação/Polícia Civil

Policiais civis da Delegacia Especializada em Defesa ao Meio Ambiente (DEPREMA) e da Delegacia Especializada em Assistência ao Turista (DEATUR) deram cumprimento, na manhã desta quinta-feira (17), a um mandado de busca e apreensão em desfavor de uma senhora de 55 anos. Ela foi autuada em flagrante pela suspeita da prática do crime de maus-tratos de animais.

O cumprimento aconteceu na residência da mulher, no bairro do Alecrim, na Capital Potiguar. No local, foram apreendidos: 48 gatos e dois cães em situação de maus tratos. As diligências foram empreendidas após o recebimento de denúncia anônima, informando que todos estes animais estavam amarrados pelo pescoço.

Ela foi conduzida até a delegacia e, após lavratura de Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO), foi liberada.

A Polícia Civil pede que a população continue enviando informações de forma anônima através do Disque Denúncia 181.

Fonte: Secretaria de Comunicação Social da Polícia Civil/RN – SECOMS

Polícia Civil deflagra Operação “Seu Lunga” no interior do RN e prende pai e filho

Foto: Diêgo Holanda/G1/ILUSTRATIVA

Policiais civis da Delegacia Municipal de Nísia Floresta, Arez e Goianinha, com apoio da Polícia Militar de Pedro Velho e de Arez, prenderam, nesta quarta-feira (9), José Arnor Lunga de Sena e seu filho: Gabriel Freitas Lunga de Sena.

A prisão de Gabriel Lunga se deu em cumprimento a dois mandados de prisão preventiva em razão da suspeita da prática de crime referente a Lei Maria da Penha, bem como pelos crimes de: lesão corporal grave, desobediência e resistência. O suspeito estava foragido há um mês, e, nesta quarta-feira (9), foi preso após o recebimento de denúncia anônima na cidade de Pedro Velho, onde estava escondido.

José Arnor Lunga foi preso em flagrante, na cidade de Goianinha, pela prática do crime de posse ilegal de arma de fogo, após o cumprimento de um mandado de busca e apreensão em sua residência, expedido pela Comarca de Arez. Durante as buscas, foram apreendidas: uma pistola calibre .40, com registro vencido em nome de uma outra pessoa, 31 munições, além de um revólver calibre 38 sem registro.

Ambos foram conduzidos até a delegacia e encaminhados ao sistema prisional, onde ficarão à disposição da Justiça. A Polícia Civil pede que a população continue enviando informações de forma anônima, através do Disque Denúncia 181.

Fonte: Secretaria de Comunicação Social da Polícia Civil/RN – SECOMS

Polícia Civil prende suspeito de divulgar cenas de nudez de adolescente no interior do RN

Foto: Ilustrativa

Policiais civis da Delegacia Municipal de Acari deram cumprimento, na manhã desta terça-feira (8), a um mandado de prisão preventiva em desfavor de Michael Ferreira da Silva, 32 anos. Ele é suspeito de divulgar cenas de nudez sem consentimento da vítima. O mandado foi expedido pela Comarca de Acari.

Michael Ferreira está sendo investigado pela suspeita de divulgar vídeo íntimo de uma adolescente em grupos de aplicativo de conversa nas redes sociais. No vídeo, a adolescente aparece sem roupa. Após o fato e o encaminhamento do inquérito concluído à Justiça, ele teria mudado de endereço e não foi mais encontrado depois da denúncia, sendo decretada sua prisão preventiva em virtude disso.

Na manhã desta terça (8), ele foi conduzido até a delegacia e encaminhado ao sistema prisional, onde ficará à disposição da Justiça. A Polícia Civil pede que a população continue enviando informações de forma anônima, através do Disque Denúncia 181.

Fonte: Secretaria de Comunicação Social da Polícia Civil/RN – SECOMS

http://www.policiacivil.rn.gov.br/Conteudo.asp?TRAN=ITEM&TARG=214510&ACT=&PAGE=0&PARM=&LBL=ACERVO+DE+MAT%C9RIAS

FOTO: Polícia Civil prende homem por tráfico de drogas e posse irregular de arma de fogo na Zona Sul de Natal

Foto: Divulgação/Polícia Civil

Policiais civis da Delegacia Especializada em Narcóticos (DENARC) de Natal prenderam em flagrante, na manhã desta terça-feira (1), um homem de identidade a ser confirmada de 23 anos. A prisão aconteceu no bairro Pitimbu, na Zona Sul de Natal, pela prática dos crimes de tráfico de drogas e posse irregular arma de fogo.

As diligências foram empreendidas após o recebimento de denúncias anônimas. No local, foram apreendidos: um revólver calibre 38, municiado com seis munições, aproximadamente, 1kg de maconha, 100 comprimidos de ecstasy, mais conhecidos como “bala”, três balanças de precisão, embalagens plásticas para condicionamento das drogas, além de R$ 3.700,00 em dinheiro fracionado.

Ele foi conduzido até a delegacia e encaminhado ao sistema prisional, onde ficará à disposição da Justiça.

A Polícia Civil pede que a população continue enviando informações de forma anônima através do Disque Denúncia 181.

Fonte: Secretaria de Comunicação Social da Polícia Civil/RN – SECOMS

FOTO: Polícia Civil detém cinco pessoas e apreende mais de 15 mil maços de cigarros contrabandeados em Mossoró

Foto: Divulgação/Polícia Civil

Policiais civis da 3ª equipe de Plantão da Delegacia de Mossoró detiveram, na manhã desta quinta-feira (19), cinco pessoas e apreenderam mais de 15 mil maços de cigarros de origem ilícita na Região Oeste do Estado, em Mossoró. O carregamento de cigarros estava sendo transportado próximo à cidade de Areia Branca e foi apreendido por volta das 2h da madrugada.

A partir de denúncias anônimas, a 3ª equipe da DP de Plantão de Mossoró saiu em diligência, com apoio da Polícia Militar, e conseguiu interceptar o veículo suspeito, um caminhão Baú, com placa do Estado do Pará. Além do motorista do caminhão, mais quatro pessoas, que trafegavam em outro veículo, também foram detidas. Os cinco suspeitos foram conduzidos até a delegacia da Polícia Federal em Mossoró/RN.

Até o momento, estima-se que a carga aproxima-se de 15 mil maços de cigarros, sendo de origem estrangeira. Devido à grande quantidade, a carga ainda será contabilizada de forma detalhada. Dentre os conduzidos estão dois homens estrangeiros.

A Polícia Civil pede que a população continue enviando informações de forma anônima, através do Disque Denúncia 181.

Fonte: Secretaria de Comunicação Social da Polícia Civil/RN – SECOMS

Polícia Civil prende integrantes de facção criminosa que ameaçam estudantes na Grande Natal

Foto: Divulgação/Polícia Civil

Policiais civis da Delegacia de Macaíba deflagraram a 4ª Fase da Operação Parabellum, na manhã desta quinta-feira (19), que resultou na prisão em flagrante de Mateus Alves da Silva, conhecido como “Mateuzinho”, 19 anos e Mark Luan da Silva, de 18 anos, e na apreensão de dois adolescentes, um de 16 e outro de 15 anos. Eles foram detidos com um revólver calibre 38, cinco munições e drogas, quando estavam em uma residência, localizada no conjunto Alfredo Mesquita.

Investigações realizadas pela Delegacia de Macaíba revelaram que os integrantes da facção criminosa vinham efetivando ameaças de morte contra estudantes da cidade, sendo também investigados pela prática de roubos cometidos na cidade. Os presos durante a Operação foram autuados pelos crimes de tráfico e associação para o tráfico, posse ilegal de arma de fogo, receptação e corrupção de menores.

Matheus Alves da Silva já havia sido em preso em fevereiro deste ano, pelo crime de tráfico de drogas, porém obteve liberdade no mês de maio. O nome da operação Operação Parabellum remete ao provérbio latino “se vis pacem, parabellum”, que significa “se quer paz, prepare-se para a guerra”, tendo em vista as diversas ações policiais de combate às facções criminosas que têm atuado em Macaíba.

A Polícia Civil pede que a população continue enviando informações de forma anônima, através do Disque Denúncia 181 ou pelo número da Delegacia Municipal de Macaíba: 98114-4042.

Fonte: Secretaria de Comunicação Social da Polícia Civil/RN – SECOMS

Polícia Civil concluí inquérito de PM que manteve filho refém na Grande Natal e o indicia em sete crimes

Foto: Ilustrativa

A Delegacia de Macaíba concluiu o Inquérito Policial que investigou os crimes praticados por Hermano Simplício Mangabeira de Araújo, policial militar, 34 anos, na noite da quinta-feira (5), quando manteve o próprio filho de 6 anos como refém. Ele foi preso por policiais civis da Delegacia Municipal de Macaíba, na sexta-feira (6). A apuração dos fatos e as provas reunidas comprovaram o indiciamento do suspeito pelos crimes de ameaça, sendo praticada duas vezes: contra a ex-companheira e contra o próprio filho; sequestro qualificado, por ter imposto grave sofrimento psíquico ao filho; receptação da arma de fogo; resistência, porte ilegal de arma de fogo e disparo de arma de fogo em local público; direção perigosa e descumprimento de Medidas Protetivas. Todos os crimes foram cometidos dentro da Lei Maria da Penha.

Os crimes aconteceram após os policiais realizarem uma abordagem ao suspeito, no município de Macaíba, em virtude da prática do crime de descumprimento de Medidas Protetivas de Urgência (MPU), existentes em favor de sua ex-companheira, além de crime de ameaça contra esta. Inicialmente, a vítima havia procurado a delegacia, em Macaíba, para noticiar a subtração de seu aparelho celular, atribuída ao suspeito, que é policial militar. Após ele se recusar a devolver o objeto, a vítima desistiu de formalizar o procedimento. No entanto, ainda assim, Hermano Simplício ameaçou matar a ex-companheira, razão pela qual os policiais civis diligenciaram, imediatamente, no intuito de prendê-lo.

Na ocasião, o suspeito resistiu à prisão, fugindo na condução de um veículo no qual estava seu filho de 6 anos. Durante a fuga, Hermano Simplício chegou a apontar uma arma de fogo para os policiais e para o próprio filho. Em razão disso, foi realizada a contenção do veículo, nas proximidades da praça José da Penha, em Macaíba, quando se iniciou uma negociação acompanhada por policiais civis e militares, que resultou na rendição do agressor. A criança foi entregue à mãe e o policial foi conduzido ao Hospital da Polícia Militar.

Na sexta-feira (6), foi realizada a formalização da prisão em flagrante do suspeito, pelos crimes de ameaça contra a ex-companheira e o filho, sequestro qualificado, receptação (arma de fogo), resistência, porte ilegal de arma de fogo, disparo de arma de fogo em local público, condução perigosa de veículo e descumprimento de medidas protetivas de urgência. Hermano Simplício já havia sido preso anteriormente por descumprir as medidas protetivas existentes em favor da vítima.

Nesta segunda-feira (16), Hermano Simplício teve a prisão em flagrante convertida em prisão preventiva e, atualmente, encontra-se custodiado pela Secretaria de Justiça, à disposição do Poder Judiciário. A Polícia Civil esclarece que a discussão quanto à sanidade mental do indiciado será feita no âmbito do processo penal, com exercício da ampla defesa e do contraditório, não sendo possível sua análise na fase investigativa, a não ser quando já declarada pelo Poder Judiciário.

Fonte: Secretaria de Comunicação Social da Polícia Civil/RN – SECOMS

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Andinho disse:

    Mandaram o PM para o presídio de Ceará mirim enquanto lotam os quartéis e a academia da PM de presos civis, não dá para entender mesmo.

Polícia Civil informa que mandante de explosão a carro-forte em Bom Jesus é um dos mortos em confronto na Grande Natal

Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV Cabugi

Polícia Civil prende grupo criminoso interestadual envolvido em roubo a carro-forte em Bom Jesus

Policiais civis da Divisão Especializada em Investigação e Combate ao Crime Organizado (DEICOR/RN) prenderam, nesta quarta-feira (11), dois homens e uma mulher suspeitos de integrarem um grupo criminoso envolvido em um roubo a carro-forte, ocorrido no município de Bom Jesus, na quinta-feira (6), quando um policial militar que estava de serviço foi atingido por disparos.

A ação policial se iniciou em uma residência no bairro Cajupiranga, no município de Parnamirim, onde os suspeitos entraram em confronto com os policiais. Dois homens foram atingidos por disparos e socorridos, mas não resistiram aos ferimentos, sendo um deles identificado como Francisco Emerson Gomes da Rocha, conhecido como “Ceará”, 31 anos.

“Ceará” é apontado nas investigações como o mentor do roubo ao carro-forte realizado na cidade de Bom Jesus. Em desfavor dele havia um mandado de prisão em aberto pelos crimes de roubo e por integrar organização criminosa. O outro homem estava com documento falso e não foi identificado até o momento.

Com eles, foram encontrados dois revólveres calibre .38. Na residência, os policiais apreenderam um carregador de fuzil, dois veículos, a quantia de R$ 3.486,00 (três mil, quatrocentos e oitenta e seis mil reais) em dinheiro, inclusive cédulas queimadas e danificadas. Laranda Oliveira dos Santos, 24 anos, natural de Natal/RN, foi presa pelos crimes de posse irregular de arma de fogo, receptação e associação criminosa.

Em seguida, os policiais realizaram diligências em uma granja situada em Lagoa Azul, Zona Rural de Nísia Floresta, local onde os suspeitos se reuniam, antes de praticarem os crimes. No imóvel, foram apreendidas uma espingarda e munições calibre .12, além de uma máquina de contar cédulas que estava queimada.

Na granja, foram presos Thiago Henrique de Oliveira, 32 anos, natural de Santa Rita/RN, e Maciel Sales, 30 anos, natural de Natal/RN. Ambos foram autuados em flagrante pelos crimes de posse irregular de arma de fogo, receptação e associação criminosa.

De acordo com as investigações, o grupo é responsável por realizar diversos crimes nos estados de Alagoas, Ceará, Pernambuco, Piauí e Rio Grande do Norte. A ação realizada pela DEICOR, nesta quarta-feira (11), é uma continuação da operação deflagrada no domingo (08), em conjunto com Delegacia de Roubos e Furtos de Pernambuco (DRF/PE), quando foram presos José Bonifácio Nascimento de Barros e Rômulo Silva dos Santos. A prisão aconteceu em uma pousada, no município de Recife, no Estado de Pernambuco.

No domingo (08), foram apreendidos mais de R$ 40 mil reais, inclusive algumas notas queimadas, provenientes do roubo ao carro-forte. Os dois homens foram autuados por lavagem de dinheiro, falsidade ideológica, associação criminosa entre outros.

A Polícia Civil pede que a população continue enviando informações de forma anônima, através do Disque Denúncia 181 ou através número do Disque Denúncia da DEICOR: (84) 3232-2862.

Fonte: Secretaria de Comunicação Social da Polícia Civil/RN – SECOMS

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Magnum 357 disse:

    DEICOR PC-RN., Bom trabalho. Força para prender e Letalidade as que não querem se entregar

  2. Paulo disse:

    Operação do caralho, muito bom! Já são 5 presos e 2 CPF's cancelados, incluindo o líder. Parabéns ao pessoal da Polícia Civil/ Deicor.