Senador quer inserir as ‘pirâmides financeiras’ no Código Penal

Está em tramitação no Senado um projeto que prevê a inclusão no Código Penal das fraudes com sistema de pirâmide financeira.

“É muito comum vermos esse tipo de esquema, que, muitas vezes, está camuflado na forma de investimento lucrativo, atraindo pessoas a adquirirem um produto fictício ou sem valor real de mercado com a promessa de lucro fácil”, alerta Flávio Arns (Rede), autor do projeto.

A relatoria está com Rodrigo Pacheco (DEM).

Como a Polícia Federal tem revelado, até o PCC se vale do esquema das pirâmides financeiras.

O Antagonista

Mencionando caso do picolé caseiro e ainda Natal Cap, senador Jean Paul Prates(PT-RN) esbraveja contra propagandas sonoras pelas ruas de Natal

Reprodução: Twitter

Após grande repercussão na capital potiguar nesta semana do episódio em que a Justiça negou pedido de um advogado para impedir anúncios de vendedores em sua rua em Natal, o episódio ganha mais um capítulo e solidariedade a autor da reclamação: trata-se do senador petista no Rio Grande do Norte, Jean Paul Prates, que usou as redes sociais para reclamar da poluição sonora.

Abaixo íntegra dos posts:

Veja mais: Advogado x picolé caseiro: Justiça nega pedido de autor para impedir anúncios de vendedores em sua rua em Natal

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Tomaz disse:

    Petralha conversador de Bosta e sem Projetos.

  2. Hudson Jorge de MORAIS disse:

    A próxima campanha essa alma cebosa vai ficar dando uma se santinho.

  3. Morão e Moro disse:

    O bom é todo mundo que vende na informalidade passar todos os dias no prédio desse Carioca, quando souberem que ele está em cada.
    Isso é que é um cara sem projetos. O RN tá lascado com um senador desses, não pode ir pra frente de jeito nenhum. nenhum, mesmo!!!

  4. PÁDUA disse:

    QUER DIZER QUE VALE PARA CAMPANHA POLÍTICA TAMBÉM, NÃO É SENADOR?

  5. Julia disse:

    Moro no 20 andar de um prédio email consigo tirar uma sesta após o almoço pq aparece diariamente um maluco a berrar de forma amplificada: picolé caseiro…

  6. Neto disse:

    Se fosse um carro de som proclamando o mantra petista: "Lula livre", o Senador paraquedista, certamente, iria fazer campanha para que mais carros fizessem o mesmo. Agora, como é um trabalhador informal, que não deve pagar contribuição sindical, ele crítica.

    • Flávio A disse:

      Neto disse tudo com clareza!! Deixa o povo trabalhar,vcs encheram a burra no Governo dos PETRALHAS e agora vem reclamar de quem paga impostos para manter vcs no céu. Pois o Senado é o Céu na terra. Lá vcs tem de um tudo,que o povo nem imagina.

    • Flauberto Wagner disse:

      Neto, você matou a pau, pois é assim que coisa acontece e funciona.
      Vamos guardar este comentário do senador sem votos para usamos em 2020 na campanha.
      Prefiro um vendedor informal fazendo uso deste meio de comunicação, que os políticos mentido descaradamente em vias públicas.
      Estes palhaços só pensam neles e em sua corriola.

  7. Márcio Melo disse:

    Senador sem voto

  8. Ivan disse:

    Isso mesmo Senador (PT/RN), prendam esses trabalhadores ambulantes, são criminosos… Soltem nosso líder maior, ele não fez nada demais…Lulalivre!!!! ! kkkkkk, só pode ser piada…

  9. Antonio Turci disse:

    No caso do Picolé Caseiro Caicó, o carrinho passa frente à minha casa anunciando. Jamais chegou a incomodar pois, apenas passa. E o som é perfeitamente suportável. Na verdade, o ideal seria não precisar deste tipo de artifício para para se vender algo. Entretanto, considerando nosso estágio de pobreza e de dificuldades, creio que deveríamos ser um pouco mais tolerante. Incomodo, sim, e muito, quando o carra de som fica parado minutos e mais minutos fazendo anúncios com decibéis além do razoável. Não é o caso do picolé. Aliás, nunca provei o dito cujo. Mas vou experimentar.

  10. Manoel disse:

    É gópi!!!

  11. otavio disse:

    Ontem fiz 1 comentário não publicado sobre isso.Aqui no Barro Vermelho esse vendedor de picolé é o de menos.Pior são veículos anunciando o restaurante Paladar Tropical(o cara ainda acha pouco e para na frente do condominio)1 loja de moveis e o Natal Cap.

  12. TH Stricker disse:

    Senador Jeanpicolé, Agora eu quero ver alguém falar contra esses vigias de ruas com suas motos zoando de madrugada, acordando quem não contratou o serviço deles, deveria ter uma caixa de som no quarto de quem contrata esse tipo de serviço ???

  13. Evan Jegue disse:

    Tá certo mesmo, só quem mora em periferia é que sofre. É 19, é Maurisom…

  14. J. Dantas disse:

    Eu acho é pouco…. É gopi! Prende o trabalhador e solta o marginal: lógica desses doentes e fanáticos de seita política…kkkkkk

  15. Antônio José disse:

    Fica valendo também nas campanhas eleitorais.

  16. Helena disse:

    Pensei que um senador tinha assuntos mais importantes para se preocupar !

  17. lulapreso disse:

    uM zÉ mANÉ QUE NUNCA FOI NADA E AGORA ESTÁ SE ACHANDO. O IDEAL ERA QUE SEMPRE TER UMA NOVA ELEIÇÃO CASO O DETENTOR DO MANDATO DEIXASSE O CARGO. OUTRA OPÇÃO SERIA O SEGUNDO COLOCADO ASSUMIR.

    • Torá-Mundão disse:

      É triste isso, a maior parte dos comentários, em vez de focar na legitimidade e plausibilidade da questão, foca em atacar a pessoa ou o partido. Esse é um país muito pobre de debate político, muita gente rancorosa e carente interessada somente em difundir hostilidades, sem o menor interesse em escutar ou raciocinar sobre o debate político. É um retorno à era primitiva.

    • daniel disse:

      sera que todos os jean sao iguais? esse senadorzinho substituto ainda não desvobriu o que fazer ou para 'que serve um senador ? vai procurar o que fazer

  18. Nordeste com orgulho disse:

    Pois é. Ate agora estou me perguntando o q esse tal d JAN PÔ PARTES ta fazendo no senado…
    Ainda nao vi nem ouvi falar nada q esse bajulador tenha feito de concreto para nosso estado…

  19. José de Arimatea Lopes Fernandes disse:

    Babaquice de um senador, não tem preço, é falta do que fazer…

  20. sergio disse:

    Se é poluição, tem que ser combatida. Se não isso vira uma torre de Babel.

  21. adalberto disse:

    se a moda pega vai acabar com o mercado no interior do estado onde a principal ferramenta de divulgação são os carros de som anunciando.

  22. Jeilson disse:

    Quer mais barulho do q o silêncio desse senador q entrou de gaiato ! Q só tá lá por motivos pessoais e de interesse do pt! Não faz nada …o silêncio do inocente.

    • Torá-Mundão disse:

      É por essas e outras que discussões sérias e profundas sobre o país não avançam. O cara, por mais que eu tenha restrições ao PT, lançou uma discussão que diz respeito à qualidade de vida dos natalenses. Deveria ser apoiado, independente de sua sigla partidária. Essa poluição sonora é uma das expressões de nossa província subdesenvolvida e atrasada, onde pode se fazer o que quiser sem respeito às regras. Espero que a denúncia possa ganhar corpo e que a prefeitura leve a sério.

    • Cecília disse:

      Infelizmente esquecem que a crítica dele é válida. Existe abusos diários a população, infelizmente nem todos moram no Bosque dos Poetas para gozar de silêncio.

    • Flauberto Wagner disse:

      Torá-mundão, a qualidade de vida que os políticos roubaram e roubam do povo de Natal há muito tempo.
      Ninguém aqui dizendo que A ou B tá certo ou errado, agora esbravejava em redes sociais é a busca por mídia.
      Não esqueça do Carnaval e outros eventos feitos para riquinhos que o barulho é um verdadeiro inferno.

    • Everton disse:

      O carnatal já foi devidamente isolado, agora essas pragas de carro de som, continuam a rodo. Não é mitigar, é apenas regular para estar a um som não ofensivo, até porque alguns símios andam com o som estourado no carro, também incomodando.

  23. Torá-Mundão disse:

    Perfeito, Jean Paul. Em Ponta Negra, uma porcaria de um circo passou o último final de semana com um carro de som na av. Roberto Freire anunciando sua estréia, afetando a paz de quem quer descansar depois de uma semana de trabalho. Antes era a Barraca do Caranguejo. A pergunta é pertinente: e se todos os comércios de Ponta Negra começarem a fazer propaganda em carro de som?

  24. Ricardo disse:

    Simplesmente um babaca!

    • Junior disse:

      A parte incomodada deve ter recorrido ao senador suplente para ele soltar essa nota…simples assim! Poder da influência da classe alta!

    • Torá-Mundão disse:

      Ele tá errado? Não incomoda a vocês o barulho que empresas comerciais fazem, invadindo a privacidade e a tranquilidade do lar forçando a escutar propagandas que vocês não procuram e nem gostariam de ser obrigados a ouvir?

Barbaridades foram cometidas contra Flávio, diz advogado de senador, que diz que MP do Rio não tem nada contra filho do presidente

Frederick Wassef, advogado do senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) – Bruno Santos/Folhapress

O advogado Frederick Wassef, que defende o senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ), classifica como uma “barbaridade” a investigação feita pelo Ministério Público do Rio de Janeiro contra o senador e filho do presidente da República.

“Se ilegalidades absurdas e seguidas foram cometidas no caso Flávio Bolsonaro, o primeiro passo é barrá-las. Não vou abrir mão dos direitos do meu cliente e deixar barbaridades serem cometidas por estar preocupado sobre qual seria a percepção do público”, disse em entrevista à Folha nesta terça-feira (23).

Segundo ele, a Promotoria não tem nada contra Flávio, mas tem como objetivo atingir não só o senador, mas o presidente Jair Bolsonaro, de quem Wassef é amigo há cinco anos.

Na semana passada, atendendo a pedido de Wassef, o ministro Dias Toffoli determinou que investigações que tiveram origem no envio de dados detalhados ao Ministério Público por autoridades fiscais sem aval do Judiciário fiquem suspensas até que o STF defina regras para o compartilhamento de informações.

Isso envolve troca de dados entre o Ministério Público e órgãos como o Coaf (Conselho de Controle de Atividades Financeiras), Receita Federal e Banco Central.

“O que não podemos é o poder ilimitado e sem controle de alguns membros do Ministério Público adentrar na vida financeira de qualquer indivíduo”, afirmou Wassef.

O advogado também saiu em defesa de Fabrício Queiroz, espécie de chefe de gabinete de Flávio nos tempos de Assembleia Legislativa do Rio e pivô da investigação. “Por todos os elementos que vi, não há indício de crime ou ilícito.”

(mais…)

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Antônio disse:

    A é é

  2. Poeta Cypriano Maribondo disse:

    Gostaria de dizer ao digníssimo advogado que se realmente ele conhecesse de LEI e da CONSTITUIÇÃO BRASILEWIRA jamais diria tamanha besteira, basta olhar e escutar que qualquer um cidadão decente VER os absurdos, BARBARIDADES e canalhices cometidas pela FAMÍLIA BOSSONARO contra o BRASIL e o POVO BRASILEIRO com esta QUADRILHA chefiada pelo JAIR e composta dos TRÊS PATETAS do JAIR. Só quem está no esquema, recebendo grandes fortunas do PAPAI BOSSONARO não quer ENXERGAR.

    • rafa disse:

      Poeta vai primeiro estudar a gramática, desse jeito vc despoetiza a língua portuguesa.

    • Manoel disse:

      Acho que tem gente é com muita saudade da quadrilha dos PTralhas, aquela chefiada pelo de 9 dedos…

Senador Jean Paul Prates (PT-RN) apresenta projeto de resolução que institui o Grupo Parlamentar Brasil-Países árabes

Senador Jean Paul Prates (PT-RN) apresentou projeto de resolução que institui o Grupo Parlamentar Brasil-Países árabes. Segundo o parlamentar, o objetivo é fortalecer o desenvolvimento das relações bilaterais dos países, nas mais diversas áreas. A informação é do Coluna Esplanada.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Gito disse:

    Esse Senador quer restaurar adicional de tempo de serviço para Juízes, que já ganham bem pouquinho, e por consequência, todos os servidores públicos federais irão atrás, pois, onde passa um boi passa uma boiada. E quem vai pagar a conta se esse absurdo passar, são vocês seus otários.

  2. Vera disse:

    Quando ele vai começar a trabalhar pro Rio Grande do Norte???

  3. Nando disse:

    Tudo que o PT nas entrelinhas prega, esses parlamentares árabes defendem: intolerância religiosa e sexual, misoginia, poligamia, terrorismo, ditaduras, penalizar bandidos com pena de morte em praça pública, censura de mídia, corrupção em larga escala… É muita cara de pau. Esse tá rezando direitinho a cartilha petralha.

  4. Jefferson disse:

    Esse comunistas estão de brincadeira. a ideologia deles é diametralmente oposta ao povo de Alá. O Islã entrando em um país com acultura que o PT prega aqui, não vai ficar pedra sobre pedra. Eles não entenderam ainda que o Islam não admite esse tipo de esbórnia que o PT prega.

    • Amo os Minions disse:

      Pobres Minions, tanto criticam e esquecem que onde tem dinheiro sobrando é no Oriente Médio e China mas se for para vender abacate para a Argentina aplaudem.

Gabinete de Styvenson tem 12 nomeados, nenhum da seleção pública aberta pelo senador, destaca reportagem

É destaque no Blog do Dina nesta terça-feira(19) – por Dinarte Assunção. O senador Styvenson Valentim (PODE) lotou em seu gabinete até agora 12 pessoas, nenhuma dentre as oito vencedoras de um processo seletivo que ele realizou em dezembro de 2018.Os dados são resultado de apuração do blog, que cruzou os nomes dos vencedores da seleção aberta pelo senador com as que estão designadas em seu gabinete, consultadas no portal da transparência do Senado Federal.

Procurado pelo blog, o senador Styvenson Valentim afirmou através de sua assessoria de imprensa que a convocação da equipe se dará ‘mediante a necessidade’.

Veja reportagem com detalhes aqui

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. paulo martins disse:

    Votei no dito cujo, mas dentre meus defeitos jamais cultivei o de pecar pela ingenuidade. Sempre tive a certeza de que Stevenson seria um senador em tudo muito pior que o meu voto.

  2. Cláudio disse:

    Apresentando muito mais que os requisitos previstos em edital, com experiência profissional, duas graduações, medalha de mérito acadêmico (laureado), especialização e mestrado, não fui nem chamado para a entrevista… depois que saiu a lista de quem seria entrevistado na minha área, descobri que havia gente que ainda não era nem formado e a maioria sequer tinha currículo lattes. Passei um email para a equipe responsável pelo processo seletivo solicitando explicações, mas jamais recebi resposta. Capitão Styvenson, seu mandato como senador começou com TRANSPARÊNCIA ZERO!

  3. Joao santos disse:

    Isso vai Ser um Paulo Wagner da vida, vai ser eleito só uma vez. E Xau.

  4. Jão disse:

    Demagogo, vem com a conversinha mole mas não se porta como as velhas raposas. Se ele não mudar, serão 8 anos de lorota

  5. Pardal disse:

    Almir tem toda a razão. As pessoas que participaram da seleção e foram aprovadas ficaram, até agora, na expectativa de serem chamadas. E, agora, ficam sabendo que outros, que não participaram do certame, já estão trabalhando. O lado sério, comprometido com a prática da boa ética, com o cumprimento da palavra proferida do senador está abalado. É o mesmo de sempre. Se era para continuar assim, melhor ter continuado com Garibaldi e Agripino que, nos moldes do praticado pelo Styvenson, sempre contaram com o apoio dos seus apadrinhados. Lamentável, capitão!

  6. Roberto disse:

    Farinha do mesmo saco, só tem conversa.

  7. Marcos disse:

    Particularmente, ainda tem o meu voto o senador Styvenson, por considerar que nesses meses iniciais do ano de 2019, o mesmo vem realizando um bom trabalho. Isso é fato. Por outro lado, entendo que gera uma mácula o fato de ter sido publicizado o processo seletivo "como uma média", que ao meu ver seria desnecessário, os cargos são de livre nomeação, de sorte, que não havia a necessidade de fazer a "média" e não realizar. Porém é preciso dar espaço para ampla defesa e o contraditório, para que o Senador, possa trazer suas explicações. Ainda tem o meu voto.

  8. Waldemir disse:

    BG
    Esse Dinarte está queimando o seu programa na rádio e agora vai queimar seu blog também
    Eu era um ouvinte 100% do seu programa na rádio cidade você mudou eu também mudei mas esse rapaz me fez não ser mais seu ouvinte

  9. Joaquim disse:

    Reportagem fofoca

  10. Fran disse:

    Esse povo não se conforma com a derrota, prefiro Styvenson a Garibaldi e Zé Agripino das dunas, aceita que doí menos.

    • Almir disse:

      Gosto muito do Capitão Styvenson, mais o que ele prometeu foi que colocaria em seu gabinete somente pessoas aprovadas na seleção que foi realizada, fato que não aconteceu até o momento. Vamos deixar de hipocrisia, todos são farinha do mesmo saco. Parem de puxar o saco.

Jean-Paul Prates toma posse como senador na vaga de Fátima Bezerra

Primeiro suplente, Jean-Paul Prates assume a vaga deixada por Fátima Bezerra, que agora governa o Rio Grande do Norte. Mandato do parlamentar terá como pautas prioritárias a educação, serviços públicos essenciais e o desenvolvimento rural e regional.

O advogado e economista Jean-Paul Prates (PT-RN), tomou posse como senador da república nesta quinta-feira (3), em Brasília. Ele assumiu a cadeira de Fátima Bezerra (PT-RN) que, em 1º de janeiro, tomou posse como governadora do Rio Grande do Norte.

A cerimônia, que ocorreu na sala de audiências da Presidência do Senado, foi conduzida pelo senador Paulo Rocha (PT-PA), um dos integrantes da comissão temporária que representa o Congresso Nacional durante o recesso parlamentar, até o dia 1º de fevereiro. Antes da solenidade, Prates foi recebido pela liderança do Partido dos Trabalhadores.

Com formação e experiência profissional na área energética, Prates disse que vai dar continuidade às ações, causas e bandeiras desenvolvidas por Fátima, como nas áreas de educação, serviços públicos essenciais, desenvolvimento rural e regional, defesa dos direitos humanos e desenvolvimento de melhores condições para mulheres e LGBTs. Também afirmou que vai acompanhar o governo Bolsonaro para evitar retrocessos.

“A partir desse patamar do mandato de Fátima, queremos avançar nas áreas que dizem respeito ao meu perfil profissional e pessoal, principalmente na área do desenvolvimento sustentável, no uso dos recursos naturais de forma responsável, nas visões de futuro da nossa sociedade em termos de conforto, das cidades, do interior. Falo de veículos elétricos, de novas formas de energia, da indústria 4.0, e do consumo responsável”, concluiu Prates. Ele assumirá o mandato até 2023.

Também esteve presente na solenidade de posse a Deputada Estadual do RN, Márcia Maia.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. CARLOS ANTONIO disse:

    Que o Coronel AZEVEDO seja breve na assembléia e concorra ao SENADO como forma de melhor nos representar, acima de qualquer partido.

  2. Marcelo disse:

    Senador é um homem capacitado. Tem muito a contribuir pro sofrido RN principalmente em sua especialidade. Estou na torcida!

  3. Charles disse:

    O RN na realidade só vai ter 1 senador, o resto é resto. Só o capitão que vai reapresentar o Estado.

Agripino destaca falta de materialidade contra ele apontada pelo próprio STF

O senador José Agripino emitiu nota aprofundando a defesa sobre o recebimento de denúncia pelo STF a respeito de acusação de que teria recebido propina da OAS sobre o estádio da Arena das Dunas.

O senador destaca que os próprios intergrantes do STF que receberam a denúncia destacara que não há materialidade de crime, mas sim indícios, o que os levaram a dar prosseguimento à ação penal.

Ele ainda rebateu as acusações atribuídas a si, conforme a nota abaixo:

Nota senador Jose Agripino (1)

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. joao ligeiro disse:

    Se forem confirmadas as acusações imputadas a José Agripino, cai por terra um passado político de honestidade. Desses mandatos todos só conheci um fato que desabonou o governador que seria o rabo de palha onde foi traído por alguem que divulgou as gravações realizadas em reunião privada onde seu ouviu do governador uma verdade praticada por TODOS políticos, qual seja: "qualquer enxoval ou cesta basica compra o voto e nós ganhamos a eleição". esse foi o único ato de corrupção CONHECIDO do senador. Sua passagem pelo executivo potiguar foi de austeridade e compromisso em restaurar o "vaso quebrado" como alardeava. Afora a antipatia do senador e a falta de consideração do seu pimpolho, eles não tem muita intimidade com a corrupção não. CREIO EU. não sei…

  2. Paulo Cardoso disse:

    Citar falta de materialidade já é uma estratégia de defesa. Enquanto isto busca se comprar a inocência e sair ileso das acusações.

  3. Zinebrino disse:

    Todo castigo para (quem vota a favor da reforma da previdência), é pouco.

  4. REÚCONFESSO disse:

    Materialidade…

  5. REÚCONFESSO disse:

    A materalidade está nos patrimonios e contas bancarias do laranjal !!!

  6. paulo martins disse:

    Abrir o pdf para ler uma nota de Zé Agripino? Nem louco. Tenho mais o que fazer.

  7. Giovanni disse:

    Homem honesto, integro, só falta ser beatificado pela igreja, é um santo.

Senador do PMDB defende realização de novas eleições presidenciais

Foto: Moreira Mariz / Agência Senado
Foto: Moreira Mariz / Agência Senado

O senador Valdir Raupp (PMDB-RO) defendeu nesta segunda-feira (4) a realização de novas eleições presidenciais ainda neste ano como solução para a crise política enfrentada pelo governo da presidente Dilma Rousseff. Em um discurso na tribuna do Senado, o peemedebista disse que “o clamor das ruas” formam a base de sua proposta.

“Não seria uma renúncia. Não seria um impeachment, mas, sim, antecipar as eleições presidenciais que aconteceriam agora em outubro próximo, concomitantemente com as eleições municipais”, disse o senador, que defendeu ainda a facilidade de se realizar o pleito já que o país estaria mobilizado para a votação de prefeitos e vereadores.

Segundo Raupp, sua proposta ainda não envolve a apresentação formal de uma emenda à Constituição. “Não é uma proposta formal. Não é uma PEC [Proposta de Emenda à Constituição] mas poderá, diante de um entendimento, futuramente, ser lançada não por mim, mas por um conjunto de senadores ou parlamentares do Senado e da Câmara aqui no Congresso Nacional”, disse.

“Resolvi trazer essa ideia porque, diante do cenário de grave crise política, é preciso que haja um gesto de grandeza no meio disso tudo. Acho até que não cabe ao Congresso apresentar um projeto para viabilizar a realização de novas eleições e por isso, cabe ao governo enviar uma proposta nesse sentido. Mas podemos começar a pressioná-los por isso”, afirmou Raupp à Folha antes de realizar o discurso em plenário.

Durante sua fala na tribuna, Raupp afirmou que, uma semana antes de o PMDB ter oficializado o desembarque do governo, o vice-presidente Michel Temer o confidenciou que “não quer ser presidente da República numa situação desta”, se Dilma realmente for obrigada a deixar o cargo.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. cabral disse:

    PMDB não dar uma dentro. Em país eles moram?

  2. Rodrigo disse:

    Sem dúvidas! A melhor opção seria essa, acompanhada de uma nova constituinte. A atual esta ultrapassada.

  3. Junior pinheiro disse:

    Taí uma proposta decente, sensata!!! QUEM MAIS QUER A PRESIDENCIA É O PSDB, O FATO É QUE NAO APRESENTA UM QUE VALHA A PENA!!!! TODOS ENROLADOS!!

Para Agripino, divulgação de grampo comprova tentativa do governo blindar Lula

_DSC3354Em discurso no plenário do Senado na noite desta quarta-feira (16), o líder da oposição, José Agripino (RN), convocou o Congresso Nacional a votar o processo de impeachment da presidente e falou sobre a quebra de sigilo de uma ligação entre Lula e Dilma divulgada pelo juiz Sérgio Moro hoje no final da tarde.

De acordo com o Agripino, a escuta telefônica feita pela justiça comprova claramente que o governo tentou blindar o ex-presidente Lula.

“As evidências são graves, gravíssimas. Pela crueza dos fatos divulgadoa agora à noite, o Congresso Nacional precisa se definir e apoiar de forma aberta o impeachmetn da presidente Dilma”, sentenciou Agripino sob o olhar atento dos senadores petistas Gleisi Hoffman (PR) e José Pimentel (CE).

O diálogo divulgado pela justiça de Curitiba mostra uma conversa telefônica entre o ex-presidente Lula e a presidente Dilma Rousseff onde a chefe do Executivo federal diz que encaminhará ao líder petista o “termo de posse” de ministro. Na ligação Dilma comunica a Lula que o termo de posse só deveria ser usado “em caso de necessidade”.

“Esgarçou-se o tecido brasileiro. Não alternativa ao Congresso se não votar o processo de impeachment rapidamente”, concluiu o presidente nacional do Democratas.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Francisco disse:

    Rabo de palha

  2. Marcos disse:

    Ele trabalha no congresso para falar besteira somente ? Vai trabalhar, o sujo falando do mal lavado

  3. Miguel disse:

    Cale-se Já já, tua hora já chegou, em breve tu terás o gosto da aposentadoria como o Geraldo Melo.

  4. Júnior disse:

    Ze agripino um dos melhores parlamentares do Brasil. Pra vazer o que ele faz só sendo um fodao né mesmos? O tempo vai dizer.

  5. gerson junior disse:

    Ele defende Aecio Neves q por sinal é o homem mais honesto do nosso País. E o Senador José Agripino só o defende pq ele é o melhor é nao pq quer se favorecer SQN

  6. Barreira do Som disse:

    O juiz Sérgio Moro, bateu com força na cabeça do Lula Ofídio da Silva e acertou a Dilma Cascavel, com uma só cajadada.

  7. EDER disse:

    PARA JOSÉ HERNESTINO MORALIDADE SÓ A SUA , HONESTIDADE SÓ A SUA, NO RIO GRANDE DO NORTE SÓ ELE É HONESTO, O RESTANTE DE nós É FICAR CALADO

  8. Luta disse:

    Uiiiii
    Como jaja é santo…

  9. Paulo Oliveira disse:

    Esse senador de meia tigela deveria se preocupar era com os rolos dele aqui no RN.

  10. octavio lamartine disse:

    Isso é uma vergonha nacional.
    A onde essa CAMBADA chegou .
    Agora NÃO TEM MAIS LIMITE

  11. Japa da pf disse:

    Do jeito que esta merda está, vão já nomear o larápio para o stf.

  12. Ôlôco, Óxente disse:

    Pense num cara com moral pra falar do outro.

‘Quem faz delação é réu-confesso e frouxo’, afirma relator de processo contra Delcídio

delcidioO relator do processo contra Delcídio Amaral (PT-MS) no Conselho de Ética do Senado, Telmário Mota (PDT-RR), afirmou que a suposta delação do senador não será incluída na investigação até que seja homologada pelo Supremo Tribunal Federal (STF). Em contrapartida, ele acredita que o documento deve dificultar a situação de Delcídio. “O delator pra mim tem dois defeitos, primeiro ele é réu confesso, depois ele é frouxo”, disse.

A declaração de Telmário relembra fala da presidente Dilma Rousseff que, em junho do ano passado, rebateu delação do empreiteiro Ricardo Pessoa sobre doações da UTC à campanha da presidente. “Eu não respeito delator. Até porque eu estive presa na ditadura e sei o que é que é. Tentaram me transformar em uma delatora”, afirmou Dilma à época. A presidente também foi citada na delação de Delcídio.

Já existem requerimentos no Conselho de Ética que pedem a inclusão da delação de Delcídio ao processo, mas só poderão ser avaliados após o colegiado votar o parecer apresentado pelo relator. “O nosso relatório foi em cima do que foi apresentado, ainda não sabemos se a delação existe. Se ela não for homologada, não tem nenhuma validade. Ma se tiver uma delação, naturalmente ela vai incriminá-lo”, argumentou Telmário Mota.

No Senado, há grande expectativa quanto à homologação da suposta delação de Delcídio, que teria citado pelo menos cinco senadores, incluindo os já investigados Renan Calheiros (PMDB-AL), Valdir Raupp (PMDB-RO) e Romero Jucá (PMDB-RR), além do presidente do PSDB, Aécio Neves (MG).

A divulgação da delação mudou os rumos do processo contra o senador, que contava com a conivência de alguns membros do colegiado para atrasar o processo. Agora, o humor é outro no Senado e a maior parte dos parlamentares tende pela cassação de Delcídio.

Fonte: Estadão Conteúdo

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Verdade seja dita disse:

    E se este cara estivesse no lugar dele pronto para tomar 20 ou 30 anos de cadeia para defender quem não merece?

Justiça Federal em SP determina “imediata prisão” do ex-senador Luiz Estevão

O juiz Alessandro Disferia, da 1ª Vara Federal Criminal de São Paulo, determinou nesta segunda-feira (7/3) a prisão do ex-senador Luiz Estevão e do empresário Fábio Monteiro de Barros Filho. Ambos foram condenados no processo criminal que apurou o desvio de recursos para a construção do Fórum Trabalhista de São Paulo, caso em que também ficou conhecido o juiz Nicolau dos Santos Neto, o Lalau.

O pedido de prisão foi feito pelo Ministério Público Federal depois de o Supremo Tribunal Federal (STF) entender que poderia haver execução provisória da pena após condenação em segundo grau.

O escândalo do superfaturamento da construção se deu em 1992. Os réus foram absolvidos em primeira instância, em 2002, e condenados em 2006, pelo Tribunal Regional Federal da 3ª Região, a 31 anos de prisão cada um por peculato, estelionato, corrupção ativa, uso de documento falso e quadrilha.

Desde 2006, Luiz Estevão entrou com 34 recursos contra a condenação e Barros Filho, com 29. “É plenamente viável afirmar que nada mais há a ser dirimido que possa verdadeiramente alterar a situação jurídica dos acusados LUIZ ESTEVÃO DE OLIVEIRA NETO e FÁBIO MONTEIRO DE BARROS FILHO, diante da quantidade de recursos, embargos e impugnações apresentadas”, escreveu o juiz.

No despacho, Disferia destacou que dois dos crimes pelos quais a dupla foi condenada já prescreveram e, até 2018, outros dois prescreveriam. Segundo ele, “não há mais cabimento em discutir presunção de inocência dos acusados deste processo e nada mais há a justificar a protelação do início do cumprimento da condenação proferida: todas as garantias individuais e processuais dos réus foram respeitadas, concorrendo para a finalidade precípua de assegurar legitimidade e rigidez à persecução penal.”

A ordem de prisão será enviada para ser cumprida em Brasília, onde Luiz Estevão tem domicílio.

Fonte: Jota / UOL

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. paulo disse:

    BG
    Antes tarde do que nunca, parece que agora as coisas vão, prisão para todo e qualquer bandido travestido de politico como esse ex-senador.

PSB intervém no Rio e tira Romário da presidência do partido

romario-no-poderO senador Romário (PSB-RJ) foi destituído da presidência do partido no Rio na tarde desta quarta-feira. A Executiva Nacional decidiu intervir no diretório estadual após a revelação, feita pelo GLOBO, de que o assessor parlamentar Wilson Musauer Júnior, lotado no gabinete de Romário e tesoureiro do PSB no estado, é acusado de cometer quatro homicídios.

O presidente do PSB, Carlos Siqueira, enviou uma carta ao senador e ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE-RJ) comunicando a decisão. Além de Romário, saem também Musauer, Sérgio Barcelos, Rafael Takashi e João Carlos de Oliveira, todos indicados pelo senador. O segundo vice-presidente, Pedro Delarue, também deixou o cargo.

A relação entre Romário e a direção nacional do partido já andava tensa, e a revelação do processo em que Musauer é réu foi a gota d´água para a decisão. Segundo Siqueira, havia uma “grande insatisfação” com a gestão do senador.

— A forma como o Romário vinha conduzindo o partido já estava insatisfatória. Falava-se de acordos (para as eleições) com os quais a direção nacional não estava de acordo, aí veio essa história (do processo) e apressou. Não queremos prejulgar, mas achei demasiadamente grave um presidente ter colocado na direção do partido alguém (Musauer) com essas acusações — afirmou Siqueira.

Ontem, Siqueira e Romário conversaram pessoalmente. Segundo o presidente do PSB, o senador sugeriu que apenas Musauer fosse afastado do comando do partido. Na conversa, Romário manifestou que poderia deixar a legenda caso fosse afastado da presidência no Rio.

— Respeito muito o Romário, não é nada pessoal. Mas não podíamos deixar a situação como estava — reiterou Siqueira.

CENÁRIO ELEITORAL

O novo presidente do partido no Rio é o prefeito de Petrópolis, Rubens Bomtempo, que ocupava a vice-presidência. A intervenção provocou a formação de uma comissão provisória. Ainda não há data para uma nova eleição da executiva.

— A Executiva Nacional fez esse pedido, para que eu pudesse assumir o partido nesse momento importante e para que o partido possa ter um porta-voz com mais afinidade com o conteúdo programático. Respeito muito o Romário, sua história e seu mandato. Mas a Executiva Nacional acha melhor ele se afastar para esclarecer as acusações feitas e ele (sobre uma suposta conta na Suíça) e seu assessor — afirmou Bomtempo.

Sem ter uma definição de Romário quanto ao desejo de concorrer à prefeitura em 2016, o PSB se prepara para outros cenários. Siqueira já conversou com o senador Marcelo Crivella (PRB-RJ) sobre uma possível filiação à sigla com o objetivo de concorrer à prefeitura em 2016.

— Não confirmo conversa com ninguém, mas não é só essa, são várias. Mudanças vão acontecer no partido — disse Siqueira, sem se alongar.

Fonte: O Globo

Garibaldi Alves não acredita que PMDB e PT continuem juntos

Plenário do Senado Federal durante sessão deliberativa ordinária. Em discurso, senador Garibaldi Alves Filho (PMDB-RN). Foto: Moreira Mariz/Agência Senado
Foto: Moreira Mariz/Agência Senado

O senador Garibaldi Alves Filho disse agora a noite no Jornal das 6 que não acredita que a aliança entre PMDB e PT deva continuar nas próximas eleições presidenciais.

O peemebista lembrou que o partido está divido nos assuntos polêmicos do Congresso Nacional como o impeachment dapresidente Dilma Rousseff e a cassação domandato do deputado Eduardo Cunha, presidente da Câmara dos Deputados.

Segundo Garbialdi, o partido estuda lançar candidato e não deve manter a alinaça com o PT. “Essa aliança tem os dias contados. Ela vem se prolongando, mas que nós não vamos ter certamente nenhum alinhamento dos dois. Ninguém acredita que a aliança vai continuar. Certamente com o PMDB tendo candidato, vai querer concorrer [junto]”, disse.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Verys disse:

    Minino besta. Mande uma chupeta pra ele. Acho que não vai se criar. Kkkkkk

  2. Sergio disse:

    E Agora Garibaldi , vc fica com o partido ou com a mamata do governo ?

Janot oferece denúncia contra Delcídio, André Esteves, Diogo Ferreira e Edson Ribeiro

alx_brasil-rodrigo-janot-procurador-geral-da-republica-20141211-001_original1O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, apresentou nesta segunda-feira a denúncia contra o senador Delcídio do Amaral (PT-MS), o banqueiro André Esteves, Diogo Ferreira, chefe de gabinete do ex-líder do governo no Senado, e o advogado Edson Ribeiro.

Todos eles são acusados dos crimes de impedir e embaraçar a investigação de infrações penais que envolvem organização criminosa (art. 2º, § 1º da Lei 12.850/2013 – reclusão de 3 a 8 anos) e patrocínio infiel (art. 355 do Código Penal – detenção de 6 meses a 3 anos).

O crime de exploração de prestígio (art. 357 do Código Penal – reclusão de 1 a 5 anos) é atribuído a Delcídio do Amaral, Diogo Ferreira e Edson Ribeiro.

A denúncia foi feita antes do encerramento do prazo, que seria em 9 de dezembro. O procedimento está oculto no Supremo Tribunal Federal e será encaminhado ao relator da Lava-Jato no STF, ministro Teori Zavascki.

Fonte: O Antagonista

Agripino espera que Brasil se reencontre após processo de impeachment

Foto: Moreira Mariz / Agência Senado
Foto: Moreira Mariz / Agência Senado
O senador José Agripino Maia (DEM) vai engrossar o caldo dos políticos que são a favor do processo de impeachment, se todo o processo for aprovado na Câmara dos Deputados, ele fará parte dos senadores que votarão pelo afastamento em definitivo ou não da presidente Dilma Rousseff.

Contudo, Agripino espera que com essa abertura, acabe a novela de chantagens instalada entre o presidente da Câmara Eduardo Cunha, que tenta se salvar da cassação por quebra de decoro parlamentar ao mentir para o Conselho de Ética sobre os milhões de reais que mantinha fora do Brasil e que o país reencontre o caminho do desenvolvimento.

“O país agora sai do impasse sobre se Dilma fica ou sai. E com essa definição o Brasil reencontrará o seu caminho”, disse. De fato o Brasil vive uma crise política e financeira. Grande parte dela é causada pela queda de braço entre a Câmara e o Governo Federal.

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Cruz disse:

    Me engana que eu gosto, Tú es do vermei, es um combatente fervoroso dos Petralhas, mas vc tem toda razão, vivemos em uma democracia, continue defendendo ladrão, faça o que quiser com a vossa consciência.

  2. Ana disse:

    Se o impeachment fosse coletivo, essa coisinha bonita aí ia ser o primeiro a explodir.

  3. Emilson Santos disse:

    INIMIGO DO PT É MEU AMIGO… VOTO CERTO PRO IMPEACHMENT.

  4. Cruz disse:

    Luciano, se por ventura Zé Agripino se filiasse no PT, (coisa impossível) vc permaneceria no PT???

    • Luciano disse:

      Primeiro q não sou petista nem sou filiado a partido nenhum, mas costumo votar em partido de esquerda e acima de tudo sou anti DEMO/Tucano.
      No Brasil bandidos de toga e experientes (PSDB/DEM) querem tirar do poder bandidos inexperientes (PT). Sendo que o bandido inexperiente fez algo pelo povo já os experiente deram bananas quando foram governo.
      Com relação a sua pergunta: Não, nem votaria em Lula se ele fosse para o PSDB/DEMO.
      O problema do Brasileiro é q vota em pessoas e nao em projetos/linhas ideológicas.
      Quem acha que PT, PSDB e DEM é tdo igual é um analfabeto político.

  5. Antônio José disse:

    E o contrato da COMAV? Para quem não sabe COMAV é Empresa de Felipe Maia que há mais de dez anos transporta querosene de aviação para o aeroporto. Um processo totalmente obscuro. Investigação também no Filipinho . O pai já é investigado no STF. Lastimável!

  6. junior pinheiro disse:

    Eu esperava que esse Sr. deixasse a vida pública, me causa mal estar a voz dele, é muito bonzinho o homem !!! dá agonia tanta santidade!!!

  7. BRASIL ACREDITO disse:

    Esse Senador que já tem 21 anos mandato e NUNCA trouxe nada para o RN. Aproveita apenas as regalias do congresso para gastar 55 mil reais em implantes dentários e verbas de moradia… VERGONHA BRASIL!!! ACORDA!!! VAMOS EXPURGAR ESSES POLÍTICOS IMPRODUTIVOS.

  8. Melo Almeida disse:

    Pense numa opinião relevante!!
    Na verdade, qualquer postura dessa criatura tende a atrair antipatia para a tese que ele defende.

  9. ROGÉRIO disse:

    olha quem fala, esse senhor é tão limpo, ele lava as mãos com água sanitária todo dia, o POBREZINHO.

  10. Brasil disse:

    Esse dai, não temoral pra falar de ninguém.

  11. rute disse:

    Esse Senador deveria aposentar as chuteiras!
    Hoje é líder do partido por falta de outros líderes coisas que oDEM não tem!!!
    Se aposente senador o Brasil agradece!!!!

  12. Sérgio disse:

    Esse elemento ja deveria estar preso desde muito tempo atras, se nao fosse o Ministério Publico, estaríamos pagando anualmente uma vistoria veicular.

  13. sergio teixeira ferreira disse:

    Melhor do que essa cambada do pttralha!

    • IB disse:

      40 anos na política sem fazer nada além de enriquecer com o nosso dinheiro, melhor em que exatamente?!

  14. Verys disse:

    A população do RN agora só espera quando será o dia em que veremos também essa figura longe da política do RN. É a maior frieira que temos aqui no estado.

  15. Junior Lau disse:

    Aí tem moral sobrando! Honesto e probo. Pode dar lição de zelo com a coisa pública! Só perde para o filho, honestissimo.

  16. Rodrigo disse:

    Dilma Rousseff poderia evitar isso. Ela sabe que já não governa mais. A saída é a renúncia, o pais está parado, com ela no poder não dá mais é muito desgaste, e sofrimento para os brasileiro. Se ela acha que não deve, mas um motivo, pra chegar na população e dizer que recebeu uma eranca maldita e não teve força para mudar a gula petistas. Tá passando da hora de jogar o boné. O povo merece.

  17. Luciano disse:

    Falou o paladino da moral e da ética!

    • Eduardo Andrade disse:

      Não gosto de José Agripino, mas paladino da moral e da ética é quem? LULA? Faz-me rir!

  18. carlos disse:

    Tirem essa criatura daí, pelo amor de Deus.

  19. Fonseca disse:

    Um homem tão bem intencionado e probo…

    • marcus paulo disse:

      Que é isso homi. Não diga isso com esse óleo de peroba não…..

BOMBA: José Agripino é suspeito de receber propina para construção da Arena das Dunas

Foto: Moreira Mariz / Agência Senado
Foto: Moreira Mariz / Agência Senado

A Procuradoria-Geral da República (PGR) enviou ao Supremo Tribunal Federal (STF) pedido para investigar o presidente nacional do DEM, senador José Agripino Maia (RN), suspeito de cometer os crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro, de acordo com fontes com acesso às investigações. O senador é suspeito de combinar o recebimento de propina com executivos da construtora OAS com valores desviados das obras de Arena das Dunas, estádio no Rio Grande do Norte que sediou quatro jogos da Copa do Mundo de 2014.

No entendimento da Procuradoria, o caso não tem vinculação com a Lava Jato e, por isso, não deve ficar sob relatoria do ministro Teori Zavascki, relator das investigações sobre o esquema de corrupção na Petrobras na Corte. O pedido de abertura de inquérito será encaminhado à presidência do Supremo para ser redistribuído. O caso é mantido oculto no sistema do Tribunal.

A Arena das Dunas foi colocada à venda em março deste ano pela OAS, responsável pela obra, menos de um ano depois dos jogos. A medida fez parte de um pacote da construtora para evitar prejuízos junto aos credores. Com dívida de R$ 8 bilhões, a companhia enfrenta dificuldades de crédito no mercado desde que foi vinculada ao esquema de corrupção na Petrobras investigado pela Operação Lava Jato.

O estádio potiguar custou R$ 423 milhões e foi construído por meio de uma parceira público-privada. Desse total, R$ 100 milhões foram financiados pela OAS; o restante, pelo Governo do Rio Grande do Norte via BNDES.

Procurado, o senador disse que ainda não foi notificado sobre a investigação. “A acusação é absurda, inverídica e descabida. Se ela existe, eu vou me colocar à disposição do judiciário para prestar as informações necessárias”, afirmou o presidente nacional do DEM ao jornal O Estado de S.Paulo.

OUTRA INVESTIGAÇÃO

Em março, o STF abriu um inquérito contra Agripino, suspeito de ter cobrado propina no valor de R$ 1 milhão para permitir um esquema de corrupção no serviço de inspeção veicular do Rio Grande do Norte. O parlamentar foi citado em delação premiada de um empresário do Estado. O caso está sob relatoria da ministra Cármen Lúcia e tramita em segredo de justiça no Tribunal.

 

 

OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Luciano disse:

    Não pode. O paladino da moral e da ética? Aquele q desfilou contra a corrupção com uma legião de patetas atrás? Por q será q o DEM juntamente com o PSDB votaram maciçamente pela continuação do financiamento privado de campanhas? Por q será q DEM é o partido com políticos mais cassados por corrupção e o PSDB é o terceiro (PMDB é o segundo)?
    E tem neguinho aqui achando q o PT é o partido mais corrupto do país. PT na frente dessses dois é ainda um bebê.

  2. Maria Lucia Ferreira disse:

    A país pra ter ladrão!

  3. Ricardo disse:

    É por isto que estes senhores tanto desejam o FINANCIAMENTO EMPRESARIAL DE CAMPANHAS. (nome bonito para esconder a roubalheira). Eles todos fazem a festa. E este senhor querendo ser o Paladino da moralidade. O tempo do Rabo de Palha acabou. Cadeia a todos, independente de qual partido seja.

  4. Kall disse:

    Políticos e advogados metidos em esquemas de corrupção…tudo normal! Afinal,são as duas profissões mais inescrupulosas que existem!