Bolsonaro diz que vídeo com leão e hienas foi ‘erro’ e pede desculpas ao STF; presidente não responsabiliza filho Carlos, e orienta sua equipe a evitar conteúdo do tipo

Foto: Adriano Machado / Reuters

O presidente Jair Bolsonaro afirmou ao Estado que a publicação em sua conta no Twitter em que se compara a um leão sendo atacado por hienas foi um “erro” e, por isso, pede desculpas.

No vídeo, divulgado na segunda-feira, 28, os animais que ameaçam o leão levam o símbolo de instituições, como o Supremo Tribunal Federal, a Organização das Nações Unidas (ONU), o seu partido, PSL, e siglas de oposição – entre as quais o PT e o PCdoB -, além da imprensa. A postagem foi apagada cerca de duas horas depois diante de forte repercussão negativa.

“Me desculpo publicamente ao STF, a quem por ventura ficou ofendido. Foi uma injustiça, sim, corrigimos e vamos publicar uma matéria que leva para esse lado das desculpas. Erramos e haverá retratação”, disse o presidente durante viagem à Arábia Saudita.

No filme postado ontem, o rei da selva se alia a outro leão, chamado “conservador patriota”, parte para o contra-ataque e vence seus inimigos. “Vamos apoiar o nosso presidente até o fim. E não atacá-lo. Já tem a oposição para fazer isso!”, dizem os letreiros sobrepostos às imagens da fuga. A montagem se encerra com a transição de imagens da bandeira do Brasil para a de Bolsonaro de braços abertos. A trilha sonora épica dá espaço a uma gravação do presidente repetindo o seu lema de campanha: “Brasil acima de tudo, Deus acima de todos”.

O presidente afirmou que o vídeo foi publicado em sua conta sem o devido cuidado e que orientou sua equipe a evitar este tipo de conteúdo. “O vídeo não é meu, esse vídeo apareceu, foi dada uma olhada e ninguém percebeu com atenção que tinham alguns símbolos que apareciam por frações de segundos. Depois, percebemos que estávamos sendo injustos, retiramos e falei que o foco (nas redes sociais) são as nossas viagens.”

Questionado se o autor da postagem foi o vereador do Rio de Janeiro Carlos Bolsonaro (PSC-RJ), que já admitiu ter acesso às contas do pai nas redes sociais, o presidente evitou responsabilizá-lo. “Não se pode culpar o Carlos. A responsabilidade final é minha. O Carlos foi um dos grandes responsáveis pela minha eleição e é comum qualquer coisa errada em mídias sociais culpá-lo diretamente. A responsabilidade é minha, tem mais gente que tem a senha e não sei por que passou despercebido essa matéria aí”, afirmou.

Reação. Ao comentar o vídeo, o decano do Supremo, ministro Celso de Mello, disse em nota que “o atrevimento presidencial parece não encontrar limites”.

“É imperioso que o senhor Presidente da República – que não é um ‘monarca presidencial’, como se o nosso País absurdamente fosse uma selva na qual o leão imperasse com poderes absolutos e ilimitados – saiba que, em uma sociedade civilizada e de perfil democrático, jamais haverá cidadãos livres sem um Poder Judiciário independente, como o é a magistratura do Brasil”, disse o decano na nota.

Estadão

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Cidadão Atento disse:

    Coisa de moleque, na base do 'se colar, colou'!
    "Primeiro agride. Se a repercussão for negativa, recua, pede desculpas. Se sobrar para o filho, alega que outras pessoas têm suas senhas, que o filho é inocente. Ou seja: ninguém é culpado.
    Essas palhaçadas fazem o Palácio do Planalto parecer um circo, em cujo picadeiro um bando de palhaços brincam com a cara de todo mundo enquanto sorrateiramente entrega o patrimônio do Pais a preços de bananas as empresas multinacionais e destrói os direitos trabalhistas e previdenciários dos mais pobres e desfavorecidos.

    • Mauro disse:

      Disse tudo. Parabéns pelo excelente comentário. Traduziu com perfeição a tragicomédia que estamos sendo obrigados, por uma eleição fraudada por Fakes News e um facada encenada, a engolir.

  2. Abel disse:

    O mito não tem que pedir desculpas nenhuma, quem não quiser cair se deite.

  3. Carlos Henrique Chal disse:

    Esses que "assessoram" o fraco Bolsonaro, beiram o ridículo, tem uns fihos sem nenhuma postura moral.
    É triste hoje nós termos um país há onze meses sem Comando.
    O brasileiro, fez sua pior aposta. Até quando vamos sofrer com esta incompetência.
    Será, que vão deixar chegar ao final desse desmandato ?

    • Rosi Sampaio disse:

      Concordo plenamente. Aplausos!

    • Lima Raul disse:

      Vão sim, desse e do proximo.
      Ainda tem MORO e MORÃO melhor JAIR se acustumando, pra não ficar aí agonizando.
      Kkkkkkkkk

  4. Jorginho disse:

    por que não te calas????

  5. Dilmanta disse:

    Não defendo os petralhas, mas dessa vez quem fez a besteira (mais uma por sinal) foi o próprio sem-noção. Em boca fechada não entra mosquito….

  6. José medeiros disse:

    Esses petralhas, estão insatisfeitos, a porta está aberta , vão para Venezuela, Cuba que e o lugar de vcs .

  7. Luciano Porpino disse:

    Gente, irresponsabilidade tem limite. Quem tem um apoio desse, não precisa de oposição. Mais uma trapalhada, mais um pedido de desculpas.

  8. Vitor Silva disse:

    O que os petistas tem a ver com esse caso? Ainda não consegui entender essa relação.

    • Brasil acima de tudo disse:

      Pois é Vitor Silva, detesto o PT e o Bozo, mas qual a relação entre mais essa cagada do Bozo com os PTralhas?

  9. Allan Laranjeiras disse:

    Como diz um velho amigo meu : "Bitencourt tem medo" entendedores, entenderão!

  10. Manoel disse:

    Como são hipócritas esses petistas e além de tudo cegos a imprensa brasileira está toda contra o presidente, coisas piores presidentes anteriores fizeram e passava despercebido, porque a imprensa não posta as obras que o exército estão acabando que as gestão anteriores nem começaram e comeram o dinheiro porque não mostra o lucros da Petrobrás mesmo com o combustível mais barato entre outras coisas mais que se eu fosse citar tomava essa página toda, nem sou PT nem PSL mais o brasileiro só sabe condena.

  11. Henrique disse:

    Ridículos são vocês seus esquerdinhas derrotados. O choro é livre!!!!

  12. Roberto disse:

    Tem que pedir desculpas não presidente, no STF a maioria é corrupto, o que o senhor tem que fazer é fechar aquele lixo.

  13. Carlúcio disse:

    Ridículo, usa o filho como laranja e depois pede desculpas.

  14. Marvin disse:

    É um idiota este presidente.

  15. SANDRO disse:

    Só expôs a realidade.

Participante eliminado de reality show por erro da Record será indenizado em R$ 150 mil

Foto: Reprodução

Cabe indenização por perda de uma chance na hipótese em que participante de reality show é eliminado da competição por erro dos organizadores.

O entendimento é da 3ª Turma do Superior Tribunal de Justiça ao manter decisão que condenou os organizadores do programa Amazônia – reality show, exibido pela TV Record em 2012, a pagar R$ 125 mil de indenização pela perda de uma chance a um participante. Além disso, ele receberá também R$ 25 mil de danos morais pelas repercussões negativas do episódio em sua vida pessoal.

Na ação, o participante afirmou que foi excluído por um erro de contagem de pontos na semifinal da competição. Ao condenar os organizadores, o Tribunal de Justiça de São Paulo considerou ser inadmissível a eliminação do participante sem nenhuma justificativa plausível, ao arrepio das próprias regras determinadas para a competição.

Leia matéria completa no Justiça Potiguar clicando aqui.

Presidente do BNDES diz que empréstimos para Cuba e Venezuela foram erro

Foto: GloboNews

O presidente do BNDES, Dyogo Oliveira, afirmou nesta terça-feira (18) que foi um erro o banco ter concedido empréstimos a Cuba e à Venezuela no passado, pois hoje está claro que esses países não tinham condições de honrar seus compromissos.

O saldo devedor dos empréstimos somam cerca de US$ 1 bilhão , e os dois países estão com prestações em atraso, segundo Oliveira.

“Há uma crítica a esses empréstimos e até diria que, olhando hoje, que fica claro que eles não tinham condição de pagar. Provavelmente não deveriam ter sido feitos e agora temos que ir atrás do dinheiro para receber“, declarou Oliveira a jornalistas, após participar de evento no Rio nesta terça-feira.

Nesta semana, Dyogo Oliveira teve reuniões com representantes do governo cubano para tratar do tema. Segundo ele, Cuba tem três parcelas em aberto com o BNDES que juntas somam US$ 17,5 milhões. O saldo devedor cubano é de aproximadamente US$ 600 milhões.

O presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social frisou que a solução para a volta da adimplência de Cuba não passa obrigatoriamente pela reestruturação da dívida.

“Eles tem se mostrado solícitos e adeptos a buscar soluções, mas alegam que por conta de questões climáticas e financeiras não têm tido capacidade de honrar totalmente os pagamentos, eles têm feito são pagamentos parciais”, disse ele a jornalistas em evento da Associação Brasileira da Indústria de Química Final (Abifina). “Discutimos alternativas que ainda não podemos revelar”, adicionou

A carteira de exportação do BNDES totaliza aproximadamente US$ 10 bilhões e a inadimplência Cuba e Venezuela não preocupa para os resultado do banco, frisou Dyogo Oliveira.

“O volume disso em relação a carteira do banco é pequeno e não é preocupante”, destacou.

G1

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Marília disse:

    Em época de eleição aparece de tudo. Aff

  2. Cícero disse:

    Pega os barcos de luxos, iates, jatinhos que os filhos de lula Fidel receberam de comissão pela tramóia

  3. Chico disse:

    Lula não sabia que emprestaram esse dinheiro, nem Hadad. Ele apenas disse hã, dá, dá vai. Kkkkkkkkkkkkk

  4. DeSacoCheio disse:

    Vai você, cidadão ou empresário brasileiro, ficar devendo R$100 ao BNDES para ver o que te acontece.

    • Jr disse:

      A começar da burocracia pra conseguir um empréstimo com eles. Eu com renda comprovada alta (acima de 30 mil e meu sócio tb de perfil semelhante tentamos e não conseguimos um real pra investir em um negócio. Tivemos q bancar tudo com nossas economias.

Confira os cinco erros mais comuns das mulheres na academia

Não consegue perder peso mesmo após passar horas na academia regularmente? De acordo com Andrea Metcalf, especialista em estilo de vida saudável e colunista do jornal Huffington Post, pode ser que você esteja se exercitando da forma errada. Veja abaixo os cinco erros que podem estar te impedindo de entrar em forma.

Não malhar pesado

Embora muitas mulheres entendam os benefícios do treinamento de força, algumas ainda evitam os halteres. O treinamento com peso, especialmente para mulheres com mais de 40 anos, pode ajudar a transformar o corpo e aumentar a massa muscular magra. Andrea aconselha a aumentar a carga ou a repetição até sentir o cansaço muscular.

Se apoiar

Há corrimãos em todos os equipamentos aeróbicos na academia, incluindo as esteiras. No entanto, se segurar enquanto faz cardio impede que os músculos de estabilização atuem. Isso significa que você está gastando menos calorias em seu treino. De acordo com Andrea, o ideal é não se apoiar e manter o abdômen contraído. “Mas lembre-se, é melhor se segurar e ir soltando a barra gradualmente do que cair”, alerta a especialista.

Ignorar o espelho

“Algumas vezes não gostamos do que vemos no espelho e, portanto, o evitamos a todo custo”, diz Andrea. Mas se olhar durante o exercício é uma ótima maneira de corrigir a postura e entender o funcionamento do corpo. “Os homens fazem isso o tempo todo. Eles se concentram em assistir seus movimentos. Pare de pensar que eles estão te observando, e observe você a sua forma de se exercitar”, aconselha.

Consumir poucas proteínas

Homens têm o costume de tomar suplementos com proteína após o treino. “Mas mulheres não percebem o impacto do consumo de proteína, que ajuda a repor e reconstruir os músculos. Isso ajuda o metabolismo a queimar mais calorias e remodelar os músculos”, explica Andrea. Segundo a especialista, é preciso consumir pelo menos 15 gramas de proteína após o treino.

Perder o foco

É comum ver mulheres lendo ou assistindo TV enquanto estão fazendo exercícios aeróbicos. “A multitarefa não é errada, mas quando você lê ou assiste TV em uma esteira você queima consideravelmente menos calorias, devido à falta de padrões de movimento focados”, diz Andrea. Segundo ela, prestar atenção no padrão do exercício e aumentar o ritmo em pequenos intervalos aumenta a capacidade aeróbica e queima mais calorias do que na atividade com ritmo constante.

O Globo

Erro na suspensão do fornecimento de energia resulta em condenação por danos morais no RN

 Concessionária responsável pelo fornecimento de energia elétrica foi condenada por danos morais sofridos por consumidor em Mossoró. Sentença proferida pelo juiz Breno Valério Fausto de Medeiros, quando de substituição na 3ª Vara Cível da comarca, arbitrou em R$ 5 mil o valor da pena.

Do processo consta que o autor teve fornecimento de energia suspenso equivocadamente, uma vez que todas as faturas anteriores à data do “corte” foram pagas. Após o desligamento, advertida pelo consumidor prejudicado, a empresa enviou equipe para averiguar a situação. Técnicos constataram o erro, sendo o fornecimento retomado horas depois.

Para o magistrado, no caso concreto cabe a chamada inversão do ônus da prova, por tratar-se de relação de consumo. Além disso, correspondência deixada por engano na residência do autor, destinada à casa vizinha, comprovaria o equívoco. A existência da solicitação de religamento, devidamente registrada e realizada, também ajudou a atestar o engano da empresa.

Breno Medeiros considerou inegável o dever de indenizar, “a título de dano moral”, pois restou comprovada a lesão extrapatrimonial sofrida pelo autor, decorrente do corte ilegal. Considerando o porte econômico da ré, bem como a “essencialidade do fornecimento de energia elétrica à vida dos mais comuns dos cidadãos”, o juiz decidiu fixar em cinco mil reais a indenização, com incidência de juros legais a contar da data do corte.

A concessionária também responderá por custas processuais e honorários advocatícios. Da decisão cabe recurso ao Tribunal de Justiça.

Processo: 0018169-59.2012.8.20.0106

TJRN

ACONTECEU: Noiva erra de quarto e faz sexo com padrinho após casamento

noivachinaUma noiva chinesa errou de quarto e fez sexo com um dos padrinhos após o casamento. O episódio inusitado ocorreu em Napo, na província de Guangxi. A mulher disse só ter notado o engano após o fim do ato sexual, segundo a imprensa chinesa.

Na manhã seguinte ao casamento, a noiva levantou para ir ao banheiro. Ao voltar, errou a porta e deitou na cama de um dos padrinhos. O padrinho começou a acariciá-la e eles transaram. Ao se dar conta da confusão, ela se desesperou e acusou o padrinho de abuso. A noiva e seu marido pediram uma indenização 20 mil iuanes (R$ 7 mil).

O padrinho se negou a pagar a quantia e o casal entrou com uma ação na Justiça. No entanto, o padrinho foi considerado inocente, pois o erro foi dela e a relação, ocorrida em 30 de agosto de 2013, foi consensual. Que baita trapalhada, hein?

Yahoo Notícias

Procon-RN fiscalizará erro na cobrança de energia elétrica para devolução ao consumidor

O advogado Ney Lopes Júnior, diretor do PROCON-RN, declara que o Órgão Estadual de Defesa do Consumidor está atento para identificar a possibilidade de erro na cobrança de contas de luz da COSERN, de julho de 2011 a julho de 2012. O objetivo, segundo ele, “será ressarcir os consumidores pelo que pagaram a mais nesse período, se for apurada a responsabilidade civil da concessionária de energia local”.

O novo diretor do Procon Estadual decidiu instaurar processo de averiguação a respeito dessa suposta cobrança indevida nas contas de energia elétrica no RN e, segundo ele, “encaminha ofício à Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) para que informe o andamento das averiguações que serão feitas nas concessionárias do país, especificamente em relação à COSERN”.

Tribunal de Contas da União

Ney Júnior esclarece que o Tribunal de Contas da União já “considerou ilegal a resolução da Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL), que autorizou às distribuidoras trocarem contratos de energia mais barata por energia mais cara, o que provocou aumento no índice de reajuste do consumidor final”.

Segundo Ney Jr “na prática ocorreu o seguinte: as distribuidoras rescindiam contratos mais baratos de energia, como de hidrelétricas, antes do vencimento. No lugar desses contratos efetuavam compras em leilões para fornecimento de energia de fontes mais caras, como termoelétrica e eólica. A manobra servia para justificar aumentos mais fortes na correção anual e quem pagava no final era o consumidor indefeso”.

O diretor do Procon-RN estima, de acordo com cálculos do TCU, que os “valores cobrados a mais dos consumidores ultrapassem alguns milhões de reais e na forma da lei terão que ser devolvidos, com atualização monetária e juros de mora”.

Envolvimento da COSERN

Sobre o envolvimento da COSERN nessas práticas, Ney Lopes Jr diz que não existe, ainda, nada de concreto, informando que “algumas concessionárias já foram flagradas e, de acordo com a decisão do TCU, a Aneel terá 90 dias para proceder a um minucioso levantamento em todas as demais fornecedoras de energia do país e averiguar se esse problema tem uma dimensão maior, em prejuízo dos consumidores finais”.

Base legal do Procon/RN

Sobre o fundamento jurídico para as ações do Procon-RN, Ney Júnior se mostra seguro e esclarece: “como em todo ato jurídico, os efeitos do contrato de concessão de energia elétrica é regulado pelas normas de direito público. A Constituição no inciso V do art. 170, define a proteção ao direito do consumidor como manifestação concreta do princípio da supremacia do interesse público sobre o interesse privado.

“Nesse caso específico, o consumidor é cativo, obrigado a adquirir energia elétrica de apenas um concessionário, sem ter condição legal de negociar o preço do produto. Por isso, ele está exposto a riscos e não tem como gerenciá-los. A alternativa é a aplicação do Código do Consumidor, no artigo 47, que dispõe: As cláusulas contratuais serão interpretadas de maneira mais favorável ao consumidor”.

“Por outro lado, a Lei n.º 8.987, de 1995, prevê no inciso VI do art. 23, que o contrato de concessão de serviço público (energia elétrica é um desses contratos) deve estabelecer as cláusulas de proteção dos direitos dos consumidores/usuários “- finaliza o diretor do Procon-RN, Ney Lopes Júnior.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Cláudia Souto disse:

    Bruno, não se importe com gente desse tipo. Eu te adoro, te acho o gordinho mais lindo do mundo. Continue fazendo o que sempre fez, sem dar ouvidos a esse tipo de comentário. Parabéns pelo blogue!

  2. junior disse:

    Eh Bruno, seu blog já andou com as próprias pernas, mas vejo que, o que se faz agora, é briga política da oposição. Como é notável, sempre atacando Dr. Araken, ex Diretor do PROCON. Para se ter uma idéia, o Procon tem atuado muito mais que o Tribunal. Basta citar apenas um exemplo recente. Dr. Akaren conseguiu autuar a MRV de ressarcir todos os mutuários aqui de Natal por a demora da entrega dos imóveis adquiridos, bem como, aplicou uma multa milionária. Fechou diversas lojas por irregularidades. Talvez o fato de ir a midia – que acho interessante para os consumidores saberem o que se passa – incomodou muita gente, uma delas, você. Tá dificil surgir uma manchete desse blog elogiando atuação do procon na época dele. Mas uma coisa é certa: De agora em diante, Ney lopes Jr. pra lá e pra cá. Haja matériaaaa…

    • bruno disse:

      Homi se de pelo menos ao trabalho de pesquisar o que já publicamos na gestão de Araken para não ficar parecendo mais um daqueles babões.

    • Elizaldo disse:

      Bruno, vc tá arrumado mesmo que esses leitores politiqueiros!!!

TCE confirma equívoco na inclusão do nome de prefeito na lista encaminhada ao TRE

O BG acaba de ser informado que o Tribunal de Contas do Estado (TCE) cometeu um erro ao incluir Geraldo Gomes, prefeito de Currais Novos, na lista dos gestores cujas contas foram reprovadas pelo Legislativo.

A confirmação veio através de uma Certidão assinada pelo diretor de Administração Municipal (DAM), Humberto Aragão Mendes Neto.

Confira o documento:

Galinha choca cinco patos na Inglaterra

Essa está circulando na internet após a publicação de um jornal inglês. O diário “Daily Telegraph” trouxe a notícia de que a galinha “Hilda” chocou uma ninhada de patinhos, mas calma! Ela apenas chocou cinco ovos e não os pôs.

De acordo com a matéria, a galinha chocou acidentalmente depois de se sentar sobre os ovos errados por quase um mês, sem saber que eles tinham sido colocados por uma pata.

Médico tira órgão errado em operação e paciente morre

Uma idosa britânica morreu após um cirurgião inexperiente tentar retirar inadvertidamente o órgão errado durante uma operação, segundo o resultado de uma investigação divulgado nesta semana.

A contadora aposentada Amy Joyce Francis, de 77 anos, seria operada em julho de 2010 para a retirada de um rim afetado por câncer, mas o cirurgião tentou remover seu fígado.

A mulher sofreu um ataque cardíaco fatal após perder uma grande quantidade de sangue e morreu no hospital Royal Gwent, no País de Gales.

Segundo afirmou o urologista Adam Carter durante o inquérito, o rim de Francis seria retirado em uma operação por laparoscopia.

 

Treinamento

Na laparoscopia, é feita apenas uma pequena incisão pela qual são introduzidos câmeras e bisturis, evitando grandes cortes e permitindo uma recuperação mais rápida.

Segundo Carter, como a remoção do rim era em teoria a parte mais simples da cirurgia, ele pediu para um médico em treinamento, que estava acompanhando a operação, fazê-la.

Durante a retirada, porém, o anestesista relatou uma súbita queda de pressão na paciente. Carter disse ter percebido então que o fígado havia sido desligado em lugar do rim.

Dois cirurgiões mais experientes foram então chamados à sala de operações para tentar salvar Francis, sem sucesso.

 

Honestidade

Carter afirmou que como resultado da morte da idosa, os procedimentos cirúrgicos para a retirada do rim por laparoscopia foram levemente mudados em todo o mundo.

Ele disse que já havia realizado esse tipo de operação 20 vezes antes, sem enfrentar problemas.

“Durante uma cirurgia laparoscópica para a remoção necessária do rim direito canceroso, o fígado da sra. Francis foi cortado e identificado equivocadamente e inadvertidamente como o rim e catastroficamente partido e danificado, resultando em morte”, disse.

O filho da idosa, Alan, elogiou o médico pela honestidade em admitir o erro e afirmou que aceitava as explicações pelo incidente.

“Acreditamos que o sr. Carter e sua equipe agiram de boa fé para prolongar a vida de minha mãe”, afirmou. “Foi um erro honesto”, disse. BBC Brasil – Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

 

Fonte: BBC Brasil/Estadão

Sátira da 'faxina' de Dilma aparece em Twitter do Planejamento. Servidora exonerada

O Estado de S.Paulo

O perfil oficial do Ministério do Planejamento no Twitter postou na quinta-feira, 18, uma mensagem, por volta das 15h20, dizendo que a presidente Dilma Rousseff seria garota-propaganda do produto “Veja Limpeza Pesada”.

O link que havia no comentário remetia a uma matéria do jornal Sensacionalista, que afirmava que a faxina feita por Dilma nos ministérios do governo teria lhe rendido um contrato milionário na área da propaganda. Além disso, o texto dava mais informações sobre as características do suposto produto, “que pode ser encontrado em várias fragrâncias, de acordo com a sujeira e o fedor que se quer combater: ministro corrupto, secretário golpista, assessor estelionatário e aspone aproveitador”.

(mais…)

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Jair Oliveria disse:

    É a oração do dia:
    Joãozinho orando:

    – Senhor todo poderoso: há 2 anos o Senhor levou meu cantor favorito Michael Jackson! Meu locutor favorito Lombardi! Meu ator preferido Patrick Swayze! Minha dançarina preferida Lacraia! Esse ano levou minha cantora favorita Amy Winehouse!

    Quero lembrar ao senhor que meus políticos preferidos são: Lula, Sarney, Dilma, Collor, Renan, Jader, Maluf, …… Rosalba, Micarla, Wilma… ( coloque-os na ordem de sua preferência ).

Médico vai responder ação penal por erro em lipoaspiração que causou morte

Consultor Jurídico

O médico Vanderson Bullamah vai responder a ação penal por homicídio simples. A decisão foi tomada, nesta quarta-feira (3/8), pelo Tribunal de Justiça de São Paulo que mandou o ginecologista e obstetra a júri popular. Ele é acusado pelo Ministério Público como responsável na morte de uma de suas pacientes: Maria Inês Guerino, de 39 anos.

Inês morreu depois de se submeter a uma cirurgia para remodelar o corpo. A lipoaspiração foi feita na clínica de Bullamah, em Ribeirão Preto. A vítima entrou na clínica em 11 de setembro de 1996, pesando 68 quilos. Morreu um dia depois, na UTI de um hospital, com 104 quilos.

(mais…)

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. LEILA disse:

    É só esse médico q vai responder por homicídio? Vcs tem conhecimento do ‘’homicídio em massa’’ q está ocorrendo no RN?, Sabem o teor do DECRETO Nº 22.289, DE 13 DE JULHO DE 2011?…vou resumir: a partir do dia 1 agosto (antes de ontem), a governadora decretou q todas as farmácias e distribuidoras só podem vender medicamentos pelo PREÇO MÁXIMO, pois o imposto q vai prevalescer é este. O resultado é q só as grandes redes sobreviverão…o povo q é acostumado a comprar remédio genérico ou similar mais barato infelizmente não terão outra opção, senão rezar e pedir a Deus q não adoeçam, ou irão morrer em massa por falta de acesso aos medicamentos…as distribuidoras já aumentaram os preços…as farmácias q vendem p as classes menos favorecidas irão fechar, uma vez q não poderão vender mais barato ….será q essa sra sabe a amplitude da atitude q está tomando???…pior: fechou as farmácias populares q vendiam remédios mais barato. Sem contar com o alto índice de desemprego . Algumas distribuidoras estão se estabelecendo em Jõao Pessoa ou em outros estados…Sim, pq esse decreto está em vigor APENAS no RN…A governadora deve está pensando q esse imposto irá financiar a copa …vai ter copa aqui não…vai ter é muita gente morta pq não vai poder comprar remédio. Quer um exemplo: um captopril, remédio de pressão de uso contínuo custava R$3,00…hoje, custa em média R$20,00…e aí, quem ficará prejudicado cm essa IRRESPONSABILIDADE?…o POVO, e os PEQUENOS EMPRESÁRIOS…breve, a mídia informará a população através das televisões locais…A presidente do Conselho Regional de Famácia, já se manifestou na mídia e falou q essa atitude era muito negativa para o povo do RN.Esse é o governo do DEM???…A governadora está com a imagem mais que negativa perante o povo.Não adianta pagar funcionários do seridó antecipado p não ser vaiada…essa medida atingirá todo o RN…em 2012 certamente, ela não terá a cara de pau d subir em palanque d ninguém…assim esperamos. Essa governadora é inspirada naquele político, interpretado por Chico Anísio q dizia assim: POBRE É QUE SE EXPLODA!!!….

Exame da OAB tem candidatos que não acertam uma palavra simples

Meu povo, sejam pelo menos um blogueiro que não tenha feito jornalismo para cometer alguns pecados capitais em português, agora estudar cinco anos Direito para não acertar uma palavra simples num exame de ordem da OAB é demais.

Agência Brasil

Brasília – “Perca do praso”, em vez de perda de prazo. “Prossedimento”, e não procedimento. “Respaudo”, em lugar de respaldo. “Inlícita”, e não ilícita. Erros de português como esses foram constatados no primeiro exame de 2011 da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), por meio do qual os diplomados em direito buscam aprovação para poder exercer a advocacia. Por causa disso, a entidade defende a manutenção da prova de habilitação para os futuros advogados. Em breve, o assunto deverá ser julgado pelo Supremo Tribunal Federal (STF).

No ano passado, nove em cada dez candidatos ao exame unificado da OAB foram reprovados. Os resultados não deixam dúvida sobre a formação deficiente dos bacharéis em direito – ou pelo menos sobre como eles estão aquém das exigências da entidade.

(mais…)

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Evandro Lobão disse:

    Todas as profissões deveriam ter provas de avaliação para o ingresso. Assim como a advocacia, deveria ocorrer com a medicina, a engenharia, as demais carreiras da saúde e até as docências (professores de história, matemática, portugnês etc.). Vou até mais longe. Toda carreira deveria ter avaliações periódicas de capacidade, por exemplo a cada 10 anos, para obrigar os profissionais a se reciclar. Se existem advogados cometendo erros crassos atualmente é porque não se reciclaram.
    Não vejo como inconstitucional a OAB avaliar. Alguém tem de avaliar, e melhor que seja ela, pois centraliza e coordena as atividades dessa profissão.
    Muito menos ilegal pode ser considerada, pois o Estatuto da Ordem é expresso em determinar o exame para regularizar o exercício profissional.

  2. Luiz disse:

    A OAB é uma entidade de classe, não tem competência para avaliar o bacharel. O EXAME É COMPLETAMENTE INCONSTITUCIONAL. Esses erros são corrigidos pelo computador, tem muitos advogados que cometem erros grosseiros de português. Não pode a OAB querer justificar a inconstitucionalidade do exame com argumentos chulos, de ameaça, de catástrofe. Os bacharéis são estudantes, não são marginais que saem da penitenciaria, saem das faculdades e universidades. FIM AO INCONSTITUCIONAL, ILEGAL EXAME DA OAB!