CDL informa funcionamento do comércio em Natal no feriado desta quinta; confira

{dc8dd806-e717-4332-bb91-a75d8fc15251}_comércio023Na data de 03 de outubro ( nesta quinta-feira), quando é celebrado o dia dos Mártires de Cunhaú e Uruaçu, feriado estadual, o comércio funciona com horário diferenciado na capital potiguar. A Câmara de Dirigentes Lojistas de Natal (CDL Natal) informa o funcionamento dos principais pontos comerciais durante a data.

Comércio de Rua

Alecrim: Abertura facultativa, a maioria das lojas abrem das 08 às 14

Centro da Cidade: Abertura facultativa. Os grandes magazines abrem em horários diferentes, como a Riachuelo (08h às 17h) C&A (07h às 15h) e Lojas Americanas (09h às 15h).

Zona Norte: Abertura facultativa até 12h.

Shopping Midway Mall

Praça de Alimentação e lazer: 11h às 22h.

Lojas Âncoras: A partir das 12h às 21h.

Demais lojas: 15h à 21h.

Natal Shopping

Praça de Alimentação e Lazer: 11h às 22h.

Lojas e Quiosques: 14h à 21h.

Norte Shopping

Praça de Alimentação: 11:00h às 22h.

Lojas e Quiosques: 15h à 21h.

Praia Shopping

Praça de Alimentação e Lazer: A partir das 11h.

Lojas e Quiosques: 15h à 21h.

Shopping Cidade Jardim

Praça de Alimentação: A partir das 11h.

Lojas e Quiosques: 14h às 20h.

Shopping Via Direta

Praça de Alimentação e Lazer: 12h às 22h.

Lojas e Quiosques com abertura facultativa das 14h à 20h.

 Supermercados

Grandes redes abrem normalmente.

Bancos

Fechados.

Confira como funciona o Comércio em Natal no feriado de 7 de setembro

Na data de 07 de setembro (sábado), quando é comemorado o dia da Independência do Brasil, o comércio natalense funciona com horário diferenciado. A Câmara de Dirigentes Lojistas de Natal (CDL Natal) informa o funcionamento dos principais pontos comerciais da capital durante a data, e reforça aosconsumidores, a Liquida Natal 2013 vai até o domingo(8).

Comércio de Rua

Alecrim: Abertura facultativa

Centro da Cidade: Abertura facultativa. Os grandes magazines abrem em horários diferentes, como a Riachuelo (08h às 17h) C&A (08h às 16h) e Lojas Americanas (09h às 15h).

Zona Norte: Abertura facultativa até 12h.

Shopping Midway Mall

Praça de Alimentação e lazer: 11h às 22h.

Lojas Âncoras: A partir das 12h às21h.

Demais lojas: 15h às 21h.

Natal Shopping

Praça de Alimentação e Lazer: 11h às 22h.

Lojas e Quiosques: 14h às 21h.

Norte Shopping

Praça de Alimentação: 11:00h às 22h.

Lojas e Quiosques: 15h às 21h.

Praia Shopping

Praça de Alimentação e Lazer: A partir das 11h.

Lojas e Quiosques: 15h às 21h.

Shopping Cidade Jardim

Praça de Alimentação: A partir das 11h.

Lojas e Quiosques: 14h às 20h.

Shopping Via Direta

Praça de Alimentação e Lazer: 12h às 22h.

Lojas e Quiosques com aberturafacultativa das 14h às 20h.

Shopping 10

Praça de Alimentação e Lazer: 12h às 21h.

Lojas e Quiosques com abertura facultativa das 15h às 21h.

Supermercados

Grandes redes abrem normalmente.

Bancos

Fechados.

OPINIÃO DOS LEITORES:

Confira como funciona o Comércio em Natal no feriado de 7 de setembro

Na data de 07 de setembro (sábado), quando é comemorado o dia da Independência do Brasil, o comércio natalense funciona com horário diferenciado. A Câmara de Dirigentes Lojistas de Natal (CDL Natal) informa o funcionamento dos principais pontos comerciais da capital durante a data, e reforça aosconsumidores, a Liquida Natal 2013 vai até o domingo(8).

Comércio de Rua

Alecrim: Abertura facultativa

Centro da Cidade: Abertura facultativa. Os grandes magazines abrem em horários diferentes, como a Riachuelo (08h às 17h) C&A (08h às 16h) e Lojas Americanas (09h às 15h).

Zona Norte: Abertura facultativa até 12h.

Shopping Midway Mall

Praça de Alimentação e lazer: 11h às 22h.

Lojas Âncoras: A partir das 12h às21h.

Demais lojas: 15h às 21h.

Natal Shopping

Praça de Alimentação e Lazer: 11h às 22h.

Lojas e Quiosques: 14h às 21h.

Norte Shopping

Praça de Alimentação: 11:00h às 22h.

Lojas e Quiosques: 15h às 21h.

Praia Shopping

Praça de Alimentação e Lazer: A partir das 11h.

Lojas e Quiosques: 15h às 21h.

Shopping Cidade Jardim

Praça de Alimentação: A partir das 11h.

Lojas e Quiosques: 14h às 20h.

Shopping Via Direta

Praça de Alimentação e Lazer: 12h às 22h.

Lojas e Quiosques com aberturafacultativa das 14h às 20h.

Shopping 10

Praça de Alimentação e Lazer: 12h às 21h.

Lojas e Quiosques com abertura facultativa das 15h às 21h.

Supermercados

Grandes redes abrem normalmente.

Bancos

Fechados.

Confira como funciona o comércio em Natal no feriado de Corpus Christi

O comércio de Natal terá abertura facultativa nesta quinta-feira (30), feriado de Corpus Christi. Os bancos estarão fechados, porém algumas lojas do centro da cidade e o Alecrim vão funcionar.

Confira o horário de funcionamento do comércio:

Alecrim: Abertura facultativa, mas maioria das lojas ficam fechadas.

Centro da Cidade: A abertura é facultativa, a maioria das lojas fecham e grandes magazines abrem das 08h às 16h, como as Lojas Americanas, C&A  e Riachuelo.

Zona Norte: Abertura facultativa até 12h.

Shopping Midway Mall

Praça de Alimentação e lazer: 12h às 22h.
Lojas: 15h às 21h.

Natal Shopping

Praça de Alimentação e Lazer: 11h às 22h.
Lojas e Quiosques: 14h à 21h.

Praia Shopping

Praça de Alimentação e Lazer: A partir das 11h.
Lojas e Quiosques: 15h à 21h.

Shopping Cidade Jardim

Praça de Alimentação: A partir das 11h.
Lojas e Quiosques: 14h às 20h.

Shopping Via Direta

Praça de Alimentação e Lazer: 12h às 22h.
Lojas e Quiosques: Abertura facultativa das 14h às 20h.

Natal Norte Shopping

Praça de Alimentação e Lazer: 11h30h às 22h.
Lojas e Quiosques: 15h às 21h.

Supermercados

Funcionamento normal das grandes redes.

Bancos

Fechados

RN tem melhor desempenho de vendas no comércio do Nordeste em fevereiro

comercio

O mês de fevereiro deste ano foi de recuperação para o varejo potiguar, segundo dados do IBGE, divulgados nesta quinta-feira, 11.  De acordo com o instituto o RN teve,o maior crescimento de vendas do Nordeste  no chamado comércio varejista ampliado. O percentual de 6,1% foi puxado sobretudo pelos setores de supermercados e hipermercados, combustíveis e lubrificantes, materiais de construção e farmácias.

No caso do varejo restrito (que exclui os setores de materiais de construção e de automóveis), o crescimento foi de 3,8%. O presidente da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do estado diz que o número ficou acima das expectativas do empresariado e pode ser explicado por diversos fatores.

“Em 2012, vimos uma verdadeira estagnação. Estava tudo parado. Nem operação tapa-buraco estava havendo. Este ano, as prefeituras começaram a fazer pequenas intervenções e o governo do estado também. Isso faz circular dinheiro na economia. Em um estado pequeno como o nosso, este dinheiro novo faz toda a diferença. E os números de janeiro – quando registramos crescimento de quase 14% – e de fevereiro mostram isso”, diz o presidente da Fecomércio. (mais…)

Carnaval 2013: Saiba como será o funcionamento do comércio em Natal

A Câmara de Dirigentes Lojistas de Natal (CDL Natal) informa que o comércio da capital vai funcionar de forma diferenciada neste carnaval. Na segunda-feira (11/02) o comércio fecha, pois é comemora o dia do comerciário.

O comércio de rua terá funcionamento normal até o sábado (09/02), retomando suas atividades na quarta-feira (13/02). Já os shoppings terão abertura diferenciada. As salas de cinema terão sua programação exibida normalmente durante os dias de folia.

Os supermercados funcionam em seu expediente normal, exceto na segunda-feira (11/02), quando fecham em função do dia do comerciário, retomando suas atividades normais na terça-feira (12/03).

Os bancos também permanecerão fechados no carnaval. As agências fecham após expediente no dia 08 de fevereiro (sexta-feira) e só reabrem ao meio-dia da quarta-feira de cinzas (13/02), mas fecham em horário normal.

Segue o funcionamento dos principais pontos da cidade:

(mais…)

Veja como funciona o comércio em Natal no feriado dos Santos Reis

Um feriado sem cara de feriado. Mas haverá mudanças no funcionamento do comércio no próximo domingo, 6, quando se comemora o Dia dos  Santos Reis. Confira as mudanças:

Comércio de Rua

Alecrim

Lojas fechadas

Centro

Riachuelo – Fechada

Lojas Americanas – Fechada

C&A – Fechada

Zona Norte

Lojas fechadas

Supermercados

As grandes redes funcionam normalmente

Natal Shopping

Praça de alimentação e Lazer: 11h às 22h
Lojase Quiosques: 14h às 21 h

Praia Shopping

Praça de Alimentação e Lazer: a partir das 11h
Lojas e Quiosques: 15h à 21h

Shopping CidadeJardim

Lojas e Quiosques: 14h às 20h
Praça de Alimentação: a partir das 10h

Shopping Midway Mall

Praça de alimentação e lazer: a partir das 11h às 22h
Lojas e Quiosques: a partir das 12h às 21h

Via Direta Shopping Center

Praça de Alimentação e Lazer: 12h às 22h
Lojas e Quiosques: Facultativo das 15h à 21h

Natal Norte Shopping

Praça de Alimentação: 11h30 às 22h
Lojas e Quiosques: 15h às 21h

comercio_11

Cartilha orienta interessados na obtenção da certificação digital

Uma cartilha, lançada pelo Comitê das Certificadoras Digitais do Brasil, informa sobre os benefícios e as aplicações da certificação digital. Há versões da cartilha em papel, ipad e digital. Os interessados devem acessar o endereço eletrônico www.beneficioscd.com.br para localizar o material. A cartilha foi elaborada pela Federação Nacional das Empresas de Serviços Contábeis de Assessoramento, Perícias, Informações e Pesquisa (Fenacon).

A certificação digital é utilizada nas áreas financeira e contábil, no Poder Judiciário, nos ministérios da Saúde e da Educação, no Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), além da Caixa e da Receita Federal. Na versão impressa, a cartilha tem 34 páginas e informa de maneira detalhada o que são a certificação, o certificado, a assinatura digital e os vários tipos existentes no país.

Os empresários interessados em solicitar o documento devem apresentar o Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ), o registro comercial, o ato constitutivo e o contrato social. No caso de pessoas físicas, os documentos são o título de eleitor, a carteira de identidade, o Cadastro de Pessoa Física (CPF) e o Programa de Integração Social (PIS), além do comprovante de residência.

Com os documentos em mãos, o interessado deve procurar uma Autoridade Certificadora. No país estão autorizados a atender aos interessados a Caixa, Receita Federal, o Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro), os correios, o Simples Nacional, Instituto Nacional de Tecnologia da Informação (ITI), a Confederação das Associações Comerciais e Empresariais do Brasil (CACB), Fenacon, o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) e a Serasa, entre outros.

Da Agência Brasil

Vagas para temporários devem crescer mais de 5% no fim do ano

As contratações de trabalhadores temporários para o período das festas de final de ano deverão crescer 5,5% — um acréscimo de 8.000 vagas sobre o total registrado no ano passado (147 mil). Ao todo, devem ser abertas neste ano 155 mil vagas em todo o País. A expectativa é que 15% desse contingente — ou 23 mil pessoas — tenha chance de ser efetivado.

A projeção faz parte do levantamento encomendado ao Ipema (Instituto de Pesquisa Manager Ltda) pela Asserttem (Associação Brasileira das Empresas de Serviços Terceirizáveis e de Trabalho Temporário) e pelo Sindiprestem (Sindicato das Empresas Prestadoras de Serviços Terceirizáveis e de Trabalho Temporário do Estado de São Paulo).

Segundo a presidente da associação, Jismália de Oliveira Alves, o Brasil ocupa a terceira posição no ranking mundial de serviços temporários, ficando atrás apenas dos Estados Unidos e da África do Sul, onde o aquecimento na oferta de emprego continua associado aos investimentos feitos à época da Copa do Mundo.

Nos últimos três anos, a maior taxa de crescimento no Brasil foi registrada, em 2010, quando o número de vagas aumentou 12% em processo de retomada das atividades após a crise financeira internacional de 2008.

Na avaliação dela, o emprego temporário deverá ser favorecido pelas medidas de estímulos ao mercado interno como os descontos do IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) para o setor de automóveis e de produtos da linha branca (geladeiras, fogões, máquinas de lavar etc.), além dos juros reduzidos e a entrada de mais dinheiro em circulação com o pagamento do 13º salário.

Jismália lembrou que a Lei 6.019/74 regulamentou esse tipo de contratação, garantindo a esses trabalhadores os mesmos direitos dos empregados formais. A maioria das novas vagas deve surgir, de acordo com a pesquisa, no setor do comércio (75%), e o restante na indústria.

No comércio, a faixa de salários deverá ficar entre R$ 690 e R$ 1.055, com média de R$ 872, valor 3,5% superior ao registrado em 2011.

Já na indústria, os pagamentos devem variar entre R$ 920 e R$ 1.390, com média de R$ 1.155, 5% acima do valor pago no ano passado. As oportunidades deverão estar, principalmente, nas empresas que produzem bens de consumo (alimentos, bebidas, brinquedos, eletrônicos, vestuário e papel).

Da Agência Brasil

Natal: Confira como funciona o comércio no feriado de 7 de setembro

Na data de 07 de setembro (sexta-feira), quando é comemorado o dia da independência do Brasil, o comércio natalense funciona com seu horário diferenciado. A Câmara de Dirigentes Lojistas de Natal (CDL Natal) informa o funcionamento dos principais pontos comerciais da capital durante a data:

 

Comércio de Rua

Alecrim: Lojas fechadas.

Centro da Cidade: A maioria das lojas fecham, mas grandes magazines abrem em horários diferentes, como a Riachuelo (08h às 16h) C&A (08h às 15h) e Lojas Americanas (09h às 15h).

Zona Norte: Abertura facultativa até 12h, mas maioria das lojas fecham.

 

Shopping Midway Mall

Praça de Alimentação e lazer: 11h às 22h.

Lojas Âncoras: A partir das 12h às 21h.

Demais lojas: 15h à 21h.

 

Natal Shopping

Praça de Alimentação e Lazer: 11h às 22h.

Lojas e Quiosques: 14h à 21h.

 

Norte Shopping

Praça de Alimentação: 11:30h às 22h.

Lojas e Quiosques: 15h à 21h.

 

Praia Shopping

Praça de Alimentação e Lazer: A partir das 11h.

Lojas e Quiosques: 15h à 21h.

 

Shopping Cidade Jardim

Praça de Alimentação: A partir das 11h.

Lojas e Quiosques: 14h às 20h.

 

Shopping Via Direta

Praça de Alimentação e Lazer: 12h às 22h.
Lojas e Quiosques com abertura facultativa das 14h à 20h.

 

Supermercados
Grandes redes abrem normalmente.

 

Bancos
Fechados.

 

 

Confira o funcionamento do comércio natalense para o feriado de 7 de setembro

Na data de 07 de setembro (sexta-feira), quando é comemorado o dia da independência do Brasil, o comércio natalense funciona com seu horário diferenciado. A Câmara de Dirigentes Lojistas de Natal (CDL Natal) informa o funcionamento dos principais pontos comerciais da capital durante a data:

 

COMÉRCIO DE RUA

Alecrim
Lojas fechadas.

Centro da Cidade
A maioria das lojas fecham, mas grandes magazines abrem em horários diferentes, como a Riachuelo (8h às 16h) C&A (8h às 15h) e Lojas Americanas (09h às 15h).

Zona Norte
Abertura facultativa até 12h, mas maioria das lojas fecham.

 

SHOPPINGS CENTERS

Shopping Midway Mall
Praça de Alimentação e lazer: 11h às 22h.
Lojas Âncoras: A partir das 12h às 21h.
Demais lojas: 15h à 21h.

Natal Shopping
Praça de Alimentação e Lazer: 11h às 22h.
Lojas e Quiosques: 14h à 21h.

Norte Shopping
Praça de Alimentação: 11:30h às 22h.
Lojas e Quiosques: 15h à 21h.

Praia Shopping
Praça de Alimentação e Lazer: A partir das 11h.
Lojas e Quiosques: 15h à 21h.

Shopping Cidade Jardim
Praça de Alimentação: A partir das 11h.
Lojas e Quiosques: 14h às 20h.

Shopping Via Direta
Praça de Alimentação e Lazer: 12h às 22h.
Lojas e Quiosques com abertura facultativa das 14h à 20h.

 

SUPERMERCADOS

Grandes redes
Abrem normalmente.

 

BANCOS

Todos
Fechados

Comércio do Alecrim: de tudo, um muito

Reportagem deste domingo na Tribuna do Norte, mostra  o conhecido comércio de rua do Alecrim. São ambulantes, feirantes. Um lugar conhecido por ter de tudo que possa imaginar, além de preços baixos. A 25 de março natalense, está em um dos bairros mais tradicionais da cidade, e que movimenta a economia .

Confira a matéria na íntegra

Alecrim: de tudo, um muito

Por Carla França

“Tem massa de mandioca, batata assada, tem ovo cru. (…) Tem cesto, balaio, corda. Tamanco, gréia, tem cuêi-tatu,  Tem louiça, tem ferro véio, sorvete de raspa que faz jaú, Gelada, cardo de cana, fruta de paima e mandacaru. Bunecos de Vitalino,que são cunhecidos inté no Sul (…)”.

A música de Luiz Gonzaga fala sobre a famosa Feira de Caruaru, em Pernambuco, mas pode ser usada para definir o comércio informal do Alecrim e do Centro de Natal porque de tudo que há no mundo também existe por aqui. Para se ter uma ideia desse universo, somente na capital existem 2.844 comerciantes informais que movimentam por mês, cerca de R$ 2,1 milhões.

Gilvaneide Freire trabalha no comércio informal. Pela manhã ela vende salgados, à tarde é manicure. São homens e mulheres que ‘se viram nos 30’ para conseguir sobreviver. É o caso de Gilvaneide Freire de Assis, que há 20 anos trabalha no comércio informal. Pela manhã ela vende salgados e sucos, a tarde ela trabalha como manicure atendendo às vendedoras e clientes do Alecrim. E entre um horário e outro ela ainda arruma um tempinho para vender CDs e DVDs.

Engana-se quem imagina que ela gostaria de mudar de emprego. “Já me ofereceram trabalho em salão de beleza e em loja de roupa, mas eu não quis. Não quero sair nunca do Alecrim”, diz  Gilvaneide.

Enquanto conversava com a reportagem da TRIBUNA DO NORTE, Gilvaneide fazia as unhas de Glória Fernandes de Oliveira, que há quatro anos tem uma banca de roupas no Alecrim. Ela disse que gosta de trabalhar no bairro, o problema é a falta de estrutura para os comerciantes informais.

“Não tem estrutura nenhuma nem para gente que trabalha, nem para o povo que vem comprar. E isso espanta os clientes, né? Mas eu acho que se os políticos prestassem mais atenção ao Alecrim tudo seria diferente, todo mundo vinha para o Alecrim porque aqui tem tudo”, conta  Glória.

Se a infraestrutura é pouca, a criatividade tem que ser grande para driblar as adversidades. Vale até improvisar um provador no meio da barraca montada na calçada de um dos cruzamentos mais movimentados de Natal (avenida 1 com a avenida 9).

Produtos da China começam a chegar ao RN

O Rio Grande do Norte já tem redes de supermercado recebendo produtos diretamente da China. Os primeiros conteiners, vindos de navio, estão carregados de produtos diversos de bazar – utilidades para o lar. E já há prospecção para, em um segundo momento, avançarem para o setor alimentício, com a importação de congelados. Diante dessa realidade, os organizadores da Exponor-RN 2012 e 24ª Convenção Nordeste de Supermercados,Feira de Equipamentos, Produtos e Serviços, que acontecerá de 20 a 22 de agosto no Centro de Convenções de Natal, elegeram o tema “O Futuro do Varejo e a Influência da China”.

A ideia é deixar os empresários locais, mesmo os menores, preparados para esta realidade. Desta maneira, o evento convidou o economista Cláudio Meirelles, professor de Comércio Exterior na Universidade Paulista e um dos sócios da Baumann Consultancy Network, que possui matriz em São Paulo e escritórios em Pequim (China) e Padova (Itália), que palestrará sobre o tema central. Com a experiência de quem morou por um ano na China, ele mantém há cinco a empresa que foca o comércio internacional, engenharia, serviços técnicos e consultoria internacional, e também realiza missões internacionais para entidades e governo.

Negócios

O evento terá uma feira com a exposição de mais de 10 mil itens, incluindo produtos, sistemas e soluções para o atacado e varejo, que podem gerar e prospectar negócios, ampliando as expectativas já existentes para este setor, que deve gerar R$ 1 bilhão e 800 milhões neste ano no RN. Serão liberadas linhas de financiamento especiais.

Dia dos Pais ajuda a movimentar o setor das vendas diretas

O segmento de venda direta está em franco crescimento no Brasil, constituindo um setor cada vez mais relevante para a economia. É nele que milhões de brasileiros vêem uma oportunidade de trabalho e uma alternativa de renda.

Datas comemorativas, como o ‘Dia dos pais’, movimentam ainda mais o setor. Indústrias e empresas de vendas diretas criam kits de produtos para chamar atenção do consumidor, aquecer as vendas e os lucros dos vendedores autônomos.

A consultora da Natura, Socorro da Silva, 47, sente o crescimento desse mercado de perto.  “Muitas vezes nós temos que correr atrás dos clientes, mas agora eles que nos procuram para fazer pedidos. As vendas estão ótimas este ano, kits com desodorante e creme de barbear são os que têm mais saída”, afirma.

Socorro está no ramo há nove anos e conta que a consultoria reforça o orçamento familiar e a ajuda a se manter no mercado de trabalho. “Eu comecei a trabalhar como consultora depois de ficar desempregada. Uma amiga me convidou para trabalhar com revenda e continuo até hoje”, relata. “Ser consultora já me ajudou a quitar muitas dívidas e comprar muitas coisas para minha casa”, completa.

Números

De acordo com um balanço divulgado pela Associação Brasileira de Empresas de Vendas Diretas (Abevd), as vendas diretas movimentaram R$ 6,2 bilhões no primeiro trimestre de 2012. O total representa expansão de 7,9% comparada ao mesmo período do ano passado.

Ipem autua estabelecimentos comerciais no interior do RN

O Instituto de Pesos e Medidas do Rio Grande do Norte (Ipem-RN), órgão delegado do Inmetro, realizou uma operação especial de fiscalização em municípios do interior do Estado na última semana. O objetivo era verificar, em ações simultâneas, o funcionamento de bombas de combustível, cronotacógrafos, balanças e sinalizações em padarias e restaurantes por quilo. No total, 48 estabelecimentos foram inspecionados em 18 municípios.

A operação de verificação dos cronotacógrafos, realizada em duas etapas, em Mossoró, contou com a parceria da Polícia Rodoviária Federal e da empresa de transporte de cargas Confiança. Dos 23 veículos verificados, 13 apresentaram irregularidades no instrumento.

Nos postos de combustível, a equipe do Ipem testou 100 bombas medidoras, das quais 80 foram reprovadas. “Verificamos se a vazão está correta, se os lacres estão funcionando adequadamente, se há vazamentos no dispositivo”, explica a metrologista Rosângela Ramalho, que participou da operação.

Já nos restaurantes por quilo, foram feitos testes para verificar se a chamada “tara do prato” equivalia às informações do cartaz, cuja afixação é obrigatória. Dos estabelecimentos visitados, 60% foram reprovados.

E, nas padarias, a fiscalização do Ipem verificou a existência do cartaz com informações sobre o preço do quilograma do pão francês, a adequação das balanças e se o produto estava sendo vendido no peso, conforme determinado por resolução do Inmetro. No total, sete padarias foram autuadas.

O chefe de gabinete do Ipem-RN, Alex Reginaldo, explica que o órgão vem intensificando as operações de fiscalização. “Estamos atuando em todas as regiões do Estado, para garantir cobertura total das ações. E a participação do consumidor também é essencial para o nosso trabalho. Por isso a ouvidoria do Ipem está sempre à disposição”, lembra. O telefone para denúncias de irregularidades é o 0800-281-4054.

Dia dos Pais: Quase 70% dos natalenses vão comprar presentes e média dos gastos deve superar R$ 100

Tida como uma das cinco principais datas de vendas para o comércio, o Dia dos Pais – que será comemorado no próximo dia 12 de agosto – já movimenta o comércio de todo o país. Em Natal, os consumidores se mostram otimistas (66,8% dizem que vão, sim, às compras) e afirmam que pretendem gastar R$ 107,82, em média, com presentes para marcar a data. A maioria (66,4%) deve ir às lojas somente na semana que vem (anterior ao Dia dos Pais). Também é maioria (57,6%) o número de pessoas que afirmam que irão comprar em shopping.  Os números fazem parte de uma pesquisa feita pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do RN, através do seu Instituto de Pesquisa e Desenvolvimento do Comércio (IPDC), que ouviu 600 pessoas nas quatro regiões da capital.

De acordo com a pesquisa, os pagamentos à vista (em dinheiro ou cartão de débito) terão prioridade. A modalidade foi citada por 58,1% dos entrevistados. A pesquisa também procurou saber dos consumidores, quais ações eventualmente adotadas pelas empresas poderiam atraí-los às compras. Pouco mais de um terço dos entrevistados (36,1%) se disseram atraídos ela oferta de descontos. Os programas de fidelização (que também ofertem descontos) foram citados por outros 35,3%. O atendimento personalizado foi lembrado como diferencial de escolha por 13,3% dos consumidores. 

Itens mais procurados

Roupas, calçados e acessórios serão os itens mais procurados pelos filhos. A pesquisa do IPDC/Fecomércio mostra que 50,1% dos natalenses pretendem presentear o pai com peças de vestuário. Os calçados e acessórios aparecem com 14,6% da preferência. Os perfumes e cosméticos foram citados por 8,6% das pessoas ouvidas.

O levantamento também procurou saber se os entrevistados pretendem levar seus pais a algum local especial para comemorar o domingo dedicado a eles. A maioria prefere algo mais familiar, afirmando que uma boa opção é almoçar ou jantar na casa de familiares (63,6%). Apenas 17,6% disseram que pretendem levar os pais para almoçar ou jantar em restaurantes.

Otimismo

Outro dado da pesquisa IPDC/Fecomércio que ratifica o otimismo dos consumidores natalenses é o fato de que, questionados sobre como avalia o atual momento para compras de produtos, 46,7% responderam que ele é ótimo ou bom. Outros 41,7% afirmaram que o momento é regular e apenas 11,5% disseram que a situação é ruim ou péssima. Quando perguntados como está a sua situação financeira, comparada com a que tinha há um ano,  51,4% dos entrevistados disseram que está melhor, 36,2% afirmaram está igual e apenas 12,4% relataram que a situação financeira piorou.

“Os números da pesquisa nos deixaram bastante otimistas. No plano nacional, o que temos visto é que o comércio aposta em aumento de vendas na casa dos 3% a 3,5%. Pelo que vimos na pesquisa, acho que podemos ser mais otimistas e falar em alta acima dos 6% sobre 2011”, afirma o presidente do Sistema Fecomércio RN, Marcelo Queiroz. Pelos números do IBGE, o mês de agosto do ano passado registrou alta de 9,6% sobre 2010. Vale ressaltar que, em 2011, os três últimos dias de agosto foram reforçados com a campanha Liquida Natal.

A íntegra da pesquisa do IPDC/Fecomércio pode também ser conferida no site www.fecomerciorn.com.br.